História Blood Line - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Tags Ação, Blood Line, Ficção, Historia Original, Luta, Sobrenatural, Violencia
Visualizações 11
Palavras 470
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ecchi, Ficção, Luta, Mistério, Misticismo, Romance e Novela, Seinen, Shounen, Sobrenatural, Suspense, Violência
Avisos: Estupro, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


*Esse capítulo foi editado
(informações sobre a morte do diplomata)
(Dúvidas, só perguntar)

Capítulo 5 - Trabalho Finalizado!


Fanfic / Fanfiction Blood Line - Capítulo 5 - Trabalho Finalizado!

 

Fiquei pensativo após o homem ter desaparecido na minha frente, pensei por um minuto ter surtado. Por que eu imaginaria um homem com olhos vermelhos, vestindo trapos me alertando e dizendo sobre o futuro?

 

Coloquei a cabeça no lugar e então resolvi continuar, mas com outro em plano em mente, senti que seria descoberto ao entrar como garçom, após ter sido visto uma vez. Então esperei alguns minutos para que  homem que eu havia roubado a roupa, recuperasse a consciência.

Assim que acordou, estava bem desorientado, porém bem o bastante para conseguir me ouvir, e  sentir dor. O susto que levou quando cravei  a lâmina no chão, ao lado da sua cabeça foi o suficiente para fazê-lo voltar ao seu estado original. Resolvi contar um pouco sobre mim, e o que pretendia fazer. Expliquei o que ele deveria fazer.

Entrei como cliente no restaurante e sentei o mais próximo possível do meu alvo. Fiquei observando os garçons, não contei um pouco sobre mim atoa, ele precisava saber que não estava lidando com qualquer um.

Após alguns minutos de espera ele apareceu, olhou para mim e fez um gesto discreto com a cabeça, como se tudo estivesse ocorrendo como o planejado. Ele foi designado para servir aquele grupo de pessoas importantes onde estava o diplomata americano Tyler Dylan.

Após servi-los, não demorou muito para que minha parte do plano chegasse ao fim, o famoso diplomata começou a ter convulsões, seus  olhos reviravam,  o corpo tremia, morreu em minutos.

Assim que os EUA receberam o relatório  do fracasso  da nova aliança com o Japão e da morte de Tyler, fizeram questão de esclarecer para todos os japonêses que estavam jurados de morte, tanto quanto qualquer alemão.

Assim que me certifiquei de tudo, terminei o meu jantar e deixei o local.

Em seguida fui atrás do Death, mas quando cheguei ao local onde treinávamos não havia nada, era apenas uma galpão vazio e  extremamente limpo. Senti que  havia errado, então fui atrás do comandante Klaus, para dar o meu relatório e pegar o que era meu por direito.

Chegando ao quartel, fui abordado por dois soldados armados como se eu fosse algum tipo de criminoso ou inimigo. Disse que precisava falar com o comandante, além de relatar o desfecho do plano, precisava  acertar as contas com ele.

Disseram que ele não estava,  havia partido para a Alemanha há  algumas horas atrás. Enquanto eu realizava aquele trabalho nojento, o comandante Klaus partia. Perguntei se ele havia deixado algo para mim e pra minha surpresa, disseram que nunca ouviram falar de mim ou do Death.

Fui forçado a me retirar. Eu estava extremamente frustrado e confuso. Percebi que havia sido usado e descartado. Por fim, resolvi voltar para casa. E o pior de tudo, foi não conseguir o dinheiro e os remédios que precisava conseguir.


Notas Finais


Desculpem a demora!
*Esse capítulo foi editado (informações sobre a morte do diplomata).


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...