História Bunny Boy - Capítulo 71


Escrita por: ~

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Sistar
Personagens Jimin, Jungkook, Soyou, Suga, V
Tags Assassinato, Assassino, Jikook, Jimin, Jungkook, Suga, Suspense, Vkook, Vkookmin, Vmin, Yoongi
Visualizações 29
Palavras 269
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Bishoujo, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Fluffy, Lemon, Mistério, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo-Ai, Shounen, Suspense, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 71 - Maratona? - pt 2


Fanfic / Fanfiction Bunny Boy - Capítulo 71 - Maratona? - pt 2

Uma criança nunca pode se meter em conversas de adultos, mas adultos sempre podem se intrometer em conversas de crianças. Hoseok nunca entendeu tamanha hipocrisia.

O garotinho nunca podia opinar quando sua mãe estava conversando com a professora, mas a professora podia se intrometer em suas conversas com os outros meninos.

Yoongi sempre dizia que isso era complicado, e Hoseok demoraria de entender. Mas o menino fazia de tudo para entender tudo rapidamente, e por sorte, chegou a conclusão mais cabível para alguém de sua idade. "Adultos são realmente complicados".

Hoseok nunca conheceu o pai, mas também, nunca fez questão de conhecer o mesmo. Estava satisfeito com a vida que levava com a mãe e o irmão; mesmo que muitos de seus amigos falassem bem de seus pais e de como eram fortes e das vezes que saiam juntos, Hobi fazia de tudo para não ligar para tal coisa é seguir sempre sorrindo. Quando seus amigos perguntavam por seu pai, ele apenas dizia que estava viajando a trabalho, e não sabia quando o mesmo voltaria.

A mãe dos meninos, nunca escondeu o fato de que, o marido não era um bom pai e que era melhor assim, sempre deixou claro que os amaria independente dá situação ou ocasião, a mulher sempre procurou entender tudo, e por mais que passasse muito tempo fora, trabalhando, o tempo que passava em casa, era totalmente dedicado aos filhos, seu maior tesouro. E Hoseok, ah, ele admirava muito a mãe por conta disso, tendo uma mãe como a dele, ninguém precisaria reclamar de não ter um pai presente, pois a mãe fazia ambos papéis melhor que qualquer pessoa!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...