História Boss (jikook) - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Visualizações 36
Palavras 1.969
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Lemon, LGBT, Romance e Novela, Saga, Yaoi (Gay)
Avisos: Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 5 - Capítulo 5 (lemon)


*CONTINUAÇÃO*

*JK ON*

Jimin começou a dar chupões por toda a região do meu pescoço, isso me deixava louco, levei minha mão até o membro de jimin e começei a masturba-lo por cima do tecido grosso da calça jeans, paramos o que estávamos fazendo e términamos de tirar as últimas peças de roupas que vestiamos, assim que estávamos por completo nus voltamos a nós beijar, minha mão começou a explorar todo o corpo de jimin, sentia todas as suas curvas perfeitas, sentia a sua pele que era macia, levei minha mão até o pênis de jimin e começei a masturba-lo enquando dava falsas estocadas, paramos o beijo e coloquei jimin de quatro na cama, começei a roçar meu membro duro sobre a entrada de jimin, jimin tem uma bunda tão perfeita, grandinha e redondinha, além da entradinha do mesmo ser rosadinha, só de ver eu ficava mais excitado ainda, jimin empinava tão bem, empinava do jeito que eu gostava, bem aberto e bem empinado, começei a desferir tapas pelas suas nadegas.

JM- me foda logo kookie, não fique enrolando por favor!.- jimin falou e começou a rebolar encima do meu membro.

Me posicionei atrás de jimin e sem avisa-lo penetrei meu membro com toda a força dentro de jimin.

Começei a estocar lentamente, jimin era tão apertado e quentinho, tão gostosinho.

JM- awhnnn kookie m-mais ra-rápido!.-jimin começou a gemer alto enquanto eu tava estocadas lentas no mesmo.

JK- awnn jiminnie, você é t-tão gostosinho!.- falei e começei a estocar com mais força e rapidez.

Eu estava gemendo rouco no ouvido de jimin, dava tapas fortes na sua bunda e dava estocadas fundas e fortes no mesmo, a cada estocada que eu dava jimin ficava mais apertado, era tudo tão gostoso, os gemidos manhosos e choramingosos de jimin que emploravam para que eu o fodesse mais e mais, o seu belo e gostoso pênis que eu masturbava enquando o fodia, tudo isso era tão gostoso e excitante.

JM- ahnnn kookie, a-acerta ali de novo!.- jimin gemeu assim que acertei no seu ponto doce.

Começei estocar apenas ali, jimin gemia descontrolado, assim como eu que gemia alto e rouco, estava fudendo jimin com tanta força que a cama rangia fazendo um barulho irritante mas nada que atrapalhasse.

Estava sentindo meu membro pulsar e doer mais que o normal, estava preste a gozar, começei a estocar com mais força e velocidade, uma, duas, três,  quatro foram preciso, apenas quatro estocadas a mais para que eu me desfazer dentro de jimin.

Retirei meu membro de dentro de jimin e jimin gozou gemendo manhoso enquando chamava pelo meu nome, me deitei na cama e jimin subiu encima de mim e se deitou em meu peito, nossas respirações estavam ofegantes, estava exausto, me levantei da cama com jimin em meus braços, fomos até o banheiro onde tomamos nosso banho.

Não aconteceu nada de mais no banho além de algumas mãos bobas e alguns beijos, voltamos para o quarto e nos deitamos na cama, um agaradinho com o outro.

JK- essa foi a melhor noite que eu poderia ter!.- falei dando um selinho em jimin.- jimin, eu te amo, muito, promete nunca se esquecer disso?

JM- prometo kookie!.- jimin falou me  abraçando.- também te amo muito!.- jimin falou e assim dormiu, me abraçado após uma noite longa de sexo.

*JM ON*

Acordei sentindo dores por todo o meu corpo e sentia alguém me abraça, olhei para ver quem era, me espantei ao ver jungkook pelado ao meu lado ele estava dormindo, me levantei da cama e peguei uma toalha e me enrolei na mesma, fui até jungkook e começei a balançar o mesmo na intenção de acorda-lo.

JM- JUNGKOOK ACORDA!.- gritei o fazendo acordar assustado, o mesmo olhou ao redor e depois me olhou sorrindo.

JK- bom dia minnie!.- jungkook falou e se deitou novamente.

JM- que? Você acorda, me vê quase nu assim como você é volta a se deitar? Você  está bêbado só pode!.- falei indignado ao vê-lo deitado sem preocupação.- v-você não está com vergonha por está deixando eu te ver pelado?

JK- ue, porquê teria vergonha se você já viu tudo que tinha pra ver ontem!.- jungkook falou e eu arregalei meus olhos.

JM- nós não fizemos aquilo, não foi?.- perguntei.

JK- o quê? Transamos? Sim, nós transamos, é foi uma das melhores transas que já tive!.- jungkook falou e se levantou da cama vindo até mim.

JM- QUE? m-mais e-eu não queria, você abusou de mim!.-jimin falou desesperado!

JK- eu não abusei de ninguém, você queria e eu também se você não quisesse e não tivesse gostado não teria gritado de prazer!.- jungkook falou e eu dei um empurrão no mesmo o fazendo caí na cama.- JIMIN E TUDO QUE VOCÊ FALOU, QUE ME AMAVA, TUDO QUE VOCÊ SENTIU ONTEM?.- jungkook perguntou gritando do lado de fora do banheiro.

Abri a porta e o olhei, eu não queria dizer aquilo para jungkook, mas não podia continuar com ele, ele está compromissado com aquela garota, não quero prejudica-lo.

JM- tudo aquilo foi mentira jungkook, eu estava bêbado, me desculpe, você está compromissado é isso foi um erro, não temos nada além de uma relação de amigos de trabalho, você o meu chefe e eu o seu empregado, me desculpe por te iludir!.- falei vestindo minha camisa.

Saí do quarto vendo jungkook me encarar. Decidi ir para o restaurante de meu irmão, estou confuso agora, jungkook sempre foi tão gentil e amigável comigo que por um tempo eu começei a criar sentimentos por ele, mas e se tudo que aconteceu, se realmente aconteceu, e se tudo isso for verdade, eu o magoei, e se não for, eu fiz a coisa certa? Droga!

Fui andando até o restaurante do mesmo, não fica tão longe do hotel, assim que entrei no restaurante vi yoongi sentado no bar bebendo um suco.

JM- posso falar com você yoon?.- perguntei o chamando a atenção.

YG- jiminnie, oi mano, claro que pode, fala!.-yoongi falou pondo toda a sua atenção em mim.

JM- bom, ontem eu estava bebado e tal, e acabei por transar com o jungkook, é...- antes de eu terminar de falar yoon falou.

YG- ele te tratou feito lixo hoje, não foi? Se sim eu vou acabar com ele!

JM- Na verdade não, foi o oposto, eu que tratei o jungkook como lixo!.- falei e yoon me olhou surpreendido.- bom, deixa eu te contar, eu acordei e eu e ele estávamos pelados, eu acordei ele e tivemos uma pequena briga e no final eu acabei por falar um monte de besteiras pra ele!

YG- besteiras como?

JM- que ele estava compromissado, que foi tudo por estámos bêbados, que não tínhamos nada além de amizade e uma relação de chefe e funcionário e que, eu não o amava!.- falei me lembrando da cara de arrependimento de jungkook.

YG- você o ama?

JM- eu não sei!.- após falar isso recebi um tapa de yoongi.-aí!

YG- jimin, você o ama?.- assim que yoongi perguntou novamente eu fiquei pensando um pouco em tudo.

JM- sim!.- falei e recebi outro tapa de yoongi.- para de me bater seu imbecil!

YG- se você o amasse de verdade não estaria aqui, e sim lá!.- yoongi falou e me puxou da cadeira de onde estava sentado me levando até a porta de saída.

JM- mas que..-minha fala foi cortada!

YG- você só vai entrar aqui quando você estiver com jungkook, esqueça tudo, que ele é seu chefe, que ele tem noiva, esqueça tudo, se ele te ama de verdade irá ficar contigo e não com a loca lá!.- yoongi falou e fechou a porta na minha cara.

Saí correndo de volta pro hotel, entrei rapidamente no local indo pegar o elevador, fui até o andar do meu quarto com o de Jungkook e assim que entrei no mesmo dei de cara com ele e uma mulher conversando.

JM- o-oi!.- falei olhando os dois abraçados.

XX- jeon quem é esse?

JK- é um amigo Katharine!.- Katharine, a noiva do jungkook.- jimin podemos conversar lá fora?.- jungkook perguntou e assim que Katharine ouviu meu nome veio me olhando feio.

KH- então você é o famoso Park jimin, é melhor ficar longe do MEU NOIVO, já tive notícias sobre você que não me alegraram nada!.- ela falou me olhando séria, jungkook a empurrou pra longe de mim.

JK- chega Katharine! Vamos jimin!.- jungkook falou me levando pra fora do quarto!

JM- não me falou que ele iria vir!.- falei sem o encarar.

JK- também não sabia que ela viria, olha, mandei levarem suas coisas para o quarto ao lado, é, não quero que me veja com outros olhos, como eu o via, acho que não gosta de mim como gosto de você, eu aceito isso de boa mas...- jungkook olhou em meus olhos, ele queria dizer algo, mas não conseguia.- Mas saiba que aceito uma amizade!.- sabia que ele não queria dizer aquilo.

JM- tudo bem! Amigos!.- falei sorrindo falso.- até outra hora!.- falei indo para o meu quarto.

*Q.D.T*

Merda, por que eu falei aquilo? Ele está triste comigo, e pra piorar aquela mulher tá aqui, droga! Eu só faço besteira!

*JK ON*

KH- vamos kook, vamos brincar um pouco!.- Katharine falou subindo encima de mim.

JK- não estou afim Katharine!.- falei seco sem a encarar!

KH-  vamos kook, estámos uma semana quase longe um do outro, sei que está necessitado!.- Katharine falou me beijando, droga! Estou fraco, queria tira-la de cima de mim mas estava sem condição.

Estava odiando o beijo, até me lembrar de jimin, seus lábios como eram bons de beijar, afundei mais o beijo, eu estava com meus pensamentos em jimin, os pensamentos aos quais me fizeram esquecer que quem eu realmente beijava era Katharine.

*Q.D.T*

Eu estava na varanda do meu quarto de hotel, eu e Katharine havíamos acabo de transa, sinto um nojo ao pensar que transei com Katharine pensando em jimin, jimin não é igual Katharine para eu pensar nele.

Peguei um copo de uísque e bebi.

JK- jimin!.- pensei alto.- você é meu!.- falei indo até o quarto do mesmo.

Parei na frente do quarto de jimin e bati duas vezes na porta, nada, bati mais três vezes e ouvi a porta ser destrancada.

JM- a, é você!.- jimin falou com raiva e tristeza!.- o que voc..- antes de jimin terminar de falar eu o beijei, aquele beijo, aqueles lábios, eu havia me viciado, jimin não tentou saí do beijo, pelo contrário, ele retribuo o beijo.- j-jungkook!.- eu o cortei.

JK- jimin, eu te amo, me escute com atenção, eu o amo, muito, te quero com todas as minhas forças, quero construí uma vida com você, uma família, jimin, não deixe que uma pessoa atrapalhe o nosso amor, se você me ama de verdade, diga que Katharine e meus pais não serão um problema!.- assim que terminei de falar isso a porta do meu quarto se abriu, era Katharine.

KH- jeon, o que faz aí? Vem, vamos dormir amor!.- Katharine falou me puxando para o nosso quarto.

Me joguei na cama e fechei meus olhos, queria dormir o mais rápido possível, além que não queria falar com Katharine, fechei meus olhos e depois de minutos eu dormir.

*JM ON*

Aquele beijo, aquele beijo foi verdadeiro, eu podia sentir, as palavras que ele falou, foram tão lindas, será que ele realmente me ama ou foi efeito da bebida? Ele tava fedendo a álcool, só espero que ele não esteja me enganando, eu o amo, por incrível que pareça, eu o amo, e espero que ele também!

.......





Notas Finais


Capítulo novo, espero que tenham gostado.
Sobre o lemon, me desculpem se tiver ruim, faz muito tempo que não escrevo lemon, então me desculpe se tiver ruim.
Tchau até logo.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...