1. Spirit Fanfics >
  2. Califórnia >
  3. Preocupações e descobertas...

História Califórnia - Capítulo 5


Escrita por:


Notas do Autor


Perdoe a demora,já estou escrevendo os últimos capítulos e logo postarei o resto da finc....

Capítulo 5 - Preocupações e descobertas...


Noah pov


Já havia se passado uma semana desde que josh comprou sua moto,desde então ele não pega mais caronas comigo,e nem com Any,o que é muito bom pra ele,ja que assim não precisa pedir o carro dela para sair.

nada de muito novo aconteceu,josh me convenceu a entrar na acadêmica e sempre vamos para o meu apartamento depois, assistir Friends,no final de semana any descobriu e se convidou para assistir com a gente,desde então nos revezamos entre o meu apartamento e a casa deles.

Eu e josh estamos bem mais próximos como amigos, apesar de flertar as vezes. Se bem que josh está meio estranho ultimamente,ele está mais branco que o normal e tem se comportado diferente,perguntei o que era,mas ele apenas respondeu que era paranoia minha. 

Ele e Any passaram a semana inteira brigando por algum motivo que ninguém sabe,porque sempre que um de nois aparece eles param de falar,ou mudam de assunto.

Eu,Any,Diarra,Sabina e Beiley estávamos sentados nas cadeiras esperando o professor de música que ainda não tinham chegado.

-o que tá rolando com você e josh - Diarra pergunta para Any enquanto lixa as unhas.

-nada,porquê?- Any responde sem olha-la.

- vocês dois estão super estranhos essa semana...cheios de segredinhos - Beiley fala batucando os dedos no chão.

- acho que estamos normal...sabe essas brigas de irmãos - fala sem desviar o olhar do celular.

- já notaram que ele está mais branco que o normal? - pergunto afinando o violão.

- meu Deus gente...o josh tá normal...parem de serem paranóico - sabina responde se alterando,todos olham para ela sem entender o porque da exaltação - desculpa...é só que...- ela começa a falar mas é interrompida por krys que entra correndo na sala.

- Any....é o josh...ele...- Any levanta rápido correndo até ele,krys tem uma expressão nervosa e aflita.

- fala logo Krystian...- ela pede desesperada

- ele estava dançando....aí começou a se sentir mal...e...desmaiou...- quando ele fala eu começo a ficar preocupado e corro até ele.

- onde ele ta agora?- pergunto ficando desesperado também. 

- enfermaria...- ele mal termina de falar e eu saio disparado com Any.

 Any pov

Eu estou desesperada,como deixei isso acontecer de novo?

Corremos até a enfermaria encontrando nosso amigos lá.

- como ele está? - pergunto assim que vejo o enfermeiro.

- eu estou bem Any - ele fala revirando os olhos.

- CALA BOCA JOSH - todos falam ao mesmo tempo e ele abaixa a cabeça.

- por hora ele está bem...o corpo dele baixou muito a temperatura devido o esforço físico sem se alimentar,a pressão dele também está baixa...ele vai ficar bem,mas sugiro procurar um médico. - ele fala intercalando os olhares entre todos nós,parando em josh por último - se quiser viver até o final do ano sugiro começar a comer - ele fala firme e se retira,josh fica irritado com o comentário e isso faz meu sangue ferver. 

- podem me deixar sozinha com ele?- pergunto o olhando fixamente pra ele.

- nem pensar,ele precisa esclarecer essa história pra gente,por que não está comendo? - krys responde com a voz irritada,porém preocupada. 

- ele vai,mas não agora...vamos pessoal - Sabina fala começando a tirar o pessoal da sala,ela sabe sobre Josh e entende que não quero que o resto saiba por enquanto.
Ouço alguns protestos, e a porta é fechada.

- você prometeu - falo travando o maxilar e cerrando os punhos com força - VOCÊ OLHOU NOS MEUS OLHOS E PROMETEU JOSH - gritei com ele já começando a chorar,ele abaixou a cabeça de novo - você jurou pra mim que não iria acontecer de novo...e de novo você mentiu pra mim.

- eu sinto muito any...

- é a terceira vez na semana que isso acontece,e você fala a mesma coisa....- ele tenta falar mas eu o paro de novo - ...você tem noção que pode morrer?tem noção que você pode destruir os seus amigos se isso acontecer?tem noção que existem pessoas que te amam e que não podem de perder?...eu juro por Deus josh,se algo acontecer com você...eu que me mato...JURO - ele arregala os olhos vindo até mim.

- me perdoa...eu não vou fazer de novo...eu juro...- ele diz colocando suas mãos em meu rosto,seus olhos começam a lacrimejar.

- eu sei...porque eu vou garantir isso...- falo ríspida,as lágrimas não caem mais,eu sei que é culpa minha,que eu negligenciei o que estava acontecendo,mas não vou mais fazer isso,vou cuidar dele e parar de ignorar que ele tem uma doença.

- por favor Any...eu imploro...não conta para os meus pais...eu juro...juro que vou me esforçar - ele fala desesperado.

- cadê a chave da sua moto?- pergunto sem olhar para ele.

- na minha bolsa - tiro suas mãos do meu rosto indo até a mochila preta pegando a chave no bolso lateral,pego o capacete em cima da bolsa.

- pega suas coisas,nos vamos para casa - saio da sala.

Quando abro a porta todos os nossos amigos estão no corredor sentados - pode levar a moto pra mim - pergunto com a cara fechada para Joalin que acente,entrego o capacete e a chave para ela - prometo que vou explicar...pra todos vocês- josh sai pela porta - só não vai ser agora - olho para todo eles com um sorriso gentil mostrando que está tudo bem - precisa pegar algo a mais?- pergunto de maneira grosseira para josh.

- Não ...- ele responde tímido.

- vamos - saio na frente,escuto ele dando um tchau para o pessoal e vou para o meu carro,logo ele entra.

- Any...eu sinto muito....

- cala boca josh - corto ele ainda ríspida,sei que estou sendo cruel,mas ele precisa entender que eu estou irritada.

O caminho até minha casa foi silencioso,josh ficou triste é perceptível,claro que não vou ligar para os pais dele,eles levariam josh embora e seria como perder ele de novo,mas não vou ficar de braços cruzados.
Quando chegamos em saca eu vou para meu quarto. Escrevo uma mensagem para Sabina.


Precisamos para de ignorar o que está acontecendo e fazer algo


Depois de alguns segundos sabina responde

CNCO
Concordo,sofya está piorando
O que quer fazer?

Contar para o pessoal

Se todos ajudarem 

Talvez eles entendam que estão doentes

E que só queremos ajudar.


CNCO
E se não der certo ?

Então tomaremos as medidas drásticas


CNCO
Falaremos hoje
E explicaremos o que está acontecendo.

Vou avisar no grupo.


Eu já havia notado que Josh estava doente,mas não achei que era grande coisa até ele vir morar comigo,comecei a reparar em machucucados em seu corpo,ele sempre recusava comer e quando comia ia diretamente para o banheiro,ele tinha tonturas e queda de pressão do nada,então coloquei os sintomas na internet e descobri o que tudo significava,depois disso comecei a pegar mais no pé dele,mas ele sempre dizia que estava tudo sobre controle e que não precisava me preocupar.
Quando o Josh desmaio pela primeira vez eu fiquei desesperada,levei ele pro médico e ele me relembrou novamente sobre os perigos da doença,mas Josh continuou com a mesma história.

Eu estava quase enlouquecendo,precisava falar com alguém,quando comente com sabina sobre isso ela me falou que sofya fazia a mesma coisa,que já havia achado vários remédios para colocar comida pra fora em seu quarto.

Concordamos que iríamos apenas observar eles e tentar cuidar,até porque eles sempre se irritavam quando mencionavamos o assunto,mas dessa vez já passou dos limites,e nós somos obrigadas a fazer algo.


Nosso grupo 


Reunião urgente

Na minha casa

19 horas 

NÃO SE ATRASEM 




Depois de mandar a mensagem desligo o Wi-Fi e começo a chorar,precisava disso,precisava colocar pra fora de alguma forma.

Josh pov

Depois do episódio na escola fomos para casa de Any,ela me ignorou o caminho inteiro é quando chegou se trancou no quarto. Depois de guardar minhas coisas e tomar um banho eu decidi comer.


SIM,EU DISSE COMER.

E pela primeira vez em meses eu não me senti culpado,depois de ver a Any naquele estado eu decidi tentar,tentar de verdade e mudar,sei que vai ser difícil,mas eu nunca vi ela tão desesperada,nunca mesmo,e tambem nunca a vi tão irritada,eu entendo ela,entendo todos eles,ver a cara de medo da Any quando falou em me perder,ouvir o desespero do krys enquanto eu desmaiava,a cara de decepção da Sabina,e por fim,os meus amigos sentados no chão triste,isso mexeu comigo,nunca tinha pensado neles,na minha família,nunca pensei que poderia machucar ou decepcionar eles,e a ideia de ver eles tristes por minha causa me destrói.

Não sei o que Any vai fazer,mas ela prometeu que faria algo,então vou esperar ela decidir e aceitar o que ela sugerir,mesmo que isso signifique contar para os meus pais.

Um tempo depois de comer uma salada de frutas eu subi para o meu quarto,sei que não é algo grande,mas já é um começo,antes de entrar no meu quarto escuto Any chorando,chorando muito,e isso parte o meu coração, saber que aquilo era culpa minha só faz eu me sentir pior. Pela primeira vez não estou me sentindo culpado por comer,e sim por causar tanta dor a uma das minhas melhores amigas.

Me deito na cama pegando meu celular e vejo notificação no grupo,era Any falando que queria todos aqui as sete,olho no relógio que marca cinto e trinta e dois,coloco meu celular para despertar seis e quarenta e acabo dormindo.


Escuto meu despertador tocar e me levanto,sei que essa reunião é sobre mim,então não vou me atrasar,tomo um banho e coloco uma calça e uma blusa moletom ambos azul,coloco uma meia e uma bandana branca e desço as escadas com o melhor sorriso que consigo esboçar,faltava cinto para as sete,sabina,krys e Hina já estavam na sala.

Sorriu para eles e vou até a cozinha tomar água e pegando uma maçã,volta para a sala vendo que tem várias cadeiras em um círculo,um nome em cima para indicar o seu lugar,sabina abre um sorriso quando me vê com a maçã,eu suspeitava que ela sabia sobre a minha...doença,ainda é estranho falar ou pensar nisso,mas essa é a realidade,fico feliz que ela saiba,agora tenho um pessoa a mais para me apoiar.

- você está melhor?- hina pergunta preocupada.

- estou sim,obrigada - sorrio.

- você deu um basta susto na gente - krys fala bagunçando meu cabelo.

- desculpa por isso - sou sincero,ele senta no lugar marcado.

Quando deu sete e cinco todos já haviam chegado,os lugares estavam marcados na sequência

sabina,sina,Heyoon,Joalin,Diarra,sofya,eu,beiley,hina,krys,noah,Shivani e Any ao lado de sabina fechando a roda,elas entregaram um papel para cada um e disse para que apenas eu e sofya virasse.

Anorexia 

Bulimia 


Engoli em seco assim que vi, Any e Sabina retiraram sua cadeiras ficando em pé.

- que significa isso? - sofya perguntou um pouco irritada.

- Soso,você sabe porque - sabina diz com toda a calma do mundo e todos nós ficamos confusos.

- eu me recuso a participar disso - ela se levanta e todos ficam ainda mais confusos,principalmente eu.

- SOFYA - Sabina grita chamando mais atenção - senta agora - ela diz um pouco mais calma - eu e Any ignoramos o que estava acontecendo,mas não vamos mais fazer isso.

- peço a todos que só perguntem quando nós terminarmos de falar...prometo que responderemos todas as perguntas - Any fala calmamente e eu fico quieto - podem virar as folhas - todos viram e se entreolham,é clara a confusão para eles - anorexia e bulimia são distúrbios alimentares causados pelo medo de ganhar peso...os sintomas são muitos,mas os principais são a falta de alimentação...

- ou a compulsão em comer...a pessoa com a doença tem medo constante de engordar...sendo assim eles tem métodos de se livrar da comida...

-esses métodos são acesso de exercícios físicos,vômitos forçados,uso frequente de laxantes entre outros....

- as consequências dessas doenças são, baixa imunidade, enfraquecimento dos músculos e dos ossos, arritmia cardíaca e convulsões...

- em quinze por cento dos casos as pessoas morrem - quando any fala isso eu travo,não consigo pensar em nada,noto sofya muito inquieta...será que...será que ela....não,não...a sofya,ela,ela não faria isso,não tem porquê fazer,ela é linda e perfeita,por que faria isso?enquanto penso umas lágrimas começam a descer.

- josh...?- noah pergunta em tom preocupado.

Passei meus olhos por todos eles,olhando nos olhos de cada um,eu realmente nunca me dei conta do mal que eu poderia fazer a eles,olho para sofya que também chora.

- eu sinto muito....eu...- olho para baixo

- ei...-Any vem até mim segurando meu rosto - ta tudo bem...- ela sorri pra mim.

- eu juro que não faço de propósito...- todos me olham chocados,acho que a ficha deles não havia caído ainda.

- você é tão lindo...porque faria isso?- sofya me pergunta calma.

- porque você faz?- seco as lágrimas caindo de seu rosto,ela não responde,não tem o que responder,não tem uma resposta,exceto...- eu sou fraco soso...

- Não diga isso josh...você é forte,sei que não nos conhecemos a muito tempo,mas eu posso ver isso - ela me abraça deitando em meu peito.

- Não sou...eu não mereço você- olho para Any- não mereço nenhum de vocês...- dessa vez olho todos.

- Não se atreva a falar isso novamente - Diarra se levanta.

- nunca mais diga isso,você...vocês são a única razão pela qual eu levanto todos os dias...a única- krys fala.

- vocês são a minha família...e eu sinto muito que não tenha percebido o que estava acontecendo...mas eu estou aqui pra vocês agora...pra todos vocês - beiley completa. 

Todos vem até nois nos abraçando e fazendo declarações de amor. Gosto disso,gosto deles,eles me fazem me sentir amado,me fazem quere ser alguém em que ele também possam amar.

- obrigado...e...não se sintam culpados,a única culpa é nossa.- sofya diz quando nós nos separamos.

- a culpa não é de ninguém - Hina a corrigem e todos damos as mãos.

- se vocês estiverem dispostos a melhorarem estaremos aqui - Sabina diz sorrindo.

- estamos - confirmo olhando para sofya que confirma com a cabeça.

*


Ficamos mais um tempo ali e quando meus olhos se encontram com o de Noah sinto vergonha, quando ele desvia o olhar me sinto mais triste ainda,nessas duas semanas que eu estou aqui noah se tornou meu melhor amigo,nunca senti essa conexão com ninguém,e eu realmente não queria decepciona-lo...

- gente tá tudo muito bom,mas eu já vou pra cama,está tarde e eu tô cansado.

- está bem - Any fala compreensiva,me despeço de todos dando uma última olhada para Noah que desvia novamente.

- josh...- sofya me para antes que eu suba as escadas - eu realmente quero tentar e vai ficar mais fácil se você ficar comigo,assim podemos nos apoiar...

- sim,vai ficar mais fácil falar com alguém que entenda - sorriu para ela.

- quero que saiba que sempre que precisar eu estarei aqui...se você sentir vontade de...você sabe,colocar para fora...pode me ligar,a qualquer hora - sorri para mim.

- você também.... a qualquer hora...- devolvo o sorriso, e ela se despede voltando para perto dos nossos amigos.

Noah pov

Eu estava tão irritado comigo mesmo,como caralho eu não percebi que meu melhor amigo estava doente,e de algo tão grave assim,eu me sinto um idiota. Mais ainda por não ter falado nada,ele deve estar pensando que eu sou um idiota que não me importo,mas não é isso,eu me importo,só me sinto envergonhado por não ter percebido antes.

- A culpa não é sua...- Any me abraça pela cintura e fala enquanto observamos ele subir pela escada.

- como não?....ele é um dos meus melhores amigos e eu nem notei que tinha algo errado,e nem disse nada quando descobri....ele deve me odiar.

- Eu também demorei meses para descobrir... ele não te odeia...ele provavelmente está se sentido culpado por mentir pra você,e deve está se sentindo um idiota por te magoar....sinceramente acho que deveria falar com ele - ela me vira para olham em seus olhos - ele gosta de você,acha que é confiável e isso raramente acontece,josh não costuma deixar ninguém entrar...mas ele deixou você,então não deixe ele mudar isso - ele diz olhando em meus olhos,vejo muita sinceridade em seu olhar - e quando se sentir culpado lembre-se que eu sabia sobre isso e esperei ele ir para o hospital 7 vezes para só aí fazer algo...

- está fazendo algo agora - a abraço forte, dou um beijo em sua testa - eu te amo,muito...

- também te amo - ela responde com os olhos lacrimejando - agora VAI...- ele me empurra e eu subo as escadas. Bato na porta e começo a ficar nervoso.

- Não estou chateado com você...estou comigo...você é meu melhor amigo,estava passando por um momento difícil e eu não estava aqui....- falo assim que ele abre a porta. Ele me puxa para um abraço chocando meu corpo com o seu peitoral nu,me suprendo com sua atitude mas retribuo.

- tô feliz que esteja aqui...desculpa por ser desse jeito...premeto que vou me esforçar para ser um amigo melhor...- sorri se afastando e eu faço o mesmo.

- você é o melhor amigo quer eu poderia querer...

- obrigado por me aceitar com minhas imperfeições.

- todos nós erramos,é normal. O importante é reconhecer e corrigi-los - ele senta na cama me puxando para sentar com ele.

- não quero decepcionar vocês.

- Você nunca faria isso.

Estamos próximos,muito próximos,gosto disso,de estar com ele,fico feliz de saber que ele confia em mim,porque eu também confio nele.

- Friends?- pergunta balançando o controle. Quebrando o clima entre a gente.

- com certeza.

Deitamos na cama e ele liga a TV....


Notas Finais


Desculpas novamente,os capítulos não são bons mas eu tentei...


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...