1. Spirit Fanfics >
  2. Bunny Love >
  3. O Início

História Bunny Love - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - O Início


Fanfic / Fanfiction Bunny Love - Capítulo 1 - O Início

Era cedo, Butters se arrumava para a escola, Cartman o esperava na porta da sua casa para irem a escola.

Butters se arrumou rapidamente e saiu de casa, Cartman olhava para ele bravo.

Cartman: - Seu idiota, eu vou me atrasar denovo por sua culpa.

Butters: - Desculpa, meu despertador tocou atrasado hoje.

Cartman: - Ta, todo dia você tem uma desculpa diferente, você é muito idiota e burro sabia, agora vamos logo.

Butters: - Ta vamos.

 Cartman era um menino revoltado e preconceituoso, ele sempre se aproveitava da inocência do Butters e o tratava mal. Porém ele era o único amigo do Butters, e por isso, ele aguentava os xingamentos do Cartman sem reclamar.

Kenny se arrumou para a escola, colocou seu casaco laranja e foi para cozinha tomar o café da manhã. Era sempre um copo de leite e metade de um pão, sua família era pobre, e por isso, eles economizavam em tudo.

Kenny terminou de comer, e saiu de casa, foi andando para a escola.

Butters e Cartman chegaram na escola, e como de costume, Cartman ficou provocando o Kyle. Kyle era um menino judeu, era muito gentil com seus amigos e sempre os protegia, porém ele odiava o Cartman, e sempre brigava com ele.

Após a briga, todos foram para a sala de aula, Kenny foi o ultimo a chegar, ele se sentou em uma cadeira no canto da sala, tirou seu caderno e um lápis da bolsa, e aguardou o início da aula.

Kenny não tinha amigos, ela era fechado e não costumava falar com ninguém, ele era bem fechado em seu próprio mundo.

Cartman decidiu provocar o Kenny, e então, ele desmontou uma caneta, pegou um papel molhado e amassado em forma de bolinha e botou dentro de um tubo de caneta, ele assoprou o tudo em direção ao Kenny, a bolinha de papel foi parar na testa do Kenny.

Kenny ficou em silêncio e não disse nada, apenas observava o Cartman.

Cartman: - Eae seu pobre, não vai falar com ninguém? Ta com medo de descobrirem que você rouba comida do mercado? Hehehe

Butters percebeu que o Cartman estava pegando pesado com o Kenny.

Butters: - Cartman para já com isso.

Cartman: - Cala a boca Butters, não se meta.

Butters: - Cartman, você ta pegando pesado demais, já deu.

Cartman: - Droga Butters, você estragou tudo seu idiota.

Ele parou de provocar e ficou xingando o Butters. Kenny observava o Cartman xingando o Butters, ele sentia que o Cartman era uma má pessoa.

Durante o recreio, Butters estava sozinho comendo seu lanche. Kenny se aproximou dele e disse.

Kenny: - Ei cara, valeu por hoje.

Butters: - Denada, as vezes o Cartman pega muito pesado com as pessoas, não gosto disso.

Kenny: - Eu entendo, não deve ser fácil ser amigo dele.

Butters: - Não é mesmo.

Kenny: - Bom, mesmo assim valeu.

Butters: - Denada

Kenny se virou para sair dali, porém o Butters o chamou novamente.

Butters: - Ei, qual seu nome? Eu me chamo Butters.

Kenny: - Kenny.

Butters: - Por que você é tão quieto na aula? Tem medo de alguma coisa?

Kenny: - Não tenho medo de nada, é só que, não tenho amigos aqui na escola, então não preciso falar com ninguém.

Butters: - Bom, agora você tem um, vai fazer alguma coisa depois da escola? Agente podia fazer algo juntos.

Kenny: - Ha hoje eu to livre o dia todo.

Butters: - Então me encontra depois da escola, nós podemos ir no fliperama.

Kenny: - Claro te encontro sim, até depois.

Butters: - Até.

Pela primeira vez em tanto tempo, o Kenny se sentia ansioso, ele finalmente fez um amigo na escola, e queria causar uma boa impressão ao Butters.

Kenny estava muito animado, ele aguardava ansiosamente pelo fim da aula.

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...