História Black Cat - Capítulo 1


Escrita por:

Visualizações 58
Palavras 1.047
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Comédia, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Fluffy, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo-Ai, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Bom essa é minha primeira fanfic que eu finalmente posto , então espero que gostem ^~^. ( amém Stray Kids)
{ Á maior parte da historia vai ser tanto na visão do Felix quanto no próprio pensamento dele. }

Capítulo 1 - Capítulo 1 -


Fanfic / Fanfiction Black Cat - Capítulo 1 - Capítulo 1 -

Sabe aquele sentimento de arrependimento?  Então é o que sinto  nesse momento q me encontro indo para a casa do meu primo e do seu namorado, meus pais falaram “Ah Felix, vai ser bom você descobrir outras pessoas,lugares... “,  e eu  achei q seria algo como uma viagem de verão, mas quando vi já estava no avião direto para Coréia. Bom não deve ser de todo ruim morar na casa do meu primo, Bang Chan ou Christopher Bang é o seu nome, é  meu primo por parte de pai e também um híbrido de coala. Bom você deve estar se perguntando “Híbrido?  Como assim? “, bom digamos que quando esse tipo de “espécie foi criada” ela era somente utilizada para bens próprios como escravos tantos domésticos ou sexuais e as vezes como companhia, somente as pessoas mais ricas os tinhas , mas  hoje em dia depois de uma luta pelos direitos eles foram aceitos como cidadãos “normais” e agora podem ter famílias,  estudarem e talz,  bom ainda tem casos onde eles são usados como escravos mas são poucos . Mas continuando digamos que Chan é um híbrido carinhoso até, pelo o que eu me lembre ele sempre foi de abraços e sempre tinha cuidou de mim, até ele se mudar para a Coreia, e bem ele sempre falou do namorado que nunca conheci e pelo o que me lembre ele disse que se chamava Kim Wiijin? ou era Woojin?

- Ei garoto chegamos ao seu destino – Disse o motorista do táxi me tirando do meu pensamento.

- Ah claro, me desculpe. – Disse o entregando o dinheiro e saindo do táxi.

Ótimo, agora me encontro em frente q casa de Chan,  certo,  será q estou bem arrumando pra o ver?  Será que ele mudou bastante com o tempo?  Ah claro q ele mudou Felix se passaram vários anos é claro q ele mudou.....

- Felix?  É você primo? – Escutei uma voz conhecida me chamar.
Ergo minha cabeça e avisto um ser alto de cabelos platinados e orelhas redondas e felpudas cinzas,  ah é claro Bang Chan mudou bastante com esse passar de tempo.

-AAHH FELIX É VOCÊ MESMO, MEU DEUS PRIMO QUE SAUDADES- Disse me abraçando ou melhor,  quase se fundindo comigo.

-hahaha,  é bom ve-lo também Chan.

- Meu deus, eu tenho tanta coisa para te falar, vem logo– Assim Chan praticamente me arrastou para sua casa que bem, não era uma casa gigante, digamos que de porte médio, logo na entrada dava pra se ver uma cozinha grudada com uma sala e uma escada logo ao lado, praticamente deveria ser para o segundo lugar.

-Certo.... Felix casa, casa Felix, logo você se acostuma.... E a tire esses sapatos aqui não é a Austrália – Certo, primeiro costume que irei ter de aprender a lidar – Bom, Felix  esse aqui é o meu namorado Woojin ,Hyung venha aqui- Chan grita e  um homem alto de cabelos negros e com uma feição seria ,vem até nos, deve ser o tal de Woojin.
                         - Prazer em conhecê-lo Felix,  me chamo Woojin e espero que possamos nos dar bem -  Disse com uma voz suave que se eu pudesse descrever digamos que seria uma voz perfeita para cantar alguma melodia, e assim ele disse se curvando, e é claro que me curvei, omma disse q isso é um comprimento de respeito?  acho que é isso.

- Felix venha que irei te levar para o seu novo quarto a partir de hoje - Chan mais uma vez me arrastou e  subiu as escadas comigo, bom a parte de cima tinha dois quartos, um banheiro, algo que parecia uma sala e uma varanda que dava para ver o quintal consideravelmente grande.

- Certo,  esse vai ser seu quarto, você pode o decorar-lo  como quiser... Aah, além disso a tia já me mandou te matricular em uma escola, ela não é tão longe, Woojin Hyung e eu vamos para a faculdade que é praticamente do lado e você ira com nos  - Certo, esse é meu quarto, Chan e Woojin vão pra faculdade, eu vou pra uma escola nova.... ESPERA AE.

- COMO ASSIM EU VOU PRA UMA ESCOLA NOVA??? HYING NEM COREANO EU SEI DIREITO - okay se achava q já tava pior agora piorou mais.

- NÃO GRITA COMIGO FELIX, alem disso se diz ''Hyung'' e além do mais não se preocupe que escola é pra isso mesmo, lhe ensinar, além de que eu e Woojin iremos te ajudar na pronuncia, não se esqueça que você pode falar em inglês tambem - Assim Chan saiu do meu quarto, bom acho q posso chamar assim... Okay são muitas informações para minha cabeça,  certo temos escola, coreano, inglês, escola e.. e... Eu já disse escola? , por que  minha mãe tinha de me arrumar uma confusão dessas, bom espero q n seja de todo ruim.
~~~Quebra de Tempo~~~

De banho tomado, pijama colocado, acho que agora seria uma boa hora para dormir mas sinto que algo me incomoda, talvez seja por eu estar longe do meu conforto? não que aqui não esteja sendo, Woojin e Chan Hyung estão me tratando super bem e é até fofo ver o dois se abraçando e fazendo carinha um no outro, mas mesmo assim me encontro meio perdido, e se eu chegar lá e não souber o que fazer, pelo oque sei os costumes daqui são diferentes, as pessoas também são ......
Sou tirado dos meus pensamentos com o sentimento de como se algo me observava, olho para a janela que está aberta? eu não a tinha fechado antes? ou eu já estou ficando louco?. Chego perto da janela e não vejo nada fora do comum,certo acho q estou ficando louco.Até que olho mais pra cima e vejo uma outra janela com alguém olhando? e aquilo parecia ORELHAS??? . 
Logo que avisto o que parece estar por trás da janela ela se fecha bruscamente e as luzes se apagam.
- Certo isso foi bem estranho ,talvez se eu me deitar isso não passe de uma ilusão que estou tendo -  Acabo sussurrando e fechando a janela.
 Okay Felix, amanhã vai ser um outro dia e isto n vai passar de um mal entendido e eu estarei na minha cama-  Digo por fim me deitando e apagando a luz.


Notas Finais


Espero que tenham gostado,e até o próximo capítulo ^~^


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...