História Borboletas (SasuSaku) - Capítulo 1


Escrita por: ~ e ~bianca_mdv

Postado
Categorias Naruto
Personagens Hinata Hyuuga, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sasuke Uchiha
Tags Alegria, Amiwrong, Amor, Apaixonados, Beautiful, Borboletas, Callmemaybe, Cerejeira, Chegaste, Closer, Colegial, Everyday, Gladyoucame, Love, Naruhina, Naruto, Passado, Romance, Sakura, Sarada, Sasuke, Sasusaku, Semfronteiras, Sorry, Tristeza, Uruwashikihito
Visualizações 713
Palavras 1.988
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Ficção Adolescente, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Ai gente, achei a Saky tão linda nessa foto neh *0*
Espero que vocês gostem amores!

Capítulo 1 - Uma Inimizade Para Recordar!


Fanfic / Fanfiction Borboletas (SasuSaku) - Capítulo 1 - Uma Inimizade Para Recordar!

Sakura Pov's

Eu acordei. Era mais um dia. Mais um dia normal e sem-graça. Era o mesmo barulho, a mesma rua, as mesmas pessoas saindo para trabalhar, e hoje, eu também ia "trabalhar" como uma estudante. Eu me levantei e fui até o espelho. Meus longos cabelos rosas estavam todos embaralhados, então peguei uma escova e comecei a pentea-lo sem pressa. Depois, fui até o banheiro, iria tomar um banho demorado, pois eu tinha até as sete, e ainda eram cinco.

Tirei minha roupa e pendurei a toalha no box de vidro, depois o fechei e liguei na água quente, não estava nem um pouco afim de me espertar. Mesmo sendo o primeiro dia. Eu levantei meu rosto e deixei a água quente cair sob meu rosto, se arrastando delicadamente para todo o meu corpo nu. Eu abaixei minha cabeça e abri os olhos, encarando o chão, e pensei sem expressão. 

_"Eu não deveria estar feliz com isso?" _ Pensei me referindo a escola.

Eu estou no ensino médio, é meu segundo ano em um colégio novo. Não conhecia ninguém, não sabia os caminhos, nem as salas, seria uma nova experiência depois de quatro ano na mesma escola repetidamente chata. Na verdade eu não queria nem ter acordado hoje, estava com sono e tinham olheiras por baixo de meus pequenos olhos. Eu não havia conseguido dormir direito, provavelmente nervosa com o novo Colégio. Seria um passo e tanto, (depois de quatro anos!).

Assim que terminei o banho, desliguei o chuveiro e peguei minha toalha, primeiro enxugando meus cabelos, em seguida o resto do meu corpo. Eu enrolei a toalha no corpo e uma no cabelo saindo do banheiro. Fechei a janela e a fechei. Fui até minha gaveta e a abri, pegando de lá minha calcinha e sutiã, depois abri o guarda-roupa e peguei meu uniforme escolar. Era normal. Era preto e branco nas golas e uma gravata também preta, além de mangas também pretas. Na parte de baixo era uma saia comum que ia até acima do joelho, era cinza. 

Depois que me vesti fui até a sapateira e peguei meu sapato preto junto de duas meias que iam até meu joelho, os coloquei e fui até o espelho. Passei uma simples sombra roxa com um baton nud. Sai do meu quarto com a mochila na costa, quando cheguei na cozinha, vi a típica cena que eu nunca queria ver, mas né. Vi meu pai com a cara enfiada no jornal e minha mãe fazendo os ovos raivosamente, obviamente haviam acabado de brigar.

_Bom dia mãe e pai. _ falei sem sorrir.

_Bom dia minha filha! _ falou minha mãe Mebuki com um sorriso.

_Hum. _ Meu pai Hizashi apenas acenou com a cabeça.

_Meu Kami! Mas será possível que você não pode nem dar um "bom dia" pra sua única filha?! _ Disse minha mãe irritada.

_Tudo bem mãe, o seu bom dia já faz o meu dia. _ eu disse com um pequeno sorriso, pois era verdade.

_Obrigada meu amor! _ mamãe veio até mim e me beijou na testa, em seguida colocou os ovos no meu prato. _ Coma bem!

_Hai. Arigatou. 

_Uhum! _ ela manteve seu sorriso mas logo olhou para o lado e lembrou-se que os ovos de Hizashi ainda estavam la, mamãe revirou os olhos e suspirou, depois foi até o fogão.

O café da manhã era pra ser um momento em que a família conversa sobre oque fará no dia, sobre coisas aleatórias, sorriam, bom, apenas para algumas famílias, que no caso com certeza não era a minha. Depois disso, eu me levantei e fui até a pia lavar meu prato.

_Não minha filha! Não precisa, deixe que eu lavo. _ disse minha mãe.

_Tem certeza, Okaa-san? _ perguntei sorrindo pequeno e a chamei daquele jeito pois sabia que ela amava quando a chamava assim.

_Amo quando você me chama assim! E claro, não tem problemas! _ ela veio até mim e me beijou na bochecha. _ vá logo ou você irá se atrasar!

_Oh, claro. _ falei. _ sayonara Okaa-san! _ beijei sua bochecha.

_Sayonara filha! 

Eu caminhei até a porta ainda sorrindo, e quando minhas mãos estavam para ir na maçaneta, meu sorriso se desmachou e olhei triste para meu pai que ainda lia aquele maldito jornal. Lembrei-me de quando era criança, eu sempre o abraçava e o beijava na bochecha antes de ir para a escola, mas agora, tudo havia acabado.

Afastei esses pensamentos e abri a porta e indo embora firme.

_Você poderia ter dado um "tchau" a ela, não?!

_Humpf...

Autora Pov's

Sakura saiu de casa e começou a andar com a expressão séria. Ela não estava nem um pouco afim de fazer amizades, queria ficar na dela e se focar nos estudos, não queria fazer nada. Sakura apertou o passo ao ver que já eram seis e quarenta, pois o Colégio era um tanto longe de sua casa.

Ela começou a correr e depois de uns sete minutos chegou a seu destino. Ofegante Sakura parou e observou a enorme construção a sua frente, tomou ar e entrou. Ela via vários alunos pelos corredores, poucos conversavam, talvez fossem todos novos. Sakura estava tão distraída que não virá a garota que vinha a sua frente, assim batendo de testa com a mesma e caindo no chão.

_Ai! Ãh? Você está bem?! _ perguntou Sakura preocupada para a garota que havia esbarrado. 

_Você não olha por onde anda, não?! _ gritou a garota segurando na testa batida.

Assim que Sakura se deu conta de quem era, ficou surpresa e seus olhos se arregalaram. Era Karin, sua pior inimiga desde os doze anos de idade. Karin por sua vez abriu seus olhos que se arregalaram ao ver Sakura, mas logo voltaram ao normal e deu seu sorriso malvado. Ela se levantou e pôs as mãos na cintura.

_Ora, ora... se não é a Sakura?

_K-Karin... _ falou Sakura intimidada.

_Eu já devia saber, foi por isso que minha testa doeu tanto! Também, dei de cara com uma testuda! _ todos os alunos começaram a rir de Sakura que permanecia no chão.

_Por favor Karin, não diga isso.

_Owen, isso é estranho vindo de você. Normalmente, você iria chorar e sair correndo!

_N-não é verdade... _ falou Sakura sentindo seus olhos marejarem.

_Sei... então me diz, isso no seu olho, é suor ou lágrima? _ falou apontando para o rosto de Sakura que escorria uma lágrima.

Sakura rapidamente a limpou corada por vergonha.

_Como sempre, uma bebê chorona! Hahaha! _ todos os alunos começaram a rir e Sakura abaixou a cabeça. 

Karin começou a andar e ao chegar ao lado de Sakura deu um peteléco em sua cabeça, fazendo Sakura ranger os dentes com raiva porém ainda lacrimejando.

_Aliás, feche as pernas! Sua calcinha está aparecendo! _ falou indo embora de nariz empinado.

Sakura viu que suas pernas estavam ligeiramente abertas aparecendo um pouco de sua calcinha rosa. Alguns meninos a observavam maliciosamente. Sakura corou mais ainda e se levantou, ajuntou sua mochila e saiu correndo, enquanto uns riam e outros ainda pensavam na cena da calcinha.

Sakura Pov's

Eu não acredito. Não acredito nisso! De todas as pessoas ruins que conheci, a Karin era a que eu queria ficar mais longe! Eu simplesmente não a suporto! E tudo começou, desde aquele dia..

Flash Back On 

~4 anos atrás~

Eu estava na praça central da Cidade da Folha, eu estava debaixo de uma árvore de cerejeira observando a bela vista com um sorriso inocente nos lábios. A brisa batia delicadamente em meus logos cabelos que iam até metade da minha costa. Eu estava normal e calma ate ouvir alguem gritando, acho que me chamando.

_Ei, você! Garota do cabelo rosa! 

_Ãh? _ virei para trás e vi uma garota de cabelos vermelhos e longos, usando óculos e olhos da mesma cor que os cabelos. _ olá! Sou Haruno Sakura!

_Hum... eu sou Uzumaki Karin. _ ela disse ficando a minha frente sem sorrir.

_Então, oque você quer falar comigo?

_Quero que saía.

_Nanii? Como assim sair?

_Arg, você é lerda?! _ a olhei espantada. _ eu quero que saía daí debaixo!

_Ué, por quê?

_Porque eu quero me sentar ai! E aliás eu conheço essa árvore a muito mais tempo que você!

_É só se sentar do meu lado. _ falei arredando. 

_Não! Quero ficar só eu!

_Por quê? 

_Arr, como você é intrometida! É porque o Sasuke vai logo vir aqui!

_Quem é Sasuke? 

_Ãh... hahahaha!! _ ela riu de mim e ergui uma sobrancelha. _ eu não acredito que você não saiba quem é o Sasuke!

_Não, não sei.

_Ele é simplesmente o garoto mais bonito e rico dessa cidade! E eu quero conquista-lo!

_Só porque ele é rico?

_Ah, óbvio que não!! É porque eu o amo!

_Acho que você é muito nova pra pensar nesse tipo de coisa, não é? _ eu perguntei sem intenção de ofende-la.

Karin mudou de expressão, ficou séria e pelo visto raivosa. Ela apertou o punho e me olhou com ódio.

_Me escuta, aqui! Se você se atrever a chegar perto do Sasuke, eu te mato! _ arregalei os olhos.

~2 dias depois~

Eu estava caminhando pelo campo e estava indo em direção a cerejeira, para uma tarde tranquila, quando cheguei lá estava do mesmo jeito que eu sempre gostei. Me sentei debaixo dela e novamente, como todos os dias observei o campo e mais a frente a cidade.

Estava tudo tranquilo, até que alguém para de pé ao meu lado. Eu arregalo os olhos e me viro assustada. Vejo um garoto de uns treze anos, cabelos escuros e espetador, olhos Ônix. Ele observava tudo calmo, com as mãos nos bolsos, até que me olhou e eu corei. 

_Qual seu nome? _ ele me perguntou normalmente.

_Haruno Sakura. _ falei inocente. _ e você?

_Uchiha Sasuke. Posso me sentar com você?

_Claro! _ falei me arredando um pouco. Ele sorriu de leve e se sentou ao meu lado.

_Você vem sempre aqui?

_Bom, sim. Eu gosto muito de ficar aqui e observar essa vista.

_Hum... eu me mudei pra cá a dois dias e meu amigo me recomendou esse lugar para eu relaxar.

_Ele deve ser um ótimo amigo! _ falei com um sorriso.

_Realmente é. Apesar de ser um baka, ele é um ótimo amigo. _ falou. Pude notar o pequeno sorriso de lado e também sorri fechando os olhos.

_Que bom.

Nós dois ficamos observando a cidade, até que Sasuke se levantou, pois tinha que ir embora. Como despedida, ele beijou minha mão e eu corei, fiz a reverência e ele foi embora. Sorri. Foi legal ter a companhia de Sasuke.

Eu sinto-me ser queimada por algum olhar, aquilo era muito desconfortável. Antes de qualquer coisa, sinto meus cabelos serem puxados para cima com força, gemi de dor.

_Eu te avisei...

_Ãh? Ka-Karin? _ falei a olhando por cima do ombro.

_Que se você chegasse perto do Sasuke, _ ela me chutou na barriga. _ eu ia te matar! _ eu cai no chão.

_M-me matar?! Não! Por favor!

_É. Eu não vou te matar, mas no máximo deixarei minha marca em você.

_S-sua marca?! _ perguntei assustada. 

_É... minha marca! _ ela novamente me pegou pelo cabelo.

Duas meninas vieram, uma delas me segurou e a outra ajudou Karin a puxar mais ainda meus cabelos. Lágrimas saíram de meus olhos, a dor era imensa. As três riam de mim.

_M-me s-soltem! P-por favor... _ falei entre o choro.

_Oh, não! Falta uma coisa! _ Karin largou do meu cabelo, mas a outra garota continuou. Karin pegou uma tesoura e meus olhos se arregalaram. - Sabia que o Sasuke não gosta de meninas de cabelo curto?

_Não, não. Não! Não!! Não, por favor!! _ Karin não me ouviu, foi até meu cabelo e la o cortou, deixando uma verdadeira porcaria.

Flash Back Off

Não gosto nem de me lembrar daquele momento, é horrível. Parei de andar, quando finalmente cheguei a minha sala. Era a 3-4, eu respirei fundo e entrei. Todos os alunos me olharam, alguns deram baixas risadas, pois viram a cena mais cedo. Outros me olharam curiosos e outros normalmente.

Eu abaixei minha cabeça e fui até uma cadeira vazia. Me sentei nela, e todos os alunos voltaram a conversar normalmente. Suspirei pesadamente, e comecei a retirar as coisas da minha mochila. 

_Yo! _ ouvi uma voz masculina e me virei.

Continua...


Notas Finais


Foi isso!!
Mds, quem ai ta acordado?! Só eu?! Ãh....
Beijos de Sakura!♡


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...