História Caminhos do Coração ( Marichat ) - Capítulo 40


Escrita por: ~

Postado
Categorias Miraculous: Tales of Ladybug & Cat Noir (Miraculous Ladybug)
Personagens Adrien Agreste (Cat Noir), Alix Kubdel, Alya, André Bourgeois, Chloé Bourgeois, Gabriel Agreste, Hawk Moth, Lila Rossi (Volpina), Marinette Dupain-Cheng (Ladybug), Mestre Fu, Mylène Haprèle, Nathalie Sancoeur, Nathanaël, Nino, Nooroo, Personagens Originais, Plagg, Sabine Cheng, Sabrina, Tikki, Tom Dupain, Wayzz
Tags Adrinette, Marichat, Romance
Visualizações 81
Palavras 938
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Colegial, Comédia, Drama (Tragédia), Escolar, Famí­lia, Fantasia, Festa, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Policial, Romance e Novela, Saga, Shoujo (Romântico), Violência, Visual Novel
Avisos: Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Spoilers, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Olá,meus queridos leitores, muito obrigada pelos mais de 120 favoritos.
Espero que gostem do capítulo de hoje
Uma boa leitura.

Capítulo 40 - Uma lição de moral para Queen Bee



O bandido foi com tudo para cima da abelha rainha, que desviou  da faca dele em alta velocidade ,  depois o mesmo tentou  dar um novo golpe na abelha rainha, que desviou novamente  da arma voando baixo , o bandido com a faca na mão  , ficou furioso com as falhas dele contra   a heroína que ficou em pé  ,flutuando em cima dele , olhando feio para ele .
 -  x  x  -
  ___    Por que não fica parada para eu te acertar, sua abelha inútil !   -   O bandido pulsando de raiva ,  com a faca na mão ,olhando furioso para  a heroína que o observava calmamente.

___     É você que tem que ter mais respeito comigo, porque eu sou a heroína , eu recomendo para que o senhor fique calmo, porque senão pode ser akumatizado !   -    A rainha abelha tentando  calmar o bandido, olhando para ele com autoridade ,  recomendando para ele fique calmo.

___   Até eu gostaria ... !     -     O bandido ingnorando o conselho da heroína, manisfestado o desejo de ser akumatizado , sendo interrompido pela heroína.

__   Fica quieto, senhor, quer saber, eu vou usar o meu poder secreto para te aclamar !   -  Queen Bee impedindo mais uma vez que o bandido pare de reclamar , tomando a decisão  equicovada  de usar o seu poder contra o cidadão, de repente ouvindo a voz de sua kwami em tom bem baixo

___   Chloé, não o seu super poder contra ele, não ser que ele esteja akumatizado   ,   tenta uma abordagem menos perigosa !   -   Pollén pedindo para que a loura não faça a sua ameaça ,   dando um conselho para ela.

__    Tem razão , Pollén, então eu já sei que eu vou fazer !   -    Queen Bee aceitando o conselho de sua kwami  , tendo um bom plano para lidar com o bandido.


  ___     O que está falando ?  -   O bandido se aclamando, querendo saber com que a heroína estava falando ,  abaixando a faca um pouco.


__    Bem, isso não posso te dizer, alias ,por que você roubar o garoto ?   -  Queen Bee respondendo a pergunta do bandido, querendo saber que motivos levaram o bandido á  roubar o Nathanieel.

__  Eu preciso do remédio para a minha mãe  que está muito doente, acabei de ser demitido do meu trabalho, porque do meu ex - chefe quer não me dá um aumento para poder comprar o remédio da minha mãe !   -  O bandido contando que precisa de dinheiro para  ajudar a mãe doente, ficando magoado com a demissão do seu antigo emprego, contando a causa para aquilo.

  __   Bem, eu tenho algum dinheiro , mas ter dar , eu quero que me prometa , nunca mais roubar alguém , isso somente ia piorar a coisas !   -   Queen Bee entendo a mágoa  do bandido, falando que ela tinha dinheiro aguardando com ela , querendo que o bandido não roube mais ninguém 

___  Sim, eu prometo !   -  O bandido jogando a faca no lixo para que a heroína veja que ele ia cumprir a promessa, ficando aliviado em ter que não ir para casa , respirando de alivio.


___   Bem, aqui o dinheiro , isso não é suficiente para comprar o remédio de sua mãe !   -  Queen Bee também cumprindo a sua parte no acordo , entregando um maço de dinheiro que tinha aguardando , acreditando a quantia não era mais o suficiente  para o remédio que ele precisava para a sua mãe.

__   Está brincando , mais do que suficiente  , até dá para pagar as contas já vencidas  !   -    O bandido recebendo  o dinheiro das mãos da heroína,  ficando emocionado com a quantidade de dinheiro,  começando a chorar de tanta felicidade com a quantia de dinheiro.


___  Não precisa chorar, eu fico muito feliz por ter feito algo de bom para você !   -   Queen Bee vendo a emoção do bandido ,ficando envergonhada  com a emoção, sorrindo timidamente para a heroína.

___   Eu vou indo, eu preciso pagar as contas de casa,  também comprar o remédio da minha mãe !   -   O bandido emocionado com o dinheiro dado pela a rainha abelha , começando a se despedir  dela , pretendendo pagar as contas  atrasadas.


__   Está bem, meu amigo, mas lembre- se da sua promessa !   -    Queen Bee aceitando a despedindo, pedindo para que ele sobre a promessa que tinha feito.


___  Sim, sim  , até algum dia,... ,me desculpe , eu não sei o seu nome !     O bandido falando que concordava com o pedido da rainha abelha ,começando a se despedir da heroína ,  quando se lembrou que não sabia o nome dela.

__    Ah sim, eu me chamo Queen Bee,  mas já tinha dito isso para você antes da nossa pequena luta !   -  Queen Bee rindo do esquecimento do novo amigo, lembrando para ele já tinha dito , sorrindo para ele.

___   Obrigada, Queen Bee, eu nunca vou me esquecer da sua boa vontade comigo !  -   O bandido  sorrindo em agradecimento sobre a gentileza da heroína, dando as costas  para ela, saindo correndo do beco escuro que eles estavam.

___    De nada ,senhor !   -  Queen Bee acenando em adeus ao novo amigo,  vendo a sua partida dele , depois começando a procurar pelo ruivo.

___  Já pode sair , senhor, o perigo já passou !   - Queen Bee pedindo para que o ruivo saia do seu esconderijo , avisando que o bandido já foi embora.

___  Obrigada por me salvar, Queen Bee !   -   Nathaneel saindo do seu esconderijo,  agradecendo a heroína , caminhando na sua direção
 


Notas Finais


Me desculpe por algum erro
Até mais


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...