História By day light eyes, by night kitten thief - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Eddsworld
Personagens Edd, Matt, Personagens Originais, Tom, Tord
Tags Eddsworld
Visualizações 8
Palavras 1.084
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Fluffy, LGBT, Magia, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Drogas, Linguagem Imprópria, Mutilação, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Demorei?demorei msm e os incomodados e que reclamem!!

Capítulo 2 - New red leader!?


Tink

O garoto de moletom verde me levou até seu quarto e me colocou em uma caminha de gato escrito "ringo" logo após se dirigiu ao banheiro para procurar algo para meu machucado, depois de uns 5 minutos ele aparece com um kit de primeiros socorros.

_Isso vai ajudar.- ele colocou uma atadura em minha patinha, que só estava dolorida.

Obrigado...-pensei comigo mesma,já que ele não me entende.

Miei para ele que entendeu rapidamente.

_De nada amiguinha.-ele sorriu sonolento.

Ele logo depois me pegou novamente no colo e se deitou comigo em sua cama, e me colocou em cima da sua barriga.

_Agora é hora de dormir,boa noite pequena.- ele falou sonolento e logo pegou em um sono profundo.

Fiquei deitada mais um pouquinho,só para ter certeza de que ele havia dormido mesmo, tinha que encontrar aquele maldito espelho!!

Sai de seus braços quentinhos e pulei da cama, mas logo que encostei as patas no chão soltei um miado de dor, aquela pata realmente estava doendo.

_Gatinha? Cade você!?.- o garoto acordou assustado olhando para os lados.

Sai correndo do quarto mancando, senti sendo observada enquanto corria, quando olhei para trás vi o garoto corrando atrás de mim, ai foi a hora que eu mandei uma fugida tlgd meu irmão e começei a correr pela cozinha feito uma desesperada.

Logo com o barulho apareceu um garoto de cabelos ruivos e de pijama de... espelhos? Cada vez que eu oro mais tentação aparece mds.

Só foi pensar nisso apareceu mais dois garotos, um que estava de moletom vermelho e o de olhos negros.

_Que caralhos está acontecendo aqui!?.- o ruivo resmungou.

_Me ajuda aqui!!! Se não eu não vou fazer o café da manhã por 1 semana!!.- falou edd enquanto para um pouco para respirar.

Quando ele parou com falta de ar,aproveitei para descansar,pois sabia que os 3 iriam ajudar, parei em cima do balcão da cozinha.

_sai viado todo dia isso ti fude.- tentei falar mas só saia miados, mas q caraio de...

Antes de parar de pensar,vi um olhinhos negros pulando em cima de mim, mas consegui desviar.

Errrrrrroooooouuuu!!!! *imagina a voz do fautão ok*

O garoto caiu de cara no chão e só resmungando "tó bem"e fazendo um joinha para todos.

Logo o ruivo me aparece com um espelho e me mostra.

_Serio matt?.- o de moletom vermelho perguntou.

_Todos amam espelhos ue.- ele respondeu.

Parei para pensar e refletir, aquele parecia o espelho em que eu entrei sem querer!!!

Sai correndo até a ponta do balcão e pulei até o espelho, quando estava quase enconstando ao espelho, mas o garoto de moletom vermelho me segurou a tempo.

_Peguei!!!.

_SOLTA!!!.-gritei e mordi sua mão, estranho... ele foi o unico que conseguiu me ouvir normalmente e também me largou por dor que sentia em um dos seus dedos, ele me deu mais impulso que fez com que eu entrasse no espelho que era o certo.

Havia fechado meus olhos, quando abri novamente, me vi na sala de casa, estava começando a manhecer e logo logo as meninas iriam acordar.

Corri para o meu quarto e fechei a porta,por incrível que pareça começei a voltar a minha forma normal, e vendo um de meus braços com a marca do machucado e os hematomas iminentes.

Passei a mão levemente pelo machucado,soltando um gemido de dor baixo, não queria acordar ell, a "mãe" da gente.

Preferi me deitar um pouco, estava super cansada sobre tudo o que aconteceu em uma só noite, assim que encostei a cara no travesseiro adormeci.

Acordei com uma leve dor no braço e a feira acontecendo no andar de baixo, ouvia a voz da tamara, da ell,da matilda e da... tori?

Quando olhei ao relogio na parede, indicava... 12:30!? EU DORMI DEMAIS!!!!

Levantei em um pulo, troquei de roupa de desci para a cozinha.

Quando estava quase chegando, ouvi elas falando sobre... mim? Me encostei a parede ao lado para ouvir melhor.

_Será que ela vai aceitar?.-tori falou apreensiva.

_Depende né.- tamara respondeu.

_É só pdeir com jeitinho.- ell falou maliciosa,aposto que está com um sorrisinho malicioso também.

_Falar da pessoa quando ela não está presente é falsidade e falta de respeito sabiam?.- falei aparecendo na cozinha.

_Bom dia bela adormecida.- tori falou sorrindo.

_bom dia.- falei indiferente.

_Por que acordou tão tarde assim? Você sempre é uma das primeiras a acordar!.- ell me encarou preocupada.

_Hoje eu acho que dormi demais.-ri sem graça.

_Tink podemos conversar a sós?.- tori perguntou me encarando.

_Claro.-me levantei da mesa e fui em direção a sala.

Tori me seguiu e se sentou em uma das poltronas.

_Bem...-começei.- o que quer falar?

_Bem...- ela estava pensando muito antes de falar.- você sabe que eu sou a red leader sabe?.- assenti.- eu tenho muitas coisas para resolver e percebi que não estou pronta para dominar o mundo,ou até mesmo comandar a red army.

_e o que eu tenho haver com isso?

_Eu queria saber se você se interessa em ser a nova red leader da red army.- ela sorriu.

_E-eu? A R-red leader?.- senti minha voz tremula, muitos pensamentos passavam pela minha cabeça.

_Ajudarei você a comandar, mas como uma vice, você sera a leader suprema, e todos precisam de alguém como você para comandá-los.

_E-eu não sei...

_Porfavor meu bem.- ela falou provocativa, aquele jeitinho provocativa que eu...gosto...

_Meu bem é só pra quem ja me deu um Beijinho.- provoquei com um biquinho.

_Agora precisa de permissão para chamar o que é meu.- ela se aproximou de mim me fazendo corar.

_Sempre precisou.- cruzei os braços.

_você quer um castigo gatinha malvadinha?.- ela sussurrou no meu ouvido e logo depois mordeu minha orelha de leve fazendo soltar um leve gemido.

_Falando assim acha que faz algo comigo.- sussurrei medrosinha como sempre, sabia que ela é capaz de qualquer coisa.

_Continue me provocando toda vez que venho aqui e você verá.-ela respondeu sorrindo maliciosamente.

Corei minhas bochechas drásticamente e ela sorriu,  depositando alguns beijos em meu pescoço e deixando um chupão, que me fez soltar um gemido abafado.

_Você aceita meu bem?.- ela falou maliciosa 

_S-sim...- falei escondendo minha cara nas mangas do meu moletom.

_så søt og så redd vil du alltid være min ondsinnede kattunge.- ela sussurrou e saiu da sala.

_Og du vil alltid være hjertets røde leder ...-Sussurrei em resposta.





Notas Finais


Desculpa pelos erros de português e se eu tiver errado algo do norueguês Jeg beklager det også


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...