História Camren - Instagram - Capítulo 14


Escrita por:

Postado
Categorias Fifth Harmony
Personagens Ally Brooke, Camila Cabello, Dinah Jane Hansen, Lauren Jauregui, Normani Hamilton, Personagens Originais
Tags Camren G!p, Lauren G!p, Norminahg!p, Trolly, Vercyg!p
Visualizações 1.086
Palavras 1.906
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Famí­lia, Fluffy, LGBT, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Mornin' childrens 🙃

Capítulo 14 - Fourteen


Fanfic / Fanfiction Camren - Instagram - Capítulo 14 - Fourteen

@CamilaCabello 💜

....................................................

POV LAWRENCE 10:23 a.m

Acordo com a luz do sol que entra por uma fresta, fecho os olhos novamente pela irritação da luz e logo os abro novamente olhando o ser que estava dormindo como um anjo em meu peito. Meu deus, como uma pessoa pode ser tão linda desse jeito, devia ser pecado. Tiro as mechas de cabelo que cai em seu rosto e fico velando seu sono por um tempo. Lhe dou um beijo na testa e me afasto colocando sua cabeça no travesseiro e ela logo agarra o mesmo cheirando e eu sorrio.

 Me sento na cama e percebo que estou com ereção, vou até o banheiro, escovo os dentes e tiro a samba-canção em seguida abro o box entrando no mesmo e ligando o chuveiro em seguida. Demoro um pouco no banho, quando termino desligo o chuveiro e pego uma toalha branca enrolando a mesma em minha cintura, pego uma menor para secar o cabelo. Sai do banheiro e vejo que Camila estava despertando, chego perto da cama e sento na ponta a observando. Assim que ela senta esfregando os olhos eu me derreto de tanta fofura, como consegue acorda tão linda assim ? Ela abre os olhos e vê que eu estou a observando e cora escondendo o rosto com as mãos. 

-Bom dia, bela adormecida. (Digo esticando o rosto para lhe dá um selinho, mas ela vira o rosto e eu lhe olho confuso) Está tudo bem ? Aconteceu alguma coisa. (Pergunto preocupado)

- Não...que dizer sim, é que eu estou com a cara toda amassada e nem escovei os dentes ainda e você que me beijar. (Diz ela com vergonha e eu sorrio lhe dando um beijo na bochecha)

-Eu não me importo, mas fique a vontade para tomar um banho e fazer sua higiene. (Digo e ela concorda)

Me levanto indo em direção ao closet e escolho uma muda de roupa visto uma cueca branca da Calvin Klein e coloco meus acessórios, uma sandália da Nike e dou uma espirrada de perfume. Saiu do closet e vejo Camila ainda sentada na cama mexendo em seu celular, assim que me vê ela se levanta.

- Você quer que eu arrume uma muda de roupa pra você, deve ter umas da Lucy ou da Mani no quarto de hóspedes. (Digo e ela concorda e vai em direção ao banheiro)

Vou até o quarto em que Lucy e Vitor estão dormindo e bato na porta chamando logo em seguida.

-Vitor, Lucy? Estão acordados ? (Digo aguardando e logo em seguida a porta é aberta por uma Lucy sonolenta coçando os olhos.)

-Bom dia, grandão. (Diz ela me abraçando)

-Bom dia, loirinha (digo e lhe dou um beijo na testa e ela sorri) Cadê o vagabundo do teu namorado? 

- Hibernando. (Diz ela abrindo a porta e eu vejo o ser dormindo todo esparramado) 

-Como você consegue dormir com esse ser ? (Digo lhe olhando e ela faz um carinha fofa e ri)

-Isso se chama amor, branquinho. 

- Tem que amar muito mesmo. Luh, você ainda tem roupas e peça íntima sua aqui, a Camz precisa de uma muda de roupa. (Digo e ela me olha e sorri malisiosa)

-Hm... Arrumar roupa pra, Camz né ... Eu tenho sim, vou pegar. (Diz ela indo em direção ao closet e logo retorna com a roupa e uma embalagem) aqui a roupa e uma lingerie que eu deixei aqui, Está lacrado.

-Muito Obrigado, Luh. (Digo e logo saiu em direção ao meu quarto, assim que chego no mesmo escuto barulho do chuveiro e bato na porta em seguida.)

-Camz ?

- Oi Lolo. (Diz ela com a voz abafada)

-Eu peguei uma muda de roupa pra você com a Luh e peças íntimas. Estão lacrado.(Digo e ouço ela concorda) Vou deixar em cima da cama e vou descer preparar nosso café .

-Okay, muito obrigada, Lolo.

Saiu do quarto descendo as escadas e vou em direção a cozinha, assim que chego vejo Grace colocando a mesa do café.

-Bom dia, Grace. (Digo lhe dando um beijo em sua testa e ela me olha sorrindo através do óculos)

-Bom dia, menino Lawrence. Acordou animado hoje... (Diz ela passando a mão em minha barba acariciando a mesma) 

- Ah sim. O pessoal está ai e uma amiga. (Digo sorrindo ao lembrar de Camila )

- Amiga é? E esse sorriso ai? (Diz ela me olhando)

-Ela é muito especial. (Digo e logo pego o bolo lhe ajudando a por a mesa) 

-Fico feliz que esteja conhecendo alguém que lhe faz bem e sorrir, meu menino. (Diz ela e eu sorrio beijando sua bochecha)

A questão é que eu nunca me dei bem com as namoradas que arrumava. Elas sempre vinham com interesse em meu dinheiro e bens materiais e a responsabilidade que o nome Jauregui tem. Não que todas a mulheres sejam como elas. Mas então, eu nunca encontrei mulher o suficiente para namorar, casar , constituir uma família amar e esse sentimento ser recíproco.

POV CAMILA

Acordo e logo passo a mão pela cama notando que estava sozinha, suspiro abraçando o travesseiro de Lawrence e sinto seu cheiro másculo e forte de seu perfume. Dou um sorriso e passo as mãos pelos olhos me sentando na cama macia e logo um cheiro de sabonete invade e eu involuntariamente olha e logo avisto Lawrence saindo do banheiro com uma toalha branca enrolada na cintura e eu quase morro... MEU DEUS ! Esse homem ainda me mata. Ele vem em minha direção sorrindo e que sorriso, tento disfarçar meus pensamentos nada inocente e ele senta na cama me desejando bom dia e eu lhe respondo. Quando ele se aproxima do meu rosto pra me beijar eu viro. Não vou beijar meu crush supremo com bafo pra depois ele não querer mais.

.....................................................

Assim que termino o banho pego uma toalha limpa que estava no armário e me enrolo na mesma, vou até o quarto e visto a muda de roupa que estava em cima da cama penteio meus cabelos e  passo um hidratante que estava no banheiro e coloco um chinelo de Lawrence que ficou extremamente grande em meu pé.

Desço as longas escadas indo em direção a cozinha, quando chego avisto Lawrence e uma senhora baixinha de óculos muito fofa. Eles não notar que eu estou no cômodo e logo pigarreio chamando a atenção dos dois que me olham sorrindo. 

-Bom dia... (Digo tímida, colocando uma mecha de cabelo atrás da orelha)

-Bom dia, Camz. Quero te apresentar uma pessoa. (Diz ele sorrindo abraçando a senhora. Que fofo !) Camz, essa é Grace, minha segunda mãe e babá. (Diz ele divertido lhe dando um beijo e ela lhe dá um leve tapinha sorrindo) E Grace, essa é Camila, a pessoa especial que eu lhe disse . 

-Então você é a culpada por fazer meu menino ficar mais disperso do que já é... (Diz ela sorrindo e vindo em minha direção e eu coro com o comentário) É um enorme prazer lhe conhecer, querida ! (Diz ela me abraçando e eu faço o mesmo)

-O prazer é todo meu, dona Grace. (Digo ainda corada e ela acaricia meus cabelos) 

Logo em seguida o pessoa chega nos comprimentando e nos sentamos para tomar café. 

-Então, como foi a noite dos pombinhos? (Pergunta Dylan sorrindo malicioso)

-Muito boa, Camz é uma ótima companhia. (Diz Lolo naturalmente tomando seu café)

-Hmm seus safados... (Diz Vitor tacando uma uva em Lawrence e Lucy lhe dá um tapa por fazer isso com a comida e ele emburra resmungando, mais é uma criancona mesmo)

- Não aconteceu nada do que vocês estão pensando (digo corada) nós só dormimos. 

Após isso seguimos o café entre conversas e brincadeiras dos meninos. Eles só tem tamanho, são três crianças.

...................................................

Assim que terminarmos o café, ajudamos Grace a tirar a mesa e arrumar a bagunça que fizemos. Quando acabamos sigo Lolo e nossos amigos vem atrás.

- Você quer conhecer minha estufa, Camz? (Pergunta ele assim que chegamos na varanda)

- Sim...eu amo flores. (Digo animada e ele pega minha mão entrelaçando nossos dedos e sorri pra mim e faço o mesmo)

Seguimos andando até que chegamos no nosso destino e eu me sinto no paraíso com a visão que tenho, é um jardim cheio de lindas flores, ele se vira pra mim. 

-Gostou ? (Diz ele me olhando com aqueles olhos verdes lindos) 

- Amei na verdade. Com o que mais você irá me surpreender, senhor Jauregui? (Pergunto brincalhona).

 -Com isso. (Diz e se aproxima )

Eu fecho os olhos e logo sinto seus lábios saborosos contra o meu e suspiro quando ele pede passagem com a língua, nos beijamos lentamente aproveitando o momento, ele coloca suas mãos fortes em minha cintura e eu levo as minhas até sua nuca arranhando de leve a região e sinto ele suspirar contra minha boca, ele junta nossos corpos e aperta de leve minha cintura. Ele encerra o beijo e junta nossas testa me dando seguidos selinhos que fazendo rir. 

- Eu estava morrendo de vontade de te beijar desde a hora em que abri meus olhos e te vi. (Diz ele me dando mais um selinho e mordendo meu lábio inferior) 

-Eu também... (Digo suspirando sentindo seus beijos em meu pescoço, logo ele para e me dá um beijo em minha testa)

-Você está bem em relação a tudo que está acontecendo entre nós. (Pergunta ele me olhando atenciosamente e eu sorrio puxando seu pescoço...já disse que ele é alto demais ? Meu deus...parece um poste, um poste muito gostoso e que beija muito bem)

-Isso responde sua pergunta? (Pergunto lhe acariciando os cabelos macios e ele sorri mostrando seus dentes branquinhos e lindo o fazendo ficar com os olhos fechados)

-O que você está fazendo comigo, garota... (Diz ele me abraçando apertado e eu aproveito)

-Creio eu que o mesmo que você está fazendo comigo ...

E assim ficamos, ele me mostrou a variedade de flores que havia eu aproveito e tiro uma foto dele me dando uma flor roxa e posto no Instagram. Do nada vejo um vulto branco com preto passando por mim e em seguida um Lawrence indo ao chão com um grande husky siberiano lhe lambendo todo enquanto ele ri. 

-Isso tudo é saudades do papai, Klaus ? (Diz ele acariciando o lindo cachorro que se senta aproveitando os carinhos) Camz, esse aqui é meu filho, klaus. E filho essa é Camz...sua futura mamãe. (Diz ele baixinho me olhando e eu sorrio indo até eles)

-Olá meninão. (Digo acariciando os pelos macios e ele deita pedindo silenciosamente que lhe acariciasse mais)

Ficamos no jardim brincando com Klaus que estava eufórico e em seguida Lolo se senta na grama e me chama batendo em meio a suas pernas.

-Me promete uma coisa ? (Diz ele olhando o horizonte, estava um dia fresco, ensolarado e muito lindo. Lhe olho como se pedisse para continuar) Me promete que isso que estamos tendo agora, não vai acabar quando você retorna a sua turnê...(Então ele me olha e súplica em seu olhar, ele parece vê minha alma quando me olha desse jeito)

-Eu prometo ! (Digo e me viro sentando com uma perna de cada lado de sua cintura) Mas só se você fizer o mesmo...

-Eu prometo...o que você quiser. (Diz ele me olhando sorrindo e eu faço o mesmo)

Logo estávamos nos beijando, aproveitando o beijo calmo, então sentimos Klaus passando a lingua em nossos rosto e nos afastamos rindo .

-Você que um beijo também, garotão. (Pergunto eu rindo e acariciando seus pêlos) 

E assim aproveitamos nossa tarde, com Klaus e nossos amigos e o mais importante. O meu Lolo...



TO BE CONTINUED...


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...