História Cada Parte de Mim - Capítulo 2


Escrita por: e KimJaeKyung

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Bts, Romance
Visualizações 26
Palavras 1.218
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Hentai, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yuri (Lésbica)
Avisos: Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


A história girará em torno de Alice que também será narrada por ela, espero que se identifiquem com ela e boa leitura <3

Capítulo 2 - Meu Anpaman


Fanfic / Fanfiction Cada Parte de Mim - Capítulo 2 - Meu Anpaman

Quando tudo à minha volta parecia se destruir, quando tudo parecia escuridão, eles apareceram, como super-heróis para me salvarem, me salvaram de mim mesma.

Eu já pensava que não havia mais nada capaz de me prender nessa vida, até eu conhecê-lo.

Me chamo Alice, vivo em uma cidade do Amazonas e agora contarei como as partes que faltavam em mim me encontraram, você poderá se identificar, sente-se e divirta-se, você irá chorar, rir, berrar, se apaixonar mais uma vez por Bangtan Sonyeondan.

___________________________________________________________________________________________

“DOIS ANOS ATRÁS”

Minha vida sempre foi um caos, de cabeça-para-baixo, nunca soube o real motivo de estar aqui, cheia de traumas e conflitos internos e sempre pronta para desistir, mas algo sempre me parava, e hoje sou grata por não ter tomado todas aquelas pílulas em uma madrugada dentro do meu quarto, exatamente às 02:36 de uma sexta-feira que eu estava sozinha.

Uma pessoa que não aguentava mais as dores da alma, uma garota que aos 5 anos teve sua inocência roubada, crescendo em um lugar que ninguém acreditava nela, sendo abusada pelos “coleguinhas” da escola por ser sempre quieta, não era quieta de propósito, eu tinha medo de falar algo errado e ser castigada como eu era em casa pelo meu padrasto.

Nesta madrugada, aos 21 anos, com uma dor que não parava mesmo depois de me corta inúmeras vezes decidi acabar com aquilo logo, estava prestes a enfiar 8 comprimidos de 3 tipos diferentes de remédios para dormir garganta abaixo quando meu celular apitou, uma mensagem, mas quem me mandaria mensagem agora? Eu nem o número dos meus antigos colegas de classe eu tinha pois não conversava com eles.
 

Eu fui olhar, era um número desconhecido, porém era do meu estado. Abri a mensagem e fiquei surpresa, era Gabriela, a menina do apartamento ao lado, nunca havíamos conversado o bastante para ela ter meu número, mas a mensagem mudou toda a idéia que havia na minha mente aquela hora:

“Oi, é a Gabi do apartamento ao lado, sei que não conversamos de verdade e deve estar se perguntando por que diabos eu tenho seu número. Eu pedi para a sua mãe, desculpe, mas queria falar algo para você. Eu conheço o seu olhar, pois eu também já o tive, é um olhar de medo e dor que foram guardadas por anos, eu tentei me matar uma vez, mas eu fui salva pela minha mãe, ela me ajudou me levando ao psicólogo, ela acreditou em mim, talvez a sua não acredite em você ou não te entenda, mas eu te entendo. Dê mais uma chance a você, posso ser sua amiga se quiser.”

Eu acabei de ler e estava tremendo, aquela menina morava ali há dois anos e nunca soube disso, meu celular apita novamente, era ela.

“Posso te mostrar uma música? Ela me ajudou muito, talvez você não conheça pois você não deve ter o mesmo gosto musical que eu, mas dê uma chance. Se chama So Far Away a música de um rapper coreano (ele faz parte de um grupo) Min Yoongi, procure a tradução dela, espero que te ajude, vou te mandar uma parte dela.”

Meu celular apita de novo.

“Sonhe, nós estaremos juntos no final da vida e na criação dela

Sonhe, nós estaremos quentes não importa onde seja o lugar dela

Sonhe, nós estaremos em plena floração no final dessas dificuldades

Sonhe, em vez de humildes, no final nós seremos prósperos.”

Viva o quanto você puder Alice, durma bem.

 

Após ler isso, eu fiquei impactada, pois ela demonstrou cuidado e preocupação comigo, larguei os remédios e fui procurar a tal música. Ouvir aquele homem cantar foi a melhor coisa daquela noite, a voz dele penetrou minha alma e aquela letra me salvou, decidi saber mais sobre ele, fotos, vídeo sei lá, saber como era o rosto dele, então apareceu um vídeo “Apresentando Min Yoongi”, foram três minutos de vídeo que bastaram para meu coração se encher de algo inexplicável, estava acelerado, borboletas no estômago, algo que nunca havia sentido, “Será que estou apaixonada?” pensei comigo mesma.

- Impossível, eu nunca serei capaz de amar alguém.

Eu disse em voz alta para mim mesma, fui pesquisar mais sobre ele então cheguei até os meninos, cheguei ao BTS, fiquei até às cinco da manhã vendo vídeos, MVs, traduções, absorvendo aquele mundo novo que me foi apresentado, por fim, estava em paz, algo que por anos não sabia o que era, eu adormeci e nem vi, acordei às 13:30 da tarde assustada, percebendo que não tinha feito NADA em casa.

- Puta merda, minha mãe vai chegar e eu não fiz merda nenhuma nessa casa.

Eu disse correndo para fora do quarto começando arrumar as coisas. Ela chegou do trabalho às 18:30.

- Oi filha, o que está fazendo?! Ela perguntou assustada. Eu estava rindo como louca pois estava vendo “Micos BTS” um vídeo bobo dos meninos dando mancadas, caindo etc.

Eu entendo ela ter ficado espantada, há muito tempo eu não ria daquela forma, eu já estava vendo vídeos dos meninos a três horas fora que arrumei casa ouvindo os álbuns, eu realmente estava mergulhada no “mundo BTS”

- Eu estou vendo uns vídeos, eu conheci um grupo de Kpop e estou adorando.

- Kpop? O que é isso Alice? ~ Ela perguntou com uma interrogação invisível na testa

- Ah, são cantores igual Lady Gaga, Fifth Harmony, só que são coreanos.

- Hmmm, que bom que está feliz, isso me deixa em paz. Ela me deu um beijo na testa e foi fazer a janta.

PRESENTE

A partir daquele dia, entrei em um mundo sem volta, o mundo do kpop, BTS desde esse dia, com ajuda de psicólogos, tem me ajudado a vencer e querer viver mais, hoje eu e Gabi somos BFF, sou grata à Deus por ela todos os dias.

O que mais me surpreendeu nisso tudo, foi Min Yoongi, talvez ele não saiba, mas ele me salvou de todas as maneiras possíveis, Min Suga fez algo que ninguém tinha feito, me mostrou que eu sou capaz de amar alguém sem me magoar, e eu o amo com todas as minhas forças. Ele se tornou meu utt desde que eu ouvi So Far Away mesmo sem saber o que era isto, eu já sabia que ele era diferente, era especial para mim, mas eu amo todos os sete incondicionalmente.

.......

De todas as loucuras que a Big Hit fez com o BTS/Fandom, essa foi a maior de todas, aquela empresa maravilhosa lançou um sorteio MUNDIAL, e sabe qual o prêmio? CONHECER OS MENINOS

- AAAAAAH, MAS QUE CARALHO DE FODA. ~ Gabi berrava enquanto lia o link sobre o conteúdo, eu por outro lado só sabia chorar, de emoção, era muita felicidade.

- GABI, e se a gente ganhar?????  ~ Eu dizia balançando a garota pelos ombros.

- Se a gente ganhar vamos ter a chance de finalmente dizer cara à cara para eles o que eles fizeram por nós, isso é, se a gente não morrer antes. - Ela disse rindo.

Ficamos por horas surtando por isso, o Twitter estava uma loucura, o fandom estava desesperado. À noite sentei em minha cama, abri o link de novo e comecei a reler aquilo que mais parecia um sonho:

“Um presente para aqueles que sempre nos apoiaram”






 

CONTINUA...

 


Notas Finais


Postarei o próximo capítulo em breve º3º


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...