História CARTAS DE AMOR - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Um Amor para Recordar
Tags Romance
Visualizações 6
Palavras 1.349
Terminada Não
LIVRE PARA TODOS OS PÚBLICOS
Gêneros: Famí­lia, Ficção Adolescente, Romance e Novela

Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 1 - "Tenta dormir de coração partido"


Fanfic / Fanfiction CARTAS DE AMOR - Capítulo 1 - "Tenta dormir de coração partido"

Carta:

 

Tenta dormir com um coração partido,

 

Tenta respirar sem ter ar nos pulmões, tenta sonhar sem fechar os olhos, tenta nadar em terra firme, tenta não chorar mesmo tento lágrimas guardadas em teus olhos, tenta não pensar no amor da tua vida, tenta esquecer o que esta tatuado em sua mente, tenta!.....tenta  evitar uma decisão que foi tomada sem o seu consentimento, tenta tornar o mundo teu, tenta rasgar essa carta que eu escrevo enquanto evito que as lágrimas molhem esta folha de papel e possuam minha alma.  

Simplesmente tenta!, e no fim diz-me se foi fácil e que artimanhas usaste para conseguir tal coisa, tenta deixar-me ir embora sem dizer adeus ou sem olhar em teus olhos e desejar voltar no tempo, tenta não lutar por mim ou criar planos que me desviem deste caminho que já fora à muito traçado, tenta não chorar sobre as nossas lembranças, tenta que esta distancia fortaleça o nosso amor e não o mate por completo! 

Amanhã irei partir para Terras desconhecidas e deixarei a minha metade a sofrer por minha ausência, preferia ir embora sabendo que já mais em hipótese alguma poderia voltar, preferia ver-te ajoelhada em meu caixão a chorar lágrimas de saudade, do que  ver-te evitando chorar e fingindo que a minha partida não te incomoda, preferia não ir e ficar contigo em meus braços e beijar teus lábios sem ouvir a voz que esta em minha cabeça dizendo que aquele será o nosso ultimo beijo, ultimo abraço...ultimo EU TE AMO.  

Partirei amanhã bem cedo, peço-te que te contenhas e me deixes partir sem deixar um pedaço de minha alma em teus braços, partirei prometendo regressar e reacender  novamente a chama que outrora nos uniu. Não penses que para mim é fácil te fazer tal pedido, não penses que irei desistir do nosso amor, não penses mal de mim por te fazer esses pedidos tão descabidos, mas uma coisa é certeza, tu és o meu grande amor e eu não quero te perder, quem me dera ter o dom de mentir e fazer promessa falsas para acalmar um pouco o teu sofrimento, mas amor, que tipo de homem seria eu se usasse dessa carta de amor para fazer promessas em falso? que tipo de homem eu seria se te deixasse acreditar em mentiras,em falsas promessas? que tipo de homem eu seria se fizesse tal coisa?
 

O meu coração esta partido neste momento, a única cura és tu, partirei deixando um pedaço para trás, partirei deixando um pouco de mim contigo.......

Diz-me amor, como posso dormir tendo o coração partido? 

Tiago 

 

Uma única carta de amor foi o que sobrou desse homem que fez juras de um possível regresso sem nunca pensar que tal coisa fosse possível , uma única carta que eu leio vezes e vezes a espera que tais palavras escritas saiam do papel e se tornem reais. Ele foi embora prometendo voltar e eu fiquei aqui aguardando.

Hoje eu digo para mim mesma que preferia ter ajoelhado em teu caixão e deitado todas as lágrimas de uma só vez, hoje eu digo para mim mesma que não posso guardar meu coração para sempre. 

Digo para mim mesma que devo desprender-me do passado e agarrar o presente com as duas mãos, digo para mim mesma que devo pegar naquela carta que tanto me aprisiona  em mim mesma e simplesmente rasga-la de uma só vez!.... mas em vez disso eu guardo aquela carta numa gaveta escura, guardo esse antigo amor em meu peito, pois não sou capaz nem de rasgar a carta e nem de matar esse amor.

O tempo foi passando e a esperança que morava dentro de mim foi morrendo aos poucos,eu tentei esconder a chave do meu coração, eu tentei tranca-lho para sempre, mas outro alguém encontrou o mapa e a bússola e conquistou-me com palavras de amor baratas saídas de um livro de romance dos anos 60, ele criou uma nova fechadura e outra chave. Hoje eu estou apaixonada por outra pessoa, por um homem que não tem por nome Tiago, por um homem que não faz promessas vagas e que já mais abandonaria-me  sem sequer dizer adeus ou beijar os meus lábios,  ou mesmo dar-me um simples abraço ....

Apaixonei-me a muito tempo por um menino chamado Tiago, nós éramos vizinhos e também os melhores amigos, as janelas dos nossos quartos eram frente à frente, as vezes ele vinha até ao meu quarto e me falava do seu dia e eu fazia o mesmo. Não demorou muito tempo para aquela amizade se transformou em amor, nós começamos a namorar e passávamos o tempo todo juntos, a nossa relação era pura e inocente. Somos amigos desde que ele mudou para a casa ao lado da minha, lembro de estar no jardim a brincar quando o vi pela primeira vez, seus olhos azuis e seu cabelo castanho e encaracolado chamaram imediatamente a minha atenção, eu era muito tímida para tomar o primeiro passo, eu tinha apenas 6 anos de idade quando ele disse que queria ser meu amigo, e a partir daquele dia era como se o céu estivesse sempre lindo.

Ele namorou outras meninas, eu namorei outros meninos, eu o amava, mas tinha medo de declarar os meus sentimentos e acabar por sofrer.

Mas foi no meu aniversário de 15 anos que ele tocou em minha mão e beijou meus lábios e declarou ao mundo que gostava de mim como nunca gosto de outra menina, a partir daquele momento eu podia sentir que finalmente o mundo fazia sentido, mas aquela felicidade durou pouco, ele tinha lágrimas nos olhos quando disse que seus pais iriam se divorciar, eu o abracei sem escutar as ultimas palavras que acabariam com o meu mundo de fantasia, ele disse que ia morar uns meses em Itália com a sua mãe, aquela noticia foi um choque, mas ele juro que voltaria e eu acreditei nele.
Os meses foram passando e viraram anos , 2 anos e 12 meses mais especificamente , eu esperei durante muito tempo, mas acabei por perder as esperanças e voltei a abrir o meu coração, e hoje eu namoro com um menino lindo,posso afirmar que ele é o mais lindo do colégio ou mesmo da cidade, seu nome é Fernando, seus cabelos pretos e lisos, seus olhos castanhos carregam uma energia que me fazem acreditar em tudo que seu olhar expressa, seus lábios carnudos e suaves fazem-me viajar para outros lugares longínquos.

Hoje eu tenho 17 anos e vivo na cidade das Laranjeiras, hoje estou  tentando deixar o passado para trás e pensar somente no presente, eu moro com a minha mãe Leandra Belinda  Marques Rebelo de Andrade, uma ginecologista conceituada e muito exigente , com o meu pai Lourenço Juvenal Guerreiro de Andrade, um advogado criminal e que me ama muito,  e os meus dois irmãos gémeos, Leonardo e Leandro, eles têm 19 anos e são o oposto um do outro, enquanto que o Leonardo quer ser um advogado de requinte, o Leandro sonha em pisar os palcos da Europa e mostrar o seu talento ao mundo.

Já me esquecia, o meu nome é Lídia e afirmou que já fui uma sonhadora, agora eu vivo com os pés bem assentes no chão....

Uma única carta, apenas isso sobro de nós os dois....apenas um pedaço de papel cheio de sentimento e promessas que a muito foram quebradas...hoje eu posso dizer que segui em frente, hoje eu posso afirmar que já não tenho esperança em voltar a rever-te, hoje eu amo outro, hoje eu posso dizer que superei a nossa separação..

Só tenho uma única pergunta para ti, Tiago....
 


Diz-me, como não dormir tendo o coração partido?

Como não sonhar que acordarei e voltei a reencontrar-te, como não imaginar que entrarás mais uma vez pela minha janela e beijarás o meus lábios! como não deitar e dormir apenas na esperança de sonhar contigo! Como posso permanecer acordada estando com o coração feito em pedaços! 

diz-me.....

Como posso não fugir da realidade sem fechar os olhos e tentar sonhar!

Diz-me....

 

COMO POSSO NÃO DORMIR TENDO O CORAÇÃO PARTIDO?



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...