História Best friend forever - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Alexandra, Ana Luiza Oliveira, Ana Luiza Sobral, Carlos Henrique, Carol, Daniel, Julia, Juliana, Kamilly, Lucas, Marcos
Visualizações 13
Palavras 388
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Famí­lia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, LGBT, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 4 - Minha primeira vergonha


Estava esperando o ônibus no ponto de ônibus ( porque no ponto de avião que não iria ser. Será que existe ponto de avião?)

Peguei o ônibus e sentei no banco perto da janela. E o ônibus parou pra pegar mais estudantes e uma garota sentou do meu lado. Eu não fazia ideia de quem era ela mas quando olhei para o rosto dela percebi que era Ana Luiza.

– Oi querida tudo bom?

– oiii.

Fomos para escola juntos e ficamos conversando mais.

( Na sala de aula)

Sentei ao lado dela e a outra Ana Luiza chegou atrasada e sentou com a gente ( se estiver errado foda-se quem está escrevendo sou eu nessa merda)

Ana Luiza ( a que eu conheci primeiro) começou a do garoto que ela perdeu a virgindade e como foi.

– o nome dele é Moisés, ele é feio mas sabe transar bem.

– menina que isso. Isso é hora de perder a virgindade? – falei constrangido.

– foda-se. – ela respondeu e continuou falando. – e o tamanho do negócio dele era... Como eu posso explicar?

– Era do tamanho do cano da bazuca. –Luiza ironizou.

Começamos a rir e ela voltou a falar.

– ele tinha gozado na minha mão e ele teve que tirar a camisa pra mim limpar a mão. Depois eu fui pra casa de um amigo meu e contei a ele como foi.

Depois de escutar essa história eu fiquei assustado. Uma garota de 12 anos perdeu a virgindade com um cara de 16 anos, meu Deus.

A aula acabou e nós três fomos pra casa junto. 

No meio do caminho encontrei um amigo meu que conheci no 6° ano e ele ficou junto com a gente. Ficamos passando vergonha pelo meio da rua e eu não gostava disso porque eu era normal.

Ana ficou chingando pelo meio da rua e várias pessoas olhando pra ela. Até que a Luiza ficou estressada.

– porra para de chingar caralho parece que nunca ouviu um palavrão nessa porra.

– tipo. Vc esta falando pra ela parar de chingar e vc está chingando. – falei rindo.

– ah foda-se também.

Começamos a rir.

Luiza morava perto da escola. Então ela foi a primeira a ir embora e ficou eu ana, e Luan.

Pegamos o ônibus e fomos embora. Ana Luiza e Luan soltaram no mesmo ponto de sempre e eu fui pra casa também.

Eu soltei no mesmo ponto de sempre e fui embora também.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...