História BoruSara- Verdade ou Consequência? - Capítulo 67


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Personagens Boruto Uzumaki, Chouchou Akimichi, Chouji Akimichi, , Himawari Uzumaki, Hinata Hyuuga, Ino Yamanaka, Inojin Yamanaka, Jiraiya, Kakashi Hatake, Karui, Konohamaru, Kushina Uzumaki, Matsuri, Metal Lee, Minato "Yondaime" Namikaze, Mirai Sarutobi, Mitsuki, Naruto Uzumaki, Sakura Haruno, Sarada Uchiha, Sasori, Sasuke Uchiha, Shikadai Nara, Shinki, Shion, TenTen Mitsashi
Tags Borusara, Boruto, Dedachõ Sasofuu, Naruto, Sarada, Shikamirai
Visualizações 164
Palavras 2.283
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Comédia, Festa, Ficção Adolescente, Hentai, Luta, Musical (Songfic), Romance e Novela, Saga, Violência
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Pq eu sumi? Bom, esse capítulo (QUE TA UMA MERDA) foi o capítulo que eu mais tive dificuldade de escrever pq é MT coisa de ação pra um cap só

Então dá a impressão que o capítulo é corrido e tudo acontece mt rápido. Quero pedir desculpas por isso. Vou tentar melhor nos próximos desse novo arco


PS:


Pra quem não sabe o perfil/aparência do Kino Vargas é o Jimin do BTS e vão ter algumas referências sobre isso ao decorrer do capítulo.

Se não gosta de Kpop tudo bem, só não ofenda quem gosta, tudo bem?

Calma, quem não curte Kpop não vai ficar sem entender nada do capítulo ok? , São só coisas sobre a aparência é isso não vai mudar em nada.

Capítulo 67 - Resgate part2. O Choro de lágrimas de sangue


Fanfic / Fanfiction BoruSara- Verdade ou Consequência? - Capítulo 67 - Resgate part2. O Choro de lágrimas de sangue

Autora P.O.V'S

Todos estavam chocados. Ninguém havia esperado por aquilo, De todos Boruto era o mais chocado, não havia motivos para tal feito do pai de seu amigo, nada se encaixava ali. Nada.

— Eu não sabia que era sua garota, Criança, mas você já brincou com ela, não? , Dê a vez a outros, não seja egoísta Boruto-kun...

Os policiais se encontravam com suas armas todas apontadas para o estuprador, que se aproximava em passos lentos e sarcásticos

— Pare agora, não terei medo de atirar — Orochimaru se virou dando de cara com um homem alto de cabelos negros que estavam cobrindo metade de um olho, haviam lágrimas presas e um maxilar travado na expressão do mesmo, e pela semelhança que tal rapaz tinha com seu novo brinquedo constatou de cara que aquele era o pai da garota.

— Atire.

A voz do antagonista saiu como a de uma serpente, sarcástica e seduzente, parecendo atrair todos os ouvidos que estavam presentes no local

Um disparo foi ouvido, mas o moreno de sorriso inabalável nem sequer se mexeu ou foi ferido

"O desgraçado está de colete aprova de balas"

Sasuke pensou, mas logo riu

— E se eu atirar na sua cabeça?, Tem colete aí também?

logo que terminou de falar o Uchiha sentiu o cano de uma pistola em sua nuca

— precipitado de mais... — Orochimaru tirou a arma que o Uchiha segurava, mas ainda assim haviam várias armas miradas para o mesmo

— Boruto... — O antagonista com sorriso de serpente se virou para o loiro que ainda estava estático com aquela descoberta

— Me diga garoto, com o que eu trabalho...? — O sorriso irônico estava ali e parecia não ter como retirá-lo

— Vo... você é... Cientista ....

— Ótimo, mas vamos lá... eu sei que Mitsuki é Fofoqueiro, ele já te contou meu projeto que dura faz 20 anos não?

— Mutação... Genética... Fazer as pessoas serem resistentes a pressão do corpo sem o ar... Resistir a gravidade zero sem morrer...

— Sim, muito bem!! Parabéns garoto!!! — Ele começou a bater palmas enquanto todos estavam atentos aos movimentos do mais alto.

Chocho estava escondida em meio a alguns tanques , estava assustada, Mitsuki não era assim, não que tivesse muito contato com o Albino, mas eles eram tão diferentes que se recusava a acreditar que ele era filho de um ser tão.... Desprezível

— Mas o que Mitsuki não soube, foi que eu tive êxito na minha pesquisa, de certo... Algumas pessoas tiveram que morrer em nome da ciência, coisa que o estado nunca me permitiu... Então criei todo esse império... Bonita história não?

— Como assim teve êxito? — O Oficial esbravejou — Quantas vidas se foram e o que você quer dizer com isso?

Orochimaru apenas franziu os lábios como uma criança de colo que não entendia alguma palavra nova

— Vargas... Meu querido bebê... Por que você está tão afastado de mim...? Venha chegue mais perto — o tom ameno que o sujeito usava chegava a dar náuseas em quem visse a cena que estava se desenrolando — Kino Vargas... Ou eu devia dizer ... Park Jimin?, Meu querido me perdoe... Ouve algumas coisas que eu não expliquei a você... Quando você nasceu... Você tinha o DNA perfeito... Foi uma pena ter que ouvir sua mãe gritar enquanto era degolada... Mas eu tinha ido tão longe por você pequeno?, São poucas horas, mas foi tão desgastante sair do Japão até a Coréia pra achar o garoto com o DNA certo pro meu projeto... Mas eu não sou ruim, te dei uma família aqui, não dei?, Kino Vargas — Bulbucionou de um jeito brincalhão — Eh, Talvez Park Jimin combinasse mais com você, o problema da sua família que eu contratei foi que eles se apegaram de mais, e você sempre foi minha experiência, estava tão claro que deste que eu injetei a droga em deste que era recém nascido... A droga que cresceu e evoluiu no seu corpo, você era meu, meu troféu

O — agora descoberto — Coreano estava estático. Ele sentia as lágrimas saírem , mas não conseguia controlar, ele não piscava ou soluçava , apenas sentia as lágrimas saindo

— VOCÊ É UM MONSTRO MISERÁVEL — Madara que até então estava quieto se pronunciou

Orochimaru apenas Riu

— Sabe Boruto... Você tem razão, eu não escolhi Sarada atoa... Digamos que o Pulmão do Vargas seria... Biônico... E com uma transfusão tanto de sangue tanto do órgão... eu teria a tal resistência..

— Ele iria Morrer — Chocho sussurrou consigo mesma

— Sim garotinha que está escondida, Ele iria morrer, mas todos nós fazemos sacrifícios pela ciência, e Sarada... Bom... Sarada geraria uma criança que já nasceria com esses genes... Seria a evolução... Vai ser a evolução

— VOCÊ É DOENTE! — Boruto enfim reagiu — VOCÊ DESTRUIU VIDAS POR NADA!!, POR EGOÍSMO

— tragam dois troféus para este Einstein, um por ele ser muito perspicaz e outro caso ele perca o primeiro — Debochou

Ele era um sádico.

Ele não se importava .

— Já conversamos de mais, It's Show time crianças — ele sorriu sádico antes

De atirar em um dos oficiais.

Uma troca de tiros começou no local, Boruto, Madara, Sasuke, Kino, foram ficar ao lado de Chocho enquanto que a polícia tentava os proteger e resolver a situação

— Cho... — a ruiva ouviu o sussurrar no ouvido que já estava tão acostumada — me perdoe, eu devia ter dito antes, e aconteça o que acontecer... Eu ainda te amo!

Kino havia sussurrado com delicadeza no ouvido da menor, que depois daquelas palavras e depois de ouvir tudo que ele havia passado... Já não sentia mais mágoa de nada.

Os disparos haviam ficado mais intenso...

Dentro do quarto a garota gritava e esperneava enquanto queria ser resgatada, mas ninguém a ouvira

— BORUTO! PAI!!

Sarada não sabia o que fazer, ouvia tiros, mas não sabia o que estava acontecendo lá fora, ela chorava tentando pensar que tudo ficaria bem, ela sairia dali, e logo estaria com sua família, com seu namorado, seus amigos, sua vida.

{...}

Orochimaru não era acertado pelos tiros, sempre algum dos seus capangas o defendia, Leon já estava furioso com isso

Boruto não se aquietava, então bem ao fundo ele viu... Uma luz bem ofuscada pela troca de tiros e reparou que aquela luz vinha de uma porta

— Sarada... É ali, não é? — Perguntou para Kino que estava ainda um pouco desnorteado por tantas descobertas

— Sim... Sarada está lá

De pronto Boruto começou a engatinhar em direção as escadas que o levaria a porta

— Onde você pensa que vai? — Madara esbravejou — Tirar Sarada dali com essa troca de tiros? É loucura

— Foda-se, eu não vou deixa-la sozinha — dito isso saiu correndo até as escadas

— BORUTO — Kino gritou jogando pra ele as chaves do quarto, O loiro o olhou agradecido e correndo mais rápido vendo que agora o foco estava nele

Orochimaru começou a tentar acertar o Loiro para que não chegasse no quarto da morena, mas teve que se abaixar para não o acertarem

Boruto estava suando frio e quando a porta se abriu ele apenas sentiu braços ao seu redor e lágrimas em seu ombro.

Lágrimas essas que começaram a ser retribuidas no momento que sentiu o cheiro daqueles cabelos negros

— Eu te amo, me desculpa, eu devia ter te achado antes — ele sussurrava embargado

— Tá tudo bem Bolt-kun , eu te amo

Porém aquele momento não durou muito, pois ouviram o grito histérico de quem logo julgaram ser Vargas


CHOCHO


Kino Vargas {Park Jimin} P.O.V's

Depois que Boruto Subiu, as cenas seguintes foram muito rápidas, De repente Orochimaru estava segurando Cho como refém

— CHOCHO

Me levantei e sai do esconderijo de imediato

— SAIA SE PERTO DA UCHIHA E VAI TUDO FICAR BEM

Boruto e Sarada logo apareceram ficando de frente a todos ali, Madara teve que segurar Sasuke que queria ir até a filha

— LARGA ELA, ELA NÃO TEM NADA HAVER COM ISSO — eu implorei e me ajoelhei na frente de todos — p.. por favor.... Tudo menos ela... Você quer me matar tirar meu sangue meu pulmão qualquer coisa e completar seu estudo?, Eu estou aqui... Sarada não é a única possível no mundo de gerar essa criança, vamos embora desse país, fazemos o que você quiser, mas não mate ela... Não machuque a Chocho... — meus soluços eram tão fortes que eu não sabia se ele entendia qualquer coisa que eu estava falando — pelo amor de Deus... Não toque nela...

Tudo ficou em silêncio, apenas o som do meu choro era ouvido.

E depois de minutos que mais parecia uma eternidade em silêncio ouviu-se gargalhadas

— Ah, garoto... Você quase conseguiu me convencer... Mas tem um porém

O moreno com sorriso de serpente ajoelhou trazendo a menor que estava de refém junto

Eu não acredito em Deus

E novamente aquilo vinha sendo muito rápido, no momento que o homem que tinha destruído a minha vida foi disparar a arma eu o empurrei e segurei sua mão, Cho correu pra longe gritando meu nome , senti ele me empurrar e me socar tentei puxar a arma de sua mão, mas ele era muito forte

Cho por algum motivo tentou empurra-lo de novo e ele enfim disparou o tiro, tiro que seria fatal pra ela...

Mas eu me pôs na frente, recebendo o tiro no peito

Orochimaru que antes estava irônico agora estava estático.

— Minha criação!

Eu não conseguia ouvir direito o que falavam comigo, e eu sabia que estava prestes a morrer

Cho correu em minha direção, talvez pra tentar dar os primeiros socorros, mas ela no fundo TB sabia que não podia fazer nada

— NÃO!!! EU NÃO VOU TE DAR O DIREITO DE MORRER!!!!! NÃO, NÃO DEPOIS DE TUDO, EU ME RECUSO!!! , VOCÊ NÃO PODE MORRER ESTÁ ME OUVINDO?, EU NÃO VOU DEIXAR

Sorri fraco. Ela se importava comigo...

E...u te an..mo...

— Não fale como se fosse suas últimas palavras

M...as sã...o. Sai..ba dis...so, Vo... cê me... Fez feliz... Nos m...eus... Últimos... Dias... Obrigado

Eu sentia ela me balançar, sentia seu desespero, mas já não via mais nada, aquele era meu último segundo

Obrigado pessoal, no meu último momento ao menos eu descobri quem eu sou.

Nunca fui Kino Vargas ou Park Jimin

Fui o homem que Nasceu pra amar Chocho Akimichi .


{ Boruto Uzumaki } P.O.V's


A cena de Kino morrendo em minha frente fez com que eu abraçasse mais minha morena

Os policiais aproveitam a "distração" Leon deu um soco forte em Orochimaru


{...}


Uma hora mais ou menos já haviam se passado, Sasuke que antes paparicava a filha foi ligar para Sakura avisar que tinha achado a filha de ambos, afinal mesmo que eles não estivessem mais juntos tinham filhos, é isso era mais importante


— Izuna está vindo pra cá — Madara alertou fazendo carinho nos cabelos da menor, Mas Sarada não sorriu ou coisa assim.

A cena de Kino morrendo ainda era viva


Eu e Sarada começamos a nos afastar ainda mais daquela cena quando a perícia começou a tirar os corpos, tanto para deixar que os policiais fizessem seu trabalho, tanto por que a pequena estava chorando muito em meus braços, Cho não estava diferente, mas quando Madara foi até ela, ela simplesmente correu pra se afastar ficando mais longe dele.

O mais velho apenas respeitou a dor dela.


— Não é que a Vadia conseguiu o que queria — ouvi uma voz atrás de nós e quando meu virei ficando protegendo Sarada vi uma mulher com mais dois homens consigo

— Mia... — ouvi Sarada murmurar

— Você acabou com o Sonho do meu Orochimaru... Você vai pagar — a mulher falou e logo eu comecei a brigar com os dois caras, mas eles era dois e eu só um... Eu estava apanhando

Logo vi um dos dois serem derrubados e percebi que Sasuke e Madara estavam batendo neles comigo.

Estávamos entretidos de mais e só pararmos quando vimos o grito da minha morena.

Viramos e aquela mulher havia a agarrado pelos cabelos e batido sua cabeça em um gerador de Metal com força, e uma seringa ser colocada quase rasgando seu braço . vi sangue sair da cabeça da minha pequena e mez desesperei quando ela caiu no chão com os olhos abertos arregalados

Sasuke pegou a mulher e a espancou tanto que acho que ela está morta.

Eu cheguei perto da minha pequena e pôs sua cabeça no meu colo

— Não dorme amor — pedi segurando o choro tirando a seringa que a vadia havia colocado nela — por favor... Não dormer

Eu te amo

— Você não vai morrer, Já tivemos mortes de mais hoje

Pro...meta que vai ten...tar me sal...var então...

— Todos os dias da minha vida.

Não desista de mim Bolt-kun.

— Nun...

Seus olhos fechadas de vez.

— ...Ca...

Depois de tal cena peguei uma arma que estava no chão e matei a mulher que era agredida por Sasuke deixando todos — Exceto Madara que sorriu — estupefatos .

Fui até onde os polícias prendiam Orochimaru e o matei sem remorso nenhum

— POR QUE FEZ ISSO MOLEQUE IDIOTA ELE IRIA SER JULGADO — Um dos policiais que estavam com Leon me gritou

Nem sequer o olhei, o matei também

Chocho que ainda não havia se recuperado da morte que havia sido marcante ainda mais pra ela estava tremendo enquanto andava

— Rezem para que Sarada Acorde quando a levarmos para o hospital, se não tenham certeza que eu irei matar todos que estão aqui hoje.... Um por um oficial.... Levem a sério ou não, eu não me importo.... AGORA PAREM DE ME OLHAR COMO SE EU AINDA TIVESSE ALMA E LEVEM ELA PRO HOSPITAL!!!

dito isso todos se dispersaram e vi Leon pegar minha morena no colo

— não vá pro hospital agora Boruto, Sarada não vai querer te ver assim quando acordar.

Apenas concordei.

Eu não tenho mais vida, eu não tenho mais alma, eu só tenho um sentimento vivo, só tenho um nome a quem buscar e uma razão pra existir

Sarada.


Notas Finais


Quando eu criei o Kino eu já esperava fazê-lo morrer, não acredito que vcs realmente gostaram do personagem e amaram muito ele com a Cho.

Obrigada por curtirem o Kino eu TB amei MT escrever ele, mas era algo que já estava previsto e eu não pude tirar.

Na busca pela paz sempre haverá guerra e infelizmente isso não se pode mudar.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...