História Carla e Angel - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amor, Angell, Carla, História Lésbica
Visualizações 5
Palavras 303
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Crossover, LGBT, Literatura Feminina, Luta, Mistério, Romance e Novela, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


gente na imagem de capa do Capítulo está a foto da Angel!
boa leitura ; )

Capítulo 2 - Angel


Fanfic / Fanfiction Carla e Angel - Capítulo 2 - Angel

ANGEL MACARENA PUERDA

17 anos, mora na cidade de New York

sim, eu sempre fui uma adolescente esperta mas as confusões sempre me perseguiam. Meu pai foi embora quando eu tinha 13 anos e deixou eu, minha mãe e meus 3 irmãos.

aos meus 14 anos descobri que minha mãe estava com câncer e dês de então eu larguei os estudos e fui procurar um emprego e o que eu consegui era trabalhar em um ferro velho onde meu salário era péssimo mas era melhor do que nada! aos meus 16 eu voltei aos estudos. eu estudava de manhã, trabalhava no ferro velho a tarde inteira, chegava em casa e com os medicamentos da minha mãe e ia cuidar dela e dos meus irmãos. Aos 16 anos eu terminei o colegial e fui trabalhar em um hotel e dês de então... eu trabalhava em 2 empregos e a rotina era levantar as 4 da manha pra conseguir pegar o meu ônibus que passava as 5 e depois ia direto pro hotel onde eu trabalha e depois eu saia do meu emprego e ia pro meu outro emprego que era em uma oficina de um amigo meu, chegava em casa as dez horas da noite, cuidava dos meus irmães e da minha mãe e ia dormir, isso quando eu não ia passava na farmácia pra comprar os remédios da minha mãe ou quando o ônibus atrasava!

eu tenho 3 irmãos que eram trigêmeos e eles tem 6 anos. os mesmos são iguaizinhos a mim, pálidos  e ruivos!

o nome dos meus irmãos são  Cristian, Ander e Omar. já a minha mãe se chama Helena.

eu praticamente não dormia e as coisas estavam puxadas. Pai, seu filho da puta...

tudo começou... naquele envelope e naquela proposta

e é ai que as coisas começam a acontecer...

 


Notas Finais


espero que tenham gostado!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...