História Best part. (jeongin stray kids) - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Stray Kids
Personagens Personagens Originais, Yang Jeong-in
Tags Colegial, Imagine In, Imagine Jeongin, Imagine Stray Kids, In Imagine, Jeongin Imagine, Stray Kids Imagines
Visualizações 46
Palavras 857
Terminada Sim
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Bishoujo, Bishounen, Ficção, Fluffy, Literatura Feminina, Musical (Songfic), Poesias, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá, como vai o seu dia? Bom... CÁ ESTOU EU COM MAIS UMA FIC!!!!
Já faz um bom tempo desde que eu postei a fic do Jeonghan, então eu pensei em talvez voltar a postar alguns imagines... E para iniciar bem essa minha volta, eu trouxe um imagine do Jeongin, apesar de ter ficado bem curtinho ele está soft (perdão por ele estar meio curto)
Bom, é isso! Espero que goste e não esqueça de me dizer o que achou, se tiver algum pedido para me fazer só mandar e leia as notas finais!!! 💗

Capítulo 1 - I just wanna see how beautiful you are


Fanfic / Fanfiction Best part. (jeongin stray kids) - Capítulo 1 - I just wanna see how beautiful you are

16-26 Ori-ro 22na-gil | Gung-dong | Guro-gu | 

                  Seoul | South Korea

                           10:23 p.m

                      

   A professora realmente funcionava como um sonífero para mim... Era apenas começar a ditar sua matéria que minha cabeça pendia para o lado, se apoiava na minha mão trêmula e meus olhos se esforçavam... Oh se eles se esforçavam... Em não fechar e me colocar de embarque para um sono profundo.

   A sala toda falava em alto e bom som, a professora tentava o máximo para controlar os gritos, mas era impossível... Todos eram loucos naquele lugar... 

   Aproveitei a distração geral e virei minha visão para o lado logo parando-a em Jeongin, o mesmo apoiava seu queixo em sua mão provavelmente fria, apenas girava o olho pela bagunça até parar do outro lado da sala, fixou na janela entre aberta, desceu para a parede branca recentemente pintada, parou em uma garota de cabelos _______, sentada com os pés que não paravam de tamborilar, com sua cabeça pendida para o lado, apoiada nas mãos trêmulas, com o olhar fixo em sua maior fonte de sorrisos... Os olhares se encontraram... Eu... E Jeongin

   Seus olhinhos diminuíram de tamanho após me ver, isso graças ao pequeno sorriso esboçado em sua boca. Não estávamos conversando ou esboçando algum tipo de mímica para comunicação... Apenas nos olhávamos, conversando a partir de olhares, ele dizendo que estava com sono e eu dizendo que a aula já iria acabar e então ele poderia dormir, ele rebatendo com “eu não aguento mais a professora gritando e o Jisung não parando de conversar” e eu respondendo com “ela grita com todo mundo, menos com quem está atrapalhando, aff”.

   As lembranças do dia anterior vieram a tona na minha mente, o que me fez soltar um riso leve e silencioso, desviando o olhar e passando a mal pelo meu cabelo. O mesmo sorriu de volta e virou seu corpo para frente novamente apenas para não levar atenção da professora.

 

   — last day • day hour

 

   Já haviam alguns dias desde que eu e Jeongin começamos um certo relacionamento, uma amizade mais colorida puxado para um início doce de namoro... E isso de certa forma me fez mais do que bem. A forma como ele me chamava e fazia amar a mim mesma e a ele... Aaa isso era outra sensação.

 

— Minho é um distraído, tacou a bola pra fora umas quinze vezes hoje, se no final ele tacasse aquela bola pra fora mais uma vez eu juro que eu fazia ele engolir aquele troço — disse Jeongin tomando um gole de sua água, ainda ofegante graças ao time de basquete que o mesmo participa, hoje era o dia da partida deles, e bom... Lá estava ele, como sempre

 

— Pelo menos vocês ganharam —

 

— Claro, se não fosse por você rindo da minha cara e falando com a sua amiga do quanto os garotos do time são lindos eu jamais venceria — ironizou logo envolvendo seus braços pela minha cintura tentando trazer nossos corpos para perto em meio a um abraço

 

— Sai — tento me afastar com uma cara de nojo, mas a tentativa é falha — Você está suado

 

— Relaxa, eu sou tão maravilhoso que até o meu suor é lindo — diz esfregando seu rosto em meu ombro secando um pouco de seu rosto suado graças ao jogo

 

— Yang Jeongin eu vou te bater —

 

— Eu sei que você me ama, até mesmo suado, sujo, acabado, com olheira, cabelo desarrumado. Uh, olha como você sorri quando me vê, eu consigo ver o reflexo do amor da sua vida nos seus olhinhos 

 

— Sai — rio enrubescendo aos poucos, tentando esconder meu rosto do menino

 

   O maior se aproxima aos poucos de meu rosto, mantendo seu olhar fixo no meu com uma tentativa — muito bem sucedida — de manter minha atenção no mesmo. Sua boca estava com uma coloração de pêssego que se fazia mais tentadora a cada segundo, suas mãos já se enlaçavam em meu pescoço logo iniciando as boas vinda de um selar demorado que mais tarde até alguns segundos se transforma em um beijo mais investido.

   A forma como ele me trazia uma valsa selvagem de ansiedade e paixão era incompreensível, ele tinha muito poder e fragilidade, ele tinha a total noção de como me deixar submissa aos encantos da paixão até então proporcionadas por ele. 

   Ele me fazia sentir em um filme, onde ele era a melhor parte.

   O mesmo se afasta poucos centímetros graças a falta de ar, dá mais um selar em meus lábios ainda com os olhos fixos em minha tontura definitiva ao momento proposto. Encaixo minha cabeça em seu ombro com a tentativa de demonstrar minha fragilidade no momento, mas logo isso é percebido pelo mesmo.

— Tá vendo, você não consegue fugir dos meus encantos — Ele sussurra próximo a minha orelha e ri baixo com o momento

 

   — reflect

Tudo o que eu quero ver, é o quão bonito você é, o quão incrível é o seu poder aos meus sentimentos... Eu sei que eu faço borboletas no seu estômago, mas entenda meu bem... Tudo isso, é apenas a forma que o meu filme se encaixa no seu, mostrando a todos... O amor que nos envolve

 

SchoolDateAU!

 

 

 

 

 

   

 

  

 

 

 

 


Notas Finais


VAI DAR VIEW EM STRAY KIDS UHUL

Foi isso mores, lembrando que o comentário de vocês realmente faz o meu dia, então me digam o que acharam, se tem algum pedido ou não, por favor, me deixem felizes, rsrsr

Tchau 🌸


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...