História Bevie - As barreiras de um amor proibido é a dor da alma - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Descendentes
Personagens Evie, Príncipe Ben
Tags Amigos, Ben, Bevie, Descendentes, Evie, Romance
Visualizações 191
Palavras 1.027
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Romance e Novela, Violência
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que gostem beijos

Capítulo 6 - Isso me mata


Fanfic / Fanfiction Bevie - As barreiras de um amor proibido é a dor da alma - Capítulo 6 - Isso me mata

Escuto um barulho e corro até ele apressado.  

Doug – Ben me escuta, eu não queria machuca-lá.  

Olho em seus olhos e me aproximo.  

Ben – você nunca mais vai chegar perto dela ou encostar um dedo nela.  

Puxo ele pra perto de mim e me sentia realmente como uma fera. Tento sempre esconder esse lado meu, mas as vezes eu não consigo me conter.  

Começo a bater na cara dele sem parar e me sentia como uma fera e isso era bom e faz com que eu me senti bem e relaxado, mesmo ao ver ele implorando para que pare e sangrando sem parar.  

Jay – Ben pare  

Ele tenta me puxar e eu volto pra cima do Doug.  

Jay – você é um rei Ben sabe como se deve agir e essa não é a melhor maneira, lembra que você me falou?  

Ben – ele merece.  

Tento voltar e o Jay me puxa.  

Jay – a Evie não vai gostar de saber disso.  

Me afasto e vou me acalmando aos poucos. 

Ben – só quero o bem dela.  

Jay – eu também, vá falar com ela e tente consola-la, ela irá ficar feliz por ver os amigos com ela.  

Isso que eu sou, um amigo. Um simples amigo e nada mais.  

Ben – eu vou ver ela... 

Tento sair e ele me puxa.  

Jay – primeiro você vai tirar essa roupa cheia de sangue e depois vai até ela.  

Ben – eu vou logo. Como fica isso... 

Falo apontando para o Doug que esta desmaiado.  

Jay – eu resolvo isso. Vá logo.  

Saio andando bem rápido e tento não ser visto por muitas pessoas.  

Tiro minha blusa e jogo ela dentro do cesto e vou andando até o quarto da Evie sentindo olhares me penetrando. Tenho que me acostumar com isso.  

Finalmente chego no quarto da Evie.  

POV Evie  

Escuto alguém bater na porta. Sério isso? Acho que se eu ignorar vai embora.  

As batidas continuam e eu me levanto a abro com tudo e é o Ben. O que ele faz aqui? Deve estar atras da Mal. Por que ele está sem camisa? Esse tanquinho maravilhoso. PARA EVIE.  

Evie – Ben o que você faz aqui? Se for por causa da Mal ela não... 

Ben – não, não é por causa dela eu queria vim te ver e ter certeza que você estava bem.  

Evie – vou ficar  

Digo me virando e voltando pra minha cama e me sento.  

Evie – como está vendo eu estou bem.  

Ele entra e fecha a porta. 

 Isso é tão estranho ele está aqui no meu quarto, sem camisa e sem a Mal.  

Evie – Ben cadê a sua camisa?  

Ben – eu esqueci que você não curte me ver assim.  

Evie – não é isso, você tem um corpo lindo. Quer d-dizer... 

Sinto minhas bochechas queimando e ele se aproxima da cama e senta na beira.  

Ben – eu não reclamei vendo você só com esse blusão.  

Olho pra baixo e me cubro bem rápido.  

Evie – para Ben.  

Ben – fica tranquila.  

Ele me olhava de um jeito que minha nossa. Sinto meu coração batendo cada vez mais forte, tô com medo dele escutar.  

Evie – acho melhor você ir  

Ben – quer mesmo?  

Óbvio que eu não quero. Estou adorando ver esse corpinho. PARA. 

Evie – sério me fala por que você está sem camisa?  

Ele fez uma cara seria. O que está acontecendo?  

Evie – o que foi?  

Ben – o Jay me contou que o Doug te machucou e eu... 

Como ele pode contar? Eu contei para os meninos, eles não deveriam ter contado para o Ben.  

Evie – o que você fez? 

Ben – ele mereceu Evie  

Eu já estava ficando assustada.  

Evie – fala logo o que você fez 

Ben – o que ele merecia. Ele bateu em você, eu não poderia deixar isso passar em branco.  

Evie – Ben você é o rei... 

Ben – eu sei, mas eu devo muita coisa a você e não deixaria ninguém machuca-lá.  

Ele passa a mão no meu rosto e o seu toque na minha pele já me trás sensações até então desconhecidas.  

Ele começa a passar os dedos nos meus lábios e olhar pra minha boca. E eu fico olhando em seus olhos, são tão hipnotizantes.  

Ben – não morde os lábios desse jeito Evie.  

Ele se aproxima de mim e continua olhando fundo nos meus olhos.  

Evie – Ben eu... 

A porta abre com tudo e a Mal entra e o Ben  fica em pé. Espero que ela não tenha achado estranho, porque eu estou achando. 

Mal – o que está acontecendo?  

Ben – eu vim aqui lhe ver.  

Por que ele está mentindo?  

Ben – aí a Evie estava aqui e aproveitei pra perguntar a ela uma coisa.  

Mal – o que?  

Ben – é uma surpresa meu amor.  

Mal – por que você está sem camisa.  

Ben – era uma surpresa pra você  

Mal – sério? Evie será que você... 

Ela fez sinal pra porta.  

Evie – posso me vestir primeiro?  

Mal – sai Evie.  

Ela me puxa pra fora da cama e o Ben fica me olhando. Acho que estou toda vermelha agora.  

Mal – Ben não olha.  

Ela puxa ele pra ela.  

Mal – você não viu que o Ben está aqui?  

Evie – qual o seu problema? Você que me puxou. 

Procuro minha sai e a ponho. Pego as botas e calço e está ótimo.  

Evie – e eu vou ficar onde?  

Mal – com o Doug  

Evie – eu não estou mais com o Doug. 

Mal – depois você vai me explicar isso direitinho. Vou trocar de roupa.  

Ela beija o Ben na minha frente e me dá um nojo ao ver isso. Como pode? Eu sou uma péssima amiga.  

Ela sai andando e entra no banheiro. Vou andando até a porta e quando abro o Ben apareceu e se inclinou pra mim e sussurrou no meu ouvido.  

Ben – fica no meu quarto, eu já vou lá.  

Evie – achei que você fosse bonzinho.  

Ben – também tem uma fera dentro de mim. Não deixe ninguém ver você desse jeito.  

Evie – que jeito?  

Ben – com essa roupa curta. Vai logo.  

Evie – eu não vou ficar lá enquanto você... 

Ben – estou fazendo isso como amigo  

Evie – tá 

Amigo? isso é serio? Não pode ser, como alguém fala isso...Espera, ele está certo só podemos ser amigos, só devemos ser amigos.

...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...