História Bem Vindo Sr. Mendes - Capítulo 20


Escrita por:

Visualizações 131
Palavras 2.499
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


{Sorry pela demora❤️❤️❤️}

Obrigado pelos favoritos❤️❤️❤️❤️

[Comentemmmm]

Capítulo 20 - Capítulo 20: Vem Pra Festa!


Fanfic / Fanfiction Bem Vindo Sr. Mendes - Capítulo 20 - Capítulo 20: Vem Pra Festa!

 

 

Tradução: Dó, Ré,

Mi -Blackbear-

 ​

Dó, ré, mi, fá, só estou de saco cheio de você pra caralho, garota
Tão cansado de todos os jogos que você joga
Eu não sou nenhum jogo da velha
Envie seus abraços e beijos para outra pessoa
Eu estou dó, ré, mi, fá, tão de saco cheio de você, garota
Envie seus abraços e beijos para outra pessoa, eu tô fora
(Yeah, yeah, oh)

 

 

•SHAWN MENDES •

 

Acordei e a Ma ainda estava dormindo, aqueles seus lábios rosados deixavam qualquer um querer beija-los. Levantei com calma, pra não acordar ela e fui até o banheiro, tomei um banho rápido, coloquei uma bermuda e uma camisa, olhei de novo e a Ma nem tinha se mexido. Abri a porta bem cuidadoso e fui até a cozinha fazer uma café da manhã pra gente, então meu celular começa a tocar, era a Aaliyah, atendi.

=Ligação On=

Aali- Shawn, papai está em uma reunião e pediu pra você vir almoçar na nossa casa nova hoje! ...... Ah e trás a Marina, você não entra sem ela!

Shawn- Ok, peraí, deixa eu entender, almoço na nova casa de vocês...

Aali- Isso

Shawn- Mas não podemos ir, a prima dela chegou e combinamos de almoçar juntos, eu, Ma, prima da Ma e o Cam..... Fica pra próxima Aali. Amanhã a gente almoça ai

Aali- Tá né, Fazer o que!

Shawn- Amanhã estamos aí... Aali? Aali?

=LIGAÇÃO OFF=

Desligou na minha cara? Aquela garotinha tá muito rebelde! 

Terminei de fazer o nosso café da manhã e sinto um abraço por trás. Me viro e a Ma está ali, sorrindo.

-Bom Dia Amor!- Ela me beijou

-Bom Dia namorada!- Dei mais um selinho nela. Seus cabelos estavam bem pouco molhados, mas ainda dava pra perceber, ela deve ter tomado banho. 

Ela se sentou na minha frente e eu na frente dela. Peguei uma panqueca que eu tinha feito e ela pegou uma pra ela.

-Era a Aali?- Assenti -Ela me mandou mensagem...-

-Ela ficou triste, mas já, já passa....- Comi um pedaço da panqueca. -Temos uma festa hoje à noite não é?- Peguntei e ela sorriu

- Pois é! Clara faz as melhores festas da cidade!- Ela comeu mais panquecas.

(...)

Tomamos nosso café da manhã, enrolamos um pouco e agora estou levando a Marina pra casa dela porque ela vai ver a prima que tinha chegado, Camila é o nome dela, me da a impressão que já tinha escutado esse nome. Descemos do carro e a Ma foi quase correndo pra casa, ela pegou na minha mão e entramos. 

Quando a porta foi aberta vi, a garota com cabelo escuros, eu sabia que conhecia ela de algum lugar.... Eu e a Camila já tínhamos “ficado” vamos dizer assim, na verdade era só sexo, só isso, éramos jovens e estávamos de férias, quando eu fui pros Estados Unidos passar as férias uma vez, conheci ela. Não sabia que ela era prima da Marina!

Ma segurou minha mão forte e me levou até a Camila, que me olhou com surpresa.

-Camz!!! Que bom te ver!!!- Ma logo abraçou q prima. 

-Marina!!!- Camz a abraçou também.

-Camila esse é o Shawn! Estamos namorando!- Ela olhou muito surpresa.

- Shawn! Quanto tempo!- Marina olhou curiosa pra mim. -Marina Ruller e Shawn Mendes namorando? Se eu não conhecesse vocês, acharia impossível!- Camila se levantou e demos um aperto de mãos 

-Vocês se conhecem?- Marina me encarou

-Legal te ver Camila!.... nos conhecemos nos Estados Unidos em uma das férias de verão...- Tentei enrolar. -Nada de mais!- Deu pra ver que Camila tinha ficado irritada, mas foda-se, to namorando a Marina não ela.

-Pois é... Nada de mais....-Camila se sentou no sofá. 

-Vamos almoçar?- Marina tentou mudar de assunto.

-Claro! Cam disse que vai nos encontrar lá!- Camz disse enquanto ia pegar sua bolsa. 

-Vamos então!- Peguei na mão da Marina e fomos até meu carro, Camila sentou atrás, mas as vezes ela me encarava. O caminho foi um silêncio total, só dava pra escutar as musicas da rádio.

Estacionei o carro e o Cam estava ali. Ele logo abriu um sorriso quando nos viu chegando. Saímos do carro e entramos nos restaurante.

-Cam!- Camila deu um super abraço no Cameron, ele deve ter ficado super feliz, sempre foi apaixonado por ela.

-Quanto tempo Camz! Senti saudade!- Ele disse desfazendo o abraço.

-Depois a gente resolve esse problema!- Ela deu uma piscadinha pra ele, saquei.

Nos sentamos na mesa e fizemos nossos pedidos. 

-Como vocês se conheceram?- Camila perguntou olhando diretamente pra mim, mesmo a pergunta sendo pra mim e pra Ma.

- Em uma festa do Cameron!- Respondi sorrindo e dei uma olhada pra Ma. 

-Entendi....- Assim que ela respondeu a nossa comida chegou. Comemos e conversamos sobre coisas bobas, Camila as vezes ficava me encarando, mas eu não dava bola. Cam deu tanto em cima dela que eu até ria as vezes, Ma estava meio quieta, não tinha entendido muito bem. 

Fomos embora, deixei as meninas na casa da Ma, e eu e o Cam fomos até a empresa do meu pai, só dar uma checada pra ver se estava tudo ok, depois fomos na empresa do pai dele.  Quando vi já estava quase na hora da festa, fomos até a casa da Marina. 

•MARINA RULLER•

Hoje de manhã, na casa do Shawn eu tinha achado um papel verde na minha mochila, estava escrito “Stay away, or good luck with the consequences ...”    na tradução:    “Fique longe, ou boa sorte com as consequências”.

Joguei fora, mas fiquei muito tempo pensando naquele papel, ficar longe do que?, que consequências? 

Depois que o Shawn nos deixou em casa eu e a Camila colocamos o papo em dia, conversamos sobre tudo, ela me perguntava muita coisa sobre o Shawn, mas logo cortei, ela conhecia ele e fica fazendo perguntas sobre ele? Melhor cortar isso.  Depois assistimos um filme e começamos a nos arrumar pra festa. 

- Marina tá pronta? Já tá na hora!- Camila me perguntou enquanto pegava sua bolsa

-Claro! Ligou pra Clara?- Perguntei pegando meu celular.

- Sim! Mas ela estava meio ocupada.... Seu irmão tá la já....- Revirei os olhos e ela deu uma risadinha. Descemos as escadas e vi o carro do Shawn chegando.

-Nossa carona chegou!- Falei e fomos até o carro, Shawn estava dirigindo, me sentei na frente com ele e o Cam e a Camila estavam nos bancos de trás. Espertinho o Cam querendo carona do Shawn só pra ficar perto da Camila. 

O caminho foi praticamente em silêncio, só a música do carro. A casa da Clara era bem perto da minha, nao demorou muito pra chegarmos. Shawn estacionou mais afastado porque a rua estava cheia. Descemos, Shawn segurou na minha mão e fomos até a porta.

-Chegaram!!!!- Clara abriu a porta veio nos cumprimentar. 

- Tava boa demais pra ser verdade... Oi Marina!- Henrique disse me dando um abraço. -Shawn!- Os dois bateram a mão e um soquinho. Revirei os olhos. Depois de todos nós nos cumprimentarmos entramos na festa, estava tocando “Mi Gente”. Tinha muita gente dançando, eu fui segurando a mão do Shawn e logo já tinha perdido a Clara  de vista, vi o Cam ali com os amigos e a Camila pegando bebida. 

-Vou ali conversar com o pessoal.- Shawn disse apontando pros meninos que estavam com o Cam.

-Beleza, vou ali com a Camila e vou procurar a Clara.- Ele me deu um beijo assentiu e foi.

Fui até a Camila que estava bem do lado das bebidas. 

-Ta sem bebida ainda Marina?- Ela disse me passando uma.

-Valeu!- Disse e tomei um pouco.

- Você viu a Clara correndo?- Camila me perguntou apontando pra escada.

-Não.... Será que ela está bem?- Olhei pra escada. -Ela correu com o meu irmão?- 

-Ela estava sozinha... Só vi ela correndo pra escada. -Camila pegou mais uma bebida pra ela. 

-Vou ver o que ela tem- Disse pegando mais uma bebida pra mim.

-Ok, vou dançar, depois volta pra gente dançar juntas!- Assenti e fui até a escada.

Subi devagar, fui até o quarto dela, tentei abrir a porta, mas estava trancada.

-QUE DROGA SAI DAQUI HENRIQUE!- Ela gritou do outro lado

-Clara? É a Marina, o Henrique tá lá em baixo! Posso entrar?- Disse e logo ela veio abrir a porta.

-Desculpa, achei que fosse o Henrique- Ela voltou e se sentou na sua cama

-Não se preocupe, mas o que aconteceu?- Vi que ela tinha chorado.

-Seu irmão é um babaca! Ele ficou com uma garota na minha frente, daí eu fui ficar com um cara e ele já veio brigar comigo. Sendo que eu só estava dançando com ele, Henrique tava pegando a guria.- Clara revirou os olhos e deitou.

-É complicado... Eu acho que o Shawn e a Camila tiveram alguma coisa no passado, assim algo íntimo. Ela só me pergunta dele e eles já se conheciam.- Disse me deitando ao lado dela.

- Ela comentou comigo que conhecia ele.... É uma droga o amor!- Olhei pra ela

-Você ama o Henrique?- Ela olhou pra mim

-Amo!..... Você ama o Shawn?- Ela olhou pro teto

-Amo!....- Olhei pro teto também.

- O amor é uma droga, você vicia, gosta, mas também te faz muito mal.- Uma lágrima escorreu de seu rosto. 

-Clara, vamos descer naquela festa e vamos só dançar e beber. É muito cansativo ficar pensando, amanhã a gente pensa, vamos só curtir!- Disse sorrindo e me levantando.

-Tem razão!- Ela se levantou deu uma retocada na make e descemos pra festa. 

Pegamos bebidas e fomos pra pista de dança, não vi a Camila, Shawn também não. Cam estava dançando sozinho, acho que ele estava muito bebado. 

-Clara! Marina! Quem quer dançar comigo?- Sim, ele estava bebado

- To de boas Cam, vai Clara!- Ela sorriu e foi, os dois estavam dançando como loucos eu só estava rindo. 

Dei mais uma olhada envolta da festa e vi o Shawn perto do banheiro e.... A Camila estava falando com ele, ele estava irritado e ela sorrindo. O que eu faço? Deixar assim eu não vou mesmo.... Pensa Marina!.....

•SHAWN MENDES•

Eu estava saindo do banheiro quando Camila me parou, merda.

-O que você quer?- Encarei ela sério 

- Nossa Shawn! Não era essa cara que você fazia pra mim....- Ela sorriu

- Me deixa Camila! Eu to com a sua prima agora! Não quero problemas...- Tentei passar, mas ela estava na minha frente.

-Marina é problemas Shawn!- Ela sorriu. -E além do mais eu não sou louca de ficar no caminho da Marina. Com um estalo de dedos ela pode até me mandar pra prisão. Não vou desafiar ela, fique tranquilo, mas eu queria uma última vez com você. Ela não vai saber, só uma última vez!- Ela fez biquinho

- Não Camila! Que saco, agora deixa eu passar, vou atrás da MINHA NAMORADA.- Sai dali, mas ela foi na minha frente e me deu um beijo na bochecha. Empurrei ela, deu pra ver que ela ficou triste. Continuei andando e limpei aquela batom da minha bochecha. Que garota louca.

Achei a Marina, ela, o Cam e a Clara estavam dançando como loucos, ela não parava de rir. Dei uma risada da Dança do Cam, dava pra ver que ele já estava meio “virado”. Olhei pra Marina com um sorriso, mas ela ficou séria e foi até o lugar onde ficavam as bebidas, fui atrás dela.

-O que foi Marina?- Peguei uma bebida pra mim também.

- Não sei.... Talvez a Camila saiba ou se você quiser se lembrar melhor pode pedir pra ela te dar outro beijo.- Ela me encarou

-Primeiro foi um beijo na bochecha e ela fez de propósito eu não queria aquilo. Tanto que fiquei tentando fugir.- Ela olhou pra bebida e voltou a olhar pra mim. 

- Ok, você não tem culpa....- Ela olhou nos meus olhos. -Podia ter me contado sobre o lance de vocês...- Ela disse super calma

- É que não significou nada pra mim. O mais importante pra mim agora está na minha mão!- Peguei a cintura dela nos deixando super perto.

- Voce é bom nisso Mendes!- Ela me beijou. -Mas sabe que eu não vou deixar a Camila impune, já fiz umas ligações....- Revirei os olhos

-Se você não fizesse nada, não seria a Marina! ..... Só não pega tão pesado....- Olhei em seus olhos

-Tarde de mais, não sei pegar leve e não defende ela!- Revirei os olhos e beijei ela, pedi passagem e ela deu, paramos pela falta de ar e encostei nossas testas.

- Deixa a Camila se ferrar então!- Rimos 

- Acho melhor levar o Cam pra casa, ele não tá bem....- Disse olhando pro Cam

-Me deixa em casa também, já deu de festa, POR HOJE!- Ri 

- Ok, te levo pra casa, mas e a Camila?- Olhei pra Marina 

-Ela que vá andando!- Ma foi em direção ao Cam que estava dançando com a Clara.

-Ma posso dormir na sua casa? Eu sei que a festa é minha, mas já cansei e o Henrique fecha tudo depois....- Clara pediu pra Marina

-Obvio! Vamos- Marina respondeu e eu fui ajudar o Cam a ir pra carro.

-Clara? Aonde você vai?- Henrique apareceu na porta da casa quando estávamos entrando no carro.

-Pra casa do Caralho!- Ele arregalou os olhos com a resposta dela. -To brincando Henrique, vou dormir na sua casa, pode continuar a festa! Ah e toma no cu!- Clara entrou no carro, Henrique só assentiu e entrou na festa.

•MARINA RULLER•

Chegando na minha casa o Shawn estacionou.  

-Não quer entrar Shawn?- Perguntei olhando pra ele.

- Não, não podem ir pra uma noite das garotas, tenho que levar o Cam pra casa...- Assenti e dei um beijo no Shawn.

-Casalzão da Porra!- Cam disse e todos riram -Clara quer me beijar também só pra gente não ficar de vela?- Clara e Cam começaram a se beijar, o clima começou a esquentar entre eles.

-Clara vamos, você vai se arrepender amanhã!- Sai do carro, mas antes dei mais um selinho no Shawn.

-Tem razão, Tchau Shawn- Ela deu um selinho no Cam. -Tchau Cam

-Ganhei minha noite! Vamos Shawn!- Cam disse e ninguém conseguiu entender direito.

Eu e a Clara entramos na minha casa, estava tudo apagado, meu pai não deve estar em casa. Assendi as luzes e subimos pro meu quarto. 

-Dorme no meu quarto Clara! Não precisa ir no do meu irmão...- Ela só assentiu e fomos até meu quarto. 

Na porta do meu quarto tinha um papel, aquele mesmo papel que eu tinha achado hoje de manhã na casa do Shawn, mas dessa vez no final da folha estava escrito: “vez do Harry” quando vi a porta do meu quarto abriu, mas não tinha sido nem eu e nem a Clara que tínhamos aberto.

-Marina!- Clara disse e eu olhei pra frente.

-Harry!- Eu disse dando um passo pra tras

 -Sentiu minha falta Marina?- Ele disse com um sorriso malicioso.


Notas Finais


[Desculpe pelos erros ortográficos]

{COMENTEMMM❤️❤️]

_😘😘❤️❤️_


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...