1. Spirit Fanfics >
  2. Cante para mim, 2 temporada: O futuro é agora! >
  3. O casamento

História Cante para mim, 2 temporada: O futuro é agora! - Capítulo 9


Escrita por:


Notas do Autor


Fiz uma playlist no Spotify com todas as musicas da primeira e segunda temporada, adicionarei novas musicas de acordo com os novos capítulos: https://open.spotify.com/playlist/1s6okIghHI1zfvkKsa4qZj?si=5cP2KGpeR5q3n73Xc9yZRw

Capítulo 9 - O casamento


Fanfic / Fanfiction Cante para mim, 2 temporada: O futuro é agora! - Capítulo 9 - O casamento

Capitulo 9: O casamento

 

 

 

I have faith in what I see, now I know I have met an angel in person and she looks perfect I don't deserve this, you look perfect tonight - Ed. Sheeran

 

 

 

Acordei com a cabeça latejando, o quarto estava escuro e eu não sabia que horas eram. Tateei a cama a procura do meu celular e noite que tinha mais alguém deitado ali – SASUKE! – gritei assustada, o moreno bocejou e abriu os olhos – Bom dia, cereja – ele disse com um meio sorriso, arregalei os olhos – O QUE ACONTECEU AQUI? – gritei novamente, ele bufou – pare de gritar, está me dando dor de cabeça – revirei os olhos – O que aconteceu aqui? – perguntei mais baixo – Resumidamente, você ficou tão bêbada que não conseguia achar seu quarto e por isso eu te trouxe para o meu – disse ele dando os ombros – PORQUE VOCÊ NÃO ME LEVOU PARA O MEU QUARTO? – gritei novamente, ele fechou os olhos e fez uma careta – Eu não sei onde é o seu quarto, Sakura – disse ele, bufei. Olhei para ele, ele estava com uma calça de moletom cinza e sem camisa – A gente... – não tive coragem de terminar a frase, ele riu – Não, eu não transo com bêbadas, Sakura – ele disse erguendo a sobrancelha e eu balancei a cabeça – Sasuke, cadê minha roupa? – perguntei, percebendo que debaixo daquele lençol eu estava de calcinha e sutiã – Em cima da poltrona – apontou ele, me enrolei no lençol e fui até a poltrona pegar minhas roupas – Sakura, você sabe que eu já te vi desse jeito, ne? – ele perguntou me acompanhando com o olhar – Cala a boca, Sasuke – falei entrando no banheiro e fechando a porta com força.

 

Depois de me vesti, sai do quarto do Sasuke sem falar com ele, peguei o elevador e fui ate a recepção descobrir em qual quarto eu ficaria – Quarto 206, senhora – disse a recepcionista, peguei as chaves com ela e subi ate ele. Entrei em meu quarto e tomei um banho, coloquei um vestido leve, precisava encontrar a Ino para irmos nos arrumar para a festa mais tarde. Sai do meu quarto e fui ate o restaurante, Ino e Sai estavam tomando café – Onde você se meteu, testuda? – perguntou ela – Dormi demais, desculpa – menti, ela revirou os olhos – Estamos atrasadas, come alguma coisa que temos que encontrar a Karin no salão – ela disse, concordei com a cabeça e fui tomar meu café.

 

Terminei meu café da manhã e fui com a Ino para o salão, Karin já estava lá a nossa espera – Demoraram, garotas! – disse ela na porta – Culpa da Sakura – apontou a Ino, balancei a cabeça – Me desculpe, Karin. Dormi demais, vamos entrar – falei, as duas me acompanharam. Hoje seria um dia de spa para ficarmos lindas para o casamento.

 

(...)

 

Depois de um dia todo no salão, estávamos prontas. Karin estava com um coque alto feito com tranças, ela tinha colocado lentes para não ter que usar seus óculos durante a cerimônia. Ino deixou seus longos cabelos meio presos e eu fiz uma trança lateral, nossos vestidos de madrinha eram vermelhos, a cor favorita de Karin, a loira estava com um tomara que caia longo e eu com um vestido longo de ombros caídos. Voltamos para o Hotel e a Karin foi para seu quarto colocar o vestido de noiva, eu e Ino tínhamos combinado de terminar de nos vestir no quarto dela, a loira foi na frente e eu fui para meu quarto pegar meu vestido para levar para lá. No corredor, encontrei Naruto que estava andando distraído – S-sakura, você está... Linda – disse ele com um sorriso bobo, sorri também – Obrigada, Naruto – agradeci – Agora eu tenho que terminar de me arrumar, te encontro no altar – falei indo em direção ao meu quarto, ele deu uma risada – Tudo bem, futura esposa – ele disse atrás de mim.

 

Peguei meu vestido e meus sapatos e fui para o quarto da Ino, o lugar estava uma bagunça, sapatos jogados para todos os lados e o guarda roupa todo revirado – Nossa, um furacão passou por aqui? – perguntei irônica, ela revirou os olhos – Calada, testuda – ela disse e eu ri. Nos arrumamos e no horário marcado estávamos prontas, Sai e Naruto nos esperavam vestido seus smokings na entrada para nos acompanhar ate o salão de festas do hotel – Senhoritas – disse o Sai quando Ino abriu a porta, a loira correu ate ele e o abraçou, eu sai logo em seguida e caminhei até o Naruto – Como estou? – perguntei com um sorriso – A mulher mais bela que eu já vi – disse ele beijando minha mão, ri – Bobo – ele sorriu em seguida – Vamos! – falou Ino e nós a seguimos.

 

Ao chegar no grande salão, ele ainda estava com poucos convidados, estava decorado com rosas vermelhas por todo o local. Em uma das cadeiras perto do altar, estava um homem com um carrinho de bebê – Gente, aquele é o Kiba? – perguntei curiosa, Ino olhou também – Eu acho que é! – ela disse. Fomos caminhando ate ele que estava brincando com a criança – Kiba? – a loira perguntou, ele olhou para nós – Olá, meninas – disse ele com um grande sorriso, eu e ela corremos ate ele e o abraçamos – Que saudade! – falei sinceramente – Esse é seu filho? – perguntou Ino, ele assentiu – Sim, meu filho e da Hinata – ele respondeu, olhei para o bebê tinha os olhos perolados da mãe e os cabelos castanhos do pai – Que lindo! – falei encantada. Um pouco depois Naruto e Sai se juntaram a gente e ficaram conversando com o Kiba.

 

Meia hora depois a cerimonialista nos chamou para poder começar a cerimônia. Primeiro entrou os pais do noivo e a mãe da noiva, logo em seguida entraram os padrinhos, Juugo estava acompanhado de uma mulher morena que eu não conhecia, Sasuke entrou com a irmã de Suigetsu, Ino e Sai entraram em seguida e por último eu e Naruto. Suigetsu entrou acompanhado de sua avó, ele estava com um grande sorriso em seus lábios e assim que atravessou o grande salão, se colocou em seu lugar no altar.

 

 A marcha nupcial começou, Karin estava em um lindo vestido branco tomara que caia, acompanhada de seu pai atravessou todo o salão emocionada, o sorriso que carregava no rosto e seus olhos marejados, encantava a todos os convidados. Assim que ela chegou ao lado de Suigetsu, ele deu um beijo em sua bochecha fazendo-a corar, o padre começou seu sermão e todos prestávamos atenção nas lindas palavras.

 

-Em nome de Deus, eu, Karin Uzumaki, aceito você, Suigetsu Hozuki, para ser meu marido, na alegria e na tristeza, na riqueza e na pobreza, na saúde e na doença, para amar e respeitar, até que a morte nos separe – falou Karin, olhando apaixonada para seu parceiro - Em nome de Deus, eu, Suigetsu Hozuki, aceito você, Karin Uzumaki, para ser minha esposa, na alegria e na tristeza, na riqueza e na pobreza, na saúde e na doença, para amar e respeitar, até que a morte nos separe – disse Suigetsu com um grande sorriso – Eu os declaro marido e mulher, pode beijar a noiva – disse o padre abençoando a união do casal, o albino pegou a ruiva em seus braços e deu um beijo apaixonado nela, todos aplaudiram em seguida.

 

Após a cerimônia, a festa começou. Suigetsu pediu para que todos nós cantássemos algum musica nesse dia tão especial para ele e Karin e aceitamos. Antes de começarmos, o albino subiu ao palco – Agradeço a todos pela presença no dia mais especial da minha vida, agradeço em especial a essa incrível mulher que aceitou casar comigo, Karin eu te amo e dedico essa música a você – disse ele ao microfone.

 

I found a love for me
Darling, just dive right in and follow my lead
Well, I found a girl, beautiful and sweet
Oh, I never knew you were the someone waiting for me

'Cause we were just kids when we fell in love
Not knowing what it was
I will not give you up this time
But darling, just kiss me slow
Your heart is all I own
And in your eyes you're holding mine

Baby, I'm dancing in the dark
With you between my arms
Barefoot on the grass
Listening to our favorite song
When you said you looked a mess
I whispered underneath my breath
But you heard it
Darling, you look perfect tonight

Well, I found a woman
Stronger than anyone I know
She shares my dreams
I hope that someday I'll share her home
I found a lover
To carry more than just my secrets
To carry love, to carry children of our own

We are still kids, but we're so in love
Fighting against all odds
I know we'll be alright this time
Darling, just hold my hand
Be my girl, I'll be your man
I see my future in your eyes

Baby, I'm dancing in the dark
With you between my arms
Barefoot on the grass
Listening to our favorite song
When I saw you in that dress
Looking so beautiful
I don't deserve this
Darling, you look perfect tonight

Baby, I'm dancing in the dark
With you between my arms
Barefoot on the grass
Listening to our favorite song
I have faith in what I see
Now I know I have met an angel in person
And she looks perfect
I don't deserve this
You look perfect tonight

 

Assim que Suigetsu terminou de cantar, todos aplaudiram, Karin subiu ao palco visivelmente emocionada e beijou seu marido. Em seguida, Ino e Sai foram ao palco para cantarem uma música – Dedico essa musica a todos os casais apaixonados nesta noite, que vocês possam realizar seus sonhos, assim como a Karin e o Suigetsu realizaram os deles – disse Ino.

 

Sai: I see trees of green, red roses too
I see them bloom for me and you
And I think to myself, what a wonderful world

Ino: I see skies of blue and clouds of white
The bright blessed days, the dark sacred night
And I think to myself, what a wonderful world

Sai e Ino: The colors of the rainbow, so pretty in the sky
Are also on the faces of people going by
I see friends shaking hands, saying: How do you do?
They're really saying: I love you!

Sai e Ino: I hear babies crying, I watch them grow
They'll learn much more, than I'll never know
And I think to myself, what a wonderful world
Yes, I think to myself, what a wonderful world

 

Novamente uma salva de aplausos para Sai e Ino, agora era minha vez e do Naruto, olhei fundo nos olhos azuis do loiro e ele segurou minha mão me levando em direção ao palco – Karin e Suigetsu o amor de vocês é uma inspiração para mim e para muitos que estão aqui hoje, essa música é para vocês – disse Naruto.

 

Naruto: Wise men say
Only fools rush in
But I can't help falling in love with you
Shall I stay?
Would it be a sin
If I can't help falling in love with you?

Sakura: Like a river flows
Surely to the sea
Darling, so it goes
Some things are meant to be

Naruto e Sakura: Take my hand
Take my whole life too
For I can't help falling in love with you

Naruto: Like a river flows
Surely to the sea
Darling, so it goes
Some things are meant to be

Naruto e Sakura: Take my hand
Take my whole life too
For I can't help falling in love with you
For I can't help falling in love with you

 

Após terminarmos de cantar, todos aplaudiram. Naruto olhou nos meus olhos e deu um sorriso – Sakura, eu te amo – ele me disse, sorri – Eu também te amo, Naruto – falei sinceramente, ele me envolveu em seus braços e me deu um beijo apaixonado, um beijo calmo, sem pressa e carregado de amor e saudade.


Notas Finais


Gostaram? Comentem!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...