História Cara ou coroa - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Amor Doce
Tags Amor Doce, Castiel, Lysandre, Nataniel, Romance
Visualizações 28
Palavras 1.105
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Violência
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Primeiro capitulo dessa história que envolve romance e mistérios...

Capítulo 1 - O jantar


Fanfic / Fanfiction Cara ou coroa - Capítulo 1 - O jantar

Rua Orizon, numero 6. Olho para cima e vejo o prédio Bouvard. - É aqui mesmo- Entro no edifício  e subo no elevador até o décimo andar e vou até o apartamento 1002 e toco a campainha.

- Finalmente você chegou. - Uma mulher de cabelos longos e brancos me atendeu na porta.

-Eu falei que ia chegar as nove, mas acabei me atrasando.

- Tudo bem, eu sei que o transito daqui é o caos, entre. - Ela deu espaço para que eu entrasse. - Eu me chamo rosalya,o alexy havia me falado sobre você.

- Ah sim, eu espero seja bem. Prazer Katerine, mas pode me chamar de Kate.

- Gata! - alexy vei pulando e me abraçando. - Que bom que você topou vim.

- Sim.

- Vamos, vou te levar para o seu quarto.

- Bom Lexy, já vou indo. Kate foi um prazer te conhecer, mesmo corrido, teremos outra oportunidades de conversarmos.

- Sim, vou adorar.

- Se você quiser pode ir hoje lá em casa junto com o Lexy e o Armim, teremos mais como conversar.

- Estarei lá então.

Ela se despediu de mime foi para casa. Logo meu amgo me mostrou a casa.

- Bom, esse aqui é o seu quarto, agora você descançar. Sei que a viagem foi longa. 

- Eu vou descançar  mesmo, não conseguir dormir direito a noite e não vou querer perder o jantar.

- Qualquer coisa é só me chamar.

- ok. obrigada.

Ele saiu do quarto e eu fui arrumar as coisas no armário, não trouxe muita coisa só alguns documentos importantes, roupas e sapatos tanto que coube tudo em uma mala junto com minhas maquiagens e o meu notebook.

depois que arrumei tudo fui tomar banho, fui deitar na cama e em poucos segundos dormi.

                                                                              ***

 

Eram 7 da noite e eu já estava terminando de me arrumar, já havia posto minha calça de cos alto preto e um croped azul floral ombro a ombro, deixei minha ondas quase cachos soltos. gosto deles desse jeito. passei uma maquiagem discreta, menos pelo batom que era vermelho sangue que acho que destaca minha boca. também botei um sapato fechado de salto grosso baixo preto.

Vou até a sala os rapazes estavam me esperando.

- Ual! Nossa que gata. - Armim falou com uma casa encantada.

- Está um arrazo! -  Alexy falou.

- Obrigada.

- Se você me desse mole, eu até ficaria contigo. - Armim falou.

- Quem sabe esse dia não seja hoje. - dei uma piscada para ele.

- Ai que nojo vocês dois! vamos deixar as safadezas para depois do jantar.

Eu e o armim caimos na gargalhada e saímos para ir para casa da Rosalya.

A casa dela não era muito longe então dava para ir uns dez minutos apé, fomos conversando e cantarolando. até que chegamos, logo que tocamos a campainha ela veio nos atender.

- Olá rapazes. Kate que bom que você veio. - Ela me abraçou. - Entrem, o pessoal já chegou.

Entramos e o pessoal estava na sala.

- venha conhecer o pessoal. - ela me puxou para peto do sofá onde umas pessoas estavam sentadas. Me apresentou uma menina que era indiana chamada Priya, uma outra ruiva chamada Íris, um outro homem loiro chamado Nataniel e também um outro de cabelos brancos chamado Lysandre. No corredor vinham conversando dois rapazes caindo na gargalhada. Um era moreno e o outro que me chamou atenção, aqueles cabelos vermelhos, não acredito... - Kate deixa eu te apresentar esses aqui são Leigh, meu marido e o Castiel.

Era ele mesmo, Castiel Smith.

 

POV Castiel

Estava voltando da cozinha junto com o Leigh, quando eu voltei para sala junto com a Rosa vi uma mulher diferente junto com ela e como era bonita, com belas curvas, cabelos longos encaracolados, sua pele era bronzeada olhos meigos e um belo sorriso, como era linda.

- Kate deixa eu te apresentar esses aqui são Leigh, meu marido e o Castiel. - rosa a puxou para nossa direção. - Gente essa é Kate.

- Prazer. - ela falou.

- O prazer é todo meu. - falei reparando ela de cima abaixo ela sorriu.

ela deu um sorriso, logo rosa puxou ela para um outro canto para conversar.

 

POV  Katerine

 

Quando Rosa me apresentou a ele pude sentir seu olhar me reparando, dei um sorriso de volta. estou vendo que ele é mais galinha do que pensei, mas pra piorar ele é um gato.

O jantar vou servido e ao longo de pude perceber castiel me encarando e eu o encarava de volta com um sorriso de canto. logo depis do jantar algumas pessoas tinham ido embora então ficamos só eu Alexy, Armim, Lysandre, castiel, rosalya e leigh conversando na sala. fui no bar no fundo da sala pegar um vinho para tomar.

- Nunca tinha te visto aqui antes. - Quase tomei um susto, era o casstiel puxando assunto.

- É que eu morava em outra cidade.

- O que te levou a vim para cá?

- Vim para cá, para da uma renovada nos ares. Desde nova na mesma cidade. Então o alexy ofereceu eu morar junto com ele e o Armim e eu aceitei.

- Então vai ficar aqui definitivamente?

- Vou sim.

- Bom saber.

- E você? Me conte um pouco sobre tu.

- Bem, eu sempre vivi aqui exceto por um tempo em que eu fui pra Brigeton  estudar que foi uma das melhores épocas da minha vida, mas acabei voltando para cá porque meu pai morreu, e agora sou dono de uma empresa e tenho que ser uma cara responsavel. 

- Que pena, mas você não tem outra coisa que você goste?

- Eu gosto muito de tocar guitarra, eu até tinha uma banda com os rapazes. E também gosto de brincar com meu cachorro Dragon.

- Sério? Que raça é a dele.

- É um pastor beauce conhece?

- Eu conheço sim, quando era pequena eu tinha. só que ele morreu. - fiz uma cara triste.

- Que pena. O Dragon é um companheiro, nem me imagino sem ele.

- Você gosta mesmo dele né?

- Sim.

Pernamecemos um tempo conversando, rindo contando histórias até em que o Alexy me chamou para ir para casa.

- Foi um prazer te conhecer. espero que tenhamos mais oportunidades de conversar melhor. - Ele falou.

- Também espero. já estou indo até outro dia quem sabe.

Fui para casa pensando na noite de hoje. não acredito que era ele. parece que as coisas vão sair mais faceis do que imagino. acho que o destino está cooperando comigo.

 

 

 

 


Notas Finais


sei que ficou meio vago o capitulo, mas no próximo começa a expliacação do porque ela desja a vingança dele. Sem spoiler hahah


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...