1. Spirit Fanfics >
  2. Bird Box (Imagine Hyunjin) >
  3. Capítulo 1

História Bird Box (Imagine Hyunjin) - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Olá my babyss
Bom
Eu sempre trago fanfics do Bts, apesar de ser bem multifandom
Eu já tinha escrito uma fic do Hyunjin, mas por falta de tempo e criatividade acabei excluindo ela
Eu só trouxe essa fic depois de ler muitas sobre esse assunto e ganhar uma inspiração gigantesca
Mas de qualquer jeito o que realmente importa pra mim é o prazer de vcs em lerem minhas fics
Amo o 6 ❤️❤️
Um beijo no popô e boa leitura
(◍•ᴗ•◍)❤ ʕっ•ᴥ•ʔっ

Capítulo 1 - Capítulo 1


Fanfic / Fanfiction Bird Box (Imagine Hyunjin) - Capítulo 1 - Capítulo 1

P.O.V.s S/N

Lá estava eu voltando pra casa depois do trabalho

Eu ainda passaria na casa da minha irmã mais velha Eun-Kyung, a mesma disse que precisava conversar comigo

Chegando lá abro o portão com a chave que tinha e abro a porta vendo ela na sala

S/N: Oii Noona

Eun-Kyung: Oi pequena

Nos abraçamos e ela fala

Eun-Kyung: Só queria te convidar pra ir tomar um café, você anda muito ocupada, mal sai comigo mais

Rimos e eu falo

S/N: Eu aceito sim

Eun-Kyung: Vamos então?

Concordo e nós saímos da casa dela

Fomos até uma cafeteria ali perto porém fomos de carro

Chegando lá vemos algumas pessoas concentradas na TV

Um noticiário dizia que uma epidemia gravíssima estava varrendo o mapa mundialmente, deixava as pessoas pertubadas e elas acabam comentendo suicídio

Eun-Kyung: Que noticiário horrível

S/N: Pensei a mesma coisa, pelo menos não chegou aqui...seria o maior caos

Estávamos comendo numa boa o café que finha acabado de chegar até nos assustarmos com um pessoa batendo com tudo a cabeça na porta de vidro da cafeteria

Ela bateu tantas vezes sua cabeça na porta que cortou por inteira sua testa e antes que quebrasse a porta ela saiu dali e se jogou na frente de um carro

Foi aí que tudo começou, escutamos vários carros batendo a vários gritos

As pessoas corriam e choravam por todo o lado

Eun-Kyung segura minha mão e saí da cafeteria 

Entramos no carro as pressas e eu falo

S/N: Dirije rápido essa merda Eun-Kyung

A mesma não responde apenas liga o carro e sai o mais rápido dali

Quase batemos várias vezes, as pessoas perderem completamente o controle de suas ações

Meu celular toca e eu tento o tirar da bolsa que estava no banco de trás

Eun-Kyung: Desgraçado...

Escuto minha irmã falar mas não tiro a atenção da bolsa

S/N: O que foi?

Digo isso sem obter resposta alguma

Quando pego o celular o mesmo já tinha parado de tocar, olho pra frente e vejo que iríamos bater

S/N: MERDA EUN-KYUNG

Digo isso e fecho os olhos sentindo o impacto da batida

O carro deu várias voltas até finalmente parar

Eu e Eun-Kyung saímos do carro mas a mesma me olha e fala em um susurro

Só entendi o que ela disse pois fiz leitura labial

Eun-Kyung: Desculpe irmã...

A mesma diz isso e se joga na frente do caminhão que esmagou seu corpo jogando sangue pra todos os lados

S/N: NÃOOOOOOOOOOOOOOO

Dou um grito de dor vendo a cena que mais me doeu em toda a minha vida

Eu perdi a pessoa que mais amava

Em meio a tanto caos me levantei secando as lágrimas e saí dali para não ficar mais abalada com o que aconteceu

Acabei ouvindo um grito de desespero de a criança

Olho por todos os lados e vejo um menino sentado ao lado de um homem com o pescoço sangrando

??: HYUNG????

O mesmo chacoalhou o corpo do homem caído no chão 

Meu coração aperta mais ao ver aquela cena e eu corro até o menino

S/N: Eii, precisamos sair daqui garotinho

??: Mas e o meu Hyung????

S/N: Ele não está mais vivo pequeno, e se continuarmos aqui seremos os próximos

Pego o mesmo no colo sentindo ele afundar seu rosto no meu pescoço  

Sei que estava sendo dura demais com ele mas não podia iludir o mesmo em meio a tanto caos, isso só iria machuca-lo mais

Corro com o mesmo até uma loja de conveniência 

Entro na mesma me deparando com o balconista morto

O mesmo estava com um tipo de corda amarrada no pescoço

Vou até os fundos da loja entrando no banheiro colocando o garoto no chão

S/N: Como você se chama?

??: Woojin...

S/N: Ok Woojin, quero que primeiro tente parar de chorar ok?

Woojin: Ok Unnie....posso te chamar assim né?

S/N: Claro que pode pequeno

Abraço seu pequeno corpo gelado devido ao inverno que nos encontrávamos naquele mês

Quando escuto o sininho da porta bater me separo de Woojin e falo baixo

S/N: Não importa o que aconteça, não abra os olhos Woojin

Woojin: Ok Unnie

Logo nos assutamos com a porta sendo aberta com brutalidade revelando dois adolecentes 

Pego Woojin no colo e fecho os olhos escutando os jovens falarem

??: Eu sabia que ainda teria gente aqui

??: Vamos, vocês precisam ver algo novo...tenho certeza que vão adorar

Ele diz dando uma gargalhada alta e doentia

Sinto mãos fortes e firmes agarrarem meus ombros e me tirarem dali com força

Aperto mais Woojin mas foi em vão...logo sinto o menor ser tirado de meus braços

S/N: WOOJIN

Grito seu nome e o mesmo responde

Woojin: UNNIEEEE

O mesmo chorava tanto que seus soluços causavam arrepios em mim

Sou assustada de novo quando escuto dois disparos

Logo as mãos que me seguravam me soltaram rapidamente e eu escutei o corpo do adolecente cair   

Por muito medo acabo caindo sentado no chão

??: Eiii, você está bem?

S/N: E-estou... cadê o Woojin??

Woojin: Aqui Unnie

Sinto seu pequeno corpo pular em mim e me apertar com força

S/N: Você não está com os olhos abertos né pequeno?

Woojin: Não Unnie...

S/N: Como sabia onde estou?

Woojin: Segui sua voz...

Sorrio e o aperto mais

??: Precisamos sair daqui, coloquem essas vendas e segurem minha mão

S/N: Como é seu nome???

??: Me chamo Hyunjin, e estou com meu amigo Jimin

S/N: Como sei que posso confiar em vocês?

Hyunjin: Se fôssemos loucos também teríamos tentado matar vocês

Permaneço calada e sigo os dois homens até receber ajuda para entrar no que parecia ser um carro

Uns 5 minutos depois Hyunjin fala que podemos tirar as vendas

Tiro a minha e em seguida tiro a de Woojin

Olho pra frente e vejo estar com dois garotos muito lindos no carro 

Ficamos quietos até o carro parar

Até por que desconhecidos não tem muito o que discutir então não ficou um clima tão tenso

Quando o carro parou colocamos as vendas e eu pego Woojin no colo de novo

Saímos do carro e entramos em um lugar desconhecido

Assim que tudo estava fechado tiramos as vendas novamente

Quando abro os olhos de novo vejo que estavamos no que parecia ser um hotel

Ele tinha aparentemente apenas 3 andares

O local estava meio escuro e a eneegia não era uma das melhores

Por sorte o lugar tinha algumas velas acessas e isso ajudou bastante

O hotel estava meio antigo, o corrimão todo enferrujado

Quando achamos o primeiro quarto colocamos novamente a venda e entramos fechando tudo

Quando finalmente tudo estava fechado vemos que o quarto era grande

Tinha uma cama de casal e duas camas de solteiro em um canto

Hyunjin: Você e o garoto podem dormir na cama de casal, eu e Jimin ficamos com as camas de solteiro

Deito Woojin na cama de casal com delicadeza já que o menor se encontrava em um sono pesado

Me sento ao seu lado e fico o olhando dormir








Continua???


Notas Finais


Por enquanto é isso my babyss
Espero que tenham gostado 💫❤️
Até o próximo capítulo ❤️💫


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...