História Briguinhas tolas - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias EXO
Personagens Baekhyun, Chanyeol, Sehun
Tags Basicbitch, Chanbaek, Chanhun, Pwp, Sebaek, Sechanbaek
Visualizações 129
Palavras 1.020
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção, Hentai, Lemon, LGBT, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Err, faz tempo que eu não posto aqui, né? Hihi

Capítulo 1 - Nem para pararem


Em passos rápidos o Oh, bravo consigo mesmo, chegou a casa do melhor amigo. Queria matar o MinSeok. Não era a primeira vez que o pega transando com o seu pequeno, mas sim a oitava, mesmo sabendo dessas traições ele continuou com o chinês, mas já passou dos limites. Já estava ganhando apelido de corno manso e não queria isso. Iria fazer picadinho do Kim, porém sabia que não era à culpa toda dele e sim por ter namorado uma vadia.

— ChanYeol, abre a porra da porta!

— Hum… O Xiumin… Para, bebê! Ele não está, SeHun.

O grito rouco fez o mais novo se irritar ainda mais. Batera na porta mais vezes, até conseguir ver a cara do Park juntamente com as mechas ruivas totalmente bagunçadas, e uma expressão mais irritada do que a do mais novo.

— Você está me devendo uma foda, seu filho da mãe. Porra, eu disse que estaria com o Baekkie hoje.

— Foda-se sua foda, eu só quero saber do Xiumin! Eu vou torturar aquele filho da puta!

— Aish, você vem e atrapalha a minha foda por mais uma traição?

Os amigos entraram, e imediatamente o Park sussurrou “rápido, Sehun” ao perceber o bico dengoso de seu namorado que se encontrava em uma posição completamente provocante. As fartas nádegas empinadas na direção dos dois cobertas pelo fino tecido preto, que atiçou o Oh. Seu ex era tão gostoso quanto o atual.

— Quietinho, você só pode se mostrar pra mim.

SeHun iria pirar, ver seu melhor amigo dar um forte tapa na pessoa mais provocante que conheceu era maravilhoso, porém não se deixou abalar, sentou-se ao lado do Byun sem comentar e expressar nada.

— Hum, o HunHunnie foi corno de novo?

— Sim, está parecendo eu, só que a minha vadia está começando a aprender, SeHun, faça a sua ficar na linha.

— Park Chanyeol, está me chamando de vadia, é isso mesmo?

— Mas você não é a minha vadia, Baekkie?

O mais novo revirou os olhos após casal começarem a beijar ao ponto de deixar barulhos prazerosos em meio ao ósculo. Não deveria ter vindo nessa justa casa, havia o JongIn, por que foi no Chanyeol? Pois era perto? Nem o próprio Oh sabia.

— Y-Yeollie... O SeHun, caralho.

Ouviu o sussurro do baixinho após o Park adentrar as peças, esfregando o grande indicador no cuzinho guloso que se contraia apenas com esse ato.

— Dane-se o SeHun, aish. Porra, se o Baekhyun gravar alguma porcaria com você e depois mandar pro LuHan, vou poder foder meu namorado?

— Com toda certeza. — Oh respondeu rapidamente percebendo o olhar do Byun em seu corpo.

— Baekkie, faz esse favor pois quero meter nesse seu cuzinho o mais rápido possível, mas sem nenhum beijo, tá. Só faça alguma coisa pro SeHun parar de encher meu saco.

— Você grava, ChanChan.

Os olhos provocantes do baixinho reviraram por tédio, engatinhou até seu ex, encaixando as fartas nádegas no pau semi ereto do Oh. Este de não falaria, mas a conversa e o ato dos dois o excitou e muito.

— HunHunnie, você podia me foder bem gostoso hoje, uh? Na frente do Yeollie pra vingarmos aquele dia, que tal? — Sussurros provocantes arrepiam o SeHun de um modo tão filho da puta. — Meu cuzinho está com saudades do seu pau, meu amor…

E logo reboladas foram presentes, fazendo o mais novo suspirar pesado querendo ainda mais que aquilo, um sorriso cafajeste foi dado para a câmera do celular e se surpreendeu ao sentir os lábios quentes do Byun junto ao seus, mas logo o pequeno teve seu cabelo puxado pela mão grande do Park.

— Vadia, eu disse nada de beijos!

— Mas, Chany…

— Nada de "mas, Chany"…

— Caralho, Chanyeol só foi um beijo.

Oh se intrometeu na briga, o que sempre fazia.

— Mas o namorado é meu!

— Foda-se, o Baekhyun chupou tanta pessoa e tu vem reclamar de um beijo?

Um tapa fraco foi dado no ombro do que dissera, vendo o bico raivoso mas manhoso para caralho nos lábios do Byun.

— Yeollie, pensa um pouquinho… Por que não tentamos aquilo, uh? Você não disse que queria dividir meu cuzinho com outro pau pra mostrar a dor pra sua vadiazinha?

O Park pensou brevemente naquela idéia. Este tinha um ciúme imenso, principalmente vendo seu pequeno dar os mesmos beijos que dera em si no seu melhor amigo, porém era um desejo tão grande que apenas se sentou ao lado dos dois. No dia anterior o casal viu um lindo threesome e o Park, após o vídeo, ficou louquinho pra meter junto com outra pessoa no cuzinho guloso de seu namorado.

— Você é uma vadia, Baekhyun.

— Uma vadia gostosa para caralho.

SeHun respondeu o amigo ganhando um sorriso provocante do Byun junto uma rebolada maravilhosa da cabeça de seu pau. Não se conteve, apertou com força as bandas fartas do baixinho só pra ouvir um arfar vindo do mesmo. Park não ficou pra trás, esfregou com vontade os dedos nos mamilos que continha um metal provocante atravessado em si.

— Y-Yeollie… Posso chupar o HunHunnie como se fosse seu pau?

— Vá em frente, putinha.

Em segundos o loirinho se ajoelhou na frente dos dois, tirando rapidamente os membros daqueles dois "casulos", porém o Park se levanta assustando o pequeno.

— Por ser uma vadia, iremos foder sua boca com força, Baekkie.

— Sou o primeiro!

O mais novo disse ao se levantar já observando o sorriso safado do loiro em seus pés, mas um resmungo do Chanyeol parou as mãos que iriam ao cabelo do baixinho.

— Quem disse que você poderia ser o primeiro?

— Eu disse!

— Mas o namorado é meu, você nem deveria tocar… Puta merda.

E o Byun parou a pequena briga passando a língua pela cabecinha molhada do grandão, com um olhar travesso para os dois.

— Cada um tem a sua vez, hum. Então não briguem.

Baekhyun deu um jeito para outros garotos não brigarem mais para ter sua boquinha, chupando os dois e deixando o par de paus foder sua garganta por segundos, mas quem disse que não teria outra briga para quem iria comer o rabinho guloso primeiro?

— Eu que vou, você come ele todo dia, Chanyeol!

— Por isso que eu vou!

— Aish… Nem pra transar vocês ficam sem brigar.


Notas Finais


Vejo vocês nos comentários!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...