História Bloco de notas - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Original
Visualizações 4
Palavras 513
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Musical (Songfic), Poesias, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Mutilação, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - O verdadeiro Show!


Eu abro os olhos e as cortinas vermelhas se fecham... Nenhum aplauso, nenhum elogio, nenhum biz, ninguém se quer grita o meu nome. A frustração me comrronpe e as críticas vem atona... 


Você é apenas mais um... No mundo.

Você é apenas mais um... Sem talento


Tudo está escuro um breu sem fim, eu e o oloforde e mais ninguém, apenas eu e os meus sonhos e nada mais.


Eu grito comigo mesmo, exigindo perfeição, eu grito com os outros exigindo aprovação. Eu choro ajelhado pedindo a Deus um alívio, eu canto desafinado dentro de um guarda roupa para não encomodar o vizinho.


Sou um alguém comum com uma rotina perturbadora, eu apenas acato ordens do meu patrão em troca de velhas notas de 100.

Enquanto estou sentado olhando as imagens que passam através deste vidro arranhado. Eu sonho com uma realidade distante mas confortável.

Uma multidão de estrelas brilhantes, as luzes, os oloforde e aquele palco grande, um microfone e o som ligado no último volume e todos gritando meu nome em um córo perfeito. 

Cada palavra dançando até os ouvidos de cada um. Cada palavra simples se tornando algo importante. 

Eu quero que eles me ouçam e digam uau. Eu quero que eles me vejam se arrependam e digam: sensacional.

Eu acordo deste sonho no ônibus, suado vendo um homem com suas trufas fazendo o seu trabalho. Desço cansado, acabado e esgotado mais me despertando, pra ir pro meu curso diário.

Agora eu pergunto como sonhar tão alto, vendo minha realidade todos os dias me dando tapas para acordar. Eu apenas fecho os olhos e finjo que não estou vendo, eu apenas fecho os olhos e finjo que nada está acontecendo.


Mais uma vez subindo em um pequeno palco, poucas pessoas me assistem com uma cara de puro tédio, mas mesmo assim eu continuo... Fecho os olhos apertando e olhando pra baixo, eu extravaso as energias e subo no palco.

 A música começa e o ritmo me desperta, sinto uma força maior que eu me dominar... 

Sinto que este é o meu lugar, sinto que este é o meu lar e não importa o que disserem ninguém vai me afastar deste lugar...

 Não importa quantas pessoas caiam nesta batalha...

não importa quantos eu tenha que destruir, eu vou vencer... Nada vai me deter.

Não importa o que... Nada vai tentar evitar a capacidade que este pobre indivíduo tem de tentar sonhar.

Antes eu estava perdido no escuro, sem rumo, andando sozinho sem um sentido ou um bom motivo pra poder estar vivo. 

Até um dia uma bela melodia me estender a mão e me levar para luz, me conceder a visão eu pude ver o quão belo este mundo é. 

Eu apenas quero agradecer, agradecer a aqueles que me ajudaram, aproveitando suas obras até que meus pés se cansem de repetir sempre o mesmo passo.

E pra aqueles que continuam surdos e sem rumo eu irei resgata-los, através belos intrumentos, através de armoniosas notas dançando até os seus ouvidos e cochichando palavras doces e reconfortantes.

Eu irei vencer, assim como vcs...

Eu irei vencer, assim como aqueles que um dia me salvaram de um final trágico





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...