1. Spirit Fanfics >
  2. Brian May e Gwilym Lee >
  3. Bônus 2

História Brian May e Gwilym Lee - Capítulo 10


Escrita por:


Capítulo 10 - Bônus 2


BRIAN MAY NARRANDO

Os meses passaram desde que deu a notícia que estava esperando um segundo filho.Dessa vez era uma menina.

Gwil e eu estávamos cada vez mais felizes.

Eu estava grávido de oito  meses e estava cada vez mais ansioso.

Acordei sentindo uma pontada forte em minha barriga.

Eu conhecia essa dor.

Era a dor de uma contração.

Olhei no relógio de cabeceira e vi que eram quatro e meia da manhã.

-Tinha de ser agora ? Murmurei esfregando minha barriga suavemente.

Mas minha filha não gostou de ser repreendida pois senti um chute em minha barriga que me fez arfar.

-Tudo bem,murmurei com a voz embargada sentindo uma contração.

-Gwil,choraminguei choroso o chacoalhando.

Em resposta apenas ouço um resmungo.

Mais uma contração.

Dessa vez me faz encurvar na cama de tanta dor.

-ACORDE SEU IMBECIL SUA FILHA ESTÁ NASCENDO,berrei a plenos pulmões com as mãos na barriga.

Dito isso ele se levanta num pulo e começa a procurar as chaves.

-Vamos,disse Gwil apressado.

Choramingando de dor eu consegui levantar e ir até o carro.

Enquanto Gwil dirigia apressadamente até o hospital mais próximo eu me contorcia no banco da frente por causa das contrações.

-ESTÁ DOENDO,berrei com lágrimas escorrendo pelos olhos.

Depois de alguns minutos finalmente chegamos no hospital.

GWILYM LEE NARRANDO 

Enaquanto Brian estava na sala de parto eu liguei para Joe ir lá em casa para cuidar de meu filho.

Senti meu celular vibrar e era uma mensagem de Joe avisando que ele tinha chegado em casa e estava com meu filho nos braços.

Pode respirar aliviado e finalmente pude relaxar.Ou pelo menos tentar.

Depois de incontáveis minutos ou horas o enfermeiro veio me chamar que Brian já tinha dado à luz a minha filha.

-Oi meu amor,disse olhando pra ele com a voz embargada.

-Oi,respondeu Brian com uma voz cansada.

-Venha ver nossa filha,disse Brian com um sorriso no rosto.

Com lágrimas de felicidade escorrendo lentamente pelo rosto eu me aproximei da cama e vi um embrulho pequeno nos braços.

-Diga olá a Caroline,disse Brian olhando pra mim com um brilho no olhar.

-Oi,disse com a voz embargada olhando para minha filha.

Como o esperado ela não responde somente ressona suavemente no colo de Brian.

Meu olhar alternou para Brian e para minha filha.

-Eu te amo,digo olhando para Brian com as pupilas dilatadas de tanto amor.

-Eu também te amo,diz ele me dando um sorriso.

Depois ele olha novamente para nossa filha e o enfermeiro chega para levar nossa filha para o berçário.

Quando ele adormece eu olho para minhas roupas e dou uma risada.

-Eu vou pra casa trocar de roupa.Depois eu volto,digo baixinho para Brian.

Quando cheguei em casa vejo Joe vir correndo me encontrar.

-Como foi ? Pergunta Joe ansioso com os olhos vermelhos de sono.

-Ocorreu tudo bem,respondi abrindo um sorriso.

-Graças a Deus,disse Joe respirando aliviado.

-Onde está meu filho ? Perguntei ansioso.

-Está dormindo calmamente no berço dele,respondeu Joe me tranquilizando.

-Fico mais aliviado.Mas agora preciso trocar de roupa,disse indo até meu quarto.

Depois que troquei de roupa fui ver meu filho e quando vi que ele estava bem fui comer alguma coisa pois estava morrendo de fome.Depois de comer levei umas roupas para o Brian e voltei para o hospital. 

Enquanto observava Brian dormir calmamente eu senti no meu coração que ele é o amor de minha vida.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...