1. Spirit Fanfics >
  2. Butterfly >
  3. O começo de uma nova vida.

História Butterfly - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Tudo colaborou para que esta história não fosse postada, desde atualização do windows até mesmo perda de arquivos, porém aqui estou eu compartilhando com vocês a história pela qual tenho trabalhado há meses. Espero que goste do primeiro capítulo e não se esqueça de ler as "notas finais"!
Boa leitura~

Capítulo 1 - O começo de uma nova vida.


Hyejoo levantou-se de sua cama com o barulho alarmante do sinal do internato, seguido da voz da diretora saindo pelas caixas de som, que ficavam em cada cômodo do internato. — “Levantem-se, são cinco horas da manhã. Façam suas higienes matinais, vistam seus uniformes e aguardem pela inspeção diária na frente da porta de seus quartos.” — A diretora disse.

A garota suspirou e então saiu de seu quarto, indo até o banheiro das alunas. Não percebia movimento algum ali, apenas das funcionárias do local. Hyejoo apenas seguiu seu caminho até os chuveiros, despindo-se e tomando um banho rápido. Enrolou-se em sua toalha e foi até o armário que havia uma etiqueta com seu nome, pegando ali mesmo seu uniforme amarelo e vestindo-o no vestiário. Escovou seu cabelo, calçou seu tênis e então foi para frente da porta de seu quarto. Nenhuma menina além de Hyejoo estava seguindo a rotina, fazendo com que a garota estranhasse. Talvez fosse apenas mais uma rebeldia das garotas, ela pensou. A inspetora abriu a grande porta principal do dormitório das meninas, acompanhada de suas duas assistentes. Hyejoo se curvou, cumprimentando as mulheres.

 

— Irei iniciar a chamada. — A inspetora disse enquanto abria seu diário. — Número 1, Ha Sooyoung.

— Falta. — Uma das assistentes disse.

— Número 2, Kim Jiwoo.

— Falta.

— Número 3, Kim Chaewon. — A mulher disse, já impaciente com tal situação.

— Falta.

— Número 4, Son Hyejoo.

— Presente, senhorita. — Hyejoo disse em um tom de voz audível.

— Certo. — Ela anotou e então aumentou o tom de sua voz. — Iniciando inspeção diária.

 

As mulheres iniciaram a inspeção diária no quarto de Hyejoo, não encontrando nada de irregular no local. — “Como sempre.” — A inspetora disse com um sorriso. Son sorriu de maneira leve e então as mulheres foram aos quartos do resto das meninas. “Não há ninguém!”, essa fala foi repetida três vezes. Nenhumas das garotas estavam em seus devidos quartos. O alarme de segurança foi acionado pela inspetora, apertando o botão vermelho que havia no controle que a mesma carregava. Son se desesperou, estava sozinha naquele lugar assustador. A menina era excluída, porém se sentia mais confortável dessa forma do que totalmente sozinha.

Todas as aulas foram canceladas, já que grande parte dos funcionários focavam-se na busca de Sooyoung, Jiwoo e Chaewon. Hyejoo estava na sacada de seu quarto, quando viu as três garotas saindo correndo da área do internato. Chaewon, a garota pela qual Hyejoo sentia algo a mais, parou no meio de sua correria. A garota olhou para trás, vendo Hyejoo na sacada. O coração de Son disparou, assim como o de Kim. Não demorou muito para o contato visual acabar, já que Sooyoung puxou Chaewon pelo braço e sorriu para Hyejoo.

Son passou o resto do dia no quarto chorando enquanto prometia vingança diversas vezes em sussurros. Queria acabar com cada gotinha de felicidade que restava naquelas garotas.

 

 

Onze meses depois.

 

Eram três horas da manhã e Hyejoo estava de pé, pronta para sua fuga. Acionou o alarme de incêndio do dormitório, fazendo com que todos os funcionários do internato corressem para fora. No meio da correria, Son se infiltrou na sala da diretora e rasgou seu registro de aluna. Sorriu ladino e chutou o vidro da janela, logo pulando dali. Mesmo que houvesse caído do segundo andar, a garota conseguiu cair com perfeição. Aguardou os funcionários voltarem para seus postos, após perceberem que não havia incêndio algum, e então correu para fora do internato. A garota adentrou a enorme floresta, retirando então sua sapatilha para que caminhasse de maneira mais confortável. Andou por horas e mais horas, o dia já havia até mesmo amanhecido. Seu estômago doía de fome, mas Son seguia caminhando sem rumo. Avistou uma bela macieira, com maçãs simplesmente lindas, que aparentavam ser também deliciosas. Não pensou duas vezes e logo pegou a maçã mais bonita que viu, sentando-se na grama e apoiando suas costas no tronco de tal árvore. Levou a maçã até sua boca e então deu uma mordida, fazendo um gosto doce e suave surgir em sua boca. Seu corpo de repente ficou fraco, deixando a maçã cair no chão e logo ficando com a visão embaçada e escura. A garota escutou diversos sussurros em vários idiomas diferentes, que a deixavam confusa e com uma sensação de medo. Sentia seu corpo caindo de uma altura absurda e em alta velocidade, apagando por completo em seguida.

 

Um lugar totalmente preto e cheio de espelhos era o suficiente para descrever onde Hyejoo estava. A garota olhou para os espelhos e nenhum deles refletia sua imagem, mas sim de suas ex-colegas. O espelho central lhe chamou a atenção, já que apenas nele refletia sua imagem. O encarou mais de perto e em um piscar de olhos, aquelas garotas estavam atrás de si. Virou-se rapidamente e então pode ver Chaewon segurando uma maçã, que assim que percebeu a presença de Hyejoo, deixou o alimento cair. A visão da garota ficou escura por um tempo e aos poucos despertou de seu sonho em um local totalmente diferente. Sua vestimenta mudou do uniforme para um conjunto escuro de roupas modernas. Subiu seu olhar e então pôde ver um letreiro brilhoso, que dizia “Feliz 2020”. — “O QUE? 2020?” — Hyejoo gritou involuntariamente. Há minutos atrás ela estava em 1980, não conseguia entender o que estava acontecendo. Levantou-se do chão, onde aparentemente estava desmaiada e então limpou sua saia, começando a caminhar em busca de algo que pudesse lhe ajudar. Estava de noite e os prédios estavam com luzes coloridas ligadas, assim como estabelecimentos. Nunca havia visto algo como isto, sequer havia saído alguma vez daquele internato infernal. Sua respiração acelerava a cada segundo, revelando o nervosismo da garota. Queria descobrir onde estava e essa descoberta não levaria muito tempo para ser feita.


Notas Finais


Chegou aqui de paraquedas? Confira no link abaixo a playlist com os teasers da fanfic!
https://www.youtube.com/playlist?list=PLhWOpdQM27UWQSK63jam1wNrsiyMU1gH_

Obrigada por ter lido. <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...