1. Spirit Fanfics >
  2. Casal Popular- Jikook ABO >
  3. Vida a dois;

História Casal Popular- Jikook ABO - Capítulo 44


Escrita por:


Notas do Autor


Boa Leitura

Capítulo 44 - Vida a dois;


Meses depois


Vídeo ON


- Fala pocs tudo beleza?- Jung começou a intro do canal sozinho.


JK- Pessoal, esse vídeo de hoje, é um vídeo mas... Sentimental vamos dizer assim. Vocês estão assistindo esse vídeo 12:30, mas agora são 20:15, eu acabei de chegar da faculdade.- Falou rodando levemente na cadeira, ja que gravava o vídeo no escritório.


- Galera então, como vocês sabem, meu aniversário de dezoito anos foi a duas semanas a trás. E pra quem acompanha o canal, sabe que, quando eu fizesse dezoito, meus pais iriam passar essa casa para o meu nome, e eu ia me mudar pra cá com o Jimin, que pra quem caiu aqui de paraquedas é o meu namorado.-tela preta e branco- E se você tem algum preconceito com isso você que vá tomar no seu cu, por que gostar do mesmo sexo não é doença. Eu vou fazer um vídeo falando sobre Preconceito e Homofobia com o Jimin.- tela volta ao normal- E enfim, no último dia da minha viagem com o Jimin, que fomos para Jeju, eu fui um puta de um escroto, e por causa disso eu e o Jimin acabamos tendo uma briga. Eu não vou expor em detalhes pois é uma coisa muito pessoal, mas eu falei que não queria morar junto dele ainda, e que queria adiar para o ano que vem, vocês devem estar pensando "Nossa mas brigaram só por que você falou isso?" Não, eu acabei falando coisa demais, e isso tudo gerou uma discussão; nós ainda estamos sem nos falar direito, no meu aniversário a gente comemorou tudo mais, mas ainda sim ficou um clima muito pesado. A minha mãe tinha percebido que a gente não tava bem, eu contei tudo oque aconteceu, e ela me aconselhou muito! E mano posso falar? Minha mãe é muito foda, de verdade, ela me deu uns conselhos foda pra caralho.


Flashback ON


-"Filho, se você e o Jimin se amam de verdade, não tem do que você ter medo. É o sonho de vocês isso, então não jogue tudo pro ar, por incertezas bobas e que não valem a pena dar ouvidos. Você nunca vai saber se irá dar certo ou não, se você não se arriscar. Me doem muito o coração saber que você vai se mudar, que agora eu não vou mais te gritar da escada pra falar que a janta está pronta, que você irá morar sozinho com o Jimin, que não vai ser mais eu que vou ter dar bronca pra você arrumar o seu quarto. Mas pode ter certeza que o que mais vai doer, vai ser todos os dias passar pelo seu quarto, e saber que você não dorme mais lá. Jungkook, você não é mais o bebê, você agora é um homem de dezoito anos, você está na faculdade, e daqui a pouco você irá se casar, virar pai, virar avô, e daqui a alguns anos, quando você for pai, você vai dar esses mesmos conselhos para os seus filhos.


- Mas omma eu não preparado pra vida adulta! Eu não preparado pra ter que me preocupar em pagar contas de luz, de água, de tudo isso. Eu não pronto pra vida de verdade mãe.


- Você está sim! Por que eu te criei pra vida, eu te criei sempre sendo sincera com você não foi? Eu sempre soubre que essa hora ia chegar um dia, algum dia eu iria ligar para você e falae "Filho, você está na sua casa?". Meu amor, a vida realmente é difícil, eu juro que seu pudesse, pararia o tempo nos dias que você era apenas uma criança arteira, cheia de sonhos, uma criança inocente que não via maldade no mundo. Mas Jeon, o tempo não para, o tempo não perdoa ninguém. Eu lembro como se fosse ontem o dia em que descobri que estava grávida de você, lembro como se fosse ontem o dia em que você veio ao mundo... Mas agora eu olho pra você, e é um homem. E eu envelhecendo cada vez mais... Jungkook, eu nunca falei que a vida é fácil, pra você alcançar seus objetivos precisa de foco e determinação. Mas acima de tudo muita paciência, por que as coisas não acontecem do dia para noite.- ficou um silêncio de alguns minutos na sala. Até a mais velha voltar a se pronunciar.- Filho..., eu sempre quis o melhor pra você, as mães sabem de tudo meu amor, elas sabem quando você ta doente, quando você está triste e quando está mais feliz do que o normal apenas por o seu caminhar.. Eu sempre quis o melhor pra você, e Jungkook..., o melhor para você é o Jimin, o garoto que sempre mergulhou de cabeça nessa paixão a mais de quatro anos, o garoto que sempre esteve contigo em todos os momentos da sua vida. Aquele que quando até mesmo eu e o seu pai falávamos que você não ia conseguir estava falando que você ia, te incentivando a continuar e não desistir. Ele é o melhor pra você meu filho. Vai doer pra um caralho ver você ir embora de malas e tudo, mas está na hora de você partir, e escrever a sua própria história, está na hora de você começar a ter suas próprias raízes. Mas pode ter certeza meu amor...- falou com o rosto mergulhado em lágrimas, assim como o Jeon.- Você sempre vai ter o meu colo para desabafar, e o seu quarto vai sempre ficar lá reservado pra você ok? Eu te amo meu amor, você foi a melhor coisa que me aconteceu nessa vida.- logo então ambos de abraçaram fortemente.- Você nunca vai encontrar alguém melhor que o Jimin nesse mundo meu filho.


- Obrigada por tudo mãe, eu também te amo mais que tudo nesse mundo.- apertou a mais velha.


- Agora... Vamos para de chororô e subir para mim te ajudar a fazer as malas hum!?


- Vamos... Será que o appa está bem em Londres?


- É claro, daqui a pouco ele volta de turnê- falaram subindo as escadas."


Flashback Off


- Ai ela me deu todos esses conselhos, e eu decidi fazer uma surpresa pro Jimin! Vou comprar velas, rosas, enfeitar o quarto só por que a casa pra limpar depois vai ser maior b.ó.


JK- Eu vou comprar agora, enfeitar agora, e chamar o Jimin pra cá só depois por que se eu chamar agora estraga a surpresa não é?


- Junto disso tudo, eu vou deixar uma caixinha pequena de presente, e dentro dela eu vou deixar a chave de casa com um lacinho, junto de um recadinho. Bom, vamos nessa aproveitar que aqui perto, tem uma loja de coisas pra festa, e torcer pra que ela esteja aberto, por que si não eu vou ter que ir lá pro centro.


[...]


JK- Gente, eu já passei na loja e também na floricultura, comprei tudo la as paradinhas que eu vou usar, e eu não gravei por que fiquei com preguiça e também por que não tinha oque gravar. Enfim, cheguei em casa agora, são 21:27, vou enfeitar aqui rapidão. E já mostro o resultado final pra vocês.


[...]


JK- Gente! Acabei tendo que pedir ajuda, pro Taehyung.


TH- Oie! O Jeon me ligou desesperado pedindo minha ajuda falando que ele sozinho não ia dar tempo, e o Jimin não iria querer vir pra cá.


JK- Isso, aí o Tae como a boa alma que ele é, veio! Olha só que coisa boa não?! Mas enfim, nós arrumamos tudo, e o quarto já está pronto, o Tal ta mandando mensagem pro Jimin agora pra ele vir pra cá, e... O Tae vai ir embora assim que o Jimin confirmar presença.- falou brincalhão.


TH- Ai Jungkook fica quieto fica. O Jimin ta vindo.- falou rápido.


JK- Sério?- pegou o celular.- Gente o Taehyung mando mensagem com o meu celular.... Aah o Jimin tá vindo, ele mandou que ta pedindo o Uber.


TH- E essa é minha deixa, tchau Jung.


JK- Você ta de carro?


TH- Huhum, to indo agora pra casa do Hobi, o Yoongi ta la.- falou mostrando a chave do carro. O Jeon assentiu e logo depois depois de um tempo, ouviu o barulho da porta se fechando.


JK- Pessoal vamos lá, o Jimin já está a caminho, e eu vou mostrar rapidão pra vocês como ficou o quarto.




(no lugar do S é o J)

JK- Beleza, aqui quando ele abrir a porta, ele vai ver esse caminho de rosas que tem duas trajetórias, a primeira é a cama, onde coloquei esse Letreiro escrito amor e o J de Jimin e o Jungkook. Aí o Tae me ajudou a fazer esse Fondue, que tem morango, uva verde e roxa sem caroço. Ok, aí o segundo caminho é o que leva pra varanda, que o Tae fez aqui uma "cama"



- Ai tem aqui as duas taças e um vinho que está no frigobar, quando o Jimin chegar eu vou trazer o vinho pra cá. Aí quando a gente terminar de comer lá, eu vou trazer o Jimin pra cá, e aí vamos apenas curtir, eu deixei ali no canto uma JBL, aí eu vou colocar um jazz baixinho, só pra deixar um clima gostosinho. Aí ali também no fondue, tem a caixinha com as chaves dentro que eu não vou abrir, por que esse laço ta muito perfeito e eu não vou saber amarrar depois novamente. Agora é só esperar o Jimin chegar, eu vou deixar uma câmera la na sala, e depois quando ele chegar eu abro pra ele.

[...]

JK- O Jimin acabou de chegar, ele ta la embaixo na campainha. Me desejem sorte.

Jeon desce as escadas rapidamente e abre a porta pro Jimin. (Lembram de como era a casa deles né? Ok) Que encara o Jeon e passa reto pelo menos indo em direção à lavanderia para passar o álcool.  E então voltou pra sala e se jogou no sofá.

JM- Pra que me chamou aqui?

JK- Quero conversar com você.

JM- Vai querer terminar agora também?- falou debochando.

JK- Jimin é sério. Vamos subir pro quarto?

JM- Não dá pra falar aqui? Eu quero ir embora logo pra minha casa.

JK- Não, vem, vamos subir.- subiu as escadas vendo o menor subir atrás bufando.

Eles chegaram no corredor e Jeon esperou o menor encostado na parede. Quando o Park terminou de subir as escadas nem deu bola pro maior e foi em direção à porta logo a abrindo sem demora, e quando viu o quarto travou, e logo olhou Jeon com um sorrisinho de canto.

JM- Oque é isso Jeon?- Jungkook entrou no quarto e rapidamente pegou a câmera.- Oque você ta gravando meu? Oque é isso Jungkook não tô entendendo nada.

JK- Pega a caixinha.- Jimin foi em direção à cama onde estava a bandeja.

JM- Aonde você comprou isso? Você nem sabe cozinhar.

JK- Primeiro, eu sei muito bem fazer chocolate, segundo, cala a boca e abre a caixinha.

Jimin revirou os olhos e abriu a caixinha vendo um envelope e um maço com cinco chaves.

JM- Chaves? Uau, que legal.

JK- Le o bilhete.

Jimin pegou o envolepe e o abriu, vendo que era uma pequeno textinho.

JK- Em voz alta por favor.

Jimin bufou, mas começou a ler.

JM- Hoje, sei que tenho você comigo, então te peço apenas uma coisa: torne o agora, no pra sempre. Bem Vindo a sua nova casa meu amor.
Eai, preparado para ter uma vida a dois?

Ass: JK


Jimin encarou Jungkook com os olhos marejados.


JM- Jungkook...- Jeon se aproximou do menor e segurou as mãos do mesmo.


JK- Não vamos saber se irá dar certo, se nunca arriscarmos não é?... Mas eai? Aceita acordar e dormir todos os dos dias do meu lado?- falou risonho.


JM- Claro que aceito meu amor.- abraçou o maior o beijando.- Eu te amo tanto Jungkook, tanto.


JK- Também te amo meu amor.


[...]


JK- Pessoal! Obrigada por acompanhar o vídeo até aqui, curte, compartilha e comenta.


JM- Que agora estamos finalmente morando juntos!!! Uma vida a dois, não vai ser fácil, mas vamos passar por tudo juntos.


JK- Sim, valeu galera. Um beijão, e fui..!


Vídeo OFF


°♤°♤°♤°♤°♤°°♤°♤°♤°°♤°♤°♤°♤°♤


Jimin ON


Já faz uma semana que eu e o Jeon estamos morando juntos...


E até agora está sendo tudo perfeito! Na nossa primeira compra foi bem diferente, pois nunca nos imaginávamos comprando mistura, produtos de limpeza, molhos, temperos, etc. Quando chegamos higienizamos e guardamos tudo bonitinho. Foi mágico.


Agora nosso closet estava cheio, no nosso banheiro o cesto de roupa suja estava a todo vapor, a cozinha estava sempre com louça etc. Estávamos felizes... E então para comemorar, marcamos um churrasco. Chamamos nossos amigos e nossa família... Agora eram 10:58 Da manhã, marcamos o almoço para 13:00, eu e o Jeon iríamos sair agora para comprarmos as carnes, cervejas, pão de alho, etc.

Ah! E ainda tem mas uma surpresa....

O Jeon me deu um cachorro! Sei que não é lá aquelas coisas... Mas pra mim é muito especial!



O nome dela é Saray, ela é adotada e nossa, como essa cachorrinha mudou a minha vida. Ela tem a caminha dela, que tem bastante espaço só pra ela ficar confortável. Mas mesmo assim eu não me controlo e coloco ela pra dormir comigo e com o Jeon.. Fazer oque não é? Já viram essa carinha? Não? Então olha e me fala se você ia resistir...

Enfim, deixa eu ir agora que temos que ir logo no mercado. Fuuui!

□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□

QUEBRA DE TEMPO  • 15:43pm
□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□•□

Já estávamos todos lá na parte de trás da casa, eu, Tae,  e minha omma estávamos nas espreguiçadeiras tomando sol, estava um calor extraordinário...

Jin, Hoseok, e Yoongi estavam na piscina.

E Namjoon, Jungkook e meu pai estavam cuidando da carne enquanto bebiam cerveja. Os pais de Jungkook falaram que já estavam chegando.

Saray estava em sua bóia também na piscina. Oque é? Não me julguem por que eu sei que vocês fariam o mesmo.

[...]

Depois de um tempo os pais do Jeon chegaram, ficamos todos conversando e brincando, foi uma tarde muito agradável. E então os alfas foram pra dentro para a parte dos fundos pegar a mesa para nós almoçarmos finalmente! Quando eles chegaram la eu estava temperando a salada até sentir um certo alguém me encoxando por trás.

JK- Sabia que vocês está me deixando louco com esse biquíni? Hum?- falou enquanto cheirava e beijava meu pescoço.

JM- Jungkookie para com isso, ta todo mundo aqui.- falei sentindo ele me abraçando em prensando mais seu membro na minha bunda.- Huum..- suspirei logo puxando o ar entre os dentes quando ele deu uma falsa estocada bruta.- Safado.

JK- Gostoso.- se afastou de mim em seguida dando um tapa não tão forte porém estalado na minha bunda.

Quando nos viramos vimos Tae e Yoongi nos encarando com olhares maliciosos.

Eu os olhei e apenas ri.

TH- Povo safado credo.

IU- Quem Tae?- perguntou IU (Que pra quem não lembra é a mãe do JK)

TH- Teu filho e teu genro IU!

JP- Como?

JM- Naada pai! O Tae que é exagerado.

YG- Exagero era aquilo oque o Jungkook tava fazendo com você.

JK- Cala a boca.- falou rindo.- Não posso mais beijar meu namorado?

TH- Beijar é uma coisa agora fica encoxa-

JM- Vamos comer!- se sentou na mesa sendo seguido por Jeon que se sentou ao seu lado. Logo todos começaram a se servir.- Quer que eu coloco pra você amor?

JK- Huhum..

JP- Ooshi o Jungkook tem mão.

Todos começaram a rir do ciúmes que o pai tem pelo filho.

E assim nós ficamos, rindo, conversando, Jungkook e eu nos tocando indecentemente vez ou outra, mas a maioria da tarde foi nós nos divertindo. Bebemos muito, Saray quase mordeu o Tae sem querer, este que pegou ódio da minha filha...

Mas enfim...

(Imaginem agora, aquelas cenas de clipe, quando passa a imagem da pessoa rindo, e passa em slow motion, não sei se é assim que se escrever, Fodasse. Mas imaginem agora essa imagem passando toda um cena do Jimin rindo em câmera lenta blz?Tipo oque vocês vão ler agora irá ser tipo... Os pensamentos do Jimin ok? Vai ser tipo a voz dele falando, mas a imagem dele rindo em slow no churrasco)

Pois é querido diário... Está foi a minha tarde de hoje. Agora o Jeon está no banho, Saray está dormindo aqui do meu  lado, e eu estou aqui te contando como foi o meu dia, e também para me despedir de você... Sim, eu não irei mais conversar com você meu amigo, eu cresci. E bom... Agora se inicia uma nova etapa da minha vida. Uma vida a dois, vida essa que não sei como irá ser ainda, mas vou descobrir, e aprender a como lidar com ela.

Eu sempre tive medo de crescer, por que eu tinha muito medo das responsabilidades da vida adulta. Medo de não conseguir segurar o tranco, e a qualquer momento desabar. Eu tinha medo de não conseguir cuidar de mim mesmo, medo de quer desistir...

Mas bom, não que eu esteja entrando na vida adulta ainda. Vou ainda terminar o ensino médio. Ano que vem já vou para a faculdade de artes, Jeon entrou na faculdade e segundo ele é bem diferente... Não é mesma coisa que o ensino médio...

Ah quem eu to querendo enganar? Eu estou morrendo de medo! Não quero crescer nunca! Mas eu sei que as coisas não são bem assim... O tempo não passa, ele voa, e voa no modo turbo, por que é tudo muito rápido! Muito mesmo, pois eu lembro como se fosse ontem o dia em que eu conheci o Jungkook, o dia em que eu me descobri gay... E agora estou ao lado do homem da minha vida, rodeado de amigos verdadeiros que se importam comigo de verdade, pessoas que realmente valem a pena não desistir, família, amigos, amor, e um teto para morar. Não é necessário mais nada...

Mas bom... Já fiquei muito tempo aqui não é?... Melhor eu ir, o Jeon desligou o chuveiro.

Hoje é dia 23/03/2021, horário- 23:34.
Coréia do Sul, Seoul.

Adeus, meu querido diário...
















Penúltimo Capítulo.





Próximo capítulo ja é o último pessoal... preparem os lenços ok?

Mas um notícia boa! Irá ter um capítulo bônus, vai ser um Vídeo deles falando sobre Preconceito.

Eu não consegui escrever nada ontem no dia do Dia do Orgulho LGBTQ

Inclusive... Não tenham medo de ser vocês mesmos ok? Somos todos iguais, seja você gay, lésbica, bissexual, pansexual, assexual, negro, branco, loiro, ruivo... O sangue é da mesma cor.

Voces devem sempre se aceitar em primeiro lugar! Nunca deixem alguém lhes dizer oque é certo, e oque é errado.

Por que se for errado eu ser uma mulher e amar uma, eu prefiro ser errada ao lado dela e ser feliz. Do que ser certa e viver uma mentira apenas para agradar uma sociedade opressora do caralho.

Por que é assim, você pode ser a melhor pessoa do mundo, gentil, gente boa, nunca fez mal pra ninguém, paga suas próprias contas, se você falar pra alguém que gosta do mesmo sexo que o seu, você deixa de ser toda a pessoa que você era apenas por estar amando?

Eu realmente não entendo...

Aceitar não é obrigatório, mas respeitar o próximo e as escolhas dele é um dever de todos.


Feliz Dia do Orgulho LGBTQ (atrasado) 

Amor é Amor✊🏽❤🧡💛💜

Toda forma de amor é válida!


Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...