História Boku no hero - A nova geração (interativa) - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Tags Boku No Hero
Visualizações 36
Palavras 2.122
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Espero que gostem, e respondam a pergunta da nota final, por favor.

Capítulo 7 - Garotas da 1A vs O número 1


POV Narrador

 

Todos se dirigiram para os vestiários, que eram vizinhos. Os garotos foram os primeiros a trocarem de roupa, os que iam acabando de se trocar esperavam os demais, quando todos estavam prontos saíram do vestiário e dirigiram-se ao ginásio, chega do lá encontraram apenas Erla escorada em frente a uma porta de metal, mexendo em seu celular. Quando percebeu os garotos se aproximando com sorrisos estampados em suas faces e se questionou se seria por causa dos trajes, da atividade ou de ambos.

- Chegaram rápido, gostei dos trajes - falou ela

- Obrigado - agradeceram eles

Após isso fizeram uma rodinha embaixo de uma árvore próximo, fazendo proveito de sua sombra enquanto esperavam as garotas, Makai se mantinha um pouco mais afastado dos demais mas foi 'puxado' para a rodinha por Ren, como os garotos falavam de um assunto de seu interesse, os filmes se super-heróis que seriam lançados, ele não resistiu a se juntar aos demais, que ficaram impressionados em como alguém consegue falar tanto de um só assunto, mas ninguém explanou esse pensamento.

 

Cerca de dez minutos depois foi a vez das garotas chegarem, chamando a atenção de Erla e dos garotos.

(Nota: o link com a foto de todos os trajes estarão nas finais)

- Eu amo a U.A - disse Ren 

- Você precisa de tratamento - falou Draugon se levantando e indo ao encontro das garotas, seguido pelos demais.

- Vocês se superaram na escolha dos trajes - disse Nash com um meio sorriso mas nenhuma malícia, quando se aproximaram delas.

- Concordo com ele - disse Kurama igualmente sorrindo enquanto passava o braço pelo pescoço de Nash 

- Obrigada - elas agradeceram, com exceção de Doa que estava mais focada em seu game 

- Você escolheu bem seu traje, Doa-chan- disse Makai aproximando-se dela.

- Obrigada, foi difícil escolher, é bem mais legal escolher roupas nos rpg's - disse ela ainda focada em seu game, fazendo-o rir.

- Muito bem, vamos entrar - disse Erla, apertando um botão na parede fazendo a porta de abrir e ela entrou seguida dos alunos, Edward e Kalazar já esperavam por eles lá dentro.

- Boa tarde - Edward saudou todos com um sorriso, Kalazar fez um gesto com a cabeça, então Erla virou-se, ficando de frente para os estudantes, e os dois se posicionaram dos lados dela, mas um pouco atrás.

- Muito bem, crianças. Como eu já disse, hoje vocês vão ter a primeira aula prática, vai ser simples, já que eu só quero testar suas habilidades. É o seguinte, vocês vão lutar contra os cavaleiros atrás de mim - nesse momento um sorriso muito sinistro formou-se em seus lábios - vocês serão divididos em dois grupos, garotas em um e os garotos no outro. O objetivo é simples, vocês só precisam colocar essa pulseira - falou tirando uma pulseira azul do bolso - neles, não importa se for no braço ou perna, só precisam colocar. As garotas vão lutar contra Edward-san e os garotos com Kalazar-san. Vocês teriam quinze minutos.

- Aliás, nós não vamos nos segurar - falou Kalazar com um sorriso, fazendo todos engolirem seco.

- Vamos começar pelas garotas - disse Erla, e Edward saiu para posicionar-se, o ginásio era a réplica de uma cidade, com muitos prédios e lojas. Edward posicionou-se no meio da cidade, a professora é Kalazar se dirigiram para a sala de observação.

- Já que vamos nos dividir, por que não fazemos uma aposta ? - indagou Kurama sorrindo.

- Que tipo de aposta? - perguntou Hinata

- Se um grupo conseguir e o outro não, quem conseguiu pede algo pros perdedores - disse Kurama e os garotos concordaram, as garotas se olharam e sorriram.

- Muito bem, temos uma aposta - disse Hinata e todos sorriram, o clima de rivalidade criado foi instantâneo, após isso os garotos foram para a sala de observação.

Agora as garotas se encontravam sozinhas no alto da escada, quando o sinal tocou indicando o início da prova.

- Muito bem, Vamos lá - disse Helena e todas começaram a descer as escadas.

- Eu não tô me sentindo muito bem, melhor eu voltar - disse Akai parando de andar e fugindo uma desculpa.

- Anda - disse Helena a empurrando pelas costas fazendo as outras rirem.

- Isso é meio óbvio, mas nós precisamos de um plano - disse Alis.

- Vamos nos esconder em algum prédio para podermos pensar, sem correr o risco de sermos vistas - disse Akai

 

Todas concordaram com ela e dirigiram-se à um prédio que possuía janelas espelhadas do lado de fora e transparentes do outro, assim poderiam ver caso ele se aproximasse, mas Edward permaneceu parado e de braços cruzados, ainda no meio da cidade de testes.

 

- É inútil tentar se esconder dele- comentou Erla na sala de observação, e continuou após ver que os garotos a olharam - ele domina tão bem sua individualidade que ela é como uma extensão de seu corpo, ele pode espalhar suas vibrações pelo ar e sentir se houver alguma interferência nelas. Ele pode achá-las quando quiser, mas não acho que fará isso, já que ele quer ver o que elas farão.

 

Já havia se passado cerca de três minutos desde o início do teste, Edward estava ancioso para testar as meninas, mas ainda nem tinha visto elas, então resolveu apressa-las, com um sorriso no rosto, ele fechou os punhos, abraçou o próprio corpo, depois de um movimento rápido estendeu os braços até a lateral do corpo, criando pequenos riscos no ar, que logo se estenderam virando pequenas rachaduras, toda a cidade de testes começou a tremer levemente.

 

Os boatos são reais, consegue mesmo rachar o ar -pensou Makai, vendo tudo da sala de observação, junto com os demais

 

Passou cerca de um minuto naquele leve tremor de terra, então Edward sorrio novamente e as rachaduras ficaram um pouco maiores, igualmente os tremores.

- Esse tremor, acho que é um aviso pra irmos logo - comentou Alis

- Agora que já sabemos o que fazer, vamos lá! - disse Helena

Edward, que ainda estava causando os tremores, parou quando percebeu que seu 'recado'  havia sido entregue, ao perceber Hinata vindo em sua direção, sozinha, e parando cerca de vinte metros dele, que à olhava esperando por sua ação.

Deixando a mão ereta, a garota 'cortou' o ar, criando uma lâmina de vento, Edward simplesmente deu um passo pro lado desviando da lâmina, quando percebeu que outra lâmina já vinha em sua direção, mas essa vinha na horizontal, fazendo-o sorrir e pular para desviar, seu salto chegou na altura do primeiro andar dos prédios laterais, quando escutou o barulho de vidro sendo quebrado de ambos os lados, Alis, que havia usado suas correntes que saiam de sua barriga no prédio oposto para pegar impulso (como as teias do Homem-Aranha) vinha à sua esquerda, com o punho direito fechado é revestido por metal, Helena, que usou seu super pulo para pegar impulso, vinha de seu lado direito, Edward sorriu e segurou a mão de cada uma, e em um movimento giratório arremessou cada uma de volta nos prédios.

Quando pousou no chão, segurou um chute lateral desferido por Hinata e a jogou na parede do prédio lateral, em seguida pulou para trás, desviando de três correntes que acertaram e perfuraram o chão. Quando Helena saltou do prédio que havia sido arremessada anteriormente, dando um mortal para frente tentando acertá-lo com o calcanhar, ele virou segurando seu pé e a aremessou em Alis, que tentou acertar um soco nele enquanto estava defendendo o chute de Helena, ambas foram jogadas na vidraça de uma loja, a quebrando.

Hinata correu em direção a ele, laçando duas lâminas de ar horizontais, ele apenas deu um grande salto pro lado desviando do golpe e percebeu Alis, Helena e Hinata se alinhando frente a ele, e sentiu falta das outras, quando percebeu Doa atrás delas correndo e tocando em lugares estratégicos, percebendo que as garotas o estavam distraindo para algo.

Helena deu um pulo em sua direção, tentando acertar um chute lateral com a perna esquerda, ele segurou com a mão direita, ela rapidamente tentou socá-lo com a mão direita que ele também segurou com a mão livre. Foi quando percebeu duas correntes com extremidades pontudas passarem por cima dos ombros dela e acertarem seus ombros, os perfurando em um corte raso.

Edward empurrou Helena para trás e segurando as correntes que estavam em seus ombros, as puxou fazendo Alis se chocar com Helena que estava se levantando, puxando assim ambas pra si e acertando um soco na barriga de Helena e enterrou ambas no chão, deixando Helena com uma grande dor em sua barriga e Alis nas costas.

Hinata rapidamente correu em socorro de suas amigas, concentrando o ar em seus dedos e dando petelecos, lançando balas de ar em compressão, Edward deu um salto pro lado, nesses segundos ganhos Helena arremessou nele uma pedra que havia se desprendido do chão devido o impacto do corpo dela e se Alis, ele segurou a pedra e a jogou pro lado, já se abaixando para desviar de um chute de Helena e dando um grande pulo para trás escapando das lâminas de  ar de Hinata. Ficando frente a vidraça de uma loja em que Dia havia trocado mais cedo.

Quando ele percebeu Alis não estava mais junto das outras duas que o encaravam de frente, então percebeu uma largatixa que estava ao seu lado transformando-se em uma cobra-real e o picando no braço, em seguida ele a puxou e a aremessou longe, logo a cobra voltou ao seu estado original, revelando Akai, e vendo que ele não mexia mais o braço direito, que foi picado.

Uma picada de uma cobra-real é capaz de deixar uma pessoa comum em coma, mas só conseguiu paralisar seu braço, ele realmente é um monstro - pensou Akai

- Agora, Alis! - gritou Hinata

Correntes saíram de 'dentro' do vidro da loja, amarrando-se em seu braço paralisado e o puxando, fazendo-o 'entrar' no vidro e sair em um prédio onde Doa e Alis já esperavam, após o momento de percepção para entender o ocorrido ele saldou pra frente, retornando seu braço do espelho, e trazendo Alis junto consigo, mas era tarde demais, nesses segundos Dia já havia colocado a pulseira nele

(Nota: esse 'entrar no vidro' é devido a individualidade de Doa, que cria portais invisíveis, que se ligam uns aos outros, como o portal não pode ser visto, deixa a impressão que o braço dele atravessou o vidro)

Vendi a pulseira em seu pulso sorriu, as garotas sorriram e se abraçaram, em seguida correram para abraçar Doa que que estava saindo do portal que havia puxado o braço dele outrora. Todas pularam em Doa, e caíram no chão sorrindo.

Os garotos sorriram vendo tudo pelas câmeras e esquecendo temporariamente a aposta, ficando felizes pelo êxito de suas amigas.

- GG - disse Doa às garotas quando se levantaram do chão

(Nota: GG significs 'good game', é uma gíria usada em  jogos online multiplayer que pra dizer que o jogou acabou ou está prestes a acabar. Também pode ser  elogio a forma como seu time se comportou na partida)

- Muito bem, ganharam, vocês foram incríveis! - disse Edward sorrindo.

- Seu plano foi perfeito, Hinata-chan  - disse Alis a abraçando 

- Vocês apostaram muito na sorte, tentando me jogar frente a aquele portal, tendo apenas quinze minutos, não acham ? - perguntou Edward sorrateiramente investigando se elas tinham um plano B.

- Não era só um portal, Doa-chan- espalhou cinco, todos por perto daqui e ligados ao que estava no prédio na rua vizinha, só estou você chegar perto de qualquer um deles. Enquanto nós te destraiamos, Doa espalhava os portais. Quando Alis-chan percebeu que você estava chegando perto de um dos postais, ela correu até um dos outros, indo parar no prédio que Doa estava e esperando meu grito para o amarrar com as correntes e puxar para o portal, mas não contávamos que você só iria perder o movimento de um braço, felizmente o tempo que ele ficou dentro do portal foi o suficiente para Doa-chan colocar a algema - disse Hinata explicando o plano

- Muito bom, vocês foram muito bem - disse Edward

 

Na sala de observação..

 

- Elas realmente conseguiram - disse Erla contente vendo suas alunas - vocês são os próximos - falou ela olhando os garotos

- Agora vamos nós - disse Nash com um sorriso e estalando os dedos

- Não vamos ficar atrás delas - disse Kurama

- Sou competitivo, com certeza vamos ganhar também - afirmou Draugon

- Agora fiquei empolgado - comentou Makai

- Vamos lá! - disse Ren

 


Notas Finais


O que acharam da descrição da 'luta' entre as garotas e Ed?

Gostou da forma que sua personagem ágil ? Sua individualidade foi bem explorada ?


Trajes: https://docs.google.com/document/d/191SQLi2ApsPn5bUYVDeRbqcpIoO_9Mfzd6zoLPNj34k/edit?usp=drivesdk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...