1. Spirit Fanfics >
  2. Beijo do Vampiro >
  3. Emma, uma bruxa traidora ?!

História Beijo do Vampiro - Capítulo 10


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura, meus amores
Espero que gostem do capítulo de hoje

Capítulo 10 - Emma, uma bruxa traidora ?!


E o espião continuou com o seu caminho. Indo até chegar a sala de estar. Onde a rainha Margareth tomava uma taça de sangue . E a princesa estava lendo um livro.


 

E então, o espião se ajoelhou perante a família real. Com a cabeça curvada para frente. E assim como o seu olhar era para baixo. Tossiu de maneira leve.


 

(..)


 

_ Ah. Estou vendo que voltou da sua missão de espionagem. Espero que tenha trazido boas notícias.- fala Margareth ao pôr a taça de sangue em cima da cômoda ao lado da sua cadeira.


 

_ Sim. As melhores notícias.- fala o espião com um sorriso no rosto.


 

_ É mesmo. Será é a que estou esperando a um bom tempo. - fala a princesa Lila ao fechar o livro que lia no momento.


 

_ Com certeza, Alteza . - fala o espião aumentando o seu sorriso no rosto.


 

_ Ah… - grita a princesa Lila com êxtase , vibrando com o término do namoro de Cat Noir com a princesa Kagami.


 

_ Pelo bom trabalho.  Vai ganhar uma boa recompensa.- fala a rainha Margareth feliz com a alegria de sua filha.


 

_ Obrigada, Majestade.- fala o espião esfregando as mãos com satisfação.


 

_ Está dispensado. Antes de ir, quero que chame um mensageiro para mim. Depois fale com o meu tesoureiro . - fala a rainha Margareth ao começar com o seu plano de casamento.


 

_ Sim, Majestade. - fala o espião com excitação , sorrindo a toa .


 

(. .)


 

O espião fez uma dupla referência . Uma para a rainha Margareth, e a outra para a princesa Lila, que ainda comemorava o término do namoro de Cat Noir com a princesa Kagami.


 

E segundos depois, o espião havia se retirando da sala de estar.


 

(..)


 

_ Bem. Agora o nosso futuro está garantido. Tenho que agilizar os nossos planos. Tomara que o lorde Hawmoth aceite a minha proposta de casamento .- fala Margareth ao ver a filha comemorando ainda.


 

_ Vou me casar com o Cat Noir, vou me casar com o meu príncipe. - Lila cantarolava e batia palmas .


 

_ Vai sim. Minha filha. Se tudo dê certo.- fala Margareth ao sorrir para a filha.


 

(..)


 

Nenhuma das duas sabia que o Hawmoth estava em reunião com o conselheiro real dos vampiros. E que Cat Noir estava a caminho de realizar o seu maior sonho.


 

(..)


 

Voltando para o deserto morto . Emma e Cat Noir já estavam chegando a fronteira do reino das bruxas.


 

Antes de chegarem aos portões principais , eles foram impedidos de continuar com o seu caminho, por duas bruxas que apareceram magicamente na frente dos dois. Provocando um tremendo susto no príncipe vampiro.


[…]


 


 

_ Alto lá . Ninguém entra no reino das bruxas. Principalmente os vampiros , que nem você - fala a primeira bruxa apontado a sua varinha para o príncipe vampiro.


 


 

_ Como sabem que sou um vampiro ? - questiona Cat Noir à bruxa de varinha apontada contra ele.


 


 

_ Estude muito sobre os vampiros . Li vários livros sobre os vampiros. Tenho a certeza que você não é coisa boa para o nosso reino. Por acaso, é algum espião do rei Hawmoth ? - responde a bruxa ainda apontando a varinha para o rosto do Cat Noir.


 

_ Não sou um espião do meu pai. Nem me conhece direito. E ia agradecer muito que abaixe a sua varinha . Não estou armado - fala o príncipe sério com a bruxa .


 


 

_ Ah. E então , é o filho do nosso pior inimigo ?! Ah, sabia que você nunca foi uma coisa boa . - fala a bruxa vibrando com a sua descoberta .


 


 

_ Annabeth . Por favor, abaixe a sua varinha . O príncipe Cat Noir não é assim - fala Emma a bruxa de varinha apontada .


 


 

_ Está traindo o nosso povo , Emma ?! Você sabe que isso pode causar a sua morte ?! Conhece muito bem as nossas leis . Se alar com um inimigo, é considerado uma tremenda traição. Com certeza , que vamos dizer sobre isso tudo a nossa rainha . - fala a outra imitando a companheira .


 


 

_ Está delirando. Há quanto tempo, estão vigiando ? - fala Emma irritada com a falta de compreensão das outras bruxas .


 


 

_ Ah. Sei lá . Perdi a conta dos dias . E você , Odette ?! - fala Annabeth ao trocar um olhar rápido com a outra .


 


 

_ Minha nossa. Também perdi a conta . Faz um bom tempo que não vou para a minha casa - fala Odette surpresa com a pergunta .


 


 

_ Também nem tomaram banho direto. Não tem ninguém que possa ficar no lugar de vocês ?! - fala Emma ao sentir o mau cheiro vindo das outras , tapando o seu nariz .


 


 

_ Bem. Nem perguntamos … - fala Annabeth começando a se lembrar .


 


 


 

_ Isso é o de menos . Está tentando se desviar do seu julgamento por traição. Principalmente , porque trouxe o filho do nosso pior inimigo . - fala Odete apontando a varinha para o rosto do Cat Noir.

_ Olha, não sou que nem o pai . Podem fazer testes comigo. Podem me perguntar a Emma , o que fiz com ela . - fala Cat Noir mantendo-se calmo .


 


 

_ Ah, essa eu quero ver. - fala Odete abaixando a sua varinha , começando a rir muito .


 


 

_ Por favor, Odete . Não ria do príncipe Cat Noir . Se isso vier ao conhecimento do rei Hawmoth . A guerra entre vampiros e bruxas podem piorar muito mesmo. - fala Emma preocupada com a amiga.


 


 

_ Sim. Acho melhor que pare com isso , Odete . Precisamos ver se o príncipe Cat Noir falou a verdade . E isso tudo for verdade. Emma, pode escapar da sua punição - fala Annabeth ao olhar crítico para a Odette que continuava a rir loucamente .


 


 

_ Ha, há, há, há... - continua Odette a rir de tudo.


 


 

_ Ah, que vergonha - fala Annabeth ao tapar o rosto dela com a mão direita .


 


 

_ Isso acontece sempre ? - questiona Cat Noir ao olhar rapidamente para a Emma que cruza os seus braços antes de responder.


 


 

_ Acontece sempre que as bruxas vigias não tem um bom descanso mesmo . Imagino que estão há dias sem comer , sem dormir . Aposto que a minha rainha não escolheu as sucessoras delas - fala Emma de braços cruzados.


 


 

Ha,ha, há , há... - Odette começa a se sufocar de tanto rir .


 


 

_ Já deu . Odette . Não vai ficar por mais tempo . Ahningenu - fala Annabeth jogando um encantamento na colega .


 


 

[…]


 


 

Ao ser atingida pelo encantamento da Annabeth. Odette se ajoelha no chão. Começando a recuperar o fôlego de tanto rir .


 


 

[…]


 


 

_ Agora. Que isso foi solucionado . Podemos continuar onde paramos - fala Annabeth satisfeita .


 


 

_ Olha. Podemos encerrar o assunto também . Posso me responsabilizar pelo Cat Noir . Não que ele precise . Se aprovar que ele é diferente do pai dele . Vou poder entrar no reino sem permissão da nossa rainha . E trazer qualquer pessoa aqui. Que seja lobisomem, vampiro, que nem o Cat Noir. - prôpos Emma .


 

_ Muito bem. E se falhar ? - fala Annabeth ao olhar para a Emma .


 


 

_ Se eu falhar . Vou me exiliar para sempre . Ninguém mais vai me ver - prôpos Emma com coragem .


 


 

_ Muito bem. Concordo. E... - fala Annabeth mirando a varinha para o príncipe Cat Noir.


 


 

_ Concorda com tudo isso ? - pergunta Annabeth com a varinha apontada .


 


 

_ Sim concordo - fala Cat Noir com determinação. - Farei o que for necessário .


 


 

_ Muito bem. Me acompanhe. O palácio da rainha não fica muito longe . E somente fale quando a rainha te permitir . Ela odeia ser interrompida .- fala a bruxa aguardando a sua varinha .


 

_ Sei disto. Faço parte da realeza dos vampiros . Sei os modos de etiqueta - fala Cat Noir se aproximando da bruxa .


 


 

_ Nada disto. Não quero você perto de mim - fala Annabeth gesticulando em aviso .


 


 

_ Tudo bem. - fala Cat Noir parando no meio do caminho.


 


 

_ Espero que a sua suposta traição contra o nosso povo. Não passe de uma mentira . Apesar de acreditar que não precisamos de você . Na realidade , precisamos de vocês . Tome mais cuidado com a escolha de suas amizades - fala Annabeth que olhou desconfiada para o vampiro.


 

[…]


 


 

Foi que então, Annabeth foi embora . Para abrir os portões do reino . E durante o acontecimento da partida . Cat Noir, nem Emma trocaram uma palavra . Apenas ficaram em silêncio.


Notas Finais


Me desculpe por algum erro cometido;
Deixem o comentário, que isso vai me ajudar muito mesmo
Até logo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...