História Blowjobs - Yoonkook - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Neo Culture Technology (NCT)
Personagens Haechan, Jaehyun, Jaemin, Jeno, Jeon Jungkook (Jungkook), Jisung, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lucas, Mark, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Bangtan Boys (BTS), Jk!top, Jungkook Ativo, Jungkook Top, Menção Yoonmin, Minjoyj, Sugakook, Yg!bottom, Yoongi Bottom, Yoongi Passivo, Yoonkook
Visualizações 198
Palavras 1.336
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção Adolescente, Fluffy, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 11 - 011; décimo





TRÊS SEMANAS DEPOIS



- Yoongi, por favor abra a porta. Por favor me perdoe, eu não quis ficar com o Jungkook, por favor. Fale comigo. - Jimin gritava desesperadamente



- Jimin. - Yoongi abriu a porta e encarou o garoto a sua frente. - por favor, vocês dois. As pessoas que eu mais amava, me decepcionaram, você sabia o quanto eu está feliz por finalmente poder fazer tudo o que eu quisesse com Jungkook sem me esconder. Mas mesmo assim, você traiu a minha confiança. Eu posso perdoar vocês, mas é claro que posso. Mas nada, nunca vai apagar aquela imagem da minha mente, nada vai fazer me esquecer os seus sons de prazer estando com a pessoa que eu amava, eu estou quebrado. Vocês me destruíram, por favor, não gente falar comigo novamente, não que que esse porra toda esta me machucando? Não consegue perceber que eu só choro como um filho da puta? Ou que eu não quero mais ver ou falar com vocês. Infelizmente é impossível eu ficar sem ver o Jungkook, mas você não. Então por favor, suma da minha vida, eu estou implorando. Você quer me fazer sofrer ainda mais? Já lhe perdoei por tudo, agora me esqueça, para sempre. - fechou a porta e já sentiu suas lágrimas escorrerem por seu rosto.



Yoongi sentia vergonha de si, nojo, se sentia usado, se sentia um idiota.



Na casa de sua família eles não tiveram coragem de dizer sobre o término, mas óbvio os pais de ambos não são nenhum pouco burros ou algo do tipo.



- meninos, reunião de família. - o pai dos garotos chamou, Yoongi deu uma rápida passada no banheiro lavando o rosto e esperando para que seus olhos voltassem a coloração normal.



Assim que chegou na sala de reuniões familiares se sentou perto de seu irmão mais velho que o encarava como um cachorro abandonado.



- eu e o pai de vocês notamos algo estranho, o que aconteceu? Por favor não mintam para nós, somos os pais de vocês poxa - a mãe dos garotos falou.



- eu, trai Yoongi mas me arrependo. - Jungkook falou



Yoongi estava cansado de esconder aquilo, mas não poderia falar, não queria que Jungkook soubesse que Yoongi carregava um filho seu. Yoongi tomou medidas drásticas, e fez o que ninguém imaginaria. Abortou o feto.



- chega eu cansei. - Yoongi falou se pondo de pé. - eu e Jungkook temos um caso a pouco mais de dois anos, sempre acabávamos transando ou algo do tipo. Quando começamos a namorar, o sexo se tornou ainda mais frequente, e eu sempre ia ao hospital um dia depois de nossas noites prazerosas. Mas em um destes dias, o médico disse que eu tinha uma grande possibilidade de engravidar. E eu quis fazer todos os exames no mesmo dia. Os exames apontaram uma gravidez de seis dias, o médico logo me disse que ainda era um feto, não dava para ver e nem nada do tipo. E sem pensar duas vezes eu disse que iria abortar. O médico não quis fazer os precedimentos, então eu disse que iria fazer o aborto eu mesmo. Então ele disse que eu poderia morrer, e logo aceitou, mas um pouco a contra sua vontade. Mais dez dias após a minha descoberta chegou o dia de operação, e eu fiz, abortei UM FETO. Não me julguem, sei que o que fiz foi errado e vocês vão me odiar com razão, Jungkook me desculpe por nao te falar nada, eu iria conversar com você sobre no dia em que peguei você e Jimin transando no banheiro da escola.



Jungkook já estava aos prantos, a mãe de Yoongi encarou o filho mais novo e o mandou silenciosamente ir para o seu devido quarto.



- se me dão licença, vou tentar tirar esta história a limpo com Yoongi. Jungkook querido, não fiquei assim, seu irmão apenas teve medo de você não o aceitar com aquela criança. - e após falar isso a mãe dos garotos subiu ao quarto de Yoongi e trancou a porta. - essa foi a pior mentira que você já inventou Yoongi.



- o-o quê? - Yoongi perguntou



- filho, eu posso estar ficando velha mas ainda sem bem quando um de vocês está mentindo, mas por que fez isso? Sabe que Jungkook provavelmente ira querer se afastar de você ou pior.



- eu sei, é exatamente isso o que eu quero, não queria envolver uma criança inocente no meio de tudo isso, sei que o que fiz foi errado, mas foi tudo o que eu pensei na hora. Eu queria fazer ele me odiar ao ponto de não olhar mais na minha cara, só espero que isso dê certo.



- Yoongi, eu vou descer lá para baixo e mandar o  Jungkook aqui, e vocês vão esclarecer todo esse rolo de vocês, vocês ainda são jovens, imaturos e não sabem o que fazer da vida. Você vai explicar tudo, sabe, não tem nada pior no mundo para uma mãe, do que ver os filhos afastados. Não quero que você minta, não quero ver nenhum de vocês dois infelizes, não quero ver vocês distantes. - a mãe do garoto o falou já com lágrimas escorrendo por seus olhos. - por favor Yoongi, fale a verdade liara o seu irmão, sei que ele está errado por te trair, ainda mais com um amigo seu, mas eu sei que ainda existe amor, sei que tudo isso deve estar atormentando sua cabecinha, mas você é mais forte, e nao precisa ficar mentindo sobre as coisas filho, você é forte meu, menininho forte.



- droga mãe, por que você sempre me faz mudar de idéia?



- oh querido, vou chamar o seu irmão. E se vocês se acertarem não façam barulhos, da última vez eu e o seu pai não conseguimos dormir.



- MÃE!



- eu te amo filho. - mandou uma piscadela para Yoongi e saiu do quarto



[>>>]



- então está me dizendo que mentiu sobre tudo? - Jungkook perguntou a Yoongi que mordia os lábios em puro nervosismo.



- e-eu não vi outra alternativa, você mentiu pra mim também, e eu também acho que foi sobre tudo, até mesmo, sobre nós.



- o quê? Está se ouvindo Yoongi? Eu nunca quis machucar você, você sabe disso, não é de hoje que Jimin vem me provocando, eu sempre o ignorei, mas. Ele me beijou no meio do corredor, na hora que eu estava saindo da escola, eu tentei separar o beijo, eu juro. Mas aí ele continuou e eu acabei cedendo, ele andou comigo até o banheiro, entrou em uma cabine e então, eu me descontrolei. Eu pensava em você comigo. Dentro do banheiro. Me desculpa Yoon, EU nunca quis te trair. Eu já tive um rolo com o jimin no passado, mas quando eu me vi apaixonado por você. Eu acabei com tudo, e ao que parece ele não superou ainda. Entenda eu amo apenas você Yoongi.



- Jungkook, sei que ambos tem sua história, mas eu não quero ouvir, nenhum dos dois. Eu lhe perdôo por ter feito isso comigo, mas meu coração ainda está machucado, entende? Me sinto usado por você.



- Yoongi, eu, eu quero sarar todos os machucados que existem em seu coração. Quero lhe mostrar o quanto está arrependido. Só me dê uma segunda chance, e eu posso provar que nunca, jamais quis te ver assim, você aceita? Tentar novamente, e construir caminhos, bons, longos, duradouros, felizes e juntos?



- eu, preciso de um tempo. Pensar, eu ainda te amo, mas é difícil. Eu preciso muito ficar sozinho, preciso esfriar minha cabeça. Mas vou tentar te dar uma resposta logo, mas eu quero, apenas ficar sozinho agora. - Yoongi encolheu os ombros



- certo, tudo tem seu tempo e eu nao quero lhe pressionar, só. Pense com carinho, você tem todo o tem do mundo para isso. Por favor não esqueça que eu te amo, e todas as minhas palavras de amor dirigidas a você sempre foram verdadeiras.



Falou antes de sair do quarto de Yoongi.







Notas Finais


Desculpa pelos erros aaaaa


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...