1. Spirit Fanfics >
  2. Betrayals - Saida (Short Fic) >
  3. Capítulo Cinco

História Betrayals - Saida (Short Fic) - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


Vocês já devem estar cansados de mim né kkkk sempre atualizo de madrugada

E como eu disse no cap anterior esse daqui vai ser o último

Boa leitura

Capítulo 5 - Capítulo Cinco


Fanfic / Fanfiction Betrayals - Saida (Short Fic) - Capítulo 5 - Capítulo Cinco

                     Sana Pov's

Acordei com a brecha de luz que saia entre as cortinas bem na minha cara, ótimo jeito de começar o dia, pelo menos estava sol.

Peguei meu celular e vi que estava cedo e ninguém tinha acordado ainda, fui no banheiro fiz minha rotina matinal e saí para comprar pão. Assim que cheguei em casa preparei o café da manhã e noitei que já se passava das oito e meia.

Logo Mina e Chaeyoung desceram com cara de sono e sentaram-se à mesa.

Mn, Cy– Bom dia Sana.

– Bom dia meninas, dormiram bem?

Cy– Tem como não dormir bem na sua casa? Dormir naquela cama é o mesmo que dormir nas nuvens.

Mn– A Sana é rica o que você esperava? A casa dela tá mais pra uma mansão do que casa.

– Eu não sou rica tá bom, só tive sorte do meu pai ser arquiteto porque se não fosse por isso eu com certeza estaria morando em um cômodo e pagando aluguel.

Cy– O que você trouxe pro café da manhã? Tô sentindo um cheiro maravilhoso o que é?

– Tá reconhecendo o cheiro não baby tiger? 

Cy– Pera aí... Mentira que você fez panqueca! Sana eu te amo!

– E eu vou fingir que acredito.

Ouvi alguém descendo as escadas e logo vi que era Dahyun, peguei um remédio para dor de cabeça e um copo d'água.

– Bom dia meninas.

Cy– Vou dar o bom dia na sua cara Kim Dahyun! Olha se um dia eu ver você colocando uma gota de álcool na boca eu juro que esfolo sua cara no asfalto.

– O seu jeito de mostrar que se preocupa comigo é diferente.

– Ora sua.

Sn– Chaeyoung vai comer suas panquecas antes que esfriem, tem morango na geladeira se quiser.

Fui até Dahyun e entreguei o remédio e a água, não sei bem como agir com ela por que eu tenho quase certeza que ela não se lembra de nada, e eu não tô afim de ser a pessoa que vai contar que a Momo traiu ela.

– Senta aqui aposto que você deve estar com fome.

– Sana a gente pode conversar?

– Claro, mas come primeiro vou subir e tomar um banho.

Ao subir as escadas levei um susto quando dei de cara com Tzuyu.

– Quer me matar do coração menina?

– Digo o mesmo! Ainda sou muito nova pra morrer, pelo amor de Deus não faz mais isso.

– Eu só tava indo pro meu quarto, desce lá em baixo que eu fiz o café da manhã. Ah antes que eu me esqueça, acorda as outras dorminhocas por favor.

– Taokei.

Sana chegou no quarto e viu que Dahyun tinha arrumado a cama antes de sair, pegou uma roupa e foi tomar banho.


...


Tinha se passado um bom tempo desde que Sana tinha terminado o banho, assim que desceu Dahyun a chamou para conversar.

– Bom eu vou direto ao ponto, não lembro bem o que aconteceu ontem mas lembro muito bem da traição e da nossa conversa.

– Não faço ideia de como você lembra disso.

– Eu disse que ia lembrar não disse.

– É disse sim.

– Eu quero te pedir desculpas por tudo de verdade, você é uma mulher incrível Sana e eu te admiro muito porque eu não sei como agiria estando na sua situação, não sei se ajudaria a pessoa que me traiu.

– Você é uma boa pessoa Dahyun e errar é humano, depois da nossa conversa de ontem eu finalmente entendi isso e agora sinto que posso te perdoar.

– Você tá falando sério?

– Sim Tofu será que podemos voltar a ser como éramos antes?

– Eu que deveria te perguntar isso mas respondedor sua pergunta, é claro que sim, eu realmente sinto falta da nossa amizade Sana. Então agora está tudo bem entre a gente.

– Claro Dahyun.

– Bom eu acho que tô pedindo de mais mas... Eu posso te dar um abraço?

– Claro que pode besta.

Dahyun abraçou Sana e ficou ali por alguns segundos.

– Você não tem ideia de como eu estava com saudades desse abraço.

– Minatozaki Sana dá os melhores abraços do mundo o que você esperava.

– Você continua a mesma convencida de sempre.

– Não mentiu.

– Obrigada por tudo Sana, mesmo eu sendo a maior idiota você ainda assim me perdoou.

– Acima de tudo eu amo você e nossa amizade é muito importante pra mim e olha mesmo que a Momo tenha te traído tenta entender o lado dela, assim como eu fiz com você, claro que demorou quase um ano mas a amizade é o que vale e assim como você ela errou, todo mundo merece uma chance Hyun e eu espero que ela esteja arrependida do que fez.

– Eu te amo Sana por mais que agora seja só amizade, eu vou tentar perdoar ela mas só se ela estiver realmente arrependida do que fez e bom eu espero que ela seja feliz com o Heechul.

– Eu também espero Dahyun.

– Lembra das últimas palavras que nós trocamos quando terminamos?

– Lembro.

– "Sinto muito".

– "Eu te odeio".

As duas caíram na gargalhada ao relembrarem as frases que falaram uma para a outra quando Sana descobriu da traição.

– Aquele foi um dia cheio de emoções pra mim.

– Eu imagino.

– Eu digo muita emoção mesmo, eu misturei todo tipo de bebida que você possa imaginar, fumei maconha, cheirei pó, transei com umas duas mulheres e quebrei o nariz de um cara, depois disso Nayeon e Jeongyeon me deram o maior sermão da minha vida e Mina veio e ajudou.

– Uau... Sem palavras.

– Depois disso eu nunca mais fiquei bêbada, e se um dia você fizer isso de novo eu juro que esfolo sua cara no asfalto.

– Baixou a Chaeyoung em você agora só pode.

– Vai eu e a Chaeyoung fazer isso caso você encha a cara de novo.

– Eu amo muito o meu rosto então não obrigada.

– Fica esperta Kim.

– Digo o mesmo Minatozaki.


Notas Finais


É isso gente esse foi o último capítulo e espero que vocês tenham gostado.

Aposto que vocês não pegaram a referência das frases que ela falaram

Já que estamos em quarentena pra quem gosta de michaeng dêem uma olhada na minha outra fic

Bom até a próxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...