1. Spirit Fanfics >
  2. Brave Heart >
  3. Capítulo VII

História Brave Heart - Capítulo 7


Escrita por:


Notas do Autor


CHEGUEI

Não postei o capítulo ontem pois estava fazendo um trailer da história, não sou profissional nisso, mas espero que gostem amores <3
https://www.youtube.com/watch?v=lKX22UYAccM

Fiz umas traduções nesse canal tbm, fiquem a vontade *.*
~~~~~~~~~~~~~~~~~~~

Boa leiuraaa <3

Capítulo 7 - Capítulo VII


Jongho 

- Mas que ótimos pães! – Um nobre diz a Jongho após experimentar uma unidade da cesta. 

- Obrigado senhor! Gostaria de colocá-los? 

- Minha esposa irá adorar com certeza, ela ama pães doces! – O mais velho sorri entregando o saco com algumas moedas de Azes à Jongho. 

- FECHEM OS PORTÕES! – De repente guardas passam a correr pelas barracas em direção ao Palácio, de longe pude ver o grande general olhando diretamente para Eudora. 

- Eudora? – Ele se questiona confuso, ela parece assustada. 

- Prendam a ladra!! 

- Ladra? – Jongho dá seus passos incrédulo com a cena, até ver dois guardas seguraremos braços de sua amiga brutalmente. 

- Eudora!! – Ele corre em disparada gritando até os guardas, sem pensar duas vezes, os derruba no chão com dois únicos golpes. 

- Mate-o! – Yeosang diz rígido aos dois guardas ao seu lado que partem pra cima do mais novo.  

O mesmo revida sem armas, sem armadura ou escudo para se proteger, mesmo assim, vence os oficiais pela agilidade. 

- Insolente! Como ousa? 

- Não! – Yunho se põe a frente do general evitando que o mesmo matasse o melhor amigo de Eudora. – Ele não tem nada a haver com isso! 

- Como pode ter certeza? – Yeosang pergunta em tom baixo olhando diretamente para o príncipe. 

- O que está acontecendo aqui? – Seonghwa surge junto com Mingi. 

- Por que a coroa do príncipe se encontra aos pés dessa garota? – Mingi pergunta se abaixando para pegar o artefato, Eudora se distancia esse ajoelha no chão em lágrimas. 

- Não fui eu Majestade! Eu juro! 

- Agora está mentindo? – Yeosang parece estar sem paciência, era trabalho dele garantir a segurança do evento, isso traria complicações para ele mais tarde. 

- Eu juro! Foi ele... – Eudora passa a procurar o rapaz que esbarrou nela a pouco tempo, o verdadeiro ladrão. 

- Ele quem? – Yunho questiona, mas ainda desconfiado. Ao Yeosang anunciar a prisão, Yunho se virou e viu Eudora com a coroa, não havia mais ninguém ao lado dela. 

Sem resposta, um guarda segura no braço da moça fazendo com que se levante. 

- Leve-a! – O rei ordenou, com seu olhar imerso nos de Yunho que se encontra assustado. 

Yeosang acompanha o guarda para a segurar que ela não escapasse. 

- Que a comemoração continue! – Seonghwa diz de maneira amigável aos comerciantes que estavam olhando com aparências surpresas. – Na sala do trono, agora! – Finaliza olhando para Yunho. 

Mas o mesmo é impedido por Jongho que agarra seu traje. 

- É melhor que soltem ela! Se você tiver algo haver com isso eu vou atrás de você! Lorde Jeong... – O olhar de Jongho era de raiva misturado com desespero. 

- Não se preocupe! Não deixarei que façam nada com ela! 

- Quem é você para me garantir isso? 

- Alguém próximo à realeza! 

დ♔დ

Eudora 

Minhas pernas ficam bambas a cada passo, eu só queria poder provar minha inocência o quanto antes e poder ir embora. 

O chão se tornou frio, a escadaria abaixo de meus pés fez minha respiração se contrair dentro do meu peito. Eu estava na masmorra do Palácio. 

- Anda! – A voz do general fez eu rapidamente descer as escadas, indo até a uma das celas. Ao adentrar, senti meu coração desacelerar e lágrimas se formarem em meus olhos. 

A tranca do cadeado fez as mesmas caírem. 

დ♔დ

Yunho  

- Como ela conseguiu a coroa? – Mingi pergunta entregando a coroa a uma serva. 

- Ela já disse que não foi ela! – Yunho diz exaltado cerrando os punhos. 

- Você tem provas? – Seonghwa pergunta alisando os lábios pensativo. 

- Eudora? Ela não está na lista de comerciantes, também não é uma nobre, ou uma convidada do rei como ela... 

- Ela é minha convidada! Uma... – Yunho respira antes de dizer. – Uma costureira!  

- Como a conhece?  

- Eu... queria novos trajes... 

- Vossa alteza sabe que tem excelentes costureiras no Palácio. – Mingi o questiona.  

- Mas nenhuma é igual a ela! – O peso em sua voz fez Seonghwa se endireitar no trono. – Ela... tem um bordado único! – Se esquiva. 

- Mais um motivo para desconfiar dela, uma pobre costureira que se aproveita de um ingênuo príncipe, adentra no Palácio e por sorte, rouba a coroa de vossa alteza.  

- Ela não sabe quem eu sou! 

- O que disse? – Seonghwa se levanta de seu trono. 

- Ela não sabe que sou o príncipe! 

- Como... 

- Ela não sabe! – Seu olhar para Mingi fez o mesmo se calar. – Ela estava comigo o tempo todo! 

- Esteve em sua presença sem saber quem você é? Yunho! Está brincando comigo? 

- Seonghwa eu já disse! Ela não roub... 

- Ladrão!! – A discussão é interrompida quando um dos guardas grita em meio aos corredores, logo Yeosang adentra na sala do trono apressado. 

- Pegamos ele! 

- Quem? 

- O ladrão da coroa majestade! Pegamos ele. 

- Mas e a garota? 

- Acredito que ele a incriminou para apagar seus rastros soberano, mas uma segunda tentativa sua e o capturamos! 

- Então onde ele está? 

დ♔დ  

Eudora

- Levanta! Por sorte, está livre! – Um guarda diz abrindo as portas da cela. 

- Mas como? 

- Pegamos o verdadeiro ladrão. – Um alívio no peito surgiu. 

Ao caminhar pelo mesmo caminho que antes mas agora sem algemas, pude notar com mais calma, o interior do Palácio, em uma parede próxima, um gigantesco quadro pintado preenche a mesma, nele havia uma família de quatro pessoas, um casal e dois filhos, um sentado no colo do aparente pai e o outro em pé em frente à mulher, era a família real, os dois príncipes de Arthez... Sendo o mais velho, aquele em frente à mãe, atualmente coroado Rei. 

O que mais me espanta, é o fato do mais novo, o príncipe, viver escondido nessa fortaleza, ninguém do mercado o conhece, ou pelo menos o viu, sabemos de seu nome, mas é como se fosse um fantasma. 

- Anda seu ladrão imundo! – ao fundo do corredor pude ver cinco guardas escoltando um rapaz algemado, sua feição me era familiar, o ladrão da coroa , e o mesmo que roubou meu dinheiro. 

Ao se aproximar, ele veio em minha direção, o guarda o empurrou mas isso não o impediu, sua respiração estava próxima de mim, seu olhar me despia, como se ele quisesse gravar cada traço de meu rosto. 

- Me aguarde boneca! 

დ♔დ

Yunho

- Onde pensa que vai? – Yeosang pergunta em tom rígido atrás de Yunho em um dos corredores ao lado do jardim real.

- Eu quero ver se ela está bem! – Yunho responde ainda de costas para o general.

- Acredito que ela não queira vê-lo agora! Por sua causa ela veio até o palácio!

Yunho queria ir contra as palavras de Yeosang, mas ele sabia que o general dizia a verdade, foi ele quem convidou a jovem para a comemoração e por sua desobediência em não usar a coroa, pois a vida dela em risco.

- Garanta que ela chegue em casa em segurança!

- Por que se importa tanto com uma plebeia?

- Eu me importo com meus súditos general! Ainda mais quando um deles é enviado a uma cela injustamente! – Yunho o questiona pelo seus atos mais cedos.

- O rei mandou aconselha-lo que fique longe dela! Para sua segurança!

- Dispenso seus conselhos! Agora me dê licença! – Yunho passa a andar deixando o general sozinho.

Mas resolve não ir atrás de Eudora no momento, de fato ela não gostaria de vê-lo, da janela da biblioteca ele a vê saindo do palácio, seu melhor amigo Jongho, que até então esperava por ela no portão do Palácio a abraçou forte quando a viu, um abraço que Yunho também queria receber da garota.

Em seus pensamentos, ele só queria saber se um dia ele poderia ver seu lindo sorriso novamente.

დ♔დ

San

- Maldita... – San analisa o chão de sua cela pensativo, ele teria conseguido executar seu plano, se não fosse por uma garota em seu caminho, e mesmo a incriminando, falhou em roubar novamente a coroa da serva. Pois a mesma gritou incansáveis vezes a frase que cresceu ouvindo, “Peguem o ladrão.”

- Você deve ser o rei dos ladrões! – De repente em um canto escuro do outro lado das grades de ferro, uma figura surge de capuz, impedindo que San o veja.

- Meu nome é San! E quem é você?

- Alguém que pode te tirar daqui! – Suas palavras fizeram San gargalhar alto.

- Primeiro, como faria isso? E segundo, por que?

- Preciso que roube algo para mim! – Continuou a rir irônico. – Será muito bem recompensado! Posso garantir.

O som de moedas caindo no chão próximo a cela fez a feição de San mudar completamente.

- E que artefato é esse? Para valer tanto assim?

- Não é um artefato, e sim uma garota!

- Já vi homens como você! – San se levanta indo em direção ao homem, se apoiando nas grades que separam os memos. – E matei todos também!

O misterioso de capuz levanta sua mão esquerda em direção a porta da cela abrindo a mesma, isso fez San se assustar, ele havia ouvido falar sobre eles, mas nunca conheceu um, não era um simples homem, era um mago. – O que eu ganho em troca da garota?

- Dez mil azes de ouro! – Uma quantia suficiente para San comprar todos os vinhos da cidade e ainda tecidos e vasos do mercado, ele seria rico.

- Como posso confiar em você?

- Eu me faço a mesma pergunta, afinal você é um ladrão! – San se manteve pensativo, era uma ótima oportunidade. – Você tem dois dias! Estarei esperando do lado de fora dos portões da cidade! Me traga a garota e lhe entrego o dinheiro!

- Qual o nome dela?

- Você a conhece bem, aquela que lhe impediu de roubar a coroa, seu nome é Eudora!

Um sorriso nos lábios de San fez o mesmo gostar do trato.

Uma garota em troca do seu maior sonho, uma proposta irresistível.

- Prepare as moedas mago! Irei busca-las em dois dias!

- Pode me chamar de kaiser!

დ♔დ


Notas Finais


Eu tava tão ansiosa por esse capítulo, vocês não tem ideia kkkk

Até a próxima amores <3
~~~~~~~~~
Não deixem de assistir o trailer plis


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...