História Briget Evans - Corações selvagens - Capítulo 36


Escrita por:

Visualizações 32
Palavras 1.772
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Famí­lia, Festa, Ficção Adolescente, Literatura Feminina, Musical (Songfic), Poesias, Romance e Novela, Violência
Avisos: Adultério, Álcool, Drogas, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oi, de novo! É atualização tripla hoje... Então porque diabos eu estou postando mais um capítulo hoje? Porque eu terminei mais um capítulo do terceiro livro e agora estou escrevendo já o penúltimo capítulo. Estou mega animada e como sempre, venho compartilhar a minha animação e felicidade com vocês, amores.
Bem, voltando ao primeiro livro... Capítulo com algumas informações preciosas nesse comecinho e coisas que podem mexer com a história. Preparem-se! Mas enquanto isso, vamos ver como Ethan está e se ele finalmente falou com Kate, né?!
Banner feito pela minha pessoinha mesmo.
Boa leitura, sweeties!

Capítulo 36 - Capítulo 33 - As novidades e os planos


Fanfic / Fanfiction Briget Evans - Corações selvagens - Capítulo 36 - Capítulo 33 - As novidades e os planos

Ethan Tyler

Era perto das nove da noite quando ouvi batidas na porta do meu quarto. Suspirei e me levantei já imaginando quem seria aquela hora, naquele dia.

—Olá, Ash!

—Não foi para as suas aulas, por quê? —Questionou minha irmã mais velha e também diretora do colégio.

—Não estava afim... —Respondi um tanto indiferente.

—Essa desculpa não cola... —Comentou Asheley. —Ethan, você tem que ir as suas aulas! Você é meu irmão, se não pode dar algum tipo de exemplo, quem dará?!

—Não sou exemplo de nada, Ashley, nunca fui! —Retruquei um tanto irritadiço. —Você é a diretora, eu só sou mais um adolescente comum nesse internato.

—Não me faça ligar pro papai por você estar faltando as aulas. —Disse minha irmãzinha. —Se faltar aula amanhã, serei obrigada a ligar.

—Tá bom, Ashley. Já deu o sermão? Posso ir dormir? —Questionei grosseiramente.

—Pode, mas não vim aqui só brigar com você. Vim dá-lo uma notícia boa. —Respondeu ela me encarando. Não disse nada, apenas esperei que ela continuasse a dizer o que queria. — Samantha Steinfild, lembra-se dela?

—Claro, nós éramos amigos, mas ela foi embora há uns dois anos. —Comentei tentando soar indiferente ao ouvir o nome de Samantha novamente. —O que tem ela?

—Ela chegará aqui na semana que vem, recebi hoje a matricula dela. —Disse Ashley tentando amenizar a bronca que havia me dado há alguns minutos. — Achei que gostaria de saber.

Apenas assenti e então me minha irmã me deixou em paz. Fechei a porta do meu quarto e respirei fundo. Samantha Steinfild... Sam... A minha Sam. Ela estava voltando.

—Eu estou fudido. —Declarei sozinho. Me virei para a minha cama, mas antes que conseguisse chegar no colchão ouvi mais batidas na minha porta. Bufei e fui abrir a porta novamente. —O que foi agora, Ash... —Mas não era a Ashley. —Oi, Will.

—Olá... Pelo jeito a boa diretora da Briget Evans já veio dar uma palavrinha com você. —Debochou meu amigo.

—Já, inclusive me contou coisa que já está me deixando com dor de cabeça... —Comentei irritadiço.

—O que foi? —Questionou meu amigo preocupado.

—Sabe quem fez matricula no colégio hoje? —William apenas me encarou esperando que eu continuasse. —Samantha Steinfild.

William começou a rir. Aliás, rir não, gargalhar.

—Samantha Steinfild? A Sam? A loirinha baixinha por quem você era apaixonado, mas vivia na friend zone? —William dizia entre a sua risada.

—Ela mesma...

—Meu caro, como você se sente com isso? —Questionou meu melhor amigo e com isso eu o puxei para dentro do meu quarto e fechei a porta.

—Eu adoro a Kate, me sinto bem com ela, mas eu não sei o que vai ser quando eu ver a Sam. —Admiti um pouco frustrado. —Se bem que já faz tanto tempo, Will...

—Não se iluda... —Cantarolou meu amigo. —Você era apaixonado pela sua melhor amiga, ela ficou com outro cara e foi embora. Ethan, você pode sim se sentir mexido com a volta dela.

Revirei os olhos.

—Você não está me ajudando!

—Não, estou sendo apenas sincero. —Declarou Will. —Olha, a Kate chega na semana que vem também e quem sabe no que a Sam virou, ela pode ter ficado feia com o tempo.

—Nunca foi a beleza dela que interessava. —Respondi sendo sincero.

—Não... Claro que não... —William se jogou na minha cama e riu. —Ah, acorda Ethan. A Samantha sempre foi um pedaço de mal caminho. Ela sempre teve aquelas cochas grossas, uma bela bunda, e um rosto angelical. Ela era bonita e gostosa, duvido que tenha ficado feia na verdade.

—William Scott, você não está me ajudando em nada! —Rosnei e ele levantou da minha cama. —Afinal o que você veio fazer aqui?

—Vim ver como você está e vim avisá-lo que faremos uma espécie de luau para quando Kate voltar. —Declarou meu melhor amigo. —Ainda estamos planejando, mas achei que iria querer ajudar a organizar as coisas.

—Claro que quero ajudar, já sabem quando que ela volta?

Will me encarou por um segundo e cruzou seus braços na frente do seu peitoral.

—Não mandou mensagem para ela, né?!

—Não, não consegui... —Respondi sincero. —Deve ser horrível o que ela está passando, não precisa de mim para xeretar a vida dela.

—Xeretar? Essa é nova! —Brincou Will. —Ethan, manda uma mensagem. Ela precisa de apoio, ela acabou de perder uma pessoa que amava, não deixe ela acreditar que você esqueceu dela também. —Will me encarou por alguns segundos antes de tecer mais um comentário. —Até eu mandei mensagem, manda você também.

Dito isso Will se despediu e foi embora, me deixando, finalmente sozinho. Eu tranquei a minha porta e decidi tomar uma ducha para esfriar a cabeça.

Depois de meia hora embaixo do chuveiro saí e fui voltei para o quarto só de cueca. Deitei na cama assim mesmo e peguei meu celular. Procurei pelo número de Kate e encarei a sua foto de perfil do aplicativo de mensagens por alguns segundos antes de começar a digitar.

"Hey, Kate! Desculpa não mandar nada antes, mas é que as aulas me enlouqueceram hoje. Estou preocupado com você, mas queria que soubesse que estarei aqui para o que você precisar. Qualquer coisa me liga, a hora que sentir vontade!

Beijos, Ethan."

Apertei a tecla enviar e suspirei. Will tinha razão, eu deveria ter mandado essa mensagem muito antes, mas espero que ela não fique muito chateada quanto a isso.

***

Acordei na manhã seguinte com meu despertador me irritando já e uma indisposição maior ainda. A minha verdadeira vontade era não sair da cama, mas ao olhar a tela do meu celular acabei mudando de ideia.

Eu até poderia dizer que a mensagem de Ashley que foi a precursora para que eu saísse da cama, afinal a minha irmã estava me ameaçando mesmo, mas não foi por causa dela. Foi porque Kate havia respondido a minha mensagem.

"Oi, Ethan! Eu sei que você não foi para a aula porque estava preocupado comigo, Natasha me contou. Não quero que fique assim, vá a aula e faça os deveres, por favor, afinal quando eu voltar é você quem me explicará a matéria que estou perdendo.

Vou ficar bem, prometo! Ainda é tudo muito recente e doloroso, mas acho que depois de me despedir as coisas ficarão um pouco menos ruins.

Obrigada pelo apoio e pelo carinho.

Beijos, Kate."

Sorri com a sua mensagem.

***

Cheguei a cafeteria e pedi o de sempre, um copo grande de café preto. Peguei também um pão com queijo quente e tomate e sentei na mesa onde Kristan estava com uma garota mais nova, Bonnie e Natasha.

—Bom dia... —Disse de modo geral e todos me responderam sem muita animação. Fiquei em silêncio por alguns segundos e logo a companhia de Kris foi embora dizendo que iria tomar café com as amigas.

Não demorou nada para que James chegasse com Will e Andy. Os dois conversavam e estavam um pouco mais animados que o restante daquela mesa. Depois dos três pegarem seus devidos pedidos, sentaram-se conosco. Andy sentou-se ao meu lado e começou a falar comigo e com Natasha sobre o tal luau que eles pensaram, no dia anterior, para a volta de Kate. A minha amiga estava animada com a ideia, verdadeiramente animada.

Jenny e Zack chegaram perto das oito horas, um pouco atrasados, mas isso era normal para Zack já que ele bem que gostava de dormir e era super vaidoso. Em resumo, uma combinação um tanto que perigosa para compromissos com horário marcado. Os dois sentaram-se conosco e Jenny, assim como Andy e Bonnie, pareceu animada com a ideia da "festinha". Eu fiquei realmente satisfeito com o empenho de todos em animar a Kate, que certamente estaria arrasada com a morte da amiga.

Nós terminamos de tomar café e fomos para a aula. Não que a minha cabeça estava na melhor das condições para prestar atenção em uma aula, mas eu precisava me esforçar um pouco. Anotei tudo que era necessário nas aulas.

Minha grade do dia resumia-se em geografia, história, biologia e francês. Depois do almoço ainda teria a aula de música, mas aquela aula não era nenhum sacrifício.

Quando o sinal soou indicando o fim da aula de francês e o, tão esperado, almoço, quase saí correndo da sala. Inclusive o Sr. Marion-Sylvie chamou minha atenção, mas ignorei o homem. Saí da sala e encontrei Will e Bonnie saindo da aula de inglês.

Nós três seguimos juntos até o refeitório. Bonnie foi me contando que teve algumas ideias para o luau e avisou que era melhor eu conversar com Ashley o quanto antes para poder reservar uma das salas.

Durante o almoço nós continuamos a discutir como faríamos a surpresa para Kate e aquela altura, todos estavam muito animados com tudo. Andy disse que poderíamos usar a cozinha dos alunos para preparar algumas coisas e comprar alguns doces na loja que tinha dentro do colégio com essas coisas. Zack sugeriu que nós levássemos cobertores e mais almofadas para a sala. Kristan sugeriu o violão, mas era óbvio que levaríamos pelo menos dois violões.

Bonnie sugeriu que fosse algo só para nós, sem acompanhantes externas, por ser um momento delicado para Kate, era melhor que fossem apenas pessoas que ela conhecia. Natasha sugeriu que fizéssemos uma decoração, mesmo que simples, na sala escolhida.

Conversa vai, conversa vem... Decidimos que começaríamos a trabalhar na decoração o quanto antes e que as comidas nós escolheríamos no fim de semana. Depois da aula de música eu conversaria com Ashley e reservaria uma sala e então metade das coisas já estariam resolvidas.

***

—Ash! —Invadi a sua sala, assustando a minha irmã que verificava alguns papéis.

—Ethan! O que quer? Tem que bater antes de entrar! Eu poderia estar com alguém aqui, poderia estar em reunião... —Reprimiu-me ela.

—Eu sabia que estava sozinha. —Retruquei entrando e fechando a porta.

—Poderia estar ao telefone. —Replicou ela e eu revirei os olhos.

—Não era o caso. Enfim, Ashley, preciso saber quais salas estarão liberadas na semana que vem, de preferência no sábado no meio da tarde e a noite. —Eu disse de uma vez introduzindo o assunto que queria conversar com ela.

—Fale com a Angela, ela que tem a agenda dessas salas. —Disse Ashley sendo doce e tranquila como sempre. —Mais alguma coisa?

—Não, só isso, maninha.

Saí da sala da diretora e conversei com a sua secretária, a Angela. Consegui marcar o horário na sala que precisava e avisei a todos por mensagem em um grupo que havíamos criado para organizar o luau. O nome do grupo era algo bem sugestivo: "Festa surpresa para a volta da Kate". Criativos? Muito!


Notas Finais


E aí, o que acharam do capítulo? Aliás, o que acharam da atualização tripla? Eu sei que vocês gostaram... Hehehe.
Bom amores, é isso... Prometo que quando eu terminar o terceiro livro eu aviso. Mas a princípio serão 42 capítulos. Então vamos contar assim...
Livro 1 - 55 capítulos
Livro 2 - 26 capítulos (sim, esse é mais curtinho)
Livro 3 - 42 capítulos (cheios de aventuras e emoções)
Livro 4 - Só escrevi a sinopse até agora hehe.
Bom amores, espero que tenham gostado desse capítulo. Ethan ainda vai passar por poucas e boas, mas será que ele vai ceder a essa tal de Samantha? É pessu, tem personagem nova chegando para abalar as estruturas dos personagens. Aliás, Will sempre muito querido, né?! Um fofo! hahahahah
Enfim pessoal, espero do fundo do core que estejam gostando da história, ok?! AMO VOCÊS!
Beijos, SweetDrama


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...