História Behind the cameras - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Stranger Things
Personagens Chefe Jim Hopper, Dr. Martin Brenner, Dustin Henderson, Eleven (Onze), Jonathan Byers, Joyce Byers, Karen Wheeler, Lucas Sinclair, Mike Wheeler, Nancy Wheeler, Steve Harrington, Will Byers
Tags Fillie, Finn, Mileven, Millie, Stranger Things
Visualizações 495
Palavras 2.556
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Festa, Ficção, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oioioi amores!
Essa é minha segunda fanfic, porém a primeira que eu escrevo sobre minha série preferida nesse mundo todo!!!
Eu amo stranger things carambaaaaa!
Gente eu quero que saibam que os atores já estão mais velhos, decidi isso para ter mais liberdade na história, pois é impossível ler uma história em que crianças como eles já estão fazendo coisas de adolescentes ou adultos!!
Espero que gostem meus xuxus!!!

Capítulo 1 - Estão preparados?


Fanfic / Fanfiction Behind the cameras - Capítulo 1 - Estão preparados?

- mas Mike... o que há de errado nisso? - Eleven diz chateada 
- Não é errado El... - ele segura o maxilar da garota - apenas... eu não sei... eu só acho que... - Mike se enrola para tentar responder El
- Mike, nenhum de nós sabe como fazer - ela diz olhando-o nos olhos 
- Eu quero muito fazer isso El, mas não quero que pareça errado - ele a olha, mas a garota não perde tempo e o beija, um beijo lento, mas com necessidade, amor e desejo 
- CORTA - grita o diretor - Foi perfeito crianças! Não precisaremos gravar uma segunda vez de tão bom que está! Continuem assim - diz ele com uma empolgação que não cabe dentro de si 
Finn e Millie colocam seus roupões pois estavam apenas de roupas íntimas e vão até um sofá onde todos seus amigos estavam comendo e conversando. 
- amanhã será a cena quente de vocês - diz Noah dando leves cotoveladas em sua melhor amiga 
- Cala a boca Noah - ela diz 
- Mas falando sério, estão preparados? - ele pergunta 
- Eu não sei a Millie, mas sinceramente... eu não - Finn diz passando as mãos entre seus cabelos bagunçados 
- Jura? - Millie disse tentando não parecer tão surpresa quanto estava, ela jurava que o garoto estava confiante
- Juro pela nossa amizade - ele diz com uma feição de desespero 
- Mais tarde você pode passar no meu quarto e nós ensaiamos, eu estou bem nervosa para essa cena também - a garota diz serenamente 
- Só eu que pensei em sexo? - Gaten diz ao ver que nenhum de seus amigos de pronunciaram 
- Eu também pensei - diz Sadie logo Caleb concorda 
- Eu apoiaria muito cara - Noah diz empolgado com a mão no ombro de Finn 
- Somos amigos, não vamos transar - Finn diz claramente 
- Verdade, vocês se comem com os olhos normalmente, para que transar não é mesmo? - diz Sadie dando de ombros 
- Sadie! - Millie repreende a amiga que apenas levanta os braços e ri
Logos os amigos colocam suas roupas habituais e pegam uma van para o hotel onde estão hospedamos já que estão gravando fora do local de sempre, estão em Seattle. 
Quando chegam ao hotel, cada um vai para o seu quarto para relaxar para outro dia de trabalho. 
Millie abre o chuveiro e começa a encher a banheira. Enquanto isso ela se despe e lê o roteiro algumas vezes até que a banheira esteja cheia o suficiente. 
A garota prende seus cabelos, agora já na altura dos ombros em um coque frouxo e adentra na banheira, acaba ficando lá por algumas horas. 
- Millie, é o Finn - ela ouve uma voz já dentro de seu quarto - está na banheira? - ele pergunta já sabendo dos costumes da amiga 
- Sim! Um segundo já estou saindo - ela diz se enrolando em uma toalha, tentando umidecer e os cabelos encharcados, que decidiu lavar depois de alguns minutos, e esvaziando a banheira - hey babe - ela diz ao ver Finn, que se constrange ao ver que ela está apenas de toalha 
- Perdendo a vergonha da nudez desde ja? - o garoto brinca tentando disfarçar seu nervosismo 
- Idiota - ela diz - a culpa não é minha que você sabe a senha da minha porta - ela brinca procurando uma roupa em seu closet 
- Na verdade é sua sim, foi você que me disse, pois estava com medo de esquecer lembra? - o pálido diz e ela revira os olhos 
- Já volto senhor espertalhão - ela diz pegando uma calcinha de renda preta e indo para o banheiro 
Millie tentava não demonstrar, mas estava surtando, entretanto dava seu melhor. Ela sentia atração por Finn e não conseguia não pensar em talvez beijar ele como ensaio. A propósito pegou a calcinha tentando fazer com que ele visse e sentisse curiosidade para saber como ficaria em seu corpo. 
E acabou funcionando, Finn estava sentado na cama da amiga pensando exatamente nisso "como será que Millie fica com as roupas de baixo que não são da Eleven?"
- Pois é Finn... renda preta - o garoto diz para si mesmo 
- Falou comigo? - Millie diz saindo do banheiro apenas com uma blusa longa que provavelmente era de um dos garotos 
- N-não... só estava ensaiando - ele diz dando uma leve engasgada por ser pego no flagra - eu acho que sou o único garoto do elenco que nunca foi furtado por você - ele diz tentando mudar de assunto 
- Então me da essa - ela aponta para a que ele está usando fazendo o garoto rir - é sério - ela diz fazendo Finn parar de rir 
- Agora? - ele diz 
- Qual é, precisamos ficar a vontade! Passamos o dia todo semi nus! Ok, era o figurino, mas somos amigos e como você mesmo diz PROFISSIONAIS - ela diz tentando o imitar 
- Mas Millie e se alguém... - ele tenta se pronunciar mas a garota o interrompe 
- Ai ai Finnie... você complica o simples - ela diz tirando a blusa ficando apenas com seu conjunto de renda preta 
- Millie! O que?! - ele diz espantando 
- Vai Finnie! Se solta. Vamos transar amanhã - ela ri pegando nas mãos do garoto e fazendo uma dancinha estranha
- Ok Millie - ele diz retirando a blusa e em seguida sua calça, ficando apenas de boxer preta 
- Uhuuul - Millie comemora - Finn e a academia? - ela brinca com a magreza do garoto 
- Engraçada - ele diz ficando vermelho 
- Relaxa, para mim o seu corpo é muito atraente - ela diz se sentando na cama e sorrindo confortavelmente para Finn 
- Você é linda - ele diz tentando retribuir o elogio 
- Muito obrigada Wolfhard - ela diz e ele logo se senta novamente, agora ao lado dela
- Então, quer ensaiar as falas ou fazer outra coisa? - ele diz observando as próprias mãos 
- Bom, com certeza você já decorou todas as falas perfeitamente e eu também, então... eu estava pensando em... sabe... tentar não ficarmos constrangidos... de todos os amigos do Set somos os menos próximos - ela faz uma cara de decepcionada - por mais que você seja o único que saiba a senha da minha porta... Nós deveríamos ser os mais próximos, concorda? Interpretamos um casal desde que eu tinha 12 anos, mais ou menos, e agora já tenho 16! Eu não sei porque isso acontece! - ela bate no travesseiro em seu colo como sinal de protesto 
- É verdade... mas eu sei porque - ele ri ao lembrar e a garota faz sinal para Finn continuar falando - ainda no começo da série eu tinha uma queda por você - ele diz rindo 
- Jura? - garota diz perplexa - quando? Agora eu quero saber tudo - ela ri com ele sentando em sua frente 
- Bom, lembra de uma premiação que você foi com aquele vestido vermelho? - ele pergunta e ela assente - eu fiquei louco, eu não conseguia parar de te olhar e todo mundo percebeu - ele começa a rir da sua vergonha do passado - sério! Devem ter milhares de vídeos no YouTube desse dia - ele tenta parar de rir - mas a ficha caiu quando fomos naquela entrevista e você estava com aquelas trancinhas no cabelo e conversamos tanto! Jurava que ia acontecer alguma coisa ou que iria sair de lá namorando, mas não rolou e então eu me desiludi - ele ri - você partiu meu inocente coração de criança Millie- ela faz cara de choro e coloca a mão do coração - aí começamos a nos evitar - ela diz dando de ombros
- Idiota - ela diz batendo com o travesseiro no amigo - mas Finn você deveria ter me contado! No dia do vestido vermelho eu estava interessada em você, mas levemente, já nesse segundo dia, senhor! Eu estava rezando para você me beijar - os dois começam a rir - só que sou mais exagerada, eu chorei uma noite inteira para depois aceitar que não ia rolar - ela ri 
- Ta de brincadeira? - ele ri ainda mais alto 
- Pergunta para a Sadie - ela diz rindo  
- Mas que droga Millie, se eu soubesse estaríamos namorando agora - ele diz - na verdade acho que você daria a iniciativa, pois eu ficaria ansioso demais e não sairia nada - ele ri 
- Concordo - ela ri junto ao amigo - pelo menos você deu uma boa melhorada com a ansiedade - ela diz e ele concorda 
- Mas tenho 17 anos, sou uma celebridade e sou virgem! Tem alguma coisa de errado - ele ri, mas fica vermelho ao perceber o que disse 
- Você é virgem? - ela arregala os olhos 
- Sim - ele olha para baixo 
- Inacreditável! Finn você é um dos jovens mais desejados desse mundo - ela diz abrindo os braços e percebe que ele fica cada vez mais desconfortável - tudo bem Finnie, eu também sou 
- Sério? - ele olha pra ela espantado e ela faz que sim com a cabeça 
- Nunca nem cheguei perto, no máximo algumas pregações mais quentes - ela ri 
- Eu já cheguei quase lá três vezes - ele diz decepcionado - eu começo a ficar nervoso, acho que a coisa tem que ser uma surpresa para a ansiedade não tomar conta de mim e eu estragar tudo - ele diz um tanto decepcionado com si mesmo 
- Vê se não fica nervoso amanhã! Vai dar tudo certo -  ela diz acariciando o rosto dele  
No momento que os olhares deles se cruzando o ambiente fica 100% silencioso, só se ouve a respiração dos dois que a casa segundo fica mais rápida. 
- ah foda-se - Finn diz e gruda seus lábios no de Millie que corresponde imediatamente colocando a outra mão no rosto dele 
O beijo é lento, com muita necessidade e algum tipo de saudade. Eles exploravam a boca um do outro e conforme o tempo passava o beijo acelerava. Millie aos poucos foi deitando na cama com Finn por cima sem pausar o beijo. Ele colocou seus braços em volta dela para sustentar seu peso, enquanto ela arranhava levemente suas costas. Ela logo trocou de posição e quis ficar por cima, surpreendendo o amigo com sua rapidez. Ele não esperou mais e apertou o traseiro da garota que arfou com o gesto. 
- tira meu sutiã Finn - ela diz em meio ao beijo 
- O que? - ele diz surpreso mas sem parar de beija-lá 
- Agora! - ela diz olhando nos olhos dele e em um instante volta a beija-lo 
Mesmo nervoso, ele esta tomado por um sentimento que nunca havia sentido, então decidiu obedecer Millie e sem muita dificuldade deu adeus ao sutiã dela. Ele sentia os seios da garota em seu peito em isso o deixava cada vez mais excitado e seu corpo já estava deixando isso bem claro 
- você quer? - ele perguntou beijando o pescoço de Millie 
- Vamos acabar logo com isso - ela disse e ele trocou de posições rapidamente voltando a ficar por cima 
Ele colocou as mãos na calcinha da garota e ficou enrolando ela em seus dedos enquanto a beijava, mas não resistiu e a tirou logo de uma vez.
Finn nunca havia passado disso, mas não queria parar ali, ele não tinha experiência, mas lembrou dos garotos dando dicas e Caleb namora Sadie e eles já transaram e como a própria Série disse foi maravilhoso. Logo ele se lembra das dicas e decide ir com calma pois Millie era virgem e pelo que lhe falam a dor de perder a virgindade sendo garota é quase insuportável. 
Ele desce sua mão direita até a região dela que da um leve pulo com o toque, logo passa a massagear o local e levemente insere um dedo e Millie não sentiu dor, o que o deixou aliviado e mais seguro para começar a movimentar o dedo. Alguns segundo depois ele vai com o segundo dela e a garota da um leve gemido de dor, mas ela o olha como se implorasse para ele não parar e assim ele faz. 
Quando ela já se acostuma ele insere o terceiro dedo e ela da um gemido de dor, mas ele continua a movimentar os dedos e com o tempo Millie solta um gemido de prazer. 
Ele sente que está tudo certo e logo retira os dedos de dentro de Millie, mas recebe um olhar de dívida e reprovação em troca 
- você tem camisinha? - ele pergunta preocupado 
- Não, achei que você tivesse - ela diz 
- Merda - ela diz se sentando na cama - quer saber, eu não vou te deixar nesse estado ele diz e se abaixa na altura de sua intimidade - posso? - ele pergunta e a mesma se ajeita na cama como resposta
Finn volta a tentar seguir as dicas dos amigos e até mesmo lembrar de alguns vídeos que já assistiu, ele gostava de Millie a muito tempo e mentiu ao dizer que havia superado. Ele só queria fazer a garota se sentir bem hoje. Ele primeiramente beijou a intimidade da garota, que gemeu fraco e afundou as mãos nos cachos de Finn. Após isso ele passou a fazer movimentos com a língua e dar leves chupões fazendo ela não conseguir parar de gemer. 
- Finn eu to quase - ela disse quase que de forma inaudível fazendo com que Finn fosse mais rápido e logo ela chegou ao clímax, finalmente cessando seus gemidos - você é incrível Finn - ela diz sem fôlego quando o garoto se deita ao seu lado 
- Você é realmente linda Millie Bobby Brown - ele diz e a beija, mas são interrompidos por uma voz do lado de fora 
- Droga é a Sadie - Millie diz batendo a mão na testa  
- O que ela faz aqui três horas da manhã? - Finn diz se levantando rapidamente e colocando sua calça
- Temos um negócio de garota sobre conversar de madrugada - ela diz colocando a blusa de Finn 
- O que eu faço? - ele cochicha ignorando o fato de ser muito estranho esse costume delas 
- Entra no armário - ela diz o empurrando - eu vou levá-la ao banheiro, quando ouvir a porta fechar você sai correndo - ela diz fechando a porta do armário - eu juro que vou te recompensar por hoje - ela diz abrindo a porta e o dando um selinho, mas logo a fecha de novo atendendo a amiga 
- Que demora Millie - Sadie diz entrando no quarto - você esqueceu e estava dormido né? Está toda descabelada - ela diz fazendo a amiga corar 
- Sim! Me desculpa - ela mente - vem no banheiro comigo e me ajuda a dar um jeito nisso - ela diz puxando a amiga 
Após a porta do banheiro se fechar Finn como planejado, sai correndo para o seu quarto e ao olhar para baixo percebe que terá uma longa noite com sua mão. 


Notas Finais


Gostaram??
Estou me empenhando basante!!
Por favor colaborem com essa fanfic!
E para os leitores que vieram da outra fanfic eu estou com planos para continuá-la


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...