1. Spirit Fanfics >
  2. Bola Fora - Dahmo >
  3. Amor

História Bola Fora - Dahmo - Capítulo 11


Escrita por:


Notas do Autor


Opa

Capítulo 11 - Amor


Quinta-feira, 6:30 AM 


Dahyun caminhava sonolenta até seu quarto, pegou sua mochila e desceu as escadas rapidamente 


— até mais tarde mãe — saiu de casa e caminhou até o ponto de ônibus, pegou seu celular e começou a responder as mensagens de suas amigas, até ver um carro desconhecido parar a sua frente — Momo? — perguntou assim que o vidro se abaixou, dando a visão da japonesa, Momo sorri — que carro é esse? O seu não era branco? — perguntou confusa 


— sim, esse é dá Jeongyeon... entre, vou te levar — a Kim não pensou duas vezes e logo já estava dentro do carro, foi recebida por um longo selinho 


— disse que estaria ocupada 


— e vou estar — Momo fala dando partida no carro — mas resolvi acordar cedo para te levar, passei na sua casa mas você já havia saído, sua mãe disse que eu te encontraria no ponto de ônibus 


— não precisava acordar cedo para isso — a repreendeu, Momo a encara 


— vai me dar sermão por acordar cedo? Sério? — Hirai ri — queria te ver antes de não ter mais tempo 


— o que vai fazer para estar tão ocupada? — Dahyun pergunta, estava curiosa 


— tenho algumas entrevistas, seções de fotos, treinos, reuniões, comerciais, entre outras coisas 


— caramba... é bastante coisa — Dahyun fala a observando e logo sorrindo, Momo comprimia os lábios quando estava concentrada, a deixava ainda mais linda 


— chegamos — a japonesa fala ao estacionar o carro, Dahyun suspira 


— não quero te deixar ir — a Kim a abraçou, Momo sorri 


— posso te ligar antes de dormir — Momo sugere, Dahyun pareceu pensar 


— pode ser — sorriu 


— agora vá antes que o sinal toque 


— está bem — Dahyun suspira — mas antes me dê um beijo — Momo sorri juntando seus lábios em um beijo demorado 


— agora vá 


— tchau — a Kim deixou mais um selinho nos lábios da garota e saiu do carro caminhando rapidamente até a entrada da faculdade 


— bom dia — Sana fala ao ver a coreana se sentar ao seu lado, Dahyun sorri 


— bom dia Sannie 


— está livre hoje? É meu dia de folga e pensei de irmos tomar um café e comer alguma coisa depois da aula 


— eu adoraria — Dahyun sorri 


— aliás... queria te falar algo importante 


— o que foi? — a Kim perguntou curiosa 


— sei que gosta da Momo — Dahyun arregala os olhos 


— Sana... não pense que estou brincando com você, eu... — foi interrompida 


— não pensei — Sana sorri — sei que gosta de mim também 


— eu... terei que me decidir — Dahyun fala 


— decidir entre eu e Momo? — a japonesa pergunta e Dahyun assente 


— ela vai para o Japão no domingo jogar em um time, e recebeu uma proposta, se eu decidir ficar com ela, recusará a proposta, e se caso eu ficar com você, ela aceitará a proposta e se mudará para o Japão 


— e você já sabe a resposta? — Sana perguntou 


— não... 


— você sabe que saio com outras pessoas não é? — a Kim assente — se caso... me escolher, fico só com você — Dahyun sorri — mas também vou entender se quiser a Momo, vocês tem muita química, isso não tem como negar 


............................


6:35 PM 


— está ansiosa para jogar no melhor time japonês? — a mulher pergunta, Momo apenas sorri 


— estou, vou treinar por uma semana e tentar me adaptar — Dahyun sorri ao ver a Hirai 


— minha nora é linda — sua mãe fala e Dahyun ri 


— ela não é minha namorada mãe — a Kim fala aumentando o volume da televisão 


— mas deveria ser, Momo parece uma Ceo, séria, gentil, rica e linda — a mulher fala causando uma risada na filha — e a Sana parece uma dona de cafeteria chique, qual você prefere? 


— mamãe! — a Kim repreende 


— eu sei que está se envolvendo com as duas, Dahyun, sua mãe não é cega — a Kim mais nova suspira — vamos me diga, qual das duas você mais gosta? 


— eu não sei mãe... diria que igualmente 


— sempre haverá um favoritismo... entre eu e seu pai, qual você escolhe? 


— a senhora — Dahyun responde 


— viu só, mesmo nos amando igualmente, você prefere a mim, isso é favoritismo, na minha opinião, você ama a Momo e apenas gosta da Sana 


— como assim? — Dahyun perguntou confusa 


— você ama a Momo querida, a ama desde o primeiro estante... eu sei disso, e com a Sana, bom, você apenas nutre um carinho enorme por ela, mas não a ama... eu ouvi o que Momo disse antes de ir em bora ontem, quero que pense bem, se escolher errado irá perdê-la para sempre... mas siga o seu coração — levantou-se e saiu da sala, deixando uma Dahyun pensativa olhando a imagem de Momo na tela da televisão 


— ela tem razão — falou para si mesma — preciso pensar e seguir o meu coração 


....................................


— pensei que já estivesse dormindo — ouviu uma risadinha de Momo 


ainda não, acabei de chegar na verdade... tomei banho, comi o restante do jantar de ontem e agora estou na cama 


está se alimentando direito? Não é bom comer comida velha 


não é velha, Rosé trouxe para mim ontem a noite 


preciso agradecê-la por cuidar de você — Dahyun sabia que Momo estava sorrindo 


pareço uma criança quando fala assim 


você precisa de atenção e cuidados... apenas isso 


— talvez eu precise apenas de você...Dahyun sentiu seu corpo gelar 


— está cansada? 


muito... hoje fiz tantas coisas 


assisti sua entrevista para a MBC, você estava linda 


obrigadariu — pensei que não fosse assistir 


claro que eu assistiria, e a entrevistadora parecia estar dando em cima de você — a Kim comenta incomodada e Momo ri 


pare com seus ciúmes bobos, Seulgi é minha amiga, saímos sempre que possível para beber, e ela namora... Mina e eu somos as únicas encalhadas no meu grupo de amigos 


e a Jeong? 


Nayeon não te contou? Elas estão namorando 


elas o que? Eu vou matar a velha 


coitadinha — riu — podemos juntar a Mina e a Chae 


só vi a Mina uma vez, no cinema, não a conheço, mas é bem bonita, acho que a Chaeng iria gostar dela 


mostrei uma foto da Chae e a Mina se interessou riram, Dahyun pode ouvir Momo bocejar 


— esta com sono? 


um pouco 


estou com saudade... 


nós nos vimos hoje de manhã a Hirai ri 


— quero você aqui comigo... sentir o seu cheirinho, sentir você me abraçando, me beijando... eu quero você...


eu também quero tudo isso 


então vem para cá — Dahyun a ouviu suspirar 


já está tarde, Hyun 


não importa... posso te fazer uma massagem 


tentadoras duas riram 


— estou falando sério 


não acredito que estou tirando o meu pijama quentinho para sair no frio ver uma garota que só quer me beijarDahyun ri 


— vai vir mesmo? 


é o que você quer... já estou saindoa Kim abre um largo sorriso e logo encerraram a ligação 


Alguns minutos Dahyun sentiu seu celular vibrar 


— já está chegando? — perguntou ansiosa 


meu carro morreu 


como assim? 


hoje de manhã já estava estranho, por isso fui com o carro da Jeong, mas agora ele não quer pegar na partida 


já estou saindo — Dahyun pegou sua carteira e saiu do quarto 


o que? Saindo? 


vou pedir um uber e ir para aí, me mande seu endereço por mensagem, vou desligar — encerrou a ligação, recebeu o endereço e pediu o uber, que logo chegou 


Em alguns minutos, Dahyun desembarcou em frente a casa, estava admirada 


Momo abriu a porta e sorriu ao ver a coreana, Dahyun retribui o sorriso e segue até a mesma 


— desculpe te obrigar a sair de casa, seu dia foi cheio 


— não iria me obrigar — Momo fala rindo e dando espaço para que a Kim adentrasse sua casa — estava indo por livre e espontânea vontade, também queria te ver — fechou a porta atrás de si — vai dormir aqui? 


— não sei — Momo entrelaçou seus dedos e levou a coreana até o andar de cima, onde ficava os quartos — casa grande 


— só por que minhas amigas ficam mais aqui do que na casa delas, então comprei uma casa grande 


— seu quarto é lindo — Dahyun diz olhando ao redor 


— eu sei — Dahyun ri 


— convencida — a Kim fala se aproximando e abraçando seu pescoço 


— quer fazer algo interessante? — Momo sugeriu, Dahyun sorri 


— e o que seria? 


— envolve a cama e nós duas — Momo fala com um sorriso malicioso 


— cama? E o que vamos fazer? 


— dormir — Dahyun a encara com tédio, fazendo a Hirai rir — eu até optaria por outra coisa que envolve os nossos corpos suados, porém eu estou realmente cansada e só consigo pensar em dormir — a Kim sorri 


— tudo bem amor — lhe deu um selinho, Momo abre um lindo sorriso ao ouvir a última palavra — deita na cama, vou fazer a massagem que falei — Momo assente fazendo o que a garota havia pedido — você está tensa, relaxe 


— está bem... isso é bom — Momo comenta, Dahyun sorri




Notas Finais


👁👄👁


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...