História Best of me - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kai, Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Kris Wu, Lay, Lu Han, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Chanbaek, Jikook, Kaisoo, Nanjin, Sulay
Visualizações 15
Palavras 3.442
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Hentai, LGBT, Luta, Romance e Novela, Shonen-Ai, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Oiii
Voltamos!!
Esperamos que gostem do capitulo

Capítulo 4 - Brigas


Fanfic / Fanfiction Best of me - Capítulo 4 - Brigas

Ao chegarem na porta da casa da amiga , lay toca a campainha e escuta seu marido sussurrar

- Hora de conhecer a piranha -  o mesmo começa a suar frio com medo do que seu marido possa fazer.

Logo uma loira tinginda com o cabelo nos ombros de pele clara e lentes azuis atende a porta e sorri pra seu querido amigo .

- Olá Xing finalmente você chegou.

Suho começa a fazer suposições em sua mente

"Xing ? Esse dois tem um caso , sei disse . Eu vou matar o Lay ." ele pensa enquanto faz caretas e lay começa a se assustar ainda mais.

Logo a mulher abraça o amigo, deixando um certo coelho líder morrendo de raiva e querendo matar alguém.

Se separando do abraço com lay , seungri percebe que o amigo não estava sozinho e sorri pro desconhecido.

- olá, quem é você.

Lay com medo do que poderia acontecer sorri sem graça e apresentar suho a mulher .

- esse é Zhang Jumyeon também conhecido como Suho, meu marido .

-ah sim, prazer - Ela fala e da um sorriso sem graça .

Depois de um tempinho sem falarem nada ela pergunta.

- querem entrar - pergunta  fazendo Suho entrar na frente e logo em seguida o lay mas antes do mesmo  passar totalmente ela o segura e o pergunta sussurrando em seu ouvido

-o que ele faz aqui?.

Lay também responde no ouvido da mulher .

- Ele viu as mensagens e pensou que eu estava traindo ele,  então me fez trazer ele junto .

- Droga , assim não vamos poder fazer a surpresa - ela sussurra de volta.

Suho que havia entrado antes, começou olhar a casa ao seu redor

encontrou  a foto da garota, do lay e mais duas pessoas. Voltou seu olhar aos mesmos os encontrando com sussuros ficando com uma raiva imensa .

Os dois olham pra ele e percebem o mesmo encarando os dois como se fosse os matar .

- O que vocês estão sussurrando que eu não posso saber -  ele fala em um tom de voz calmo .

- Nada meu amor - lay fala tentando parecer calmo .

- isso ... nada suho-ssi .

- É mesmo então não se importam em me falar não é .

- É uma coisa de nós dois não é da sua conta -  Seungri fala .

- A claro -  fala mordendo os lábios de raiva pra não falar nenhum insulto e Suho passa a mão pela barriga para conter a raiva .

Logo Lay e seungri engatam em uma conversa animada deixando o Suho de lado , o mesmo percebendo que isso tava acontecendo mesmo com seus hormônios a flor da pele o deixando triste tentava de alguma forma entrar na conversa mas eles  Não deixavam .

Ele já não aguentando mais pergunta onde é o banheiro e vai até ele após a seungri indicar onde era.

Ele derruba suas pequenas lágrimas mas logo percebe que não devia estar  chorando por homem,  seca as lágrimas lava o rosto e volta pra  sala .

- Lay podemos ir ...-  ele fala a caminho e logo que chega encontra o Lay e seungri abraçados .

Suho irritado com o coração partido fala com voz embargada fala .

- eu acreditei em você -  suho saiu correndo.

Lay demorou um segundo pra entender o que estava acontecendo mas assim que percebeu saiu correndo atrás de seu marido.

- Suho não é isso que está pensando- lay fala pegando o Suho pela mão e o puxando.

- É sério Lay? Então o que tá acontecendo?-  Suho grita irritado

Lay nada responde fazendo Suho rir seco e se soltar.

- Eu sabia .

- Suho -  lay fala o segurando novamente .

- Me solta - Suho responde irritado e triste.

- Não, deixa eu explicar .-

- Explicar o que lay? eu vi - uma lágrima escorre pelo rosto de suho -  Olha não precisa mas explicar , eu não quero me estressar mais , eu não quero prejudicar minha gestação.

- Suho, está tudo bem?-  Kris que havia acabado de chegar após receber uma mensagem desperada de Suho.

- não! Por favor me tire daqui fan.

Lay começa a ficar com ciúmes e apertar o braço de suho.

- Me solta, está me machucando lay - choraminga ao sentir seu braço ser apertado .

- Não, você não vai com ele - lay diz firme.

- Me solta Zhang Yixing - Suho grita irritado.

- Não.

Suho em um momento de raiva e desespero da um soco na cara do Lay ofazendo o mesmo o soltar com o choque.

- Eu falei pra você me soltar, não venha atrás de mim! Vamos Fan.-

Então Kris e Suho seguem ao automóvel mas antes de seguir Kris fala de modo que só Lay escutasse .

"Babaca "  .

Logo ambos estavam partindo com o carro.

Em alguns minutos estavam na casa do Chinês que morava sozinho e então Suho caí no choro sendo amparado e consolado por Kris.

- Me conta o que aconteceu suho - fala  acariciando as costas do amigo que soluça .

- O Lay ta m-me traindo .

- Meu Deus!  Que essa história não chegue aos ouvidos do Soo , baek e tao.

Suho Riu e se separou de seu abraço com o mais alto .

- Me leva pro dormitório Kris,  eu tô muito cansado e quero tentar dormir um pouco . Já passei por muito estresse hoje e isso não é muito bom pra mim é nem pra esse feijãozinho aqui dentro - Sorriu Olhando e passando a mão em sua barriga sem volume .

Kris Sorriu Olhando a forma carinhosa que suho ser referiu ao seu bebê,  imaginou tao .

- Tudo bem - Sorriu

Assim que chegou ao dormitório suho Comprimentou os membros e foi pro seu quarto,  tomou um banho Demorado e vestiu um par de shorts de algodão e um Moletom de ursinhos . Deitou-se na cama mas não consegui dormir , então ficou encarando o teto e acariciando a barriga , até ouvir um barulho de porta da sala ser fechada com brutalidade. Suho levantou-se de sua cama e ao chegar na sala deparou-se com um lay bêbado.

- A-Amor E-u juro q que não te trai - lay fala se aproximando de suho.

- Onde você está lay , e que merda e essa no seu pescoço - Perguntou irritado apontando pro pescoço do marido.

- Eu não sei . ssuho acredita eem mim - lay fala gaguejando.

- Eu vi lay , eu vi vocês dois Abraçados - Suho passa as mãos pelos cabelos frustrado.

- A GENTE SÓ ESTAVA ABRAÇADOS SUHO  , ABRAÇADOS. POR ACASO VOCÊ TÁ CEGO - Lay grita irritado .

- NÃO GRITA COMIGO SEU BABACA , NÃO É PORQUE VOCÊ É MEU MARIDO QUE EU VOU ACEITAR ISSO - Suho grita de volta .

- EU GRITO COM QUEM EU QUISER - lay grita de Mas uma vez .

- Ah é,  grita de novo pra você ver o que eu faço - Suho se Aproximou um passo só.

- Você não teria coragem - lay Revidou

Os outros membros que estavam em seus quartos ouviam tudo Calados , exceto  para  tao,  baek e Chen que estavam ouvindo atrás a porta.

- Lay, vou perguntar mais uma vez , o que foi isso no seu pescoço.

Suho pergunta com a voz calma , mas por dentro ele só queria quebrar a cara do Marido.

- Eu juro que eu não sei ,

eu bebi tanto que dormi na mesa do bar , um amigo meu está lá e me trouxe me seu carro - lay abaixa a cabeça envergonhado.

Suho então se irrita e da um tapa em seu rosto .

- Isso é por você ter me traído - afinou os olhos em uma linha fina .

- EU JÁ DISSE QUE NÃO TE TRAI PORRA , EU PEDI A AJUDA DA SEUNGRI PRA ME AJUDAR A ESCOLHER UM PRESENTE PRO BEBÊ PRA TE DAR DE PRESENTE, MAS VOCÊ NÃO ACREDITA , ENTÃO PERGUNTA PRA ELA - lay grita infurecido

- Eu não posso acreditar em você Lay! Mesmo que você esteja falando a verdade eu não posso acreditar após ver tudo aquilo - Suho fala chorando-e mesmo se ela falar que tudo que você fala é verdade ela não é de minha confiança para eu acreditar nela.

De repente Kyungsoo aprece na sala cuspindo fogo .

- Não grita com o Suho - Se Aproximou De lay e chutou forte seu membro .

- PORRA KYUNGSOO - choraminga lay.

- Para com isso amor - kai puxa o namorado e o segura em seus braços.

- Gente,  Isso aqui tá parecendo o casos de família - Baek comenta e é repreendido por chanyeol

- Não se mete baek.

- Vem Suho, hoje você vai ficar no meu quarto comigo e se esse chinês idiota chegar a um metro perto do meu quarto não vai ser um chute que eu vou dar nessa coisa murcha, eu vou arracar é fora - Kyung fala puxando o Suho gentilmente.

- Obrigada Kyung - JunMyeon  fala fungando.

E eles dois vão saindo e do lado de fora encontram o trio fofoqueiro olhando-os preocupados.

Mas o Kyung não para e continua seguindo o caminho agora seguido por um trio de bixas kyung ao passar na porta do quarto vai chingando o chinês lá dentro,  isso faz o Suho dá uma risadinha fraca.

Suho de repente sente um tontura e uma Pontada forte no pé de sua barriga . 

- Aí - exclama e coloca a mão no local .

o mesmo fica parado e se apóia na parede fazendo o trio de fuxiqueiros correrem até eles e a corujinha segurar o mais velho chamando por ajuda.

- meninos alguém nos ajude aqui.-

Lay mesmo mancando vai  até a porta do quarto ver seu marido soltando arfadas de dor . Kris corre até os meninos perguntando logo o que estava acontecendo sendo seguido por Chanyeol, Jongin e Minseok.

Assim que chegam vendo os estado de Suho , Kris pega o mesmo no colo com cuidado fazendo dois chineses sentirem uma pontada de ciúmes.

- Kyung pega a chave do carro vamos pro hospital. E vocês impessam esse idiota de vir atrás e avisem os hyungs (manegers) - Kris fala já andando sendo seguido pelo pequeno pinguim.

Kris ao chegar no carro coloca o amigo com cuidado indo pra porta do motorista enquanto Kyungsoo entra na porta de passageiro e vira pra trás  tomando conta do amigo que estava deitado no banco .

Kris começa a correr com o carro logo chegando no hospital e pegando o líder novamente com cuidado sendo seguido pelo mais novo que carregava os documentos.

Ao chegar a recepção o mais alto fala nervoso a situação sendo rapidamente atendido e falando pra esperarem um minuto pra chamarem o médico, O que irrita um certo mini demônio que logo mostra suas garras.

- Acho bom você trazer esse médico agora se você não quiser perder essa peruca que chama de cabelo- kyungsoo fala com uma cara assustadora.

- o senhor tem que ter calma - pede a mulher

- Calma uma Po...- soo e Interrompido no momento em que uma enfermeira traz um cadeiras de rodas pro líder.

Kris o coloca com cuidado e se afasta. Kyungsoo chegou perto do amigo e Sussurrou em seu ouvido .

- Vai ficar Tudo bem suho - e beija sua testa .

- Eu ...tô... com medo - subo choraminga ao sentir a cadeira de rodas andar .

Nesse momento lay chega andando todo aberto por conta do chute . Soo tenta avançar nele mais e contido por Kris.

- parem por favor , Isso aqui em um hospital e o nosso amigo está aqui precisando de apoio - Kris bufa .

Logo todos o restante do membros chegam e ficam esperando na sala de espera agoniado por noticias .

- quanta demora - resmunga lay aflito .

- Não era pra você está aqui lay , você provocou isso - tao mostra o dedo do meio para a ovelha.

- Vai se fuder tao - lay se irrita

- Você pode até ter gritado com o Suho , mas eu não vou aceitar você falar assim com o meu pandinha lay  - Kris se pronúncia.

Lay se cala,  percebendo todos os olhares repressivos em cima de si .

Os minutos se passam e nada de noticia do líder.

- tomara que ele não perca nosso sobrinho, Ele está tão feliz com a gravidez  - Baek comenta com os olhos marejados .

- ele não vai baek , vamos pensar positivo - jongDae completou

- e aí,  o que aconteceu , o Suho tá bem - o maneger Lee pergunta ao chegar apressado no local .

- ele traiu e  brigou com o lay  - comentou xiumin

- O QUE - exclama ele.

- O que? O que é o que eu pergunto pra esse chinês maldido!-  Kyungsoo fala em fúria - O que você tinha na cabeça seu merda  pra trair o Suho" ele fala tacando o lay na parede logo sendo afastado por kris e Kai que tentavam (e põe tentavam nisso) afastar a corujinha do chinês.

- Eu não o trai , eu pedi pra uma amiga minha de infância me ajudar a comprar a primeira roupinha do bebê , ele entendeu todo errado e achou que eu tava traindo ele porque eu abraçei ela - Se defende calmo

Jimim e jungkook chegaram minutos depois assustados , pois baek havia ligado pra avisar o amigos .

- Alguma notícia - Jimin pergunta

- ainda não chim - responde xiumin

- Vamos pensar positivo gente vai da tudo certo - jungkook fala e todos dão um sorriso e murmuram um amém.

Alguns minutos se passam e finalmente o médico aparece.

- Parentes de kim junmyeon - pergunta o médico ao checar algo na prancheta .

- Somos nós - todos respondem em uníssono.

- Doutor , o que  aconteceu com nosso amigo , o bebê está bem - pergunta jimin que está abraçado a jungkook.

- Bom , a mãe é o bebê passam perfeitamente  bem , ele só teve um pequeno sangramento mas já está tudo bem , isso aconteceu por conta do estresse .- O médico Sorriu simpático e todos suspiram em alívio - Ele tem que ficar de repouso por uma semana - todos concordam com a cabeça.

- ele correu algum risco de perde o bebê por conta do sangramento - Perguntou soo

- felizmente não, o sangramento foi contido antes de haver essa possibilidade - comentou.

- Já podemos Ver ele - pergunta jimin.

- por enquanto só o pai da criança pode  entrar. E outra coisa nos vamos da a alta dela amanhã,  só pra ter certeza que nada vai acontecer,  então a tarde vocês podem vir visitar ele .

- Obrigado doutor - todos respondem em uníssono .

- De nada , o pai da criança pode me acompanhar , quem é ele - o médico fala.

o kyung empurrar o Kris e segurar o Lay pela gola da camisa

- Ele é o pai - soo fala apontando pra Kris .

Kris caminha lentamente em direção junto ao médico e recebe um olhar assassino de lay , mas logo chegar ao quarto do líder.

- Oi Myeon você está bem?-  ele fala se aproximando e o médico saí.

- Estou bem Fanfan. Mas porque você está aqui.

- não gosta de minha companhia.

- Que? Claro que não? Mas geralmente só pode entrar uma pessoa não é -  Kris acena segurando o riso - Eu pensei que seria o Kyung a entrar.

Kris solta risadas e fala - tudo bem Myeon! Só podia entrar o pai da criança, o Soo prendeu o Lay e me mandou no lugar.

- o soo na tem jeito - Suho solta um risada .

Kris ri junto e confirma.

- Mas eu não vim aqui pra me explicar mas sim pra saber como você e o brotinho estão - kris fala sério.

- Estamos bem Fan! Mas sabe está difícil, eu amo tanto aquele chinês layzado mas ele tem feito tão mal a mim.

- Eu sei Suho, mas de uma chance pra ele, não o crusifique por um erro. O amor de vocês é lindo, não deixe acabar -  ele fala sério mas vendo que  o lider estava  ficando triste faz uma piada pra alegra-lo - deixe pro soo crusifica-lo e de quebra tortura-lo e mata-lo- fala  fazendo o Suho dar pequenas rizadinhas.

Do lado de fora

- Soo porque você mandou ele entrar e não me deixou entrar- lay reclama.

- primeiro pra você é Do Kyungsoo, segundo eu faço o que eu quiser, terceiro eu não te devo satisfações - ele fala irritando o Lay que ia avançar em cima do pequeno mas é segurado por Chanyeol

-  Kyung sucega e Lay se você tentar avançar de novo no Kyung não vai ser ele que vai bater em você e sim eu! Agora expliquesse Soo - kai faz um gesto com a mão para que o namorado continue .

Kyung fazendo biquinho revoltado começa a explicar .

- Suho tá internado por irritação, culpa dessa ovelha! Eu queria que ele se acalmasse um pouco o que só eu, kris, Chen, baek e Tao poderíamos fazer, e tinha que ser alguém que pudesse passar por pai da criança, a melhor pessoa pra isso era o Kris, eu só fiz o melhor para o meu amigo - ele fala indiferente irritando mais ainda o chinês que já havia tentado avançar novamente no  mais novo .

O médico que havia saído escultou.

- Então o rapaz que entrou não é o pai - pergunta o médico.

-Ops... Ferrou -  Luhan sussurra

- Sim. Eu queria impedir que meu amigo ficasse mais irritado porque a causa da irritação dele é o marido e por isso  mandei nosso amigo. Me desculpe.

- Tudo bem então,  mas o pai vai ter que entrar. E a norma eu não posso mudar -  o médico fala - me acompanhe por favor senhor.

Chegando no quarto ele encontra os dois líderes rindo e brincado.

- Licença, um acho que tem alguém aqui que não é o pai, vamos ter que trocar.

- Parece que me descubriram Myeon! Desculpa doutor, até logo Myeon -  Kris fala dando um beijo na testa do mais novo e se retirando mas sussurrando pra Lay antes "Não faça nada se não te mato"

Após o chinês mais alto sair  suho fala pro médico ignorando lay .

- então acho que as visitas já podem  encerrar doutor .

- Ainda não, você tem que falar com o pai da criança, as vozes dos pais vão  fazer bem pro bebê  - ele fala irritando o grávido.

- Certo - a contragosto Suho responde e o médico se retira do quarto .

- será que eu posso falar com você suho - lay  se pronunciando pela primeira vez no quarto.

Suho não fala nada , apenas abaixa seu olhar pra sua barriga a acariciando,  o mesmo derrama um Lágrima ao lembra que por pouco quase perdeu seu bebê. Lay observa e se aproxima .

- Suho eu te amo você sabe disso.- Lay fala inseguro.

- Eu não tenho mais certeza de nada-  suho fala em tom triste

- Suho por favor só dessa vez, por tudo que vivemos, pelo nosso filho me escute e acredite em mim - lay fala desesperado em meio a lágrimas - Eu te amo e amo o nosso pequeno brotinho. Eu não te trai e jamais faria isso . Ela é uma amiga e apenas isso e apesar de eu ter saído pra beber ela não foi junto .Por favor acretite em mim - o chinês  implora chorando.

- Você tem noção do que me fez passa lay , eu quase perdi nosso filho , você me estressou muito lay muito . Eu também te amo , mas eu .... - Suho põe as mãos no rosto e chora .

Lay se aproxima mais e toca seu rosto .

- Me desculpa amor , eu não queria te fazer passar por isso , não queria,  me desculpa .

- Lay... - Suho fala ao sentir lay se aproximando de sua boca e roubando um beijo , suho não resisti e retribui o beijo.

- Eu amo você myeon,  Amo demais , ainda mais  agora que nosso brotinho está dentro de você - lay coloca a mão na barriga do Marido e deixa uma leva carícia ali .

- Eu também te amo lay,  muito , eu perdou você . Mas se fizer isso de novo eu corto seu pinto fora - os dois se beijam novamente mais são interrompidos pelo médico.

- desculpa interromper - o médico entra no quarto carregando um aparelho de ultrasson - senhor Junmyeon , agora nos iremos fazer a primeira ultrasson pra verificar os batimentos do bebê.

Lay olha pra suho com os olhos brilhando e beija sua testa,  os dois trocam os sorrisos mais lindos naquele momento.


Notas Finais


Voltamos
E esperamos que tenham gostado do capitulo
Já estamos preparando o próximo capitulo e prometo que tem muita confusão, loucura e aventuras! Fora muitos shippess
Nos vemos no próximo capitulo
Beijos


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...