História Buy you a rose;; imagine Ryan Met - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Ajr, Ajrbrothers, Imagine, Imagine Ryan, Ryan Met, Ryan Metzger, Seila Porra
Visualizações 0
Palavras 848
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção, Fluffy, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo
Avisos: Heterossexualidade, Linguagem Imprópria
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


oi então como vocês tão
hoje eu,, fiquei com vontade de fazer um imagine fofinho enquanto eu ouvia "buy you a rose" então pensei comigo mesma "hm por que não". aí eukk fiz.

aproveitem 😔

Capítulo 1 - Único;;


Fanfic / Fanfiction Buy you a rose;; imagine Ryan Met - Capítulo 1 - Único;;

Podia sentir a brisa batendo em meu rosto, com nossas mãos se tocando, entrelaçadas. A praia fica meio que vazia por esse horário - nove e meia da noite - então estamos apenas nós e mais um grupo, mas eles estão do outro lado da praia.

Por que esse local pra um encontro romântico? Bom, Ryan decidiu que viriamos, então não discuti. Falou que era uma data especial para nós, então nada mais justo do que passarmos um tempo justo. E qual o problema, você me pergunta. Ou não pergunta, enfim. Eu... sinto que esqueci qual é essa data tão especial.

Eu sei, pode me julgar. Me julguei bastante do caminho de casa para cá. Mas também, não perguntei nada. Fiquei com medo de o machucar, vendo que ele está tão feliz e radiante. Tenho que perguntar, apesar disso.

Senti sua mão escapar da minha e parei de andar, ouvindo sua risada. Ryan se soltou de mim e tirou os tênis, juntamente das meias. Deixou ao meu lado, junto de seus óculos e então, caminhou pela areia, até o mar. Ficou apenas no raso, e então, me olhou.

— Não vai vir, S/N? — Sorriu para mim. Aquele sorriso bobo, maravilhoso, que eu tanto amo. Dei um sorrisinho e deixei meus sapatos ao lado de seus tênis.

Caminhei até ele, rindo. Ele também riu e me puxou pelo pulso até mais pro fundo. Minhas pernas molharam todas e apenas paramos quando a água começou a bater em nossas cinturas. Olhei para ele, que tinha um sorriso... como posso dizer, brincalhão?

Já até sei o que é.

— Não, Ryan. — Falei, me afastando dele.

— Sim, Ryan. — Sorriu ainda mais e espirrou água em mim. E enquanto eu estava distraída com a água, ele me puxou pela cintura e ia se jogar comigo, mas empurrei seu rosto e me livrei de seus braços, enquanto gargalhava. — Merda, você é esperta.

— É, meus dois neurônios estão aqui pra isso. — Sorri, espirrando água no outro. Ele fez uma careta, tentando tampar o rosto. Não deixei e ele apenas me mostrou a língua. Joguei mais água e comecei a rir.

— S/N! — Brigou, mesmo que não estivesse tão bravo, e eu ri ainda mais. — É assim que quer brincar? Pois então.

Vi Ryan pular em mim e me abraçar com força. Enquanto tentava me soltar, ele apenas me colocou nos ombros, e eu me segurei com força.

— Ryan, caralho! Me tira daqui! — Exclamei/choraminguei, e ele riu. — Meu deus, eu vou te arrebentar.

— Agressiva. — Falou enquanto me tirava de cima dele. Apenas taquei mais água. — Engoli mais sal, puta que pariu.

— Que tragédia. — Debochei enquanto saía da água, sendo seguida pelo mesmo.

— Só não te faço o mesmo porque eu te amo muito. E também, porque é nosso aniversário de namoro.

Espera, aniversário de... namoro?

De repente, me lembrei. Hoje nós fazemos um ano, meu caralho. Como foi que eu esqueci de uma marca assim?! Senti meu rosto ficar totalmente vermelho, e eu parei de andar, olhando para Ryan. E assim que percebeu, ele também parou.

Me olhou, franziu o cenho, e ao analisar bem... pareceu entender. Arregalou os olhos, fazendo uma expressão de puro choque. Enquanto isso, tampei meu rosto, de vergonha.

— Você esqueceu! — Exclamou, me fazendo choramingar. — Puta merda, e eu pensando que tinha uma namorada que LEMBRA das coisas.

— Para, eu tava ocupada. — Murmurei e ouvi sua risada. Seus braços me contornaram e Ryan me puxou contra si. — Desculpa...

— Tá tudo bem, S/N. Teu trabalho tá puxado, você me disse. — Sorriu de modo doce, logo após eu destampar meu rosto. — Ah, espera.

O vi levar a mão até o bolso de trás e tirar... pétalas encharcadas. Além de um caule. Morto. O olhei confusa.

— Eu... tinha te comprado uma rosa. — Deu um sorriso amarelo, coçando a nuca com a mão livre. — Mas eu esqueci de... te dar antes. E molhou. E morreu.

Comecei a rir. Gargalhei com vontade. Ryan me acompanhou, e achei que havíamos ficado loucos. Mas não. Ri para não chorar. Aquilo foi fofo! Ele me comprou uma rosa no nosso primeiro encontro! E agora, no de um ano.

O abracei em meio a risadas, o fazendo soltar os... pedaços, da flor. Ele me abraçou com força, distribuindo beijos pelos meus cabelos molhados. Beijei seu peitoral e então, o encarei.

— Porra, eu te amo. Te amo demais. — Falei com um sorriso enorme. Ele beijou meus lábios, acariciando minhas costas. — Perdão por ter esquecido, mesmo.

— Não peça perdão, já falei que tá tudo bem. — Senti uma de suas mãos escorregar até a minha e nossos dedos se entrelaçaram. Ryan levou minha mão próxima da boca e beijou-a, me olhando logo em seguida. — Eu te amo. E obrigado por me aguentar por esse um ano, S/N.

Ok, eu sou uma péssima namorada e péssima em lembrar das datas, mas... eu tenho um namorado incrível que lembra por mim.


Notas Finais


"ah mas você-" SHHHHH
eu sei tá meloso, meio merda, com 0 de criatividade e nada a ver com a música, mas.... é. quero tentar postar as coisas que eu escrevo porque eu quase não postohmkkkkkk enfim favorita sla. talvez eu exclua??nao sei

tt e insta do ryan:
Instagram: https://instagram.com/ryanajrbrothers?igshid=1jtzrawm3nbqv

Twitter: https://twitter.com/RyanAJRbrothers?s=09


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...