História BOSS - Park Jimin - Capítulo 8


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Park Jimin (Jimin)
Tags Bangtan Boys, Drama, Fanfic, Hot, Imagine, Park Jimin, Romance
Visualizações 245
Palavras 719
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, Drabble, Drama (Tragédia), Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 8 - Não quer desabafar?


Fanfic / Fanfiction BOSS - Park Jimin - Capítulo 8 - Não quer desabafar?

P.O.V S/N

Acordei com uma dor de cabeça forte, vendo tudo embaçado por alguns segundos.

Coloquei a mão em minha cabeça e me sentei na cama.

Mas essa não é a minha cama, esse não é o meu quarto e essa não é a minha casa. Ótimo! Oque eu fiz dessa vez?

- Já acordou? Bom dia.

Meus olhos focaram em um homem deitado ao meu lado, que aparentemente tinha acabado de acordar.

Jimin? - Perguntei ao reconhecê-lo. - O que está fazendo aqui?

- Oh, me desculpe. Eu acabei dormindo. - Falou enquanto se levantava da cama.

- Por acaso a gente não...

- Não, não, não! Fique tranquila. Depois eu te explico, primeiro vamos tomar café. Sabe me dizer que horas são? - Perguntou e eu o encarei.

- Você esqueceu que quebrou meu celular, Senhor Park? - Perguntei séria.

Jimin começou a rir, quase me fazendo o acompanhar... a risada dele era viciante! Ouviria todos os dias se pudesse.

- Sim, eu me esqueci. - Falou tentando controlar a risada. - Depois eu vou comprar um novo pra você, agora levante, precisamos descer! - Exclamou enquanto me puxava pelas mãos, quase me fazendo cair da cama. Ou eu estava muito leve ou ele era realmente muito forte!

- JIMIN! - Gritei assim que me equilibrei.

- O que foi?

- EU QUASE VOEI! - Respondi tentando me manter sem expressão... o jeito que eu havia falado foi realmente engraçado.

- Não exagere! Vamos logo, eles já devem estar lá em baixo. - Falou enquanto colocava as pantufas.

- Eles? - Perguntei confusa.

- Sim... Tae e Rose, eles estão namorando a alguns meses.

- Sim, eu sei.

- Sabe? - Perguntou, aparentemente confuso.

- Sou a melhor amiga dela, como não saber? - Respondi sorrindo fraco.

- Hm... Isso não é tão bom.

- Você tem algum melhor amigo? Ele está namorando também? - Perguntei.

- Sim... o Taehyung. - Respondeu enquanto caminhava até o banheiro. -Meu melhor amigo de infância.

- Ah, sim... Como nunca nos conhecemos antes? Eles já estão namorando a seis meses!

- Gostaria de ter me conhecido antes? - Perguntou saindo do banheiro, com um sorriso leve estampado no rosto.

- Sua pergunta não foi ouvida, por favor, tente novamente mais tarde. - Respondi em um tom irônico, arrancando uma risada do mais velho.

- Boba! Vamos descer, agora... e não precisa trocar de roupa! - Falou olhando a minha roupa.

Só então eu percebi que estava com uma camisa masculina em meu corpo. Foi ele quem pôs?

- Sim...- Respondi caminhando em direção a ele.

Descemos as escadas e não encontramos ninguém.

- Aigoo! Eles ainda não acordaram.- Falou olhando ao redor.

- O único jeito é esperar. - Falei caminhando até um dos sofás e me sentando em seguida.

- Porque ao invés de ficar esperando não preparamos o café? - me encarou.

- Boa idéia! É melhor do que fazer nada... pode ser divertido. -Falei animada, me levantando.

- Oh! S/N, são 13:00h da tarde! - Exclamou depois de notar o relógio na parede.

- Oh! Então vamos ter que cozinhar. - Falei caminhando até ele, que ainda encarava o relógio.

- Certo, oque podemos fazer? - Perguntou direcionando os olhos para mim.

- Não sei... A idéia foi sua, esqueceu? - Perguntei o olhando.

- Aish, deixa eu ver o que tem pra cozinhar aqui. - Falou enquanto caminhava até o frizer - Não sei oque podemos fazer! Aqui tem tudo que você possa imaginar.

Caminhei até lá e realmente... tinham praticamente todos os tipos de carne.

- Aigoo! Pra que isso tudo? - Perguntei espantada com a quantidade de carne que havia lá. - Vamos fazer Strogonoff, pode ser?

- Pode ser, já faz um tempo que eu não como, então... - Falou pegando o peito de frango de dentro do frizer, o fechando em seguida.

[...]

Estávamos cozinhando, a comida já estava quase pronta, só mais alguns minutos e vamos poder comer.

- Então... porque você estava tão pra baixo ontem? - Perguntou checando mais uma vez o arroz.

- Ah... eu não sei se quero falar sobre isso - Respondi.

- Não quer desabafar? Não se preocupe... Eu não saio por aí falando da vida dos outros.

Eu deveria contar?

Eu não estou desconfiando dele, nem nada do tipo, mas... o Sr.Hyuk me disse pra não contar, eu não queria contar nem mesmo para a Rose.

Mas deve ser para não contar para as pessoas da empresa, não?... 


Notas Finais


Eu te amo vocês


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...