1. Spirit Fanfics >
  2. Café >
  3. Prólogo: Você pode tomar café comigo hoje?

História Café - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Prólogo: Você pode tomar café comigo hoje?


— Qual café você vai querer?

Lembro-me de essa ser a primeira vez que eu, realmente, lhe dirige a palavra.

Min Yoongi, o cliente estrangeiro que ia todo dia na lanchonete onde eu trabalho só para tomar um café e observar a rua pela janela, não era nada daquilo que imaginei sobre si.

Ele ainda permanece com o mesmo visual: jaqueta de couro, jeans surrados e rasgados, cara de desinteressado e postura destemida. Porém, seus cabelos mudaram para um preto intenso; assim como ele.

Entretanto, agora que sei mais sobre ele, minha visão sobre aquele homem que tinha todo o infinito nos olhos mudou drasticamente. Agora eu sei que ele não passa de um cara que gosta de carinhos na barriga e que faz manha por abraços e beijos.

— Quero um cappuccino, por favor. — Essa sempre foi a reposta dele. Yoongi não me olhava nos olhos, e, por algum motivo, eu achava aquilo fofo. Um homem enorme como ele não tinha a coragem de me olhar nos olhos. Era hilário! Mas parei de achar engraçado quando ele finalmente olhava para mim.

Parecia que uma trilha de arrepios passavam por meu corpo, parecia que ele tentava me enfeitiçar com sua essência. E eu, tola, acabei me apaixonando por um estranho que tinha um sorriso tímido e olhar enigmático.

Yoongi era que nem um raio de sol. E eu um bebê recém nascido que precisava urgentemente de vitamina D. Eu precisava dele.

Precisava do conforto do seu amor, e da quentura dos seus lábios macios.

— Você precisa de mais alguma coisa? — Lembro de ter lhe perguntado. Estava quase no final do meu expediente, e Yoongi continuava ali, sentado enquanto olhava para a rua dominada pela noite escura de Los Angeles.

— Você pode tomar café comigo hoje? — Ele me indagou, a voz rouca sendo sussurrada. Enquanto ele demostrava ser calmaria pura, seus olhos me imploravam em desespero para ficar. E eu fiquei.

Isso pode parecer ridículo, certo? Eu ter me apaixonado por um cara que ficava até o fim do meu expediente e me convidava para tomar uma última xícara de café; isso é completamente ridículo!

Mas, naquele momento, parecia ser á coisa certa a se fazer. Porque só éramos nós, só éramos eu e ele.

Porque juntos nós éramos apenas amor.

E naquele noite cheia de escuridão, ele era o meu céu estrelado. Ele era a única estrela naquela noite. E só então percebi que tinha o deixado entrar. Yoongi não me convidou apenas para tomar café com ele, Yoongi me convidou para ser sua; e eu me embriaguei do gosto de sua boca e de seus toques sobre minha pele.

Eu estava determinada a prová-lo de todas as formas, e Yoongi não tentou me impedir nenhuma vez de senti-lo, de tocá-lo, de amá-lo.

— Você é que nem café para mim — Lembro do sorriso radiante que continha nos lábios rosados dele e de como seu sussurro teve efeito sobre mim. — E você sabe que eu amo café.

Yoongi sempre fazia declarações quando íamos nos beijar. E depois de suas declarações, suas mãos seguem até minha cintura, apertando-a, e seus lábios roçam em minha bochecha, vindo em direção aos meus. E então ele me beija. Sua boca gostosa agarra a minha com voracidade, a língua quente se enroscando na minha, os dentes em meu lábio inferior fazem-me puxar mais ainda seus cabelos; o que tirava gemidos roucos de sua parte.

Yoongi tinha gosto de infinito misturado com imprevisão e amor.

Yoongi era a música mais bela que eu já tinha ouvido. Yoongi também era eclipse. Eu fiquei por Yoongi, porque ele ficou por mim.

Porque eu só respiro ele.

O sentimento que tenho por ele é tão bom.

Parecia loucura me envolver com alguém assim. Mas como eu poderia ir contra alguém que tinha sorrisos apaixonantes e olhos hipnotizantes? Como eu poderia ir contra o meu porto seguro? Não tem explicação para isso.

Eu não tenho explicação para esse sentimento.

Uma vez alguém me disse que quando amamos alguém, ela se resume a todos os sinônimos de sentimentos bons.

E eu acho que Yoongi representa isso para mim: sentimentos bons.

Yoongi também é sinônimo de amor.

O amor que me fez querer recomeçar.

Porque era isso que ele era: amor e recomeço. Ele é um amontoado de sentimentos que me fazem bem. Que me faz querer o bem.

Querer ele. De corpo e alma.

— Sua pele tem cor de café — Ele sussurra no meu ouvido, apertando-me forte. — Ela também brilha no sol, e eu amo poder tocar em você. — Yoongi me diz em uma das vezes em que eu me encontrava nos seus lençóis.

Yoongi era o sol radiante que me fazia brilhar. Yoongi me faz brilhar


Notas Finais


eu realmente não sei o que escrever aqui, mas espero que alguém tenha gostado!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...