1. Spirit Fanfics >
  2. Broom Racers >
  3. Encrencada por causa de manobras

História Broom Racers - Capítulo 22


Escrita por:


Notas do Autor


Esse Capítulo contem smut (cenas de sexo) na maior parte do mesmo

Capítulo 22 - Encrencada por causa de manobras


28 de outubro de 2014, após o dia em que as bruxas Morris ajudam Chariot a recuperar a memória, Laura e Bernadette conversam um pouco com Diana e Akko que a Du Nord está finalmente curada, após as aulas a professora Nelson e a diretor Holbrooke chamam Amanda para a diretoria, mas quando ela estava indo Hannah vai até ela e ambas ficam confusas com ela.

- Hannah? Nós vamos levar O'Neill porque ela fez uma coisa muito errada.

Diz a professora Nelson.

- Se é sobre aquele vídeo, eu estou com ela.

Diz Hannah.

- Oh, então você a ajudou?

Diz a professora Nelson.

Depois Hannah e Amanda vão para a sala da diretora Holbrooke e a professora Nelson mostra-lhes um vídeo com O'Neill fazendo algumas acrobacias com vassouras.

- Você poderia repetir novamente?

Diz Amanda apontando para a tela.

- O'Neill! Isso é tão irresponsável! Tão infantil! Tão arriscado! Você pode morrer! E é tão fantástico!

Diz a professora Nelson.

- Sério!

Diz Amanda chocada.

- Sim! Mas você quebrou as regras da escola, primeiro você fez acrobacias numa vassoura, segundo você filmou isso em Luna Nova e terceiro você mostrou isso na internet! Você poderia arruinar a reputação da nossa academia fazendo isso, então a primeira coisa que você vai fazer é apagar esse vídeo da internet e então nós decidimos o seu castigo.

Diz a professora Nelson.

- Tudo o que ela tentou fazer foi mostrar seu novo estilo de corrida de vassouras que consistia em fazer acrobacias incríveis e o que você faz é bloquear à sua criatividade e fazê-la pensar como todo mundo, ela tenta algo novo e que até você acha que é incrível e agora vai ficar de mente fechada!

Diz Hannah brava enquanto Amanda ficava maravilhada com seu discurso.

- (Ela está me defendendo... Ninguém me fez isso... Hannah realmente gosta de mim... Isso é algo que só uma pessoa que realmente ama fará...)

- Sim, eu admito que seja incrível, mas ela quebrou as regras, imagine se alguém vir isso e pensar que agora a Luna Nova não tem nenhuma regra, bem, se você quiser mostrar, por favor, não faça isso na Luna Nova.

Diz a professora Nelson.

- Bem, pelo menos você não prendeu o sonho da Amanda, professora Nelson.

Diz Hannah.

- Sim, porque um dia eu era jovem e estava acostumada a fazer algumas acrobacias na vassoura, mas logo minha paixão precisou parar porque preciso ser mais disciplinada.

Diz a professora Nelson.

- Ok, então, eu vou apagar o vídeo.

Diz Amanda pegando seu celular e apagando o vídeo.

- Você vai reparar todas as vassouras danificadas da Luna Nova.

Diz a professora Nelson.

Então Hannah e Amanda estavam reparando as vassouras quebradas e eram realmente muitas, a O'Neill olha muito preocupada para a England que estava sofrendo um pouco para reparar.

- (Eu achei que iria adorar vê-la sofrer numa detenção... Mas é o oposto que eu estou sentindo a necessidade de ajudá-la e estou sentindo que eu não quero ver isso)

Então Amanda vai até Hannah e começa a ajudá-la no conserto das vassouras.

- Obrigada Hannah. O que você fez é algo que ninguém jamais faria comigo, você poderia me deixar sozinha e até mesmo ir aqui para rir de mim, mas você mudou... Você não é mais essa pessoa, você provou da melhor maneira que você realmente gosta de mim.

Diz Amanda ajudando Hannah.

- Só fiz isso porque prometi que se você for pega eu estaria com você, nem foi tanto assim.

Diz Hannah reparando uma vassoura.

- Mas isso vai ser o suficiente.

Diz Amanda segurando Hannah pela cintura.

Amanda beija Hannah e então elas começam a se beijar mais intensamente ao ponto de a England soltar a vassoura que segurava, quando finalmente terminam o beijo Amanda e Hannah estavam olhando uma para a outra coradas.

- Amanda...

Diz Hannah corada.

- Eu tentei tudo para negar esse sentimento, mas... Acho que podemos ser namoradas... Você é a única pessoa que realmente se preocupa comigo...

Diz Amanda evitando olhar para Hannah corada.

- Mas e suas amigas? Você tem muitas e elas acham que você é incrivel Amanda.

Diz Hannah.

- Bem, elas são apenas amigas, mas você... Você está comigo aqui na detenção... Você está comigo quando fez o vídeo... Você está comigo quando eu deixei o karaokê com raiva porque ninguém me deu atenção... Você me dá a atenção que eu mereço; eu estava cega todo aquele tempo.

Diz Amanda.

Depois de terminarem de consertar todas as vassouras, elas saem para a sala de detenção e Hannah tem uma idéia ao andar pelos corredores.

- Ei Amanda, você ainda tem o mel de abelha cupido?

Diz Hannah.

- Eu ainda tenho um pouco.

Diz Amanda.

- Oh, que tal tomarmos um chá com mel de abelha cupido?

Diz Hannah corada.

- Mas nós gostamos uma da outra, eu acho.

Diz Amanda.

- Ah, mas vamos ver o que acontece se a bebermos.

Diz Hannah mordendo os lábios.

Hannah e Amanda vão para o quarto da equipe verde e pegam um frasco de mel de abelha cupido, depois vão para quarto da equipe azul e ninguém estava lá, a England prepara um chá e o frasco de mel estava quase vazio.

- Você a usou?

Diz Hannah com ciúmes.

- Não se preocupe, eu uso apenas para... Nada de especial.

Diz Amanda corada.

Hannah mistura o mel com o chá e depois as duas acabam bebendo, mas elas fazem as canecas de chá cair e quebrar, enquanto nos corredores Diana sente um leve golpe no peito, de volta ao quarto da equipe azul Amanda e Hannah começam a se beijar mais intensamente.

- Oh Amanda, você beija tão bem.

Diz Hannah excitada.

- Uh... Obrigado Hannah...

Diz Amanda corada.

Hannah pega sua varinha e lança um feitiço na porta do quarto da equipe azul para trancá-la enquanto ela começa a se despir sozinha.

- Hannah?

Diz Amanda corada e confusa.

- Vamos, Amanda, vamos viver o momento.

Diz Hannah enquanto só estava usando sutiã e calcinha.

- (Oh o corpo dela é tão bonito... eu quero tocar...)

- Você está com medo? Estou tão surpresa que a Amanda que eu conheço seja na realidade tão tímida na cama.

Diz Hannah começando a ajudar Amanda a se despir.

- Esta é a minha primeira vez... E eu nem sequer beijei antes.

Diz a Amanda corada e usando apenas sutiã e calcinha.

- Você tem um corpo lindo, Amanda.

Diz Hannah tocando os seios da Amanda.

- Uhmmm... Hannah...

Diz Amanda envergonhada.

Então Hannah se despe completamente e dança na frente da Amanda que ficou chocada e tentando não ver.

- Oh Amanda, desculpe... Você não está confortável, certo...

Diz Hannah preocupada e parando para dançar.

- Eu só não sei o que fazer... Uh... Eu não tenho nenhuma experiência fazendo sexo, eu só me masturbava e admito que isso era um pouco pensando em você... Por isso eu usei o mel.

Diz Amanda envergonhada e se despindo.

- Então é hora de experimentar as minhas mãos.

Diz Hannah indo para Amanda e começando a beijá-la enquanto ela dedilha um pouco a O'Neill.

- Uhmmm, suas mãos são tão boas... Eu quero mais...

Diz Amanda gemendo.

- Eu também não tenho nenhuma experiência, mas vou tentar o meu melhor com você.

Diz a Hannah dedilhando suavemente a Amanda.

Então Hannah masturba Amanda alguns minutos até a O'Neill finalmente tomar alguma atitude e ela começa a dedilhar Hannah também.

- Eu amo isso Amanda... Seus dedos me fazem sentir tão bem.

Diz Hannah gemendo.

- Então vamos jogar um jogo... uhmmm... A primeira a gozar vai chupar a outra.

Diz Amanda dedilhando Hannah com mais intensidade.

Depois Amanda e Hannah se masturbam por vários minutos até que a England é a primeira a liberar o suco vaginal mesmo que tenha sido a última a ser masturbada.

- Ahhh eu perdi!

Diz Hannah gozando.

- Bem parece que você vai me chupar.

Diz Amanda apontando para sua vagina.

Hannah começa a chupar a vagina de Amanda e em apenas 5 minutos ela libera o suco vaginal no rosto da England, depois elas se abraçam e Hannah diz para elas irem para seu quarto particular fazer mais sexo enquanto no lado de fora Barbara e Diana ficam coradas e se olham.

- Parece que Hamanda aconteceu.

Diz Barbara corada.

- E elas estão tão excitadas; ao menos podemos finalmente entrar no nosso quarto.

Diz Diana abrindo e desbloqueando a porta.

- Como eu disse antes, quanto mais tímidas, mais fogo serão, agora é hora de Diakko acontecer, vocês só se beijaram quando ela estava na sua casa?

Diz Barbara.

- Foi só um beijo Barb, eu não tentei mais nada com ela, eu preciso respeitar o espaço da Akko e que merda! Hannah quebrou minhas canecas de chá! Isso foi da minha família e doi dado à Luna Nova no passado!

Diz Diana enquanto entra no quarto e fica chocada com o kit de chá quebrado.

- Oh não precisa se preocupar Diana é apenas um kit de chá.

Diz Barbara.

- Isto não é um simples kit de chá, isto tem história! Não quebrou desde Beatrix Cavendish, só por causa de um mel para ficar excitada.

Diz Diana reparando o kit de chá.

A Diana consegue consertar o kit de chá, e despacha o chá pela janela.

- Que porra! Porque elas precisam de um chá para ter coragem de fazer sexo, se Hannah e Amanda continuarem assim, elas ficarão dependentes do efeito mel.

Diz Diana enquanto vai para o seu quarto.

Muito longe dali, no outro lado do mundo, em Adelaide, Austrália, em uma residência de uma família chamada Watson, havia duas bruxas de cabelos castanhos conversando uma com a outra, uma mais velha chamada Lucy e uma mais nova chamada Madeleine.

- Nem viajamos para a Europa para prestar algum respeito à Chariot... Passaram 10 anos desde que eu perdi uma das minhas melhores amigas...

Diz Madeleine.

- O que vamos fazer? É apenas uma pessoa morta, Chariot até mesmo roubou o campeonato que lhe pertence.

Diz Lucy.

- Esqueci como você é má Lucy, Chariot era minha amiga em Luna Nova e mesmo quando não estamos correndo, leve um pouco de consideração com ela.

Diz Madeleine.

- Esquece-a! E, finalmente, Harriet está na idade de aprender, ela pode ser uma corredora de...

Diz Lucy antes que Madeleine a interrompa.

- Não! Não! Não vou ensinar isso a ela, não quero perdê-la em um acidente de corrida de vassouras.

Diz Madeleine.

- Você é a Maddie fraca e vai fazer crescer a sua filha para ser tão fraca quanto você.

Diz Lucy.

- Lucy, por favor, deixe-me em paz.

Diz Madeleine.

- Estou apenas tentando dar o meu melhor para levantar o nome da nossa família.

Diz Lucy.

- Como você fez na sua carreira de corredora de vassouras? Ou quando você não só arruína a minha, mas a carreira de Chariot.

Diz Madeleine.

- Vamos Maddie, que culpa dela ainda está tentando correr naquele GP e você foi fraca para abandonar sua carreira.

Diz Lucy.

- Eu fiz isso porque me preocupo com o nome da família e até com você mesma, você deveria ser grata por não expor sua sujeira, achei que você não iria sabotar a vassoura de Chariot, mas eu estava errada, eu perdi o contato com Croix por causa disso.

Diz Madeleine brava.

- Oh, você é tão dramática Maddie e é por isso que você está solteira agora.

Diz Lucy rindo.

- E é por isso que eu vou para o Reino Unido com Harriet daqui à uma hora! Eu preciso pelo menos ver Croix, eu descobri que ela está em Luna Nova como professora de magia tecnológica, pelo menos Croix deveria saber a verdade, ela está sofrendo todos estes anos sem a Chariot.

Diz Madeleine furiosa e pegando suas malas.

- Ok, vá então, duvido muito que Croix acredite em você.

Diz Lucy.

- Pelo menos eu estarei livre deste peso sobre meus ombros.

Diz Madeleine.

- (Porra! Madeleine sua vadia de merda! Eu preciso esconder isso! Parece que vou persegui-las, não posso a deixar revelar a verdade para a Croix, então talvez eu precise apagar a Croix também).

Madeleine vai com sua filha Harriet ao aeroporto para viajar para Londres e seguir para Luna Nova, enquanto de volta para Luna Nova, no quarto da equipe azul Laura liga para Diana.

[Diana: Mãe?]

[Laura: Oi Diana, eu tenho boas notícias para você].

[Diana: Você vai se casar com minha mãe Bernadette?]

[Laura: Nós já somos casadas, fofa, mas é algo para você].

[Diana: Para mim?]

[Laura: Lembra-se do revezamento de vassouras de Luna Nova?]

[Diana: Sim, claro, você disse que estava lá me vendo perder para Akko].

[Laura: Oh, mas parece que o perdedor ganhou algo e eu consegui três testes de três equipes do British Broom Racing Tour para você nos dias 4, 5 e 6, eu filmei seu desempenho lá e parece que essas equipes ficaram impressionadas].

Diana se assusta e congela de surpresa.

[Laura: Ei Diana, eu consegui isso para você porque sempre tenho contatos, se você conseguir um contrato você pode correr na próxima temporada e se você tiver um desempenho realmente bom lá você pode subir para uma liga maior até chegar ao World Broom Racing Championship].

[Diana: Mãe, você é fantástica! Muito obrigada! Mas e a Akko? Ela venceu contra mim e nem sequer conseguiu que as equipes profissionais se interessassem].

[Laura: Eles disseram que Atsuko é um pouco descuidada quando ela está correndo e até quebrou a vassoura para tentar uma vitória, bem...]

[Diana: então ela não conseguiu um teste, certo?]

[Laura: Infelizmente, ela não conseguiu. Mas ei, eu poderia conversar com as equipes japonesas do campeonato de vassouras local; sua namorada é realmente talentosa].

[Diana corada: Mãe! Akko não é minha namorada!]

[Laura rindo: Oh sério? É só uma questão de tempo para o meu bebê me trazer bebês e a mãe Laura será a avó Laura então heh].

[Diana: Oh por Beatrix, por que minha mãe Bernadette escolheu ser sua esposa].

[Laura: Eu também te amo meu bebê].

[Diana: Eu vejo que eu vou ser a filha madura, você é realmente mais como um pai do que uma mãe].

[Laura: E eu não vejo de onde veio essa personalidade chata].

- Veio de você Laura! Ela é realmente sua filha!

Diz Bernadette gritando para o telefone.

[Diana: Oh mãe Bernadette está ai? Diga a ela que eu a amo].

[Laura: Ok, meu bebê, a mãe Laura precisa sair, parece que a mãe Bernie está querendo algo]

Laura termina a ligação enquanto Diana fica confusa ao saber do que Laura falava, então na residência Cavendish Bernadette estava dançando para Laura e se despindo.

- Oh Bernie é tão raro quando você quer sexo.

Diz Laura sorrindo.

- Eu estou pedindo sexo, mas é algo mais especial Laura.

Diz Bernadette pegando uma caixinha.

- O quê? Bernie você sabe que eu odeio sexo com dildos.

Diz Laura.

- Isto não é um dildo, sua ruiva pervertida, olha.

Diz Bernadette abrindo a caixa e mostrando uma pedra de fertilidade.

- O quê?

Diz Laura chocada.

- Vamos dar uma irmã para Diana, estou esperando muito por este momento.

Diz Bernadette despindo Laura enquanto ela está chocada.

- Mas Bernie... Nós temos 42 anos... Não somos muito velhas...?

Diz Laura antes que Bernadette a interrompa com o dedo sobre a boca de Laura.

- Shhh, se você ainda menstruar isso não significa que você é muito velha e Laura você ainda tem leite nessas tetas de vaca.

Diz Bernadette tocando os seios de Laura.

- Oh... Ok, então Bernie... Mas prepare se porque nós vamos produzir nossa filha com muito amor heh.

Diz Laura pulando sobre Bernadette e segurando as mãos.

- Você sempre gosta de estar em cima da Laura, mas isso não vai te livrar de engravidar.

Diz Bernadette lançando um feitiço que fez com que a pedra de fertilidade se dividisse em duas.

- Hmmm, como quando nós produzimos a Diana? Mas você vai ver que a pedra da fertilidade sempre escolhe a dominada.

Diz Laura sentindo a pedra da fertilidade entrando em sua vagina.

Então Laura e Bernadette fazem um ritual de fertilização feminina para usar a pedra de fertilidade e a McLaren realmente dominou a Cavendish, mas quando chegaram ao ponto do brilho da pedra de fertilidade, a outra metade sai de Bernadette e entra em Laura, mas ambas não sentiram nada.

See you, Hamanda witches...



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...