História Boys babys and daddys - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Gay, Homossexual, Kawaii, Lemon, Romance, Shounen Ai, Yaoi
Visualizações 94
Palavras 1.704
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fluffy, Lemon, LGBT, Literatura Feminina, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - Você não vai acreditar em quem eu vi


Fanfic / Fanfiction Boys babys and daddys - Capítulo 2 - Você não vai acreditar em quem eu vi

{ Foto da capa é o Kiroi - Aprecie! }

Kiroi Mausu

Eu acordo, amanhã será o grande dia, sim, o primeiro dia de aula! Falta apenas 2 anos para eu terminar o ensino médio, mas na verdade estou meio nervoso, não sei o que vou cursar. Talvez eu apenas vá trabalhar em um restaurante, ou algo do tipo. 

Vou tomar um banho quente de 10 minutos, e então vou me vestir. Coloco uma camiseta preta com desenhos de nekos e um jeans, e então eu desço para a cozinha, minha mãe já deve ter ido trabalhar, e então eu vejo minha irmã mais velha, Helena. Ela tem 22 anos e é casada com um garoto chamado Kwan, mas eles não moram juntos, ele mora em outra cidade, e as vezes vem visitar. Ele mora à 30 minutos de voo daqui. 

Helena - Bom dia, irmãozinho! - Ela vem até mim e beija minha testa, temos a mesma altura, ser baixinho é meio que uma genética da família - O que quer para o café da manhã? - Disse sorrindo

Minha irmã na verdade não é do tipo amigável, ela só assim comigo mesmo, e com o seu noivo, nós aprendemos à nos dar bem, já que minha mãe quase nunca está em casa e o nosso pai morreu quando eu tinha 10 anos, e ela 15.

Kiroi - Pode fazer um bolo?

Helena - Posso, mas vai demorar um pouco! Por que não saí um pouco, e daqui 1 hora você volta? O bolo vai estar quase pronto.

Kiroi - Ok, eu vou terminar de comprar o que falta para os meus materiais escolares. Vou pegar meu dinheiro, tchau maninha! - Abracei minha irmã, peguei minha carteira e fui ao ponto de ônibus.

Assim que cheguei na papelaria, um atendente vem até mim... espera, eu conheço ele... cabelos brancos, olhos âmbar... ele não é o delinquente Yeon-Sul?! 

Kiroi - O-oi bom dia s-senhor... pode m-me mostrar m-modelos de mochilas? - Sinto minha voz falhar

Yeon-Sul - Senhor não, eu sou u- Peraí... eu te conheço, 'cê' não é aquele menino que as meninas vivem paparicando por te acharam "fofo"? 

Kiroi - S-sim... o-oque você tá fazendo aqui?

Yeon-Sul - Tenho dois empregos, trabalho na papelaria de manhã e em um restaurante à noite. (Autora: Ele é estudante, então é 4 horas cada emprego) E você, o que faz aqui? - Ele disse, com um olhar frio que congelou até o meu cu. Velho ditado, "quem teu cu, tem medo".

Kiroi - Como eu disse, e-eu vim comprar, pode me mostrar as mochilas? - Agora eu reparei, ele é bem alto comparado à mim, cerca de 1 régua de diferença. Minha altura era na altura de seu abdômen, não chegava no seu peitoral, mas era  um pouco acima da cintura. ou seja, eu olhava para cima para falar com ele. 

Yeon-Sul - Você quer algo mais, que estilo?

Kiroi - Algo fofo... - Ele não parece tão assustador fora da escola, sem a sua gangue.

Eu comprei todos os meus materiais (Autora: LEIA AS NOTAS FINAIS, CASO QUEIRA SABER COMO É, E EU SEI QUE VOCÊ VAI QUERER PORQUE A CURIOSIDADE É GRANDE).

Assim que eu fui para a fila para pagar, ele entrou atrás do balcão, se sentou no banco, colocou os cotovelos no balcão e apoiou sua cara nos cotovelos, e assim piscou para mim. Eu não pude deixar de conter uma risadinha.

Ele passou minhas coisas no identificador de preços (Autora: Aquela coisa que quando a mulher do caixa do mercado passa faz "bip"), colocou em uma sacola, e quando eu ia pegar, ele se levantou, deu a volta no balcão e entregou a sacola na minha mão, fazendo nossos dedos se roçarem. Eu corei e desviei o olhar.

Eu tenho um costume de me despedir com abraços, eu faço isso com todos, então por que não com ele? Não é como se ele fosse me matar, porque além das olhadas frias que me davam arrepio até no cu, ele não tinha nada de assustador. Talvez a altura, realmente, como esse garoto é tão alto?! Então, ainda com a sacola na mão, eu passei meus braços por sua cintura, o abracei e então o soltei.

Kiroi - Até amanhã, Yeon!

Yeon-Sul

Ok, eu tentei ser gentil porque ele era meu colega de classe e entregar a sacola para ele, e bem... aquela piscada foi instinto. 

Então ele vem e me abraça, e ainda por cima me chama de Yeon. Yeon é meu nome, Sul é sobrenome. Mas, como a maioria das pessoas tem medo de mim, me chamam pelo nome inteiro, é um costume estranho do Japão chamar as pessoas pelo sobrenome, ou o nome inteiro. Na Coréia também tinha isso, mas normalmente era apenas em lugares formais, como hospitais ou reuniões. Eu me mudei para o Japão com 15 anos.

Esse garoto chamou minha atenção, vou ficar de olho nele...

Kiroi Mausu

Assim que chego em casa, vejo minha irmã, Helena, cortando um pedaço de bolo e colocando em um pires.

Kiroi - Oi, maninha! Esse bolo parece ótimo.

Minha irmã não é muito boa na cozinha, é no máximo razoável, mas ela se esforça. Eu sou melhor nisso, mas eu raramente cozinho, porque eu tenho escola, e eu estou à procura de um emprego.

Helena - Oi, que bom que parece, não sou muito boa com doces. - Ela dá um sorriso desajeitado e se senta na mesa, junto de mim. - O Kwan vai vir visitar a gente no mês que vem.

Eu gosto do Kwan, ele é um ótimo cunhado, e é uma das únicas pessoas que sabem que eu sou gay. No caso, minha irmã, minha mãe, Kwan, o Yuri e o Noerm.

Kiroi - Fico feliz, ele é uma ótima pessoa. - Sorrio, e termino de comer - Vou para o quarto, te amo maninha.

Era umas 10;00 quando terminei de comer, então eu provavelmente almoçaria bem pouco ou nem almoçaria. 

Comecei à ler um mangá de slice of life e comédia, e só parei quando percebi que deu 13;00. Eu tinha combinado de ir na casa do Noerm, junto com o Yuri! 

Levanto e rapidamente vou até a porta, mas sou barrado pela minha irmã.

Helena - Onde você vai?

Kiroi - Vou na casa do Noerm.

Helena - Quem é Noerm, mesmo?

Kiroi - Noerm é aquele garoto de cabelos castanhos, que veio aqui faz uns dois mêses.

Helena - Ah, tá. Pode ir, nesse caso.

Eu fui para a casa do Noerm, e cheguei lá só 13;30. A mãe dele, Sarah, uma mulher ruiva, que atendeu à porta. O pai dele se chama Marco e tem os cabelos castanhos.

Kiroi - Bom dia, senhora Sarah, o Noerm combinou de eu vir aqui visitar ele hoje... posso entrar?

Sarah - Pode sim, querido. - Ela saiu da frente da porta, dando passagem. Ela não era muito mais alta que eu, minha altura batia em suas sobrancelhas. 

Eu entrei, acenei para a mulher que deveria ter cerca de 30 e poucos anos, e entrei no corredor em direção à casa do Noerm. Minha família tem renda alta, nossa casa é de dois andares, o Noerm tem uma renda de média para baixa, a casa dele é pequena, mas é aconchegante. O Yuri tem as mesmas condições que Noerm, mas ele mora em apartamento. Ou seja, eu sou o que tem mais "renda", praticamente, mas eu não me importo muito com esse tipo de coisa, apesar de adorar presentear meus amigos. Eu amo ganhar presentes, mas eu acredito naquela frase, "dar é melhor do que receber". Eu adoro dar. (Autora: Nem maliciei...)

Kiroi - Noerm? - Bati na porta do quarto dele - Posso entrar?

Noerm - Pode, o Yuri ainda não chegou!

Entrei no quarto, estava como sempre. Paredes cinzas, chão de madeira escura, alguns quadros na parede, sua cama de casal e sua escrivaninha, que tinha uma cadeira giratória, um notebook e alguns livros. Apesar de pequeno, o quarto dele tinha ar-condicionado, pois o pai dele trabalhava instalando ar-condicionado.

Kiroi - Tudo bom com você? - Digo, me sentando na cama 

Noerm - Sim... animado para amanhã? - Ele se senta do meu lado

Kiroi - Sim, estou animado. Já comprei meus materiais escolares. Você não vai acreditar em quem eu vi lá!

Noerm - Quem?! - Ele cruza as pernas como um índio

Kiroi - O Yeon-Sul! 

Noerm - O que ele tava fazendo lá?

Kiroi - Ele tava trabalhando, ele que me atendeu.

Noerm - E tu não ficou com medo, não?

Kiroi - Inicialmente, eu fiquei. Mas, depois na hora de pagar, eu até abracei ele, mas ele não retribuiu.

Noerm - Aí, eu shippo!

De repente, o seu telefone começou à tocar.

Noerm - Alô? Ah, oi! Fala... Por quê? Que pena... tá, até amanhã. Sim, tá desculpado, tchau. 

Kiroi - Quem era?

Noerm - O Yuri, ele não vai poder vir, tem consulta no oculista. 

Kiroi - Ah tá... 

Eu fiquei na casa do Noerm até umas 19;00, então o abracei e fui para a casa. Chegando lá, era 19;30, e minha irmã estava cozinhando o jantar.

Kiroi - O que vai ter hoje?

Helena - Cachorro-quente. Estou quase terminando... por que não põe o seu pijama, quando você terminar, provavelmente vai estar tudo pronto. 

Kiroi - Ok, maninha!

Coloquei meu pijama de ursinho, arrumei minha cama, que era bem bonita. O meu quarto tinha paredes cor-de-rosa, a cama era uma bicama, ou seja, embaixo tinha uma espécie de gaveta que você puxava e virava outra cama. Eu tinha uma escrivaninha com meu notebook, e uma estante de livros. Também tinha um criado mudo ao lado da cama, onde tinha meu abajur e despertador. Uma parte do meu quarto tinha um sofá de dois lugares, e o chão do meu quarto era encapado com um tapete felpudo branco. Eu tinha o meu próprio banheiro e meu próprio closet. 

Arrumei minha cama, e desci para a cozinha. Minha irmã estava colocando a comida nos pratos, e minha mãe estava trancando a porta, deveria ter recém chegado.

Eu jantei e fui ler um volume do meu mangá, adormeci às 21;00.


Notas Finais


Mochila: https://pt.aliexpress.com/item/LUYO-2017-Doll-Casual-Small-Fashion-Kawaii-Backpack-Girl-Women-School-Bags-Mini-Backpacks-For-Teenage/32830462773.html

Caderno: https://kawaii-panda.com/6645-thickbox_default/caderno-pusheen-hey.jpg (ESGOTADO)

Estojo: https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-833304309-estojo-totoro-pelucia-kawaii-fofo-meu-amigo-totoro-bolsinha-_JM

Canetas azuis: https://www.enjoei.com.br/p/kit-6-canetas-kawaii-1347637/pagina/2?_=1531362744568&product_id=1347637 (DESATIVADO)

Marcadores: https://m.tr.aliexpress.com/item/32825381310.html

Canetas pretas: https://produto.mercadolivre.com.br/MLB-933295802-kit-com-6-canetas-kawaii-fofas-pirulito-tinta-preta-038mm-_JM (DESATIVADO)

Canetas gel: https://pt.aliexpress.com/item/0-38mm-Vintage-Key-Plastic-Gel-Pen-Creative-Cute-Kawaii-Pens-For-Kids-Novely-Item-School/32824137415.html

Lápis: https://kawaii-panda.com/pt/papelaria/lapis-lapiseiras/lapis-pendente-mochi-panda.html

Borracha: https://kawaii-panda.com/pt/papelaria/borrachas-kawaii/borracha-apanha-residuos-neko-ears.html

Apontador: https://pt.aliexpress.com/item/Kawaii-Tumbler-Animal-Pencil-Sharpener-Rabbit-Mouse-shape-Cutter-Knife-For-Home-School-Promotional-Originality-Gift/32796772452.html

Régua: https://pt.aliexpress.com/item/20PCS-Kawaii-Cartoon-Animal-Ruler-for-Measuring-Drawing-Kids-Students-Cute-Gift-Creative-Artistic-papelaria-regua/32531704488.html

Lápis de cor: https://www.americanas.com.br/produto/27288948/lapis-de-cor-faber-castell-24-cores-supersoft

Canetinhas: https://www.kalunga.com.br/prod/caneta-hidrografica-24-cores-vai-e-vem-150124vvzf-faber-castell/191082

Giz pastel: https://www.papelero.com.br/des-tecnico-artistico/giz-pastel-seco-e-oleoso/giz-pastel-oleoso-staedtler-25-cores/

Pasta: http://www.fancygoods.com.br/p/2259/pasta-de-plastico-com-ziper-kutusitanyanko---jardim

Grampeador: https://pt.aliexpress.com/item/Super-cartoon-animal-shaped-Mini-stapler-kawaii-stapler-set-Hand-puncher-with-staples-office-scool-supplies/32591494477.html


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...