História BREAK The rules - Capítulo 14


Escrita por: e Sadbad_Boy

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Chen, D.O, Kai, Kris Wu, Lay, Lu Han, Personagens Originais, Sehun, Suho, Tao, Xiumin
Tags Exo
Visualizações 7
Palavras 785
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Entenda sinais:

⏺️Bolinha diálogo dela.

⏹️ Quadrado diálogo dele.

Capítulo 14 - Cale-se.


Fanfic / Fanfiction BREAK The rules - Capítulo 14 - Cale-se.

⏹️ De imediato fomos conversar com as meninas para tirar essas história de grupo a limpo, ambos não estávamos gostando muito desse boato, pois o combinado seria se entrássemos apenas eu e a Lia. 

Chegando no estúdio de atuação chamamos elas de canto que pareciam nervosas o bastante para desconfiarmos que elas teriam haver com isso, que elas começaram com isso. 

- Então, falaram pra nós que vocês são do mesmo grupo que a gente. Como assim? 

Elas se encararam mas nada de dar uma explicação, gaguejaram e prefiriram ficar em silêncio. Olhei para Lia que estava com sua expressão de que iria dizer palavras que estão entaladas na garganta, até que suspirou mostrando paciência e compreensão: 

- Tudo bem, quando chegar a hora de dormir vamos conversar. Seja o que for que aconteceu com vocês, ambos poderão nos dizer pois apenas quero a sinceridade de vocês. Ok? 

Elas concordaram voltando para a aula enquanto fomos para nossa aula de canto, quando chegou a noite fomos para nossos dormitórios, conversar. 

⏺️Não sei o que está havendo mas todos parecem nos encarar com uma expressão de raiva e desgosto. Nossos professores estão nos empenhando mais, aliás um deles comentaram sobre nosso debute que seria rápido demais. Fingi que nada estava acontecendo e subi para meu dormitório, quando as meninas nos chamaram para conversar. 

Antes de tudo, peguei uns refrigerantes e uns salgadinhos que havia comprado e escondido pois a noite é quando sentimos mais fome. Bom, ninguém poderia saber disso. 

- podem nos dizer. Prometemos que não contaremos nada. 

Novamente se encararam mas nada de dizer até que...

- Eles querem nos colocar em um grupo de garotas que estão debutando a um tempo.

- Mas elas fazem coisas horríveis com a gente, como humilhar a gente e nos bater. Antes mesmo que vocês não estavam aqui, elas faziam isso. 

- Elas quem? 

- Não, não queremos falar pois não queremos encrenca. Mas elas dizem que somos fracas e tudo o mais. Então falamos que somos do seu grupo, pois não queríamos entrar no grupo delas. 

- Mas não estamos entendendo esse negócio de debutar, não fizemos um ano! Como vamos debutar? 

- Então... Isso também é culpa nossa. 

- Quê? 

- Nós somos trainees a dois anos e nossa estréia é exatamente essa semana. Quando falamos que já temos um grupo, sugerimos vocês, então pra eles nós estamos prontos para debutar. 

- Bom, é assim... Nós sempre fomos empenhadas então conseguimos fazer as coisas de uma forma boa, por isso estamos prontas para debutar então eles relevaram. 

- Meu Deus... Vocês mentiram sobre nós? 

- Sim, por isso pessoas estão olhando assim pra vocês... Sentimos muito. 

- Ué, por que vocês não poderiam formar um grupo sozinhas? Tipo dupla.

- Também não sabemos o porque, nossas vozes são boas, a dança é ok e a atuação é boa também. Mas não sabemos porque não, então quando sugerido os grupos rivais, nos falamos que somos do seu grupo que já tínhamos pessoas suficientes...

Ficamos em silêncio pensando sobre isso, até por que não temos tanto treinamento e estávamos com medo de promover algo ruim, ainda mais se alguém descobrir essa injustiça. 

- Estamos com medo, pois não temos treinamentos suficientes. Não arrumamos nada... Meu Deus... : Dizia Leonardo com aspecto nervoso. 

- Calma, agora que estamos aqui precisar usufruir...

- Então, vamos formar esse grupo? 

- Por nós está tudo bem. 

- Mas que dia é o debute de vocês? 

- Depois de amanhã, ou seja. Temos apenas amanhã para debutar, junto com outros grupos que vão debutar também. 

- Meu Deus...

  Dia Seguinte: 

⏹️ Bem cedo estávamos organizando a suposta "merda" que as meninas fizeram, pois estávamos sendo muito pressionados e com duas vezes mais pressão, pessoas nos olhando com cara de aproveitadores e que com certeza iriamos ficar com a ficha queimada depois que a fama viesse.

Em fim, arranjamos um nome para o nosso grupo depois de discutimos ambos os significados e escolhemos...

⏺️Reveng (vingança) esse era o nome escolhido por nós, achamos que esse nome compactuaria com as coisas, não que sairíamos para nos vingar de algo. Mas parecia que isso nos traria uma atenção. O fandom se chamaria blood (sangue) para parecer algo macabro junto com algo natural, é como se nossos fãs fossem algo que precisamos ter, algo que estaria junto de todos nós, de uma forma intensa queremos dizer que elas são importantes. Nossa cor seria representada por vermelho. 

Essa parte não nos conduz, porém como aceitamos aos poucos. 

Quando estávamos praticando as aulas, nos chamaram de imediato pedindo para que fossemos para uma sala da empresa. Ao entrarmos nos damos de cara com os sócios do Senhor Lee soo-man, fundador da SMTown. 

Vamos debutar (...)



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...