História Before You Go - Capítulo 12


Escrita por:

Postado
Categorias One Piece
Personagens Franky, Monkey D. Luffy, Nami, Nico Robin, Personagens Originais, Roronoa Zoro, Sanji, Trafalgar D. Water Law, Usopp
Tags Lawlu, Lemon, Onepieceau, Onepieceyaoi, Sanzo, Thelastofus, Universoalternativo, Yaoi, Zoroxsanji, Zosan
Visualizações 59
Palavras 1.248
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Científica, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Survival, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Canibalismo, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 12 - Hold on tighter to me


Fanfic / Fanfiction Before You Go - Capítulo 12 - Hold on tighter to me

Estavam caminhando por um pequeno bosque também cheio de carros destruídos pelas partes, não havia nem sinal de infectados por ali. Luffy estava conversando animado na frente com o grupo enquanto zoro sempre ficava para trás se distanciando, Sanji queria se aproximar mas sentia que o clima ficou meio estranho entre eles depois do que aconteceu.

- olhem, estamos perto- a morena apontou para a torre de radio que dava para ver quando chegaram ao pequeno vilarejo.

- ah eu sinto falta dos churrascos - disse luffy quando viu uma churrasqueira velha enquanto passeavam pela vila.

- é, todos nós sentimos falta de alguma coisa - suspirou a ruiva - olha, cachorros!

- não chegue perto deles, podem ser defensores daqui - Zoro disse para a ruiva que murmurou alguma coisa.

- Droga se abaixam- o moreno ordeu quando chegaram em uma rua larga cheia de carros velhos, os tiros vinham da casa a frente.

- está vindo daquela casa - zoro apontou para a última da rua- vocês ficam aqui, eu vou dar um jeito de chegar até ele - se referiu ao possível sniper.

- zoro, não..- o loiro tentou impedi-lo.

- preciso que vocês o mantenham ocupado até eu chegar lá- todos concordaram com a cabeça.

- ei...- sanji o puxou antes que se levantasse - tenha cuidado.

- quando vocês vão aparecer- gritavam outros homens que vagavam pela rua.

Zoro estava cortando por trás das casas enquanto escutava os tiros que o grupo revidava, os homens haviam percebido que zoro estava avançando então direcionaram os tiros nele, porém nao teve que se preocupar porque os amigos estavam logo atrás dando cobertura.

É claro que zoro teve que enfrentar alguns deles que estavam escondidos nas casas, no meio de uma de descuidou a acabou tomando um tiro na cintura mas nada que não desse para ele seguir em frente.

Zoro chegou na última casa e subiu os três andares, a arma estava apoiada na janela mas o possível sniper não estava lá, pelo menos na visão de onde estava. Assim que pisou para dentro do quarto, o cara saiu de trás da parede o atacando com uma faca, Zoro era bem mais forte que ele então consegui usar aquilo contra o inimigo, quando viu que o cara estava caído foi até a arma da sinal para o bando correr.

- vocês pensaram mesmo que poderiam fugir da gente- os homens que chegavam gritavam.

- merda esse maldito caminhão de novo- zoro se desesperou mas continuou na arma ajudando os amigos lá embaixo-vamos lá luffy vocês tem que sair daí- a primeira oportunidade que o esverdeado teve de atirar no motorista foi quando ele saiu do tanque para acertar um molotov. Zoro consegui atirar antes que jogasse fazendo com que explodisse ali mesmo dentro do veículo.

- certo, conseguimos. Obrigada zoro- o moreno fazia um sinal de joia para o de cima.

- ainda não. Infectados estão vindo- gritou o loiro.

- droga- tentou fazer o mesmo que estava fazendo com os antigos inimigos, mas começaram a vim muitos então Zoro apenas desceu para encontrar com o resto do bando- vocês estão bem? Algum ferido?

- nós estamos, mas parece que você não - o loiro mirava no machucado o maior que agora estava sangrando.

- é mas não temos tempo pra isso agora- os bichos batiam freneticamente contra a casa em que estavam - acho que tá na hora de sair desse lugar. Vamos.


Já estava de noite, o grupo havia encontrado uma casa mais segura em que pudessem passar a noite. Arrumaram um fogão improvisado em que sanji estava fazendo algo que desse para comer com os enlatados que pegaram pelo caminho. Luffy estava sentado com robin em um canto do cômodo enquanto nami fazia um curativo em zoro que estava jogado no canto da parede observando o loiro.

- Sanji isso tá cheirando muito gostoso- luffy quase babava só de olhar para a panela.

- está quase pronto, mas eu vou servir as damas primeiro - deu um empurrão fraco no moreno. Sanji se levando e, usando as próprias latas como prato, serviu as moças que estavam sentadas lado a lado em um sofá pequeno e velho, antes que o moreno se desesperasse servi-o logo em seguida.

- consegue comer? - disse se entregando para o maior e sentando ao seu lado.

- acho que vai ter que me dar na boca seu cozinheiro pevertido- brincou dando um sorriso mas com a mão ainda em cima do seu machucado por causa da dor.

- marimo idiota- sorriu de volta.

Depois que todos terminaram de se alimentar, se reunirão em círculo no meio do cômodo em que estavam para que Luffy explicassem o que iam fazer.

- programei toda a rota para chegarmos mais rápido e em segurança- nami mostrava o mapa que havia desenhado.

- iremos procurar mais mantimento para seguirmos viagem- completava a morena.

- e depois que estivermos prontos e de malas cheias, poderemos finalmente chegar até o Torao!


Aproveitando aquele pequeno apartamento que se encontravam- e assim como o outro esconderijo- cada um foi para um possível cômodo ajeitar as coisas para descansar pois logo de manhã iriam sair.

Zoro acabou adormencendo na parede em que estava encostado, ainda sentado e com a mão em cima do curativo que havia feito no ferimento. Sanji não pode deixar de observar o quanto o maior estava calmo, sua respiração era calma, parece que já havia feito muito tempo que ele não descansava assim. 

O loiro ajeitou algumas cobertas velhas, que estavam pelo cômodo, fazendo com que virassem um colchão improvisado - ainda assim mais confortável que o chão gelado. Caminhou lentamente até o esverdeado, abaixou-se e cutucou seu ombro.

- ei zoro.. sua dor vai piorar se ficar nessa posição- ele disse com a voz serena para não acordar os outros que estavam dormindo.

- hm..?- o maior foi acordando de leve, coçou o olho e viu que era o loiro que estava falando com ele.

- aqui- puxou a mão do maior para que ele se deitasse no colchão- é o melhor que pode fazer- deu um riso fraco.

- deita comigo- zoro pediu direto e claro fazendo o loiro se constranger.

- o q-que?- sem conseguir arrumar argumentos para se afastar dali, Sanji sentiu o esverdeado colocar a mão em sua nuca o puxando para selar seus lábios.

E novamente eles estavam ali, debaixo das estrelas enquanto o silêncio reinava pelo apartamento. Não se ouvia nada nem ninguém, o momento era deles. Com aquele baixo calmo- agora sedido pelo loiro- Sanji foi entrelaçando os braços no pescoço de Zoro para maior contado entre os dois. Suas línguas dançavam na mais bela e pura sincronia, as mãos do maior acariciava as costas do seu amado loiro. E - apenas por essa falta de ar- ele se separaram encostado suas testas. Sanji continuava com os braços no pescoço alheio com um sorriso bobo no rosto e zoro agora acariciava o rosto do menor.

-precisamos descansar- disse quebrando um silêncio. Sanji se separou do corpo do maior que se deitou esperando o outro que logo se aconchegou nos braços musculosos do maior.

- ah.. espero que as belas damas não me vejam agarrada com esse monstro marimo pela manhã.- disse o provocando.

- tsk não era isso que você estava pensando minutos atrás seu pevertido- puxou o menor passando os braços em sua cintura lhe dando um beijo na bochecha. Não demorou muito para que o casal adormece e o silêncio tomasse conta novamente. 


Notas Finais


yo! atrasado mas saiu. Obrigada por ler ♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...