História Boku no Hero: O Caminho do Herói - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Boku no Hero Academia (My Hero Academia)
Personagens All For One, Dabi, Denki Kaminari, Eijirou Kirishima, Enji Todoroki (Endeavor), Fumikage Tokoyami, Fuyumi Todoroki, Gran Torino, Hanta Sero, Hitoshi Shinsou, Hizashi Yamada (Present Mic), Ibara Shiozaki, Inasa Yoarashi, Inko Midoriya, Itsuka Kendo, Izuku Midoriya (Deku), Katsuki Bakugou, Kinoko Komori, Kurogiri, Kyoka Jiro, Mashirao Ojiro, Mei Hatsume, Mina Ashido, Minoru Mineta, Mirio Togata (Lemillion), Momo Yaoyorozu, Naomasa Tsukauchi, Neito Monoma, Nejire Hado, Nemuri Kayama, Ochako Uraraka (Uravity), Personagens Originais, Pony Tsunotori, Sen Kaibara, Shouta Aizawa (Eraserhead), Shouto Todoroki, Stain, Tamaki Amajiki (Sun Eater), Tenya Iida, Tetsutetsu, Thirteen, Toga Himiko, Tomura Shigaraki, Toru Hagakure, Toshinori Yagi (All Might), Tsuyu Asui, Yosetsu Awase, Yu Takeyama (Mount Lady), Yuga Aoyama
Visualizações 245
Palavras 3.647
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Hentai, Luta, Policial, Romance e Novela, Saga, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá Olá, ja deixei avisado né? Que cap agora so no fim de semana, mas se eu for mudar isso pode ser que fique dia sim dia não, depende de vocês, falem como preferem ai
Olha, eu gostei muito desse cap, não tem ação mas é um momento importante, então eu vou recomendar uma musica aqui mas ela é opcional como sempre, mas a ideia é que tenha uma musica triste de começo entendeu? Vou deixar duas opções tá? Qualquer uma das duas cai bem
E temos Isamu triste de novo pq né?

Broken - Lund
I Need Some Sleep - Eels

Capítulo 8 - Não sou bom em Desistir


Fanfic / Fanfiction Boku no Hero: O Caminho do Herói - Capítulo 8 - Não sou bom em Desistir

                Isamu estava no banheiro molhando o rosto, ele precisava disfarçar a dor, não que estivesse chorando, mas seu rosto ardia, suas mãos tremiam e seu olhar estava marejado, ele não se sentia bem, queria explodir, talvez devesse desistir, fazer alguma idiotice como se jogar do alto do prédio, seria uma forma sarcástica de morrer, ou até dar um soco em algum professor, de qualquer jeito ele seria preso e daria perpetua pra ele se não fosse morte, sentia que talvez assim aquela dor sumiria, não precisaria suportar mais aquele olhar que o esmagava e nem as palavras dos colegas que o maltratavam, ele abre um sorriso triste pensando como era estranho, não bastava ser um justiceiro, tinha que ser um sem individualidade, ele se encara no espelho e vê seu rosto vermelho, oque não esperava era uma mão em seu ombro...

 

ALGUNS MINUTOS ANTES

 

-Monstro- Isamu levanta a cabeça procurando p dono da voz, ele olha para a ruiva ao lado

Isamu- Kendo?- A ruiva faz negação com a cabeça, ele se encosta em sua cadeira e abre visão para a garota sentada ao seu lado- Jiro...?- O garoto fala com tristeza na voz

Jiro- Você é um monstro!- Isamu sente aquilo como um soco em seu estomago

Isamu- Jiro, eu não quis...

Momo- Ela não esta errada- O garoto olha para o outro lado- Não sei como a U.A teve coragem de traze-lo para cá- O garoto sentia que havia perdido a voz, não tinha resposta para a situação- E não acredito que por um segundo você fez parte dessa turma

Monoma- Viu- O loiro tinha um sorriso vencedor no rosto, mas era uma mascara tentando esconder o medo de segundos atrás- Uma hora todos iam perceber oque eu já falava, você é um desgraçado sem lugar no mundo dos heróis, o seu lugar é como um justiceiro atrás das grades

Mina- Justiceiro? Acho que ta mais pra um vilão mesmo- A garota falava dando de ombros e levantando as mãos a altura do pescoço, ela tremia, mas tentava se manter firme

Mineta- Tão assustador... E ainda acha que pode ser um herói, você nunca será tão legal quanto um herói

Jiro- Como eu pude me preocupar com ele-A garota se abraça aos próprios ombros... Essa foi a gota d’água para Isamu

                Todos encaravam o garoto que era apedrejado por palavras em silencio, ele que tentou subir mais um degrau mas sentiu sua perna bambear e quase caiu, ele sentiu a falta de ar e uma dor no peito, ele sabia que não ia aguentar... Ele tentou falar com o professor dali mas não conseguia levanta a voz para que chegasse a Aizawa, então logo se virou e desceu as escadas, uma sensação de que estava sendo massacrado pelos olhares do colega o faziam tremer

 

Isamu- posso ir ao banheiro- Falou quase roco

Aizawa- Vai, vou te liberar pelo controle, tem 10 minutos

Isamu- obrigado- O garoto subia as escadas

Aizawa- 15 minutos- O professor deu mais tempo ao garoto, que agradeceu com o polegar para cima, Isamu sai da sala e fecha a porta lentamente, Aizawa estava pronto para fala mas alguém quis se impor antes

Midoriya- COMO VOCÊS PUDERAM?!- Todos se assustaram- EU NÃO CONSIGO ACREDITAR QUE FIZERAM ISSO COM ISAMU!

Lida- Acalme-se Midoriya- Lida tenta segurar Midoriya que da um tapa na mão do amigo

Midoriya- Ele não queria ter ido lá e mesmo assim fez, ele esta dando o máximo de si pra mudar, não perceberam a pressão sobre ele?!- Todos o encaravam sem expressão – E você Jiro!- A garota sentiu algo travar na garganta- Ele não aguentou mais assim que você falou, ele não merecia isso- Midoriya passa pelos colegas que fechavam a passagem e segue para a porta da saída, ele se vira e encara a turma- Como podem se chamar de heróis se não estão tentando salvar a todos...- A turma arregala os olhos sentindo o peso das palavras do colega, que tinha um olhar furioso, nem mesmo Bakugo já havia mostrado tal olhar, nem mesmo presenciado, Midoriya sai da sala. Bakugo tinha um olhar baixo, não se sentiu pressionado, na verdade sentia que naquele momento Isamu deveria ser forte, usar daquilo pra se tornar melhor, e que se ele voltasse para a sala de queixo erguido o garoto poderia se tornar um verdadeiro desafio...

 

AGORA

                Isamu olha com aflição pra Midoriya que tentava oferecer um sorriso a ele, o garoto tenta esconder o rosto mas Midoriya não iria sair dali

 

Midoriya- Isamu desculpa, Jiro não devia ter falado aquilo

Isamu- Não, tudo bem, ela esta certa de alguma forma

Midoriya- Não esta, ela te deve desculpas, e você não deveria se corroer por isso

Isamu- Vai me dizer que não acha que sou um mostro?- O garoto se senta no chão do banheiro

Midoriya- Acho que você já foi um monstro- Isamu vira o rosto- Mas isso não importa, por que antes você era Jisatsu, e hoje você é Isamu, e isso que importa

Isamu- Haha, Isamu, o garoto sem individualidade, não vai dar pra escapar dos olhares e dos sussurros- Midoriya se senta ao lado dele encarando o garoto- Sabe, quando fiz 4 anos eu estava ansioso pela minha individualidade, eu passei dias indo dormir cedo sonhando que quando acordasse iria poder fazer coisas incríveis, mas quando fiz 5 anos os médicos fizeram um exame e me disseram que eu não tinha individualidade...

Midoriya- Uma junta a mais no mindinho?- Ele se lembrou de um antigo raio-X

Isamu- Não, o meu caso era de já ter os molares desde cedo, não é comprovado que essa é a razão mas foi oque o medico disse, sei lá, só sei que eu sofri por isso, e depois disso tudo foi bem difícil, na escola eu tentei ser uma pessoa normal mas as pessoas sempre me olharam feio, ou me chamavam de estranho.... Vivia escutando que as garotas não me queria, se não os filhos delas nasceriam sem individualidade- Isamu da uma leve risada- Minha mãe tentou me apoia em um pouco de tudo, me colocou em vários cursos diferentes, tipo de gastronomia, fotografia, robótica e tecnologias... Me dava presentes e me tratava bem... Mas mesmo assim eu estava sempre triste... E hoje em dia as pessoas so conseguem ver isso em mim, um justiceiro e um cara sem individualidade, e eu acabo me sentindo uma moeda que so tem dois lados pra mostrar...- Midoriya segurava fecha os punhos, sabia como era o sentimento, sentia que aquele garoto tinha tanto haver com ele, so não teve a mesma oportunidade

Midoriya- Mas você é mais que isso, você já mostrou que a individualidade não é um limite, algumas pessoas teriam desistido...

Isamu- Eu so cheguei aqui por que quebrei as regras, e agora sou o Jisatsu, cara como eu odeio esse nome

Midoriya- Então por que usou ele por tanto tempo?- Midoriya ficou curioso quanto ao nome

Isamu- Eu não escolhi, um psicólogo que analisava vilões e heróis veio falar de mim e falou que eu tinha tendências suicidas, e ai pegou o nome de Jisatsu

Midoriya- Entendi... E você vai desistir?- Midoriya se sentiu aflito ao imaginar a resposta do colega

Isamu- Não, não sou bom em desistir, eu já sabia que iriam me julgar e pisar quando aceitei a proposta do All Might- Midoriya se assustou com aquilo que acabou de ouvir, All Might tinha haver com tudo aquilo- Mas sabe, quando eu cheguei você foram até... Amigáveis, e ai eu baixei minhas defesas e deixei vocês me atacarem

Midoriya- NÓS DESCULPE- O garoto gritou furioso ao pensa naquilo- Não era a nossa intensão, juro!

Isamu- Ei para- Midoriya se acalmou- Você não falou nada, e veio aqui so pra ver se eu estava bem, então acho que posso dizer que valeu apena te conhecer e deixar você me conhecer- Os dois tinha sorrisos fracos no rosto, e no susto a coleira de Isamu apita ficando da cor amarela- Droga temos que voltar- Os dois se levantaram

                Os dois corriam, Midoriya estava com a cabeça fora do lugar olhando pra baixo, pensando em como ele sofreu da mesma forma que Isamu, mas sabia que para Isamu o caminho seria pior, teria que aguentar muitas pedras ainda, mas ao olhar pro garoto que corria viu que não mostrava mais tristeza, e sim preocupação em chegar a sala, nada mais, ele parecia um cara normal novamente, Midoriya entendeu que Isamu era forte de mais pra cair fácil... Será que conseguia ser assim? Será que só não tinha tentado o suficiente? Isamu bem ali na sua frente o fazia sentir como se deve-se correr mais, pois havia ganhado uma benção, e que agora mais que nunca tinha que chegar ao topo... Os dois abrem a porta no susto e a coleira de Isamu fica verde, bem na hora... Os dois seguem para seus lugares em silencio, a aula continuou, para Isamu era como se nada tivesse acontecido, ele assistia em silencio tentando entender com dificuldades, mas para Midoriya um sentimento estranho crescia no peito que parecia que ia explodir, então o ultimo sinal toca e Midoriya corre para o tablado, na metade da escadas ele pula de uma vez pro meio deles e todos o encaram

 

Midoriya- Peçam desculpa!- Todos o encaravam sabendo oque era- Não posso força-los mas posso pedir para que façam a coisa certa, e se quiserem ser heróis um dia... Vão ter que entender que ninguém é só uma coisa, Isamu é um cara legal! Ele merece nosso respeito

Kaminari- Como vamos respeitar um cara desses, não vou pedir desculpas por achar que ele é uma pessoa ruim...

Midoriya- Não é por isso! É por ter agido como amigo dele e depois ter pisado nele- Todos ali arregalam o olho, Vlad e Aizawa arregalam os olhos com a atitude do garoto- Todos que mostraram preocupação com Isamu, ajudaram ele a estudar, dormiram na casa deles são culpados dele estar sofrendo! Vocês devem desculpas a ele!

                Todos ficaram extasiados com aquilo, olharam pro garoto que tentava esconder o olhar triste , ele não podia ficar ali sentado esperando então se levantou e foi andando, tinha que passar por todos, que foram abrindo o caminho para que o garoto saísse, mas ninguém disseram uma só palavra, Isamu saiu pela porta...

 

Midoriya- Vocês...- Todos encaram o garoto- Vocês ainda dizem que vão ser heróis um dia- Midoriya corre com sua mochila nas costas pra fora

                Todos começam a se mover com o olhar baixo, estavam prestes a sair quando Aizawa pisou forte no tablado

 

Aizawa- Um herói não escolhe se alguém deve ser salvo ou não, até mesmo um vilão deve ser salvo, agora imagine se All Might um dia desistisse de salvar alguém que estivesse fazendo de tudo pra mudar... Não seria o fim dos heróis?

                Midoriya finalmente tinha alcançado Isamu, que já estava quase entrando no carro forte, Midoriya entrou junto e Isamu ficou sem entender

 

Midoriya- Vasmos estudar, acho que ainda temos que rever a matéria de hoje e ver oque você tá atrasado nela, eu já falei com Nezu

                Isamu ficou desarmado naquele momento, ele apenas sorriu e Midnight deu partida no carro que seguiu para a casa do garoto, os dois entraram e na hora foram se trocar para não sujar a roupa da escola, os dois olharam pra cima sem entender quando ouviram o som da campainha tocando, Midnight olhou por uma pequena tela e viu duas garotas paradas na frente do portão

 

Midnight- Acredito que seja a Uraraka e a Jiro que estavam aqui ontem a noite

Midoriya- Uraraka? Oque ela veio fazer aqui?- Midnight abriu o portão pras duas que foram até a porta onde foram atendidas pela própria Midnight

Uraraka- O Deku esta aqui?- Uraraka perguntou meio envergonhada

Midnight- Sim, ele esta vindo, e você Jiro veio falar com o Deku também?

Jiro- Si...Sim- Ela tinha o olhar extremamente baixo, Midnight saiu da porta e Midoriya junto a Isamu as receberam na porta mesmo

Uraraka- Deku, você saiu tão apreçado que não falou comigo e esqueceu seu caderno- Ela estende o caderno ao rapaz

Midoriya- Nossa, eu tinha esquecido, vamos até usar essas anotações agora, obrigado

Uraraka- De nada Deku... é.... Posso falar com você a sos- Ela fitava o chão e escondia as mãos nas costas

Midoriya- Claro, Isamu eu já volto- Eles foram pra fora da casa mais para um canto- Oque foi Uraraka?

Uraraka- Deku você foi incrível hoje, sinto que você foi um verdadeiro herói pro Isamu... Eu queria me desculpar com ele

Midoriya- Mas você não falou nada...- Midoriya colocou a mão nos ombros da garota

Uraraka- Sim, mas mais cedo quando falei com Jiro eu o julguei, então devo desculpas a ele, mas vamos esperar mais um tempo aqui

Midoriya- Po... Por que?

Uraraka- Jiro deve querer se desculpar

                Jiro estava parada escondendo a tristeza de Isamu que mantinha a mesma face, ele queria muito ouvir a voz da garota, mas ela não se mostrava afim de dialogo ou qualquer coisa... Então Jiro abriu a boca como se fosse falar alguma coisa mas desistiu e logo se virou... Isamu sentiu que deveria falar algo...

 

Isamu- Jiro- A garota para sem se virar e nem falar nada- Eu sei que pode ser só arrogância minha, mas não quero que se sinta mal, então saiba que eu te perdoo- A garota imediatamente se  vira e mostra um rosto com poucas lagrimas – E eu te agradeço por te se preocupado comigo, então obrigado, e desculpa por ter te preocupado... Boa noite também... Até amanha

                A garota seca a lagrima dos olhos e logo se vira sem falar com Isamu, ela sai pelo portão e logo Uraraka a acompanha, elas seguem para o metro juntas, onde encontram todas as outras garotas que as esperavam, elas as encaram sem entender o rosto choroso de Jiro... Que levanta a cabeça para elas com um olhar serio...

 

Grupo de Mensagem da Turma PLUS 1

 

Jiro: Gente, temos que nos desculpar com Isamu, fomos muito desrespeitosos

Monoma: ??

Pervertido(Mineta): ??

Kendo: ??

Queen Alien(Mina): What?

Mongol(Kaminari): Tá falando serio?

Fazedor de bolo(Sato): Gostei da Ideia

Shoji: Jiro esta certa

Kaibara: Tão falndo serio?

Todoroki: Acho que algumas pessoas da sala foram realmente rudes, e um pedido formal de desculpa é o mínimo

Momo: Estão falando serio? Não acho que deveríamos fazer isso, eu já falei oque acho, não gosto dele, sei que o ofendi, mas não vou dar a ele esse gostinho

Ojiro: Acho que tem muitas pessoas orgulhosas aqui que não vão tomar uma medida pra se desculpar

Chato(Bakugo): VOCÊS PODERIAM CALAR A BOCA!

Kirishima: FOI MAU GENTE, EU TO AQUI COM ELE E ELE NÃO PARA DE RECLAMAR DO MEU CELULAR VIBRANDO!

Pervertido: Nem sabia que o Bakugo estava nesse grupo

Uraraka: Kachan nunca falou nada aqui, ai achei estranho

Akami: Kachan? Que apelido ridículo é esse kkkk Vou salvar como contato

Jiro: QUER SABER, VOCÊS SÃO TODOS EGOISTAS DE MAIS, NÃO SE IMPORTAM COM OQUE ISAMU SENTE, COM OQUE DEKU SENTE E NEM COM OQUE O PROFESSOR AIZAWA FALOU! EU QUERO QUE SE DANEM!!

                Jiro falou e logo em seguida largou o celular, se trancou em seu quarto, seus pais estranharam pois ela não tem o costume de se irritar tão de repente e nem de fechar a porta com força, Jiro ficou ali e começou a pensar em algo, decidiu que deveria se desculpar com o colega... Teve uma ideia simples que poderia fazer e entregar no dia seguinte...

                Isamu e Midoriya já tinham até jantado, estava na hora de dormir, Midoriya conseguiu ficar no mesmo quarto que Isamu, e assim garantiu proteger ele

 

Isamu- Desculpa não ter outra cama pra você...

Midoriya- Não se preocupe, eu estava mais preocupado com você sabe...

Isame- Preocupado? Com oque? Sobre oque aconteceu na escola?- Midoriya percebeu que não falou sobre oque viu na noite passada

Midoriya- É... Que... Aquilo... E assim.... Então você.... E a Midnight...- Era realmente difícil falar aquilo, mas Isamu entendeu

Isamu- Nossa, você também sabe disso, quem mais sabe disso?- O garoto estava envergonhado em pensar naquilo

Midnight- So eu e Jiro, mas não se preocupe, vamos parar de falar disso

Isamu- É, vamos dormir, amanha vamos acordar cedo

                No dia seguinte Isamu e Midoriya foram pra escola, mas por alguma razão parecia que Midnight estava enrolando eles, começou com uma desculpa de que perdeu o chicote, e depois tomou café da manha tão devagar que Isamu estranhou já que a mulher não é de enrolar, e depois dirigiu tão devagar que seria mais rápido ir andando, eles desceram do carro e tiveram que ir correndo para a escola, mas na entrada estava Jiro esperando, ela acena para os dois, e logo ela esta de frente com Isamu

 

Jiro- Por que demoram tanto? A aula começa jaja!- A garota brigava com os dois

Isamu- Desculpa, a Midnight enrolou de mais não foi Midoriya?

Midoriya- Foi, acho que temos que ir correndo se não Aizawa nem nos deixara entrarmos

Jiro- Okay, Midoriya pode ir na frente? Tenho que falar com Isamu- Midoriya sorriu imaginando oque era e saiu correndo, Isamu mostrou um olhar triste a garota, que pegou algo na mochila e ofereceu ao garoto- Toma!- O garoto olhou estranho- São todas minhas musicas favoritas, tem des de Rocks nacionais até musicas em francês...- O garoto pegou o cd e ficou um tempo em silencio- Ele olhou pra garota que estava corada- Olha, ai tem algumas musicas bem pessoais, então é pra escutar- Ele finalmente entendeu, a garota não conseguiria dizer “Desculpa” mas isso já era alguma coisa vindo dela, ele abre um sorriso

Isamu- Musicas em francês? Serio isso, já falei que isso é gosto de gente estranha- Ele solta uma risada zombando da garota que perde a timidez e o espeta com seu plug

Jiro- Ei, não fale assim das minhas musicas, se não te arrebento todo viu Takeshi- A garota soltou uma risada mas o garoto ficou em silencio encarando a garota- Oque foi? Perdeu alguma coisa?

Isamu- Não, desculpa- Ele esfrega os olhos prevenindo-se das lagrimas que cairiam e abre um sorriso, sua voz sai falha, o tom de choro entalou as palavras- É que ninguém me chama de Takeshi, é muito bom ouvir esse nome sabe- Ele parecia feliz, Jiro abriu um leve sorriso

Jiro- Ta legal seu sentimental, vamos logo...- Jiro começou a puxar o garoto pelo pulso, já estavam quase na sala- Aposto que Aizawa vai nos matar so olhando pra gente

Isamu- Também, acho, mas que estranho, minha coleira não apitou- A garota parou de correr e ficou olhando a coleira que estava com uma luz verde- Eu tenho que estar na sala na hora certa se não ela fica vermelha, que estranho

Jiro- Verdade, mas não vamos abusar e vamos logo

                Os dois entraram na sala juntos, quando abriram a porta estava escuro, Jiro foi até o interruptor confusa, quando acende a luz ela e Isamu se assustam... A sala estava toda decorada, balões pra todos os lados e uma faixa bem grande escrito “ GOMEN’ASAI” Bem grande, e todo os colegas com chapeuzinhos de festa

 

Turma- GOMEN’ASAIIIIII- Tanto Jiro quanto Isamu encaram assustados aquela multidão, que logo se aproxima dos dois

Jiro- Oque ta rolando aqui?!- A garota se sentia sufocada

Mina- Exatamente oque parece, é um pedido de desculpas duplo!- A rosada coloca o chapéu na cabeça da colega- Um pra você por não termos sido mais atenciosos com os seus sentimentos...

Shoji- E um para Isamu pela turma ter agido feito crianças imatura- Shji estende sua mão e coloca um chapeuzinho na cabeça do colega

Kaminari- Depois que Jiro nos deu uma real no grupo decidimos fazer pedir desculpas pros dois, ai a Shiozaki deu a ideia de fazer uma festinhas, e ai Lida e Kendo nos ajudaram a falar com os professores, Midnight ficou de te atrasar

Isamu- AGORA FAZ SENTIDO- O garoto grita assustando a todos que logo riem da reação do garoto

Sero- É, mas achamos que seria pouco so fazer isso, ai Asui deu uma ideia exelente

Asui- Me chame de Tsuiu, e já falei que não queria que ele soubesse, que foi eu, a turma toda ajudou

Uraraka- Tsuiu sendo humilde, tão fofa

Isamu- Oque vocês armaram?- Todos se entreolharam

Turma- VAMOS TE LEVAR AO SHOPPING

                Isamu ficou boquiaberto, deve ter sido difícil falar com Nezu pra deixar ele sair da área que marcaram pra ele, Isamu ficou tão animado que pulou dando um grito, a maior parte da turma estava ali animada, Akami assistia de longe, ela tinha um sorriso feliz pela turma, forçou a turma a não falar nada sobre a ideia que ela deu, que Isamu descobriria na ultima aula... Bakugo não tinha um sorriso, ele encarava o garoto, pra ele Isamu ter voltado hoje já mostrava que o garoto não ia desistir mais... Ele respeitava o garoto como um adversário, e mais ao canto estava Monoma, que mandava uma mensagens , o garoto tinha um sorriso estranho no rosto que ninguém notara

                A turma teve o primeiro horário livre, onde usaram o tablado para comemorar com os amigos, a turma dançava e cantava musicas animadas, dava pra ver as turmas se misturando finalmente, alguns grupos já se formava, de longe Jiro já via cenas divertidas, como Midoriya e Uraraka conversando, Momo tentando conversar com Todoroki que sempre é muito serio, Bakugo e Akami brigando, Mina que puxava o cabelo de Kaminari e Tsuiu que oferecia bolo a Tokoyami, Ojiro puxando conversa com Hagakure e até Denki que conversava com Ibara, era uma cena divertida, por alguma razão ela se sentiu meio solitária por um segundo, mas logo sentiu alguém brincando com seus plugs, quando se vira vê Isamu sorrindo pra ela, e percebe que ele passou bolo em seu ouvido

 

Jiro- Isamu seu monstrinho eu vou te bater 


Notas Finais


Espero que tenham gostado viu? Eai? Como querem que seja minha frequência de postagens em?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...