1. Spirit Fanfics >
  2. By your side >
  3. Sammy

História By your side - Capítulo 6


Escrita por:


Capítulo 6 - Sammy


*pov's Ariel*

Cheguei na escola e só cumprimentei algumas pessoas, minha cabeça tava explodindo, e pra piorar no primeiro tempo era matemática, odeio exatas, depois tivemos aulas de geografia e física, eu estava quase morrendo, os professores me acordaram mais de uma vez na aula.

Na hora do intervalo, eu preferi ir pra parte de fora do que ficar no refeitório com "los desgraciados" me olhando com cara de cu.

Sentei na grama e peguei um lanche que meu pai fez pra mim, como ele saia cedo eu nunca vai ele, mas ele sempre deixava alguma coisa, ganhei um muffin e uma vitamina de banana, minha favorita.

To comendo olhando a paisagem, até ver o Peter agarrado com a Tiana num dos pilares do corredor(era aberto), eu não fiquei com ciúmes, na verdade to feliz de que ele tenha seguido em frente

_Será que tem ciúmes por trás desse sorriso ai? _ Daniel se senta do meu lado, e já bebe um pouco da minha vitamina.

_Eii me da isso aqui, e vai por mim ciúmes é a única coisa q eu não estou sentindo nesse momento_ roubo a bebida dele e chego bem perto, do rosto dele, sinto sua respiração falhar, volto de novo pro meu lugar com um sorriso no rosto.

Eu e o Dan ficamos próximos depois das minhas idas e vindas com o Peter, bem próximos para falar a verdade, numa festa o Peter pegou uma menina da minha frente eu fiquei mal e queria ir embora, tava tri louca e o Dan tbm, ele falou q ia apé cmg pra n precisarmos dirigir bêbados, fomos cantando e chorando, acho que a noite dele tbm não tinha sido boa, quando chegamos na minha casa a gente se beijou, parecia o certo, no outro dia prometemos não contar isso para ngm, o Peter ia matar ele e a labelly iria me matar podia deixar nossa amizade ir pro ralo por conta de macho.

_você sabe que ele só está fazendo isso para de provocar ciúmes neh?

_ele fala olhando pro casal apaixonado

_Tática errada já n me abalo com esse tipo de atitude dele faz tempo, desde aquela noit... _ eu paro de falar pq foi nessa noite q rolou nosso beijo, ele olha pra mim como se soubesse oq eu estava pensando

_É aquela noite... _ ele olha pra mim de novo, não consigo entender o que ele ta pensando_ a Labelly veio falar comigo aquele dia na minha casa_pensei que uma hora ou outra ele ia falar comigo sobre isso_ eu disse que não queria nada sério

_Sabemos q isso é mentira, só que a beyonce so não está no seu alcance_ a gente começa a rir um pouco alto, n tinha tanta graça_mas mano fala sério, ela é um puta de um mulherão, porque não só ficar

_Porque tenho interesse em outra pessoa_ certeza que não sou, SENHOR diga que não sou eu, poderia perguntar quem é mas tenho medo da resposta.

Quando olho pra Peter tentando disfarçar, é ele que esta olhando pra gente agora, não com uma cara muito agradável, me viro pro Peter e mudo de assunto

_Ontem foi mó auê_me jogo na grama e olho pro céu, ele se joga no meu lado

_Pensei que vc tinha curtido muitoo_ele me olha sorrindo, o que ele sabe que eu não sei

_Curti, até a porra da Layla partir pra cima da Labelly, você tinha que ver

_Eu vi, postaram um vídeo_ ele pega o celular e me mostra, nossa eu fui meio agressiva com ela neh_ o que você falou no ouvido dela? O povo ficou todo curioso

_Só umas verdades_ agora estou olhando ele nos olhos, diferentes de Peter seus olhos eram azuis, e que olhos, não não, se concentra Ariel, não talaricamos, para

_Dan, a gente pode conversar_ eu me sento até ver Peter que esta na nossa frente com os braços cruzados, e uma cara fechada, eu me deito de novo bufando, Dan n queria levantar

_Pode ir migo, mais tarde a gente conversa_ele se levanta e vai atrás dele

As últimas aulas foram mais suaves, educação física, gramática e história, na hora da saída minha madrasta me mandou mensagem dizendo que ela foi pra praia com Arthur e queria ter me levado, mas eles tinham que sair cedo, eu entendi perfeitamente,eles precisam de um tempo deles, eu cheguei e tudo meio que virou sobre mim.

Como ela disse que não tinha feito almoço, decidi comer no BK. Peço um Uber, porque ele não é tão perto.

Adoro o BK, o cheiro de hambúrguer quente faz meu estômago roncar quando eu entro, a fila ta enorme, mas como eu não tenho nada pra fazer isso não me abala, to de fone de ouvido olhando pra frente, até alguém cutucar meu ombro, quando olho pra trás é o Lennon, com uma menininha, que tinha no máximo 7 anos

_Lennon! meu Deus pensei que não ia te ver mais, e quem é essa aqui_ me abaixo pra ficar mais da altura dela, ela sorri pra mim

_Sou Sammy_ela me encara e depois olha pro Lennon_ maninho, essa é a ruivinha que você falou que encontrou na faculd... _ na hora ela puxa ela pro colo e balança ela

_Para de falar besteira Sam, haha crianças, não sabem o que dizem_ AI MEU DEUS ELE FALOU DE MIM PRA IRMÃ AAA

_Relaxa, adoro crianças, e naquela noite não consegui me apresentar, meu nome é Ariel

_Pede logo o número dela antes que chegue em casa falando como você.._ele tampa a boca dela agora com a mão

_Que tal ce ficar quieta se não n vai ganhar suco_ela fecha a boca e eu caio na risada

_Vocês vão comer aqui, vamo comer junto

_Vamos sim, seria um prazer_ o sorriso dele é muito bonito meu Deus

Depois de ter pedido nos sentamos em uma mesa, eu sento do lado dele a pedido de Sammy, e ela na nossa frente, as cadeiras são estofadas, e bem confortáveis por sinal.

Agora que estamos sentados e eu estou comendo dois rodeios, com batata e refri, consigo reparar melhor nos detalhes do Lennon, ele é moreno com os cabelos das laterais raspados e com desenho bem bonito, em cima era cacheado bem definidinho, mas pontas pareciam mais claras, não sabia se era natural, seus olhos eram verdes, mas um verde escuro, que lindos mano, a irmã dela parecia com ele, podia até falar que era filha.

_Então o que te trás por essas bandas?

_Eu vim visitar minha família depois do período, e pegar uma onda também, é oque mais sinto falta daqui, estar tão perto do mar_ Humm um Caiçara, acho que nunca peguei um

_Agora ele vai vir mais vezes, já que sabe quevocê mora aqui, obrigada_ Sammy vai virar casamenteira quando crescer

_Meu Deus Sam, chega tabom, já entendemos, olha Ariel, sim eu comentei de você com minha irmã, e sim eu curti você naquela noite, principalmente depois de você dar uma surra naquela babaca da layla_ eu escuto tudo que ele diz e abro um puta de sorriso, é verdadeiro, mas quando olho pra frente encontro com o Peter abraçado com a Layla entrando na lanchonete

Não é ciúmes que eu estou sentindo, é raiva, ele sabe tudo que eu passei com ela, o tanto que ela me fez me sentir insuficiente, já chorei pra ele por isso, e ver ele com ela, não me me deixa mal, me deixa péssima_ ok acho que temos um encontro de ex's?

_Oque?! _ ele confere pra ver se a Sammy esta destraida com o brinquedo e chega mais perto

_Ja fiquei algumas vezes com aquela ali, pior decisão, e pela sua cara, você deve ter ficado também com o senhor White_ ele revira os olhos, qual será a treta? eu concordo com a cabeça ele sorri_ segue minha deixa então.

Ele me da um selinho e me olha com uma cara de apaixonado, que eu nunca pensei que conseguiria ver alguém fazendo. Olho pro casal feliz e eles estão olhando de canto de olho (estamos sentados de lado para a fila), entendi suas intenções. Ele se vira denovo pra frente e passa o braço pelo meu ombro, fazendo eu chegar mais perto, sinto até conforto nisso, parece algo natural.

_Sam você está em qual série? _ tento abafar a situação de alguma forma

_To no primeiro, eu tenho 6 anos_ a gente continua conversando as vezes eu e o Lennon dávamos umas olhadaa apaixonadas um para o outro, riamos mais alto que normal, mas era porque as paradas da irmã dele eram maravilhosas, eu chorei de rir e minha barriga doía, eles passaram pela gente pra se sentarem, e eu me recusei a olhar.

[ ... ]

_Vai querer carona para casa? É caminho pra minha_ já estamos fora do restaurante, por chegarmos mais cedo, saímos mais cedo que os perrecos

_Claro! Mais tempo com a Sam neh_ele revira os olhos e ela fica toda feliz, no carro ela parecia se empolgar com o assunto de nós dois

_Ariel, como eu chamo a namorado do meu irmão?_ ele da um leve breque no carro que me faz rir, olho pra trás sorrindo

_ De cunhada_ eu me viro pra frente mais vermelha que um tomate

Estamos quase chegando em casa, ai eu pego o celular dele e salvo meu número

_Só pra você não ficar falando de mim para sua irmã_ ele sorri

_Eu vou falar do mesmo jeito_ nossa minhas pernas tão tremendo, chegamos em casa eu sou um beijo da bochecha dele e saio do carro, vou na janela do Banco de trás

_Tchau sam, até uma proxima_ a gente faz um toque que inventamos no BK

_Tchau cunhada_ escuto ela falando, eu penso em me virar mas continuo andando, chegando no meu quarto me deparo com a La na minha cama, q susto, cm ela entrou?

_E esse sorriso bobo, viu quem?

* pov's Labelly*

Eu dormi pra caramba kkkkkk

Queria ir buscar a Ariel na escola bem gata, imagina a cara de "los desgraciados" me vendi entrar na escola com uma roupa q realça meu belo corpinho?? Aii eu ia adorar, pena q eu to com a cara inchada e roxa kkkkkk DROGA.

Em vez disso eu só tomei um banho, comi um sanduíche de creem chesse com geleia e fui pra casa da Ariel saber cm foi o primeiro dia. Chegando lá descobri q ela n estava, q chato eu ainda fui dps do horário das aulas pra ter ctz q ela tava lá.

Eu n ia ir embora, ja tinha andado até lá. Então como ninguém abriu a porta eu fui pros fundos da casa e subi com uma escada até a janela do quarto da Labelly no segundo andar.

Esperei ela chegar vendo série, a bixinha demorou heimm, avvv. Escutei a porta abrindo e já sentei na cama pra saber de tudo.

A Ariel tava com uma carinha de plena, tem boy nessa história CERTEZA!

_ E esse sorriso bobo, viu quem?

_ Credo mulher, q susto, cm entrou aqui em casa??_ eu n respondi, apenas dei de ombros_ Eu heim Labelly_ me joguei na cama e comecei a rir_ Amiga VOCÊ NÃO SABE! Perdeu muito cachorra, isso que da se meter em briga. Perde tudo dps eu q tenho q te atualizar, affe.

_ Pois conte minha querida, e conte com detalhes do boy q tu acabou de ver, e nem ne diga q n tem boy, q eu sei q tem kkkkkkkk

_ Bem começando pelo começo né, nem cheguei na escola e "los desgraciados" ja tavam olhando pra mim com aquelas caras horrorosas de cu , sério amiga, só faltou eles gritar "buuu" q aí era o fim, eu ia me assustar com aquelas assombrações kkkkkkkk.

_ Nossa amiga de vdd, como eu queria saber lutar pra matar aquela "mal parida" aiisshhhhh

_ Eu sei nega, mas pra isso q eu to aqui, mas tbm n abusa né kkkkk_ rimos e ela deitou na cama cmg e eu pedi pra ela continuar_ Vi o Peter ficando com a Tiana também

_ Nossa essa cara n perde uma né, q desgraçado, "¿estás bien?" (Vc ta bem?)

_ Tô amiga, aliás to feliz por ele ter seguido em frente igual eu

_ Mdsss q amiga sensata q eu tenho, ai te amo

_ também te amo, mas me deixa continuar cachorra q vc sabe q eu odeio ser interrompida. Na msm hora q eu vi o Peter, apareceu o Daniel do meu lado já enchendo o saco, ai ele perguntou de ontem da festa e outras coisas nada vê, ai teve q sair falar com o Peter q apareceu do nada, pique o Latrel de As branquelas.... tampando meu sol kkkkkkkkk. Ah eu tava deitada no chão caso n tenha ficado claro, sei q você é lerda kkkkkkk

_ Eu entendi -_-

_ Bem agora vem a parte q tu queria ouvir kkkkk eu fui no Bk hj e na fila eu encontrei com o Lennon e a irmãzinha dele_ eu n sei se fiz uma cara confusa, mas ela sacou q eu n fazia ideia de quem era Lennon kkkkk_ Amiga, Lennon é o cara q eu fiquei antes de ir bater na Layla, aliás falando nela, adivinha, enquanto a gente tava comendo o Peter e a Layla entraram de mão dada na lanchonete, acredita??!! Nossa eu ardi de raiva, dps de tudo q eu tinha dito pra ele e chorado, ai q raiva, mas tudo bem pq o Lennon, q aliás é ex da Layla, me fez ficar bem, ele é muito atencioso, ai amiga adorei ele, e ele é bem mais bonito do q eu pensava, juro, oh rostinho bonito e q corpo gostoso, avvv até salivei, brincadeira kkkkkkkkk

_ Ariel e suas paixonitis kkkkkkkk

_ Amiga n é paixoniti, to até cogitando gostar dele de vdd, aiii. NOSSA!!! Amiga ele contou de mim pra irmãzinha dele, a Sammy, eu fiquei boba de vdd, adorei

_ Eita amiga, n dá outra, antes de vc pensar em gostar dele, tu já tá kkkkkk tô feliz por ti amiga sério, tava na hora de achar alguém descente.

_ Eu sei amiga, só espero q n dê nada errado

_ Eu também.

[...]

Depois de um tempo eu e a Ariel fomos pra sala e começamos a ver filme de terror, péssima escolha, a gente assistiu Boneco Assassino, ohhh filminho ruim, desperdiçados uma ótima pipoca com chocolate pra ver aquele filme, droga. Decepcionadas com o filme e lembrando q amanhã tem aula, nos despedimos e eu fui pra minha casa.

Espero q amanhã n tenha q aturar a Layla nem ninguém. Esse ano eu quero ficar de boas na escola, com as notas e com as pessoas, Amém.

Dormi bem quentinha, tanto q eu n queria mais levantar, tava muito frio hj, mas né, obrigações...

Levantei da cama e tomei banho na água mais quente q eu consegui do meu chuveiro, saí e coloquei o uniforme da escola de inverno, sim, de tão frio q tava tive q usar o uniforme de inverno! N muda muita coisa, só q os tecidos são mais grossos, tem um cachecol e uma calça embaixo da saia. Graças ao frio eu coloquei uma meia bem felpudinha e de criança msm, com umas corujas e uns corações desenhados e coloquei uma bota bem quentinha também.

Desci pra tomar café, comi um sanduíche de alface, tomate e maionese, delícia. Mechi um pouco no instagram até q deu meu horário, adivinha só, chuva, bem na hora q eu fui sair, CHUVA! Isso vai me atrasar um pouco. Como eu n queria me molhar e nem atrasar eu pedi um uber. Cheguei na escola cedinho e encontrei a Ariel, fomos pra sala direto e nos sentamos, agora é física, Deus q me perdoe mas q matéria do cão! N sei e n gosto de quem sabe, mas vou ter q me esforçar pra aprender... esse vai ser meu ano escolar.

Bateu o sinal pro intervalo e eu e a Ariel fomos pegar comida na lanchonete, n trouxemos nada hoje...

_ Ai amiga voce ta entendendo alguma coisa de física? Sei q eu n to kkkk_ diz a Ariel

_ Ai mana de vdd n to entendendo nada kkkkk mas vou ter q estudar pq n quero ir mal em nada esse ano. Iiii olha alí, a nojenta da Layla só falta comer o Peter nesse beijo, mds quem q consegue beijar essa boca horrorosa, eu heimmm.

_ Ai nem me fala, nossa de vdd, q falta de consideração por tudo q eu ja me abri com ele, q bom q n to mais com ele e superei ele, de verdade kkkkkkkkkk

_ Nossa nem falar q ele foi atrás da mina mais escrota da escola logo dps q te perdeu kkkkkkk ridículo!

_ ai amiga para, nada vê, ele vai em quem der na telha dele kkkkkk

_ sempre soube q a Layla pagava mo pau pra vc, sempre, aliás, ela deve ta com ele pra se sentir um pouco mais como tu né. Nossa, acabei de pensar num bang muito errado kkkkkk credo, já imaginou tu tá num relacionamento abusivo com a Layla, n importa o quanto tu demonstre desinteresse, bata nela e sempre vença, ela vem de joelhos implorando pela tua atenção... essa quenga n se manca msm kkkkkkkk

_ não msm kkkkkkkk

Fomos interrompidas pelo sinal, agora eu e a Ariel íamos nos separar, ela tinha aula de história que ficava em outro prédio, mas antes fomos ao banheiro e ao bebedouro. N sei o q acontece mas a Layla parece q segue a gente, onde a gente tá ela aparece atrás. E n vai achando q é conhecidência n, a escola é enorme, gigante aliás, tem como a gente sempre esbarrar nela.

Passamos nos nossos armários para pegar as coisas da matéria de agr, a minha é matemática,finalmente algo q eu manjo


Notas Finais


byebye
los veo pronto
inté


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...