1. Spirit Fanfics >
  2. Breathe - Jikook >
  3. Capítulo 04

História Breathe - Jikook - Capítulo 6


Escrita por:


Capítulo 6 - Capítulo 04


Fanfic / Fanfiction Breathe - Jikook - Capítulo 6 - Capítulo 04

Jungkook 


No momento que Chanyeol pediu ao Jimin para entrar eu sabia que algo estava acontecendo. Porra! Eu precisava ter mais cuidado ao meu redor, especialmente na frente de Chanyeol. Na curta quantidade de tempo que tive perto de Jimin hoje, queria saber muito mais! Quais eram suas flores favoritas, restaurante favorito, banda e filme?


Puta merda, o que diabos estava acontecendo comigo? Tinha essa vontade incrível de ficar perto dele. Quer dizer, eu peguei meninos, muitos meninos, mas nenhuma deles jamais me afetou da maneira que Jimin tem feito. Só tocá-lo faz com que eu tenha uma semi-ereção. Que porra é essa? Ele é irmão do meu melhor amigo, que acabou de terminar com o namorado babaca esta manhã.


Jungkook... relaxa.


Bem, vamos acabar com isso. Fui até Chanyeol, mas não antes de olhar para cima e ver Jimin olhando para mim mordendo o lábio. Tenho certeza de que tomou todas as minhas forças não gemer só de vê-lo mastigando o lábio. Eu sabia que ele estava preocupado com o que Chanyeol estava prestes a dizer-me, especialmente porque ele apenas tentou flertar comigo pela primeira vez hoje. Deus, ele era bonito como um botão de flor, mas puta merda, ele era tão inocente e ainda assim, tão sedutoro, ao mesmo tempo.


Ele me deu um sorriso fraco e virou-se para entrar na casa. Deixei escapar um grande suspiro e caminhei até Chanyeol .


— O que foi cara? Está tudo bem? — Eu perguntei me preparando para o primeiro soco.


— Sim cara, tudo bem. Ouça, eu esqueci completamente que eu tenho um encontro hoje com Yuto. Tenho adiado isso por semanas. Se eu ligar para ele agora e canceler... — Chanyeol disse e olhou de volta para a casa.


— Kook, eu odeio perguntar isso a você, mas você pode ficar em casa esta noite e cuidar de Jimin? Eu não quero deixá-lo sozinho. Ele nunca tomou esse tipo de medicamentos antes. Quer dizer, eu sei que estou pedindo muito a você se sentar e cuidar do meu irmão. Acho que ele ficaria bem com isso. Na verdade, eu meio que acho que ele pode gostar de você cara.


Eu só fiquei lá atordoado, em silêncio. Olhei em volta durante um segundo. Onde diabos estava meu melhor amigo Chanyeol? O único que se recusou a deixar qualquer um de seus amigos encontrarem seu irmão querido, até que ele terminasse a escola. O Chanyeol que realmente nos ameaçou com danos corporais, se alguma vez colocássemos a mão sobre Jimin.


Este dia está ficando cada vez mais e mais estranho.


— Hum, não, eu não me importo. — Eu disse a Chanyeol enquanto olhava para ele com uma expressão confuso no rosto.


— Chanyeol, cara, eu posso te fazer uma pergunta?


— Você sabe que pode... Manda.


Corri minhas mãos pelo cabelo novamente tentando decidir como dizer que seu melhor amigo estava atraído por seu irmão caçula que, literalmente, conheceu a apenas algumas horas atrás e ele estava prestes a deixá-lo sozinho com ele por quem sabe quantas horas?


— Chanyeol, hum, quero dizer que não me importa em tudo ficar em casa esta noite, não tenho planos, mas cara. Você nunca deixa ninguém de seus amigos perto do seu irmão, de fato você nos ameaçou com danos corporais se nós encostássemos um dedo nele. Então, agora você está deixando-o aqui comigo, quando você usava qualquer desculpa para me fazer sair quando ele vinha? Quer dizer, eu acho que ele é bonito e, hum, eu meio que ... hum, bem, eu... Porra... Eu realmente não sei o que estou tentando dizer aqui Chanyeol. Estou confuso como o inferno. — Eu disse enquanto olhava de volta para a casa e depois para Chanyeol que estava ali de pé sorrindo.


Chanyeol  soltou uma gargalhada que me pegou de surpresa.


— Que porra é tão engraçado? — Eu perguntei olhando para ele como se ele tivesse perdido o juízo.


— Cara, você entendeu mal. Tá tão fodidamente ruim que você não consegue nem falar direito! — Chanyeol disse e ria pra cacete enquanto eu só estava ali em silêncio atordoado.


— Você não acha que eu não percebi que os dois estavam olhando um para o outro durante toda à tarde? Ou o fato de que Jimin ficou arrasado por aquilo que o filho da puta fez com ele, mas cinco minutos depois que ele te viu esqueceu, quem é Jaehyun? — Chanyeol disse e soltou outra risada.


— Espere, eu estou tão confuso porque Jimin sempre foi fora dos limites. Cara, você me disse uma vez que iria cortar minhas bolas e que eu nunca daria certo com ele. Você está tentando-me para alguma coisa aqui? Quer dizer, se você quer uma luta pode simplesmente ir ao ginásio e botar para fora Chanyeol. Foda-se cara, não brinca comigo assim. — Eu praticamente implorei. Sim... algo não estava bem aqui. Eu não implorava nada a ninguém.


— Ouça Kook, você é meu melhor amigo. Você é como um irmão para mim. Eu dou minha vida por você e eu sei que você faria o mesmo por mim. Se eu tenho que confiar em alguém com o meu irmão, seria você cara. — Disse Chanyeol  e colocou a mão no meu ombro.


Caralho... meu melhor amigo confia em mim com seu irmão e tudo o que eu estava tentando fazer era acalmar a ereção que tenho cada vez que estou perto de Jimin.


— Hum... Chanyeol eu preciso ser honesto com você. Eu acho que estou atraído por seu irmão. Quer dizer, eu nunca iria desrespeitar você ou Jimin de qualquer maneira. Se você me disser agora para recuar e nunca olhar para ele de novo, cara eu vou fazer isso. Seria difícil, porque eu tenho certeza que seu irmão se amarrou em nós e eu estou um pouco confuso com essa coisa toda, mas eu faria isso por você Chanyeol. — Eu disse e corri minhas mãos pelo meu cabelo à espera da reação de Chanyeol para minha admissão de estar atraído por seu irmão mais novo.


— Kook, Jimin teve uma infância fodida com minha mãe. Ela praticamente disse que ele era inútil como fez comigo. Na mente de Jimin, ele nunca vai ser bom o suficiente para qualquer um. Eu só peço que você dê um tempo. Se ele acabar tendo sentimentos por você, então basta ver até onde ele vai. Basta ter em mente que ele é inocente, muito inocente e melhor amigo ou não, se você machucá-lo, então eu te machuco. — Chanyeol disse e deu no meu ombro um aperto muito mais duro.


— Chanyeol você sabe que eu preferiria morrer a te decepcionar, cara. Prometo-lhe isso. Prometo cuidar dele se formos apenas amigos, ou vier a torna-se mais do que isso. Sempre cara.


Chanyeol me deu um tapa forte nas costas e começamos a caminhar para a porta.


— É bom saber kook... bom saber! Eu odiaria ter que surrar meu melhor amigo. Agora, vamos ver como ele está se instalando, vamos? — Chanyeol disse e virou-se para ir para a casa.


Meu coração começou a bater mais rápido e eu não tinha certeza se eu estava mais ansioso por ver Jimin na minha casa ou pelo fato de que eu praticamente acabei de ter a bênção de Chanyeol. Cara, esse dia só continuava a ficar mais interessante. O que mais poderia acontecer?


Quando entramos na casa, Chanyeol chamou por Jimin. Ele veio pelo corredor e usava um conjunto de moleton do Chanyeol e uma camiseta UT. Porra! Eu nunca tinha visto alguém tão sexy em minha vida. Tinha que caminhar até a cozinha para ajustar a maldita ereção que crescia... De novo! Eu acho que o meu pau ficou duro mais vezes, esta tarde, que em todo o ano de merda.


— Ei querido, como você está se sentindo? — Chanyeol perguntou quando se aproximou de Jimin.


— Eu acho que eu estou bem. Acho que os remédios estão fazendo efeito porque estou realmente cansado. — Jimin disse com um bocejo.


— Deixe-me ir colocar isso no meu quarto e pegar algumas coisas no meu quarto. Eu realmente espero que você não se importe Jimin, mas eu tinha planos para hoje à noite e eu furei com esse menino três vezes já. E não posso voltar a furar de novo. Kook se ofereceu para ficar em casa e ajudar se você precisar de alguma coisa. — Chanyeol disse e voltou para o seu quarto.


— Oh, hum, sim, Chanyeol estou totalmente bem. Embora não precise de babá. — Jimin disse, enquanto observava Chanyeol ir para o quarto e pegar uma muda de roupa e ir em direção ao chuveiro. Eu ouvi Chanyeol e Jimin. Sabia que ele não tinha necessidade de uma babá, então Chanyeol gritou pelo corredor que estava tomando um banho rápido.


Eu ainda estava na cozinha então peguei uma cerveja da geladeira. — Kook ouça, por favor, não fique em casa por minha causa. Estou muito bem. Acho que só preciso comer alguma coisa, deitar e descansar um pouco. Tenho certeza de que vou cair no sono muito rápido. — Jimin disse enquanto olhava em todos os lugares, exceto para mim. Ele realmente era inocente, e caramba, ele era lindo.


— Não seja bobo Jimin, não tenho planos para esta noite. Estava pensando em apenas relaxar e assistir a um filme ou os dois. Você está com fome? Nós não fomos ao mercado, mas eu posso correr e pegar algo. Você provavelmente deve comer desde que você está tomando remédio para dor.


Ele olhou para mim pela primeira vez desde que saiu do quarto e seu rosto ficou vermelho imediatamente. Minha respiração ficou presa na minha garganta. Seus olhos seguraram os meus pelo que pareceu uma eternidade antes que ele finalmente falou.


— Estou com fome. Oh Deus, porém, eu odeio até mesmo pedir a você, estou tão envergonhado. Hum, eu tenho certeza que Chanyeol tem tempo de correr e ver alguma coisa. — Ele disse e estava prestes a virar e ir perguntar-lhe pela porta do banheiro.


— NÃO! Realmente vou lá. Estou com fome também, não comi nada desde o café da manhã. Deixe-me correr e buscar. Voltarei em pouco tempo. Apenas deixe Chanyeol saber que eu fui pegar alguma coisa para comer. — Eu gritei enquanto corria para a porta.


Eu sabia exatamente o que iria comprar. Lembro-me de Chanyeol dizendo há um tempo, que se ele tivesse que escolher qualquer lugar para comer, este seria o lugar. Pulei na minha caminhonete e sai, e não pude deixar de sorrir. Tinha algo com esse garoto…



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...