História Black and White (G-Dragon) - Capítulo 10


Escrita por:

Postado
Categorias DaeSung, G-Dragon, SeungRi, T.O.P, Taeyang
Personagens G-Dragon
Tags Bigbang
Visualizações 44
Palavras 849
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Drogas, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Aeeeeeeeeeeee olha quem apareceu ne depois de tanto tempo psr eu de novo kklkkkk espero que gostem eu escrevir essa fic umas tres vezes por causa que eu achava mo palha e tals e eu demorei por causa que eu to em dia de MUITA prova aih fica dificil mais chega de enrolação e tenha uma boua leitura bjs

Capítulo 10 - Capítulo 10


Já se passou uma semana que ele foi pra Coreia e eu não recebi noticias dele ainda, nesse meio tempo eu não sair do apartamento por medo de acontecer alguma coisa comigo. Neste momento eu estou sentada no sofá olhando o que tem de bom nessa televisão, to aqui já faz bastante tempo não sei nem o que fazer eu conheço esse apartamento perfeitamente, já olhei vários lugares dele e eu entrei dentro de um quarto que tinha varias armas fiquei com medo de começo mais agora já me acostumei, nunca pensei que ele iria fazer tanta falta assim pra mim, fiquei olhando pro nada ate eu sentir vontade de ir ao banheiro, levante do sofá e subir as escadas correndo entrei no quarto e seguir direto para o banheiro. Sair do banheiro quando eu estava quase perto da porta do quarto eu escutei um barulho no andar de baixo da casa, abrir a porta do quarto e seguir para o outro quarto onde tinha varias armas, assim que eu entrei no quarto eu não sabia o que pegar, peguei uma Pistola Glock que tinha um GD de ouro na mesma ela estava em cima de uma mesa foi a primeira coisa que eu vi eu peguei, sair do quarto e seguir para a escada e agora o barulho vinha da cozinha desci as escadas segurando a arma com as duas mãos e logico eu estou tremendo né, quando eu cheguei na cozinha não tinha ninguém "estranho" pensei, eu abaixei a arma e fiquei olhando a bagunça que o traste tinha feito.

- Quando eu souber quem fez isso não vai sobrar história pra ele contar -eu disse nervosa e fui arrumar a cozinha quando eu coloquei a arma em cima do balcão alguém pegou a mesma e me parou colocando o braço no meu pescoço e apontando a arma pra minha cabeça eu fiquei congelada nunca tinha passado por isso antes. Tentei me soltar só que a tal pessoa apertou mais o braço no meu pescoço sentir vontade de chorar mais eu não iria chorar aqui talvez quando eu morrer não sei.

- Shh - eu reconheci a voz e arregalei os olhos e falei.

- Achei que você não ia voltar mais - ele tirou a arma da minha cabeça e afrouxou o braço do meu pescoço.

- Calma você ainda vai me ver por muito tempo, e eu nunca vou embora e deixar de provar o que eu tenho - assim que ele disse isso eu sentir minha bunda sendo apertada respirei fundo e fechei os olhos, foi automático - Nunca se sabe o dia que você vai embora - ele sussurrou no meu ouvido a ultima palavra.

- Eu não tenho lugar pra ir mesmo - tirei o braço dele do meu pescoço e me virei pra ele, ele esta todo acabado com olheiras e magro - Nossa o que aconteceu com você ?

- Nada.... To com fome faz comida pra mim ai que eu vou tomar banho assim que você termina me avisa - quando ele ia saindo da cozinha ele voltou atras e disse - Não mexe mais nas minhas coisas - e saiu em direção o quarto. Fui fazer a comida.

(...)

Terminei de fazer a comida e fui avisar a Ji-yong, subir as escadas e seguir em direção ao quarto, abrir a porta e não encontrei ele devi estar tomando banho ainda, esperei um pouco ate ele sair do banheiro com uma bermuda e sem camisa.

- Já terminei a comida - levantei da cama e quando eu ia saindo ele me puxou e me jogou em cima da mesma e depois ele subiu em cima de mim - O que voce acha que esta fazendo ? - olhei pra ele serio.

- Ue agora sou eu que tenho que pergunta porque aquele dia voce me beijou ? - ele falou com certo deboche na voz fiquei olhando pra ele bastante tempo ate ele termina de dizer - Agora eu quero saber fiquei curioso - ele sussurrou no meu ouvido e mordeu o lóbulo da minha orelha.

- Da pra sair de cima de mim ? - ele bufou e saiu com raiva bateu a porta do quarto e provavelmente foi pra cozinha.

(...)

- Pra onde voce vai ? - perguntei quando eu olhei ele todo arrumado. Ja estava de noite e nao tinha nenhuma loja ou algo assim aberto.

- Um lugar que se chama nao e da sua conta - ele falou seco sera que ele ainda ta com raiva sobre aquilo de mais cedo. Fique olhando ele pegar a chave do carro e do apartamento.

- Pra que voce vai levar a chave do apartamento ? - ele olhou pra mim com pior cara possível e entao eu prefiro ficar quieta. Assim que ele pegou algumas coisas amais ele saiu do apartamento e eu escutei o barulho da porta sendo trancada do lado de fora eu fique incrédula, entao vai ser assim agora? resolvi ver um pouco de televisão e ali mesmo no sofá eu adormeci.


Notas Finais


Ta uma bosta? ta! mais eu prometo melhora ( ta eu fl isso em todas as fics) kkkk mais prometo melhorar mais, to com alguns problemas mais nada que nn vai dx essa fic continuar, bjs


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...