História Carta de um baile de inverno - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Hermione Granger, Ronald Weasley
Tags Romione
Visualizações 131
Palavras 728
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 10 ANOS
Gêneros: Crossover, Fluffy, Romance e Novela, Universo Alternativo
Avisos: Spoilers
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oie!
*Primeiramente essa é a minha primeira fanfic que posto aqui no Spirit, então desculpe qualquer erro de ortografia ou até mesmo se a história não ficou muito boa!
*Não sei da onde tirei coragem pra postar ( escrevo a algum tempo mas guardo as fanfics apenas para mim. Motivo? Vergonha!)
*Essa fanfic foi escrita no final de 2016 (velhinha né?)
*Caso gostem me digam nos comentários o que acharam! Eu não mordo tá? 😂
*Bom essa nota já está ficando grande então aproveitem a fanfic!
*Espero que gostem :3

Capítulo 1 - Capítulo Único


Fanfic / Fanfiction Carta de um baile de inverno - Capítulo 1 - Capítulo Único

Hogwarts,1994

P.o.v.  Ron Weasley

Cheguei no meu dormitório esmurrando qualquer coisa que via pela frente. Aposto que se algum dos meus amigos estivesse aqui iria descontar minha raiva neles sem querer!

Ou melhor já descontei... A primeira coisa que fiz foi jogar pela janela aquela miniatura de Vitor Krum.

Como ela pode? Me trocar por um búlgaro idiota aproveitador! É um absurdo!

Eu admito, a Hermione tá melhorando desse tempo pra cá. Ela consertou os dentes e o cabelo tá ficando com uns cachos mais bonitos... Mas isso não dá direito ao Krum de chama-la para ir ao baile na cara dura!

E sim eu gosto da Granger! Nunca pensei que ia dizer isso, mas eu gosto!

Peguei um pergaminho e minha pena e comecei a escrever tudo que vinha na minha cabeça. Precisava desabafar, descontar minha raiva em algo, e vou fazer isso escrevendo!

" Cara Granger,

Não sei nem por que estou escrevendo essa carta, afinal provavelmente nunca vou entregá-la a você.
Como posso descrever o que estou sentindo agora? Raiva, ódio, tristeza, vontade de matar? Tudo misturado? Um turbilhão de sensações ao mesmo tempo!
Juro que a minha vontade agora é te tirar desse baile contra a sua vontade. Por que eu sei que você está se divertindo dançado com o 'VITINHO'!
Inferno por que eu sou tão burro? Eu sou um idiota por ter te "chamado" pro baile da pior maneira possível: "Ah Hermione você é uma garota!". Agora eu te dou todo o direito de me chamar de legume invencível, coração de gelo, qualquer coisa!
E sim eu gosto de você. Droga, eu te amo. Você não sabe quantas vezes me amaldiçoei por que te chamei de "pesadelo" no primeiro ano! Se fosse hoje o que aconteceu, a primeira coisa que eu iria fazer e te abraçar até não aguentar mais! Sério me desculpa...
Me desculpa por ser esse ruivo insensível e demorar 4 anos pra ver que gosto de você.
Ou melhor, a vida me esfregar na cara que eu gosto!
E eu já tive o castigo que merecia, ir no baile com a Padma foi a pior coisa do mundo! E pra complementar, minha mãe me manda um trage a rigor ridículo que parece as roupas da minha tia-avó!
Por que você tinha que estar tão bonita? O vestido azul, aquele cabelo... Droga Hermione você se arrumou tanto pra ficar no baile com ele! Com ELE!
Só de imaginar ele tocando em você com aquelas mãos gigantes e brutas já começo a suar de raiva!
Te fiz chorar Hermione... Chorar! Eu mereço um prêmio por ser o cara mais IDIOTA do universo!
Sei que eu não te mereço... O Fred vive jogando isso na minha cara! Me desculpa por todos esses anos de tristeza e por todos os meus erros que vou cometer (sim já quero adiantar meu pedido de desculpas pelos meios próximos erros!)...
Sério, te amo mais que comida e quadribol!
             
                           Rony Weasley"


Londres, 2013

P.o.v.  Hermione Granger Weasley


Estava no quarto arrumando alguns papéis do tempo de Hogwarts. Resolvi aproveitar que o Rony foi pro trabalho e as crianças estão brincando na sala.

Me deparo com um papel estranho em um caderno do quarto ano, uma carta pra ser mais específica. Estava endereçada a mim no envelope, como o Rony pegou aquilo sem eu perceber?

Abri a carta e comecei a ler, me surpreendia a cada frase. Era uma carta do Rony, ele fez na noite do baile de inverno...
Foi aí que ele começou a gostar de mim! Não acredito que essa carta ficou aí um tempão e ele nem me falou!

Escuto um estalo vindo da sala, com certeza é o Rony que acabou de aparatar.

- Rose! Hugo! Que saudade de vocês!

- Oii papai!

Observei o abraço que Hugo e Rose deram no pai enquanto descia da escada, se tem uma coisa que não me surpreendo é com o amor que ele tem pelos os filhos.

- Oi amor! _ disse e veio em minha direção, selando meus lábios.

- Olá Ron... Pode me explicar isso?_ perguntei com um meio sorriso.

Ronald pegou a carta da minha mão, e ao longo da leitura suas orelhas obteram um tom avermelhado.

- Err... isso? _ perguntou ficando mais vermelho que o vestido que eu usava no momento.

- Bom... Você poderia ter me mostrado antes seu legume invencível! _ dei um sorriso bobo e selei nossos lábios suavemente.

Realmente, esse legume nunca para de me surpreender!


Notas Finais


*Espero que tenham gostado :3
*Talvez algum dia eu perca a vergonha e resolva postar alguma fanfic maior sobre Romione, ou até mesmo outro casal.
*Beijo e tchau! S2


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...