História Blood x passion. - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, Got7, WINNER
Personagens Jackson, Jennie, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jisoo, Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lisa, Mark, Min Yoongi (Suga), Mino, Park Jimin (Jimin), Rosé
Tags Chaelisa, Jikook, Namjin, Vhope
Visualizações 12
Palavras 608
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Sobrenatural, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Primeiramente, oi! Bom, eu tinha feito uma fanfic antes dessa mas não deu muito certo, espero que vocês gostem, e críticas construtivas são bem-vindas.
Gostaria de deixar claro também que estou REPOSTANDO, porque eu tive que mudar de conta e eu não havia terminado a fanfic. Espero alcançar mais favoritos agora do que antes, obrigada pela atenção e boa leitura.

Capítulo 1 - I did not choose to be a monster.


 Capítulo  - I did not choose to be a monster.

Meu nome é Jimin, e eu sou um vampiro. Normalmente, as pessoas odeiam vampiros, dizem que somos aberrações da natureza, e tudo mais... eu concordo, mas também temos sentimentos, e eu vou contar a história da minha vida, dês do primeiro dia em que comecei a sentir sentimentos por um mortal.

Primeiramente, nunca vi tamanha mentira como a que inventaram que vampiro queima no sol. Não é verdade. Quando me transformei em vampiro, era difícil controlar o meu desejo por sangue, era muito forte. Tudo ficou estranho. Minha visão mudou, meu paladar mudou, tudo mudou! As pessoas perguntavam sempre se eu estava doente, e eu como não conseguia me controlar, corria sem responder pra não correr o risco de atacar pessoas. Antes de começar a ficar em casa, matei cerca de 23 humanos, mães e pais de família, adolescentes também. E pra não atacar minha mãe, comecei a me alimentar de sangue de animais da floresta. Eu era um monstro. Quer dizer... eu sou.

Quando vi que já havia me acostumado com sangue de animais, liguei para minha mãe perguntando se podia passar uma temporada com ela, e bom... claro que ela concordou, passei mais ou menos um ano e 30 dias em sua casa antes de resolver voltar a morar no dormitório da faculdade e voltar a estudar, tinha perdido um ano, afinal. Se eu voltar agora, terei de fazer o segundo ano novamente, mas tudo bem, meio que sou imortal agora, melhor ser um imortal rico do que pobre.

Em relação a minha transformação, não me lembro da aparência da mulher que me mordeu, mas lembro de seu nome, Jisoo. Jisoo pelo que eu me lembro e como ela me tratava ela era encantadora, foi meu primeiro amor. Ou pelo menos era oque eu achava. Passamos 4 meses juntos, e no último dia que a vi, estávamos passeando no parque, e quando me dei conta estava largado no chão, estava chovendo, e a minha vontade por sangue era insaciável.

Meu primeiro dia de volta a faculdade, foi bem tranquilo, pra ser sincero. Não ataquei ninguém, nem meu colega de quarto. Seu nome é Kim Namjoon, Namjoon só sabia falar sobre seu namorado, Seokjin. Era o tempo todo: "Ontem dormi com o Jin, por isso ele não foi para aula, ele disse que estou ficando bombado de mais" ou "Jin me deixa louco, eu não me controlo!" pra ser sincero, é bem engraçado, e eu nunca tive problema com homossexuais mesmo.

Namorado de Namjoon era bem legal, e muito gay. Sempre que vamos para a cantina Jin se junta a nós dois com seu amigo Jung Hoseok para almoçarmos/jantarmos. E hoje estávamos falando sobre uns calouros que chegariam na faculdade e nos dormitórios, falaram que a antiga faculdade deles seria fechada por falta de verba, e que a nossa era a única com vagas no momento.

As vezes quando estou com alguém, acabo me desligando do mundo e me pego pensando em coisas que não deveria, por exemplo: "será que algum dia verei a Jisoo de novo? Terei a chance de perguntar o porquê dela ter acabado com a minha vida desta forma?" Mas as vezes, não sei se encontrar ela e saber as respostas destas perguntas seria uma boa coisa, afinal, mudaria alguma coisa em minha vida? Eu voltaria a ser humano? Não, é óbvio, mas eu só quero saber o porquê eu.

Quando me dei conta, Namjoon e Hoseok estavam me cutucando pra prestar atenção nos calouros, parece que chegariam hoje mesmo. E por incrível que pareça, um deles me chamou atenção, era homem, e não foi só pelo sangue que senti desejo.


Notas Finais


Por favor, me ajudem! Se gostarem comentem pedindo para que eu continue, adicionem a biblioteca e favorite, espero que tenham gostado.
A fic é realmente boa, até porque se ela não fosse, não perderia meu tempo repostando.
E eu sei que foi poucas palavras, mas quero deixar claro que vai aumentando conforme eu for postando os cap. Até segunda, amores!
Link da segunda fic: https://www.spiritfanfiction.com/historia/jeon-o-estranho-que-mora-ao-lado-13951943


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...