História Call Me Murderer (Vkook-Taekook) - Capítulo 15


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Got7
Personagens BamBam, Jackson, JB, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jinyoung, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Mark, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Kookv, Markson, Menção Jikook, Taekook, Vkook
Visualizações 291
Palavras 1.293
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Crossover, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Fluffy, Lemon, LGBT, Lírica, Literatura Feminina, Luta, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Ah gente o capítulo esta uma bosta.. Mas né.. Eu trouxe o segundo capítulo como se fôsse meio que.. Um especial dos 120 favoritos.. Espero que gostem e não me matem.. Eu vos amos!!

Capítulo 15 - Fifteen.


-Come on baby! -Falo sorrindo. 

_______________

Neste momento eu permanecia na frente do Jimin com uma arma apontada à sua cabeça, um sorriso psicopata invadia meu rosto, os outros homens eram tão fracos que em apenas 4 minutos os mesmos já estavam cansados de tanto lutarem apenas foram embora abandonando este garoto aqui.. 

-ATIRA! ANDA SEU ASSASSINO DE MERDA! -Fala, reviro os olhos e puxo o gatilho para disparar a arma porém alguém bate no meu ombro me fazendo disparar contra o sofá arregalo os olhos vendo o Jungkook na frente do Jimin.. 

-FICA QUIETO! -Grita comigo, mano quer dizer o Park é que invade minha casa, pede para uns homens que nunca vi para me agredirem e eu que estou errado, eu vou entender esta gente.. 

-Olha se não é o maior falso, o maior desgraçado, o herói da pátria! -Falo rindo rodando a arma sobre meu dedo indicador... 

-Fica quieto Taehyung! Já não matou gente demais? Quer continuar com essa vida? Para de ser um desgraçado, um pobre coitado e encara a vida como as outras pessoas! -Fala, começo a rir.. Ah Jeon.. Eu te amo muito mas neste momento te odeio... 

-Primeiro, foi o seu namoradinho que invadiu meu apartamento com homens atrás, segundo eu estou me cagando para o que você diz.. Você não passa de um mentiroso, canalha, criança e idiota.. Quer me dar lições de moral.. A mim?? Pelo amor de deus.. Acha que me custa matar vocês os dois?? Ata claro.. -Falo sorrindo irónico.. Ele me olha nos olhos assim como eu.. 

-ATIRE SEUS DESGRAÇADO! TU NÃO VALE NEM O AR QUE RESPIRAS! SABES QUE MAIS? TU ÉS UM SEM ESCRÚPULOS, UM FILHO DA PUTA, UM NOJENTO, UM FEIOSO QUE NUNCA CHEGARÁ AOS MEUS PÉS POIS SOU EU QUE TENHO O JUNGKOOK, NÃO VOCÊ... EU TENHO O QUE VOCÊ MAIS QUER!SÓ CHORA BEBE! -Fala Jimin, afirmo com a cabeça.. 

-Me fala para que eu quero o Jungkook? Para cagar? Não preciso, para cozinhar muito menos, para fazer a cama eu a faço, para ter relações contrato uma puta, para beijar a mesma coisa.. Para que eu preciso dele? Fica com ele.. Come ele e aproveita e enfia ele no cu! -Falo.. Mark e Jackson chegam por trás dos mesmo acertando a cabeça de cada um fazendo os mesmos cairem no chão.. -Estava difícil! -Falo os olhando, eu no meu celular tinha o contacto de Mark em chamada rápida.. Ou seja eu liguei para eles pouco antes da luta.. E eles vieram para aqui... 

-Desculpe..… - Fala Mark, afirmo sorrindo e nego com a cabeça.. 

-Me ajudem a os colocar no quarto! -Falo, eles afirmam... 

__________________

-Eles já acordaram.. -Fala Mark descendo as escadas... Afirmo limpando a arma.. 

-Temos tudo que precisamos?? -Pergunto olhando para o Jackson que mexia no notebook.. 

-O JB já tratou dos passaportes e está à nossa espera no aeroporto, BamBam conseguiu as passagens, e o Youngjae já se esta encarregando de encontrar uma casa no Canadá... Esta tudo pronto Taehyung... Só falta acabar com eles... -Fala o mesmo me olhando... 

-Isso não vai levantar suspeitas Tae? -Pergunta Mark me olhando, suspiro e nego com a cabeça..-Todo mundo pensa que estamos já no Canadá.. Não vai dar problema algum.. -Falo sorrindo, este sorri de volta e vêm até mim.. 

-Sabe que aconteça o que acontecer a gente está do seu lado, pode contar com nós para tudo.. Nossa vida vai recomeçar longe daqui.. E vamos ser felizes longe daqui! -Fala, sorrio e afirmo.. Sério sou bastante agradecido por ter eles do meu lado, nem todos os amigos iriam ajudar você, prejudicar sua vida para estar do seu lado.. Olho para o teto lembrando de mais cedo.. 

Flashback on: 

-Come on baby! -Falo sorrindo

Os homens avançam em mim, espero o primeiro ataque me defendendo e torcendo seu braço enquanto atingia o outro que caiu.. Bato nas costelas deste que cai e saio para outros homens.. Sendo bem explícito eu estava me saindo bem, passado algum tempo eles estavam no chão se queixando.. 

-Querem mais ou fica por aqui? -Pergunto indo até uma gaveta de um móvel retirando minha arma, assim que eles me olharam simplemente sairam correndo da casa.. Então... Agora sou eu e o Jimin. 

Flasback off


-Bem, quando ouvirem o primeiro disparo chamem a polícia.. Estou subindo.. -Falo, eles afirmam e assim eu subo.. 


Eu estava de saco cheio deste assunto, vou terminar com os dois de uma vez sabe.. Não tenho capacidade suficiente para lidar com mais faltas de respeito e falsidade, abro a porta e fecho a mesma assim que entro.. Jungkook coloca o Jimin atrás de si.. 


-Ah que bonitinhos!! -Falo na ironia, Jeon me olha.. 


-Taehyung vamos acabar com isto, você se entrega, e tudo fica bem.. -Fala, reviro os olhos e sorrio.. 


-Oh meu querido.. Vocês deveriam saber com quem se estavam metendo.. Vocês quizeram brincar com o fogo mas não querem se queimar?? Eu não vou tolerar que brinquem mais com a minha cara! Nem que me façam de bonecos! Eu sou como sou nunca pedi vossa opinião, pelo contrário sempre caguei nela! Então não venham com merdas porque minha paciência estourou.. -Falo sério - Eu sabia que você me ia denunciar.. Eu sabia que isso não passava de um plano e mais estúpido foi você pensar que eu o amava.. Ai.. Amar até amo mas não tanto como querer ver você morto! - Digo, era mentira? Podem querer.. Mas eu não aguento mais.. Eu sou um psicopata não posso sentir sentimentos.. Eu não conheço esse nome.. 


-Taehyung eu te amo de verdade! Mas o Jimin é meu amigo, nunca que vou deixar você fazer mal a ele! Para com essas cenas! Para de ser idiota! Se entrega de vez! -Fala tentando se aproximar, levanto a arma apontando à sua cabeça o fazendo parar. 


-Amar? Me poupa nas suas palavras falsas Jeon, eu já não acredito em nenhuma coisa que saia da sua boca, você não passa de um garoto imaturo, criança, otário, desgraçado, tanta coisa que até perco a conta.. -Falo rindo e logo olho para o Jimin..-Oh agora o nenem está com medo? Mas quando chegou aqui em casa com homens para me bater você estava tranquilo.. Como a vida dá voltas amor.. 


-Taehyung, para! Por favor.. -Pede Jeon, o olho inclinando a cabeça para o lado apontando a arma à sua cabeça vendo o Jimin sair de trás dele.. Sorrio e rapidamente aponto para o Jimin atirando no mesmo o fazendo gemer de dor, direitinho na cabeça, sorrio vendo o corpo cair no chão falecido.. 


-Ups, escorregou... Foi sem querer.. -Falo vendo o Jeon arregalar os olhos chorando correndo para perto do corpo do amigo, observo a cena antes de o Mark abrir a porta.. 


-Termina com isso.. O JB está a caminho.. -Fala, afirmo apontando para a cabeça do Jeon que me olha chorando.. 


-EU REALMENTE TE AMO PORRA, SIM NO INÍCIO ERA TUDO UM PLANO MAS EU ACABEI ME APAIXONANDO POR VOCÊ, MAS TINHA O JIMIN ME IMPEDINDO DE TERMINAR COM AQUELE PLANO LOUCO! NUNCA FIZ NADA PARA TE MACHUCAR.. SEI QUE ERREI DENUNCIANDO VOCÊ PARA O JIMIN, MAS EU NÃO TINHA OUTRA SAÍDA! EU LIVREI VOCÊ DISSO POR ALGUMA RAZÃO! PORQUE É DIFÍCIL ENTENDER QUE EU AMO VOCÊ? PORQUE É DIFÍCIL ENTENDER QUE EU QUERO VOCÊ, DESEJO VOCE? PORQUE FODE COM A MINHA VIDA DESSE JEITO? ELE NÃO FEZ NADA PARA VOCÊ! SEU ASSASSINO NOJENTO EU TE ODEIO! -Grita, calma Kim.. Doeu mas passa.. Tudo passa Taehyung.. Não vai ser as palavras deste garoto que vão acabar com você.. Apenas aperta esse gatilho e terminámos com o circo.. 


-Me odeia?? Que pena.. E recíproco! - Falo atirando nele.. Várias lágrimas comecaram a descer pelo meu rosto, apenas virei costas e saí.. Desculpe Jeon. 



Notas Finais


Ahh ficou uma merda T-T
Me desculpem por esse capítulo.. Está uma merda.. Eu sei.. Mas espero que tenham gostado nem que seja um pouco..


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...