História Caminhos de uma história - Capítulo 7


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Kookv, Nanjin, Taekook, Vkook, Yoonmin
Visualizações 30
Palavras 1.389
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Ecchi, Festa, Hentai, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Shoujo-Ai, Universo Alternativo, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eu sei que não está perfeito
Taekook minha vida <3
Pode parecer que não existe luz, mas nada está perdido - o mundo é grande e você ainda é jovem.

Capítulo 7 - VII


Quando acordei Jimin estava deitado em cima de mim, enquanto eu o abraçava como um travesseiro – esse aproveitador barato. Minie tinha um grande sorriso no rosto e um avantajado avermelhado no pescoço, acho que era um dos maiores chupões que eu já vi na minha vida.

Tirei ele de cima de mim com todo cuidado para não acorda-lo e sai para a cozinha em busca de uma boa caneca de café. Fiz o café da manhã de modo sonolento, sem me importar com os compromissos. Eu e Jimin temos uma regra aqui em casa – final de semana não é momento para nada, apenas para ficar na sua e relaxar. Eu não levava tão a sério a regra do Jimin, mas agora – depois de uma semana muito puxada – eu aprecio a calmaria de sábado.

Fiz café, suco de laranja, torrada e panqueca com calda de chocolate. Sentei-me na mesa e peguei no meu celular para verificar as notícias do Twitter, mas nem consigo entrar no meu aplicativo – tem uma grande variedade de mensagens no meu E-mail. Abro assustado, ninguém nunca me manda algo no E-mail, imagino que deve ser algo sério. Me arrependo na hora que abro.

Meu chefe me mandou mais de dez documentos para eu revise e redija o quanto antes. Olho para o meu celular desanimado e caio sobre a mesa. POR QUE DEUS??? Serio isso? Meu final de semana lindinho. Por que eu tenho de ser adulto????

- Aconteceu algo, meu amorzinho?

A voz de sono de Jimin chega em meus ouvido, apenas concordo com a cabeça. Suas mãos acariciam meu cabelo e engatam-se em meu pescoço, passando os dedos como quem conforta uma criança pequena.

- Você quer conversar sobre?

Sua voz é meiga e tão adulta, levanto minha cabeça da mesa e viro-me em sua direção, jogando minha cabeça em sua barriga e jogando os braços em volta de si.

- Não pode Minie, é final de semana.

Jimin ri de mim e enrosca seus braços envolta de minha cabeça, puxando-me para mais perto de seu corpo. Confortando-o como se ele tivesse se tornado o adulto na sala, como se a face de doce criança tivesse sido guardada.

-Não se preocupe Taetae, final de semana é para buscar conforto e desabafa também.

Tae concordou com a cabeça no corpo de Jimin, acho que era mais um indicio verdadeiro de que eles estavam finalmente tornando-se adultos.

 - Obrigado Minie.

Jimin sentou-se para tomar café comigo e eu desabafei com ele o quão cansado eu estava. É algo que eu não estou acostumado – o trabalho, o cansaço e toda essa cobrança de que você tem de entregar algo perfeito. Na faculdade era mais fácil, eu tinha de fazer por mim – se eu cometesse um erro que pagava era eu, mas aqui se eu cometer um erro todo um contingente de pessoas paga.

Jimin apenas me escutou e deu-me todo o apoio, eu fiquei muito leve quando terminei de falar. É bom externar tudo isso que está sentindo. Jimin olhou-me no fundo dos olhos e falou:

- Calma Taetae, vai dar tudo certo okay? Vamos terminar o café e vamos os dois sentar na sala e fazer nossos trabalhos okay?

Eu terminei de tomar meu copo de suco e concordei com Jimin, ele me lançou um sorriso tão doce que eu só pude jogar-me em seus braços e agradecer por ele ser essa pessoa maravilhosa.

Arrumamos a cozinha e sentamos na sala, eu com meu computador e Jimin com um grande contingente de provas. Minie suspiro alto quando olhou para os papéis, ele odeia ter de corrigir provas – fala que os alunos nunca sabem o que escrever.

...

Ficamos o dia todo fazendo aquilo na sala, com breves paradas para comer. Eu estou morto e ainda faltam três para terminar.

-Taetae eu vou parar por hoje. – Jimin largou a caneta e respirou alto, jogando os braços para cima e estalando os dedos. – Vou sair com o yoongi agora de noite, então vou tomar banho e me arrumar.

Eu estava concentrado em meu trabalho, mas larguei tudo quando ele falou aquilo e virei-me para ele. Minhas sobrancelhas estavam erguidas de modo interrogativo. Jimin deu uma risadinha e um sorriso sacana, depois seguiu da sala em direção ao quarto. Larguei tudo que estava fazendo ali e segui atrás dele.

- AAAH NÃO MINIE!!! Para agora e me conte tudo!

Jimin olhou para traz com cara de santo, como se não tivesse entendendo o que eu estava falando.

- Tudo o que?

Revirei meus olhos. Como esse garoto pode fazer algo assim?

- Pelo amor Jimin, não me mata de curiosidade. Você sabe como eu sou!!

Joguei-me na cama dele. ele abriu o guarda-roupa e mostrou-se muuuuuuito interessado em suas próprias roupas der repente.

- O que você acha que eu deveria falar? – ele passa a mão pela malha de suas camisas. – Que ontem ele meio que disse que tava afim? Por que eu falaria algo assim?

Ele pegou uma camisa e colocou em frente ao corpo, como um daqueles grandes modelos de marca.

- Que eu beijei ele? Por que falar?

Dessa vez um sorriso extremamente sacana preencheu o seu rosto, fiquei calado esperando ele me olhar para que eu finalmente pudesse surtar com os acontecimentos.

- Dizer que depois nós transamos no carro dele? Por que diabos eu falaria algo assim?

Meus olhos se arregalaram, pareciam que iam sair da cara. O QUE????!!!!!!  Esse momento era todo meu, porra como eles demoraram para algo assim! Não que eu pensei que eles fossem transar no banco do carro na primeira vez, mas P O R R A...

- MEU DEUS JIMINIE!!!

Jimin largou as roupas e se virou para mim com um tremendo sorriso abobalhado no rosto.

- SSSSIIIIM!!!

Ele gritou para mim, me senti como se nós dois fossemos uma daquelas adolescentes de filmes – gritando por um garoto no quarto. Jimin largou tudo que estava fazendo e sentou-se na cama para contar toda a aventura da transa dele no carro. Deixei ele me contar como foi difícil tirar sua roupa ou como Yoongi teve uma certa dificuldade em foder ele pelo espaço limitado – eu não poderia pará-lo, muitas vezes ele teve de me aturar no quarto ao lado nas minhas aventuras sexuais.

Devo admitir que ouvindo tudo aquilo deu-me uma certa raiva, por causa do trabalho e da procura por ele, fazia um certo tempo que eu não dormia com ninguém – no sentido bíblico da palavra. Eu não tinha tempo para nada, e com a excessiva cobrança do trabalho eu não tinha nem folego recentemente – aaaaaaah preciso terminar isso hoje e poder dormir o dia inteiro amanhã.

Depois de toda a conversa, Jimin olhou para o relógio e saiu correndo pela casa para tentar arrumar-se de maneira (de acordo com ele mesmo) sedutora e sexy o suficiente para que Yoongi caia de quatro por ele, literalmente. Revirei os olhos e voltei para meu relatório – eu precisava urgentemente dormi.

Visualizei em minha caixa de e-mail uma nova entrada. Meus olhos encheram-se de lagrimas de desespero, mas quando abri o e-mail era apenas um informante de que quarta-feira à noite eu teria de acompanhar o Sr. Jeon a uma festa de gala e que por esse motivo eu deveria adquirir informações com o secretario e encontrar-me para almoçar com o senhor Jeon na terça-feira, pois roupas adequadas deveriam ser confeccionadas para mim.

Respirei fundo e tentei não surtar. COMO ASSIM?? Não tenho nem um mês de trabalho e já está me aparecendo coisa e mais coisas para realizar, eu juro que não estou conseguindo acompanhar.

Jimin se despediu correndo de mim e indo em direção a yoongi que deveria estar extremamente irritado por ter de esperar e não pude conversar com ele sobre o assunto. Respondi o E-mail e permaneci em uma pequena correspondência com o Senhor Jeon, suspirando a cada vez que ele utilizava o “nosso” e respirando pesado por conta da minha imaginação fértil a respeito de sua última mensagem.  

...

Eram uma hora da manhã quando finalmente terminei o último relatório e enviei para o senhor Jeon. Pedi a todos os deuses que podem existir no universo que eles não me tragam tudo em dobro na próxima manhã. Joguei os braços para trás da cabeça e respirei fundo, eu só queria poder relaxar. De todas as formas. 


Notas Finais


Os e-mails:

“Senhor Kim Taehyung, na noite dessa quarta-feira (00.00.0000) o senhor deve me acompanhar em um jantar beneficente e é necessário que na segunda-feira você pegue as informações necessários com o secretário. Ademais, o senhor almoçará comigo na terça-feira para que eu possa lhe passar mais algumas informações e discutir acerca da sua vestimenta, pois é necessário que a vestimenta esteja adequada para a apresentação da festa beneficente de um de nossos grandes colaboradores. Se necessitar de mais informações estarei a sua disposição. Jeon Jungkook.”
“Senhor Jeon, eu gostaria de ser informado a respeito do horário que eu devo me apresentar nos três dias solicitados. Kim Taehyung.”
“Senhor Kim, o senhor deve se apresentar no seu horário de trabalho normal na segunda-feira, pois o secretário estará a sua disposição para lhe ajudar nisso o dia inteiro. No nosso almoço da terça-feira eu me encarregarei de lhe apresentar o horário, não se preocupe. A festa beneficente será iniciada às sete horas e estaremos lá as sete e meia, desse modo espero que apresente-se as seis. Jeon Jungkook.”
“Senhor Jeon, onde devo apresentar-me antes da festa? Kim Taehyung.”
“Em minha casa. Não se preocupe com isso, as informações serão entregue a você por mim na terça-feira durante o nosso almoço. Jeon Jungkook.”
“Sim senhor. Kim Taehyung.”
“Se necessitar de mais alguma informação não preocupe-se em me contatar. Estarei a sua disposição. Jeon Jungkook.”


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...